Mora (Portugal)

município e vila de Portugal
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados da palavra, veja Mora.

Mora é uma vila portuguesa, fazendo parte da sub-região do Alentejo Central, pertencendo à Região do Alentejo e ao Distrito de Évora. Tem uma área urbana de 127,59 km2, 2.217 habitantes em 2021 e uma densidade populacional de 17 habitantes por km2.

Mora
Município de Portugal
Igreja da Misericórdia de Mora.JPG
Igreja da Misericórdia de Mora

Brasão de Mora Bandeira de Mora

Localização de Mora

Gentílico Morense
Área 443,95 km²
População 4 135 hab. (2021)
Densidade populacional 9,3  hab./km²
N.º de freguesias 4
Presidente da
câmara municipal
Paula Chuço (PS)
Mandato 2021-2025
Fundação do município
(ou foral)
1519
Região (NUTS II) Alentejo
Sub-região (NUTS III) Alentejo Central
Distrito Évora
Província Alto Alentejo
Orago Nossa Senhora da Graça
Feriado municipal Segunda-feira após o Domingo de Páscoa
Código postal 7490 Mora
Sítio oficial http://www.cm-mora.pt

É sede do município de Mora, tendo uma área total de 443,95 km2 [1], 4.135 habitantes[2] em 2021 e uma densidade populacional de 9 habitantes por km2, subdividido em 4 freguesias.[3] O município é limitado a norte pelo município de Ponte de Sor, a nordeste por Avis, a leste por Sousel, a sueste por Arraiolos e a oeste por Coruche.

ToponímiaEditar

A primeira referência ao topónimo Mora[4] é feita num documento em 1293 denominado Livro III das Composições, a uma herdade chamada cabeça de mora.

Num documento de 1786, Colecção da legislação antiga e moderna de Portugal[5] a vila de Mora é referida como Amora num percurso entre a ribeira de Marateca e o Porto:

A foz de Marateca pola ribeira acima ataa Cabrella; e des y pelo termo de Monte-moor ataa ribeira de Canha; e des y ataa ponte de Lavar; e dhi a Amora; e da Amora a Monte-argil pola augua do Soor; e dhi aas becouças; e dhi ao val d'Alcolula; e dhi a Abrantes, resalvado a Tamargual, que he acima da estrada, que he coutada, e per Rio de moinhos pola estrada como se vai direito aa foz da ribeira da Tomar, que entra no Zezer; e dhi a Tomar hindo pola estrada coimbraã atee o Porto.

O topónimo Mora é muito frequente na península Ibérica associado aos mouros. Nas Astúrias[6][7] significa sítios pedregosos, morro.  


FreguesiasEditar

 
Freguesias do município de Mora.

O município de Mora está dividido em 4 freguesias:

PatrimónioEditar

O município de Mora possui o seguinte património classificado pelo IPPAR:

PopulaçãoEditar

Número de habitantes[8]
1864 1878 1890 1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011 2021
3 674 4 176 4 710 5 425 6 648 7 160 8 530 9 613 10 271 10 276 7 588 7 056 6 588 5 788 4 978 4 135

(Obs.: Número de habitantes "residentes", ou seja, que tinham a residência oficial neste município à data em que os censos se realizaram.)

Número de habitantes por Grupo Etário[9]
1900 1911 1920 1930 1940 1950 1960 1970 1981 1991 2001 2011
0-14 Anos 2 044 2 379 2 276 2 946 3 243 2 980 2 769 1 650 1 358 1 144 637 504
15-24 Anos 1 086 1 215 1 094 1 587 1 700 1 843 1 730 990 943 777 722 394
25-64 Anos 2 266 2 590 3 094 3 503 4 178 4 510 4 879 3 675 3 425 3 140 2 691 2 424
= ou > 65 Anos 231 259 368 467 578 750 898 1 140 1 330 1 527 1 738 1 656
> Id. desconh 5 19 0 16 1

(Obs: De 1900 a 1950 os dados referem-se à população "de facto", ou seja, que estava presente no município à data em que os censos se realizaram. Daí que se registem algumas diferenças relativamente à designada população residente)

PolíticaEditar

Eleições autárquicas [10]Editar

Data % V % V % V % V % V % V % V % V Participação
FEPU/APU/CDU PS GDUP AD UDP/BE PPD/PSD CDS-PP PSD/CDS
1976 47,11 3 46,51 2 2,60 -
78,67 / 100,00
1979 55,44 3 6,27 - 34,64 2 0,76 - AD AD
85,42 / 100,00
1982 59,88 3 33,62 2
78,33 / 100,00
1985 65,74 4 27,64 1
70,57 / 100,00
1989 48,86 3 9,01 - 38,22 2
75,21 / 100,00
1993 51,47 3 19,81 1 21,38 1 3,74 -
70,37 / 100,00
1997 49,07 3 26,33 1 21,10 1
64,59 / 100,00
2001 51,01 3 29,31 1 14,76 1
64,32 / 100,00
2005 54,78 4 25,75 1 4,32 - 10,86 -
66,70 / 100,00
2009 61,29 3 17,18 1 2,76 - 15,49 1
62,17 / 100,00
2013 67,67 4 18,32 1 CDS-PP PPD/PSD 8,51 -
60,95 / 100,00
2017 62,90 4 22,21 1 9,45 -
60,75 / 100,00
2021 43,53 2 48,12 3 4,08 - AD AD
64,31 / 100,00

Eleições legislativasEditar

Data %
PCP PS PSD CDS UDP APU/

CDU

AD FRS PRD PSN B.E. PAN PàF L CH IL
1976 45,90 27,95 9,16 7,56 2,46
1979 APU 11,67 AD AD 1,49 49,58 32,14
1980 FRS 0,51 49,11 33,85 11,47
1983 15,85 22,44 5,87 0,48 51,71
1985 11,38 20,01 4,13 0,88 49,85 9,05
1987 CDU 10,49 31,05 2,04 0,62 46,13 4,84
1991 18,18 34,97 2,92 35,99 0,76 0,66
1995 32,75 22,15 3,80 0,66 35,91
1999 35,96 19,87 3,81 34,04 0,32 0,98
2002 34,46 24,93 3,36 31,22 1,13
2005 40,09 15,78 3,42 32,47 3,48
2009 27,65 17,55 4,92 35,58 7,93
2011 23,96 22,97 6,77 34,95 3,47 0,43
2015 29,59 PàF PàF 38,52 4,71 0,68 20,14 0,15
2019 31,60 13,85 2,98 34,66 5,65 1,31 0,57 1,01 0,53

GastronomiaEditar

A gastronomia local é tipicamente alentejana, onde se destaca vários tipos de pratos de migas, que podem variar entre espargos, batatas, coentros, ovas, enchidos, couve-flor e tomate.[11]

PersonalidadesEditar

EscritoresEditar

PintoresEditar

EducaçãoEditar

MuseusEditar

Fluviário de MoraEditar

 Ver artigo principal: Fluviário de Mora

O Fluviário de Mora é um aquário público dedicado aos ecossistemas de água doce, privilegiando o conhecimento e importância da sua biodiversidade, e sua relação com a humanidade. Situa-se no Parque Ecológico do Gameiro, freguesia de Cabeção, município de Mora.

DesportoEditar

Referências

  1. Instituto Geográfico Português, Carta Administrativa Oficial de Portugal (CAOP), versão 2013 Arquivado em 9 de dezembro de 2013, no Wayback Machine. (ficheiro Excel zipado)
  2. «Conheça o seu Município». www.pordata.pt. Consultado em 29 de janeiro de 2022 
  3. Diário da República, Reorganização administrativa do território das freguesias, Lei n.º 11-A/2013, de 28 de janeiro, Anexo I.
  4. «Câmara Municipal de Mora». Descrição histórica. 2014. Consultado em 3 de julho de 2018 
  5. Collecção da legislação antiga e moderna do Reino de Portugal. [S.l.: s.n.] 1786. Consultado em 1 de julho de 2018 
  6. Alvaro Gálmes de Fuentes. «Toponimia asturiana y asociación etimológica» (PDF). academiadelalingua. Consultado em 18 de julho de 2018 
  7. Hermógenes Perdiguero Villarreal (2016). «Topónimos menores en documentos burgaleses» (PDF). Catalunha: Biblioteca Tècnica de Política Lingüística. Actes del XXIV Congrés Internacional d'ICOS sobre Ciències Onomàstiques. Consultado em 20 de julho de 2018 
  8. Instituto Nacional de Estatística (Recenseamentos Gerais da População) - https://www.ine.pt/xportal/xmain?xpid=INE&xpgid=ine_publicacoes
  9. INE - http://censos.ine.pt/xportal/xmain?xpid=CENSOS&xpgid=censos_quadros
  10. «Concelho de Mora : Autárquicas Resultados 2021 : Dossier : Grupo Marktest - Grupo Marktest - Estudos de Mercado, Audiências, Marketing Research, Media». www.marktest.com. Consultado em 26 de dezembro de 2021 
  11. Gazeta Rural n.º 262 (15 de janeiro de 2016), pág. 6.




Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Mora (Portugal)