Associação Atlética Internacional (Limeira)

A Associação Atlética Internacional, também conhecida como Inter de Limeira, é um clube de futebol brasileiro com sede na cidade de Limeira, no estado de São Paulo. Foi fundada em 5 de outubro de 1913[9][10] e tem como origem a fusão de dois clubes amadores da cidade.[11] O primeiro jogo oficial, contra o Sport Clube Carioba, foi disputado na cidade de Americana uma semana após a fundação do clube.[11] Na década de 1920, recebeu da mídia paulistana a alcunha de "Leão da Paulista", concedida pelo desempenho do clube em uma partida contra o Palestra Itália.[1]

Inter de Limeira
AAInternacional.png
Nome Associação Atlética Internacional
Alcunhas Leão da Paulista[1]
Gigante de Limeira[2]
Veterana[3]
Mascote leão[4]
Fundação 5 de outubro de 1913 (109 anos)
Estádio Major José Levy Sobrinho[5]
Capacidade 18 000[5]
Localização Limeira, Brasil
Presidente Lucas D'Andrea Balistiero[6]
Treinador(a) Pintado[7]
Competição Campeonato Paulista[7]
Brasileiro - Série D[8]
Website interdelimeira.com.br
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo

A equipe da Inter de Limeira conquistou seu primeiro troféu no ano de 1961 ao vencer a extinta Série Algodoeira.[12][13] Cinco anos depois, em 1966, ganhou o título da terceira divisão estadual,[14] garantindo assim o direito de disputar competições oficiais da Federação Paulista de Futebol (FPF).[15] No entanto, à época, o clube não tinha um estádio adequado aos padrões da entidade e se licenciou até a construção do estádio Major José Levy Sobrinho, tendo sido concluído em 1977 e inaugurado com um revés para o Corinthians.[16] Na época da inauguração, era o segundo maior campo de futebol do estado, atrás apenas do estádio Cícero Pompeu de Toledo.[15]

A Inter de Limeira conquistou o título da segunda divisão estadual de 1978 que, por questões jurídicas, foi definida somente no ano seguinte. Isto permitiu que a mesma disputasse pela primeira vez a principal divisão do certame.[17] A equipe manteve-se em tal patamar ao longo da década de 1980, competindo em torneios estaduais e nacionais. Consagrou-se campeã do Campeonato Paulista de 1986[18] e da Série B do Campeonato Brasileiro de 1988.[19]

Entre as décadas de 1990 e 2010, a Inter de Limeira acumulou inúmeros rebaixamentos, chegando a disputar a quarta divisão estadual em 2010.[20] No entanto, no ano de 2019, ficou com vice-campeonato da segunda divisão e garantiu o retorno à elite do estado.[21]

HistóriaEditar

Fundação e anos iniciais (1913–1926)Editar

Em 1912, os clubes de futebol de Limeira eram o Almofadinhas e o Barroquinha. O primeiro, considerado como o time da elite, treinava e jogava em um campo nas proximidades do Asilo de Mendicidade. Por sua vez, o segundo era da "massa popular" e fazia uso de um campo de terra situado na antiga rua do Comércio. No dia 5 de outubro de 1913, o Barroquinha deu origem à Inter de Limeira, que recebeu esse nome como uma homenagem aos imigrantes radicados na cidade.[1] Em 12 de outubro, uma semana depois de sua fundação, disputou seu primeiro jogo oficial na cidade de Americana, onde enfrentou o Sport Clube Carioba.[22]

Em 1921, a família Levy adquiriu e promoveu mudanças estruturais no terreno em que se situava o campo de terra da Inter de Limeira. Neste campo, a equipe permaneceu invicta por 212 partidas, até que, em 15 de dezembro de 1924, perdeu para o Palestra Itália, no jogo que lhe rendeu da mídia paulistana a alcunha de "Leão da Paulista".[1][22]

No dia 26 de setembro de 1926, a Inter de Limeira protagonizou outro fato marcante ao vencer o Club Athletico Paulistano por 2–1, após o clube da capital retornar de uma vitoriosa excursão pela Europa.[1][22]

Décadas que antecederam o profissionalismo (1948–1974)Editar

Em meados da década de 1940, a FPF sugeriu ao grupo formado por 13 clubes a oficialização da "série preta", a segunda divisão profissional. No entanto, vetou a participação de representantes de cidades com população inferior a 50 mil habitantes.[1] Em 1948, a Inter de Limeira participou pela primeira vez desta competição e já consagrou-se vice-campeã.[1][22]

Em 1961, conquistou seu primeiro troféu ao vencer a final da extinta Série Algodoeira contra a Inter de Bebedouro. Cinco anos depois, em 1966, ganhou o título da terceira divisão que, na época, era equivalente a segunda divisão estadual. Contudo, licenciou-se por não ter um estádio adequado aos padrões da entidade. Durante um período de nove anos, Inter de Limeira passou por uma reformulação e reestruturação, retornando ao futebol profissional em 1974.[22]

Títulos da década de 1980Editar

A Inter de Limeira teve a década de 1980 como a mais gloriosa de sua história.[22] Logo no início, terminou o Campeonato Paulista na quarta posição, alcançando o quadrangular final e sendo eliminada pelo São Paulo. De todo modo, o resultado no estadual deu ao clube o direito de disputar a antiga Taça de Ouro de 1981, a qual chegou até as quartas-de-finais.[11] Em 1986, conseguiu o seu maior triunfo no futebol profissional: sagrou-se campeã paulista ao vencer o Palmeiras na final.[23] Dois anos depois, deu continuidade às suas conquistas e venceu a Série B do Campeonato Brasileiro.[24]

Apesar das conquistas, o ano de 1989 marcou o rebaixamento da Inter de Limeira nas competições estadual e nacional,[22] resultados que iniciaram a decadência do clube na década seguinte.[11]

Consecutivos rebaixamentos (1990–2009)Editar

Em 1991, a Inter de Limeira conseguiu voltar à elite do estadual, mas foi novamente rebaixada no ano seguinte, permanecendo na segunda divisão até 1996,[22] ano em que conquistou o título, vencendo a Portuguesa Santista na decisão.[25] Entre 1996 e 2002, a equipe participou da primeira divisão estadual sem ser ameaçada. No entanto, em 2003, foi rebaixada para a segunda divisão. Em 2008, foi rebaixada para a terceira e, em 2009, para a quarta.[22]

Ascensões estaduais e competições nacionais (2010–2022)Editar

Em 2010, a Inter de Limeira conseguiu o acesso à terceira divisão,[26] onde permaneceu até 2017, quando conquistou o vice-campeonato e acendeu novamente de divisão. Ficou também com o vice-campeonato da Copa Paulista, feito que rendeu uma vaga para a Copa do Brasil do ano seguinte.[22] Nesta, eliminou o Rio Branco[27] antes de ser derrotada pela Ponte Preta.[28] Na Série A2 de 2018, o clube não conseguiu a classificação para as fases eliminatórias, terminando o torneio na décima primeira colocação.[29]

No ano de 2019, a Inter de Limeira teve uma campanha razoável na Série A2, terminando a primeira fase na sétima colocação. Posteriormente, eliminou Portuguesa Santista e XV de Piracicaba[30] e acabou sendo superada na final pelo Santo André.[31][32] Apesar do revés, conquistou o acesso para a elite estadual após 14 anos em divisões inferiores.[30]

Para edição de 2020 da Série A1, contratou Elano como novo técnico.[33] Com objetivo de permanecer na divisão, a equipe fez uma campanha razoável e ainda chegou na última rodada com chances de classificação para as quartas-de-final.[34] No entanto, conseguiu somente a vaga para o Troféu do Interior,[35] um torneio de caráter simbólico realizado em paralelo ao estadual. Nas quartas-de-final, eliminou a Ferroviária,[36] mas na fase seguinte foi superada pelo Guarani.[37]

Inicialmente, a campanha no estadual não foi suficiente para levar a equipe a Série D do Campeonato Brasileiro. No entanto, com o acesso do Grêmio Novorizontino à Série C, a vaga foi repassada, o que resultou no retorno da Inter de Limeira a uma divisão nacional depois de 18 anos.[38] Nesta, terminou a fase de grupos na quinta posição, empatada em número de pontos com o Bangu, último integrante do grupo de classificados para a próxima fase, sendo eliminada nos critérios de desempate.[39]

TítulosEditar

Referências

  1. a b c d e f g h i j k l m n o «Internacional de Limeira completa 108 anos». Informa Limeira. 5 de outubro de 2021. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  2. «Para manter sonho do G-4, Taubaté visita Inter de Limeira pela A2 do Paulista». GloboEsporte.com. 17 de março de 2018. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  3. «Inter de Limeira vence Rio Claro pela Série A2». Revista Comércio, Indústria e Agronegócio. 25 de fevereiro de 2019. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  4. «Associação Atlética Internacional de Limeira - Mascote». Federação Paulista de Futebol. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 14 de outubro de 2022 
  5. a b «Copa Paulista: Inter de Limeira inicia obras no Limeirão». Futebol Interior. 7 de julho de 2014. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  6. «Lucas D'Andrea é reeleito presidente da Inter de Limeira; Rafael Rigo segue como vice». ge. 17 de novembro de 2020. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  7. a b «Inter de Limeira anuncia Pintado como técnico para 2023». ge. 4 de outubro de 2022. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  8. «Inter de Limeira se beneficia com acesso do São Bernardo e herda vaga para a Série D de 2023». ge. 28 de agosto de 2022. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 8 de outubro de 2022 
  9. Anelso Paixão (16 de abril de 2009). «Inter de Limeira: triste fim de um campeão». O Estado de S. Paulo. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  10. Marcello Carrapito (15 de setembro de 2010). «Brasil Afora: 'Dinamarca Caipira', Inter de Limeira está na Série D em SP». GloboEsporte.com. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  11. a b c d «Inter de Limeira comemora seu centésimo aniversário neste sábado». Futebol Interior. 5 de outubro de 2013. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  12. «Paulista A3: Perto do título, relembre todas as conquistas da Inter de Limeira». Futebol Interior. 25 de maio de 2017. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  13. «Inter de Limeira». O Estado de S. Paulo. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 2 de julho de 2015 
  14. «Inter de Limeira se inspira em 30 anos de título paulista para renascer em SP». GloboEsporte.com. 1 de janeiro de 2016. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  15. a b «Limeirão completa 45 anos com Inter na Série A1 do Paulistão e sonhando com acesso no Brasileirão». Rádio Educadora de Limeira. 31 de janeiro de 2022. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  16. «Moção Nº 10/2022». Câmara Municipal de Limeira. 2022. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  17. «Há 41 anos, Inter de Limeira retornava à elite do futebol paulista ao vencer a Segundona». ge. 29 de abril de 2020. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  18. «1986: Derrotando gigantes, Inter de Limeira faz história com título pro interior». Federação Paulista de Futebol. 8 de abril de 2016. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 30 de abril de 2021 
  19. «Série D: Portuguesa tenta encaminhar vaga e Inter de Limeira mira G4». IstoÉ. 14 de agosto de 2021. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  20. Dassler Marques (20 de abril de 2009). «Inter de Limeira e Guarani puxam fila no interior decadente». Terra. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  21. «Inter de Limeira conquista o vice-campeonato e garante acesso à elite do Paulistão». Rádio Educadora de Limeira. 1 de maio de 2019. Consultado em 29 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de novembro de 2022 
  22. a b c d e f g h i j «Associação Atlética Internacional (Limeira)». Federação Paulista de Futebol. Consultado em 30 de novembro de 2022. Cópia arquivada em 29 de abril de 2021 
  23. Alex Sabino (19 de abril de 2016). «Há 30 anos, Internacional de Limeira era o Leicester brasileiro». Lance!. Consultado em 17 de dezembro de 2022. Cópia arquivada em 23 de abril de 2016 
  24. João Marcos Carneiro (5 de outubro de 2017). «Inter faz 104 anos, e Levir Culpi lembra título da Série B de 88: "Motivo de orgulho"». GloboEsporte.com. Consultado em 18 de dezembro de 2022. Cópia arquivada em 19 de janeiro de 2022 
  25. «Paulista A3: Perto do título, relembre todas as conquistas da Inter de Limeira». Futebol Interior. 25 de maio de 2017. Consultado em 18 de dezembro de 2022. Cópia arquivada em 30 de novembro de 2022 
  26. «Definidos os times que sobem na Segundona». A Cidade. 26 de outubro de 2010. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 29 de abril de 2021 
  27. «Inter de Limeira garante vaga para próxima fase da Copa do Brasil». Lance!. 6 de fevereiro de 2018. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 29 de abril de 2021 
  28. «Ponte derrota Inter de Limeira em casa e avança na Copa do Brasil». Gazeta Esportiva. 21 de fevereiro de 2018. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 29 de abril de 2021 
  29. «Água Santa faz o dever de casa, vence Inter de Limeira e garante permanência na A2». GloboEsporte.com. 24 de março de 2018. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 29 de abril de 2021 
  30. a b «Eu voltei! Veja como foi o acesso da Inter de Limeira ao Paulistão rodada a rodada». GloboEsporte.com. 22 de abril de 2019. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 29 de abril de 2021 
  31. «Santo André é campeão da Série A2». Portal Morada. 1 de maio de 2019. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 29 de abril de 2021 
  32. «Santo André bate Inter de Limeira em casa e fica com o título da Série A2». Gazeta Esportiva. 1 de maio de 2019. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 25 de setembro de 2020 
  33. «Elano é anunciado como técnico da Inter de Limeira para o Paulista de 2020». Gazeta Esportiva. 1 de julho de 2019. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 5 de dezembro de 2019 
  34. «Elano atinge objetivo com a Inter de Limeira no primeiro trabalho como técnico efetivo: "Orgulho"». GloboEsporte.com. 24 de julho de 2020. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 9 de setembro de 2020 
  35. «Ferroviária vence, elimina a Inter de Limeira e escapa da queda no Paulistão». IstoÉ. 26 de julho de 2020. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 29 de abril de 2021 
  36. «Inter de Limeira bate a Ferroviária e avança no Troféu do Interior». Gazeta Esportiva. 29 de julho de 2020. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 29 de abril de 2021 
  37. «Guarani vira para cima da Inter de Limeira e está na final do Troféu do Interior». Gazeta Esportiva. 1 de agosto de 2020. Consultado em 29 de abril de 2021. Cópia arquivada em 29 de abril de 2021 
  38. «Inter herda vaga do Novorizontino na Série D e volta a disputar uma divisão nacional depois de 18 anos». ge. 10 de janeiro de 2021. Consultado em 5 de dezembro de 2022. Cópia arquivada em 5 de dezembro de 2022 
  39. «TABELA DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE FUTEBOL - SÉRIE D - 2021». Confederação Brasileira de Futebol. Consultado em 5 de dezembro de 2022. Cópia arquivada em 23 de fevereiro de 2022 

Ligações externasEditar