Campeonato Paraense de Futebol de 2021

O Campeonato Paraense de Futebol de 2021, (por questões de patrocínio, Campeonato Paraense Banpará de 2021),[4] foi a 109ª edição da principal divisão de futebol do Pará.

Campeonato Paraense Banpará 2021[1]
Banparazão 2021
Dados
Participantes 12[2][3]
Organização FPF
Anfitrião Pará
Período 28 de fevereiro23 de maio
Gol(o)s 161
Partidas 63
Média 2,56 gol(o)s por partida
Campeão Paysandu (49º título)
Vice-campeão Tuna Luso
3.º colocado Remo
4.º colocado Castanhal
Rebaixado(s) Bandeira de Belém.svg Carajás
Bandeira de Marabá (Pará).svg Gavião Kyikatejê
Melhor marcador Cris Maranhense (Bragantino-PA) e
Paulo Rangel (Tuna Luso) – 8 gols
Melhor ataque (fase inicial) Tuna Luso – 20 gols
Melhor defesa (fase inicial) Itupiranga – 5 gols
Maior goleada
(diferença)
Gavião Kyikatejê 1–6 Tuna Luso
Estádio Zinho de OliveiraMarabá
20 de abril
◄◄ Pará Paraense 2020 Soccerball.svg Paraense 2022 Pará ►►

O campeonato deste ano conta com o retorno da tradicional Tuna Luso, que já conquistou o título da competição 10 vezes porém não disputava a fase principal do campeonato desde 2013,[5] além do retorno também do conhecido clube indígena do Pará, o Gavião Kyikatejê.[6]

Nesta edição, o tradicional Estádio Mangueirão entrou em reforma na última semana de março para se adequar aos padrões FIFA, com isso o estádio que foi palco das finais do estadual na era moderna, ficará impossibilitado de uso por um período inicialmente estipulado em dezoito meses.[7]

A edição de 2021 conta com 12 equipes devido não haver rebaixados em 2020 em razão da Pandemia de COVID-19.

Devido o aumento de casos de COVID-19 no Estado, o campeonato foi paralisado no dia 15 de março, logo após o cumprimento da 3ª rodada. [8][9]

No dia 27 de março em coletiva a imprensa o governador do estado modificou o bandeiramento da região metropolitana para a bandeira vermelha, porém para preparar o retorno do campeonato a federação descidiu pela volta do campeonato apenas no dia 3 de abril. [10]

A final do campeonato ocorreu entre Paysandu e Tuna Luso (Clássico Pa-Tu), final esta que não ocorria desde a edição de 2002. De um lado os bicolores, que são os maiores vencedores da competição (48 títulos) e atuais campeões, contra a 'águia guerreira do souza', que já venceu a competição 10 vezes e que surpreendeu na edição após passar 7 anos sem disputar a fase principal e em seu retorno conquistando vaga na Série D e Copa do Brasil da próxima temporada.

A Tuna saiu na frente na disputa ao vencer pelo placar de 4x2 no Estádio do Souza, porém o Paysandu mostrou superioridade e superação no jogo da volta, aonde após uma partida muito intensa, a equipe bicolor venceu pelo placar de 4x1 (6x5 no agregado) no Estádio Banpará Curuzu, conquistando assim o bicampeonato paraense e o seu 49º título estadual, assim alcançando a marca do 2º lugar no ranking de maiores campeões estaduais do Brasil.

A finalíssima do Parazão contou com a presença do Presidente da CBF, Rogério Caboclo, além de um minuto de silêncio em homenagem a Fran Costa, técnico paraense conhecido como Rei do acesso. [11]

RegulamentoEditar

O campeonato passou por uma mudança no formato de disputa, com a formação de três grupos, com o intuito de diminuir as datas necessárias para finalizar a disputa.[12][13][14]

  1. O Campeonato é formado por três grupos denominados A, B e C;
  2. Cada equipe enfrentará os 8 membros dos outros dois grupos;
  3. Os dois mais bem classificados de cada grupo avançam para às quartas de final;
  4. Dentre os três participantes que terminarem em 3º lugar de seus grupos, aqueles dois que estiverem com a melhor pontuação, também avançam às quartas de final;
  5. as duas piores equipes na classificação geral, estarão rebaixadas para a 2ª Divisão.

Critérios de DesempateEditar

Primeira FaseEditar

  1. Pontuação
  2. Vitórias
  3. Saldo de Gols
  4. Gols Pró

Fase FinalEditar

  1. Disputas de ida e volta, em caso de empate ao final dos 180 minutos, a vaga (ou título) será definida(o) nas cobranças de pênalti
  • Quartas de final

Os oitos clubes classificados na 1ºfase se organizarão conforme a seguinte ordem: os três melhores clubes de cada grupo ocuparão a 1º, 2º e 3º classificação da fase de grupos considerando o índice técnico entre eles, os três segundos colocados de cada grupo irão ocupar a 4º, 5º e 6º classificação da fase de grupos considerando o índice técnico entre eles, e os 7º e 8º classificados da fase de grupos irão ser ocupadas pelos dois melhores entre os 3º dos grupos,também considerando o índice técnico entre eles. Assim, os confrontos da segunda fase serão divididos em grupos D, E, F e G e se darão,respectivamente, da seguinte forma: Grupo D - 1º classificado da fase de grupos X 8º classificado, Grupo E – 2º classificado X 7º classificado, Grupo F – 3º classificado X 6º classificado e Grupo G – 4º classificado X 5º classificado. O mando de jogo da partida de volta será das equipes com melhor índice técnico, sendo que esses confrontos serão em jogos de ida e volta. Saindo 4 times para a 3º fase, os melhores de cada grupo que se enfrentarão na semifinal.

  • Semifinais

os quatro clubes classificados na 2ª fase, os vencedores dos grupos “D”, “E”, “F” e “G”, se reorganizarão em dois grupos, sendo o grupo “I” formado pelo confronto do vencedor do jogo grupo “D” X vencedor do grupo “G”, e o grupo “J” formado pelo vencedor do grupo “E” X vencedor do grupo “F”. Esses confrontos se darão em jogos de ida e volta. Considerando o critério técnico estabelecido na reunião do Conselho Técnico do dia 01/02/2021, os perdedores de cada grupo se enfrentarão na 4º fase na disputa de 3º e 4º e os ganhadores de cada grupo se enfrentaram na 4º fase na final.

  • Final e 3 terceiro colocado

disputa da 3º e 4º e a Final – A disputa de 3º e 4º colocado se dará pelo perdedor do grupo “J” X perdedor do grupo “I” e a disputa da Grande Final será dada pelo vencedor do grupo “J” X vencedor do grupo “I”. Essas disputas se darão em jogos de ida e volta. O vencedor da disputa de 3º e 4º ficará classificado como 3º colocado do Parazão BANPARÁ 2021, e o perdedor ficará com a 4.ª posição. O vencedor da Final será o clube que conquistar o maior número de pontos ganhos após o encerramento dos dois jogos e será considerado o Campeão do Parazão BANPARÁ 2021 e consequentemente o perdedor será o Vice-Campeão do Parazão BANPARÁ 2021.

Equipes participantesEditar

Promovidos e rebaixadosEditar

Pos. Rebaixados da Primeira Divisão de 2020
  Não Houve
10º   Não Houve
Pos. Promovido da Segunda Divisão de 2020
  Tuna Luso
  Gavião Kyikatejê

Informações das equipesEditar

  Equipe promovida da Segunda Divisão de 2020
Equipe Cidade Em 2020 Estádio (Mando) Capacidade Títulos (Último) Part.
Águia de Marabá Futebol Clube   Marabá Zinho de Oliveira 5 000 0 (não possui) 20
Bragantino Clube do Pará   Bragança Diogão 5 000 0 (não possui) 14
Carajás Esporte Clube   Outeiro (Belém) 10º Mamazão 5 000 0 (não possui) 7
Castanhal Esporte Clube   Castanhal Modelão 4 000 0 (não possui) 21
Gavião Kyikatejê Futebol Clube   Marabá   (Segunda Divisão) Zinho de Oliveira 5 000 0 (não possui) 3
Independente Atlético Clube   Tucuruí Navegantão 8 200 1 (em 2011) 18
Sport Clube Itupiranga   Itupiranga Zinho de Oliveira[F1] 5 000 0 (não possui) 2
Paragominas Futebol Clube   Paragominas Arena Verde 10 000 0 (não possui) 9
Paysandu Sport Club   Belém Banpará Curuzu 16 200 48 (último em 2020) 105
Clube do Remo   Belém Banpará Baenão 13 792 46 (último em 2019) 105
Tapajós Futebol Clube   Santarém Mamazão[F2] 5 000 0 (não possui) 5
Tuna Luso Brasileira   Belém   (Segunda Divisão) Souza 6 000 10 (último em 1988) 76
Localização das equipes no Paraense 2021. Grupos:  A /  B /  C.

EstádiosEditar

Primeira FaseEditar

Grupo AEditar

Pos Equipe PG Jogos Gols Aprov Classificação
# V E D GP GS SG %
1   Paysandu 19 8 6 1 1 12 6 +6 79 Quartas de final
2   Itupiranga 11 8 3 2 3 4 5 –1 46
3   Bragantino-PA 8 8 1 5 2 15 16 –1 33 Terceiros Colocados
4   Gavião Kyikatejê 3 8 0 3 7 8 21 –13 12 Eliminado

Grupo BEditar

Pos Equipe PG Jogos Gols Aprov Classificação
# V E D GP GS SG %
1   Remo 20 8 6 2 0 18 9 +9 83 Quartas de final
2   Tuna Luso 12 8 3 3 2 20 13 +7 50
3   Tapajós 7 8 1 4 3 7 9 –2 29 Terceiros Colocados
4   Carajás 5 8 1 2 5 5 11 –6 21 Eliminado

Grupo CEditar

Pos Equipe PG Jogos Gols Aprov Classificação
# V E D GP GS SG %
1   Independente-PA 13 8 3 4 1 10 6 +4 54 Quartas de final
2   Castanhal 11 8 2 5 1 11 9 +2 46
3   Águia de Marabá 8 8 1 5 2 6 7 –1 33 Terceiros Colocados
4   Paragominas 7 8 1 4 3 10 14 –4 29 Eliminado

Terceiros ColocadosEditar

Pos Equipe PG Jogos Gols Aprov Classificação
# V E D GP GS SG %
1   Bragantino-PA 8 8 1 5 2 15 16 –1 33 Quartas de final
2   Águia de Marabá 8 8 1 5 2 6 7 –1 33
3   Tapajós 7 8 1 4 3 7 9 –2 29 Eliminado

ConfrontosEditar

  AGM BCP CAR CAS GAV IND ITP PGM PAY REM TAP TUN
Águia de Marabá 1–1 0–1 1–1 3–2
Bragantino 0–0 4–4 2–3 2–2
Carajás 0–0 0–2 0–0 1–2
Castanhal 1–1 2–0 1–0 1–1
Gavião 1–3 2–2 0–2 1–6
Independente 1–1 2–0 0–1 1–0
Itupiranga 1–0 0–0 2–3 1–0
Paragominas 1–1 0–2 0–1 0–0
Paysandu 1–0 1–1 2–4 2–0
Remo 2–1 4–1 2–2 1–0
Tapajós 1–1 2–2 4–1 0–1
Tuna Luso 5–3 2–2 0–0 4–1

Fase FinalEditar

Em itálico, as equipes que disputarão a primeira partida como mandante. Em negrito, as equipes classificadas.

Quartas de final Semifinais Final
 1 a 5 de Maio  9 e 12 de Maio  16 e 23 de Maio
                                     
   Remo 3 1 4  
   Águia de Marabá 1 0 1  
     Remo 1 1 2 (5)  
     Tuna Luso (pen) 1 1 2 (6)  
   Tuna Luso 3 0 3
   Itupiranga 0 1 1  
     Tuna Luso 4 1 5
     Paysandu 2 4 6
   Paysandu 0 1 1  
   Bragantino-PA 0 0 0  
     Paysandu (pen) 0 1 1 (4)
     Castanhal 0 1 1 (2)
   Independente-PA 1 1 2
   Castanhal 1 2 3

Terceiro lugarEditar

Equipe 1   Resultado   Equipe 2
Remo     3–0     Castanhal

PremiaçãoEditar

Campeonato Paraense 2021
 
Paysandu
Bicampeão
(49° título)

ArtilhariaEditar

Atualizado em 23 de Maio

Gols Jogador Equipe
8   Cris Maranhense Bragantino-PA
  Paulo Rangel Tuna Luso
6   Dioguinho Remo
5   Nicolas Paysandu
  Gabriel Barbosa Paysandu
  Raílson Independente-PA
  Léo Rosa Tuna Luso


PúblicosEditar

Devido a Pandemia de COVID-19 o Campeonato Paraense de 2021 está sendo disputado de portões fechados e sem previsão da liberação de público[15].


Classificação geralEditar

Atualizado em 23 de Maio

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG % Zona de classificação ou rebaixamento
1   Paysandu 28 14 8 4 2 20 12 +8 67 Copa do Brasil 2022 e Copa Verde 2022
2   Tuna Luso 20 14 5 5 4 30 22 +8 48 Copa do Brasil 2022, Série D 2022 e Copa Verde 2022
3   Remo 31 13 9 4 0 27 12 +15 79 Copa do Brasil 2022
4   Castanhal 17 13 3 8 2 15 15 0 44 Série D 2022 e Copa do Brasil 2022
5   Itupiranga 15 10 4 2 4 5 8 –3 50 Eliminados nas quartas de final
6   Independente-PA 14 10 3 5 2 12 9 +3 47
7   Bragantino-PA 9 10 1 6 3 15 17 –2 30
8   Águia de Marabá 8 10 1 5 3 7 8 –1 27
9   Paragominas 7 8 1 4 3 10 14 –4 29 Eliminados na primeira fase
10   Tapajós 7 8 1 4 3 7 9 –2 29
11   Carajás 5 8 1 2 5 5 11 –6 20 Série B 2022
12   Gavião Kyikatejê 3 8 0 3 7 8 21 –13 12

Seleção do campeonatoEditar

Seleção "Trofeu Camisa 13" da RBA TV (Votação Popular)Editar

 

Vinicius
Leo Rosa
Perema
Bernardo
Alexandre
Pinho
Lukinha
Anderson
Uchôa
Felipe
Gedoz
Lucas
Siqueira
Nicolas
Canga
Seleção do Campeonato Paraense 2021
Posição Jogador Clube
Goleiro Vinicius Remo
Lateral-direito Leo Rosa Tuna Luso
Zagueiro Perema Paysandu
Zagueiro Bernardo Independente-PA
Lateral-esquerdo Alexandre Pinho Tuna Luso
Volante Anderson Uchôa Remo
Volante Lucas Siqueira Remo
Meia Felipe Gedoz Remo
Meia Lukinha Tuna Luso
Atacante Canga Castanhal
Atacante Nicolas Paysandu
Técnico Paulo Bonamigo Remo

TécnicosEditar

Equipe Técnico
Águia de Marabá   João Galvão (1ª— Quartas de final)
Bragantino   Cacaio (1ª—3ª)
  Glauco Luiz (4ª—8ª)
  Artur Oliveira (Quarta de Final)
Carajás   Pedro Paulo (1ª—3ª)
  Pedro Henrique (4ª— 8ª)
Castanhal   Artur Oliveira (1ª—3ª)
  Cacaio (4ª—3º e 4º lugar)
Gavião   Zeca Gavião (1ª—8ª)
Independente   Sinomar Naves

(1ª— Quarta de final)

Itupiranga   Wando (1ª— Quarta de Final)
Paragominas   Júlio César Garcia (1ª—4ª)
  Matheus Lima (5ª—8ª)
Paysandu   Itamar Schülle (1ª—Final (ida))
  Wilton Bezerra (Final (volta)) [F4]
Remo   Paulo Bonamigo (1ª—3º e 4º lugar)
Tapajós   Matheus Lima (1ª—3ª)
  Flávio Goiano (4ª—5ª)[F3]
  Artur Oliveira (6ª—8ª)
Tuna   Róbson Melo (1ª—Final)
  • ^ F3. Devido a saída de Matheus Lima dois dias antes da partida entre Tapajós e Castanhal, o gerente de futebol assumiu interinamente como técnico na 4ª e 5ª rodadas[16]

  • ^ F4. Após demissão do técnico Itamar Schülle, o Paysandu teve de colocar seu auxiliar técnico permanente para comandar a equipe na finalíssima do estadual. [17]

Mudança de TécnicosEditar

Clube Antecessor Motivo Data Última partida Rod Pos Sucessor Ref.
  Castanhal   Artur Oliveira Rescisão 18 de março Castanhal 0–3 Volta Redonda[nota 1]   Cacaio [18][19]
  Bragantino-PA   Cacaio Rescisão 20 de março Bragantino-PA 0–0 Águia de Marabá[nota 2]   Glauco Luiz [20][21]
  Carajás   Pedro Paulo Rescisão 26 de março Carajás 1–2 Paysandu[nota 2]   Pedro Henrique [22][23]
  Tapajós   Matheus Lima Rescisão 4 de abril Paragominas 0–0 Tapajós[nota 2] 10°   Flávio Goiano [24][16]
  Paragominas   Júlio César Garcia Rescisão 4 de abril Tuna Luso 4–1 Paragominas[nota 2]   Matheus Lima [24]
  Tapajós   Flávio Goiano Remanejado 11 de abril Itupiranga 1–0 Tapajós[nota 2] 11°   Artur Oliveira [25]
  Bragantino-PA   Glauco Luiz Remanejado 29 de abril Tuna Luso 5–3 Bragantino-PA[nota 2]   Artur Oliveira [26]
  Paysandu   Itamar Schülle Rescisão 16 de maio Tuna Luso 4–2 Paysandu[nota 2] F (ida) - [27][28]

Notas

  1. Partida válida pela Copa do Brasil.
  2. a b c d e f g Partida válida pela Parazão 2021.

TransmissãoEditar

Os jogos foram transmitidos ao vivo pela Rede Cultura do Pará pelo 12.° ano consecutivo, pela Rede Meio Norte e TV Cultura (via internet).[29][30][31] Houve também um interesse por parte da TV Liberal para as transmissões ao vivo do estadual, porém o acordo não foi para frente.[32] Por consequência da Pandemia de COVID-19, o campeonato está sendo disputado sem a presença de torcida, sendo assim a Funtelpa autorizou os clubes a transmitirem em seus canais as partidas.[33] O jogo de volta da grande final foi transmitido pela segunda vez em rede nacional na TV Brasil.

Campeonato Paraense sub-20Editar

5 de fevereiro de 2022 Remo   2 – 1 Parauapebas   Banpará Baenão, Belém
19:00
Pedro Paulo   3'
Henrique   15'
Súmula FPF   36' Marcos Pará Árbitro:  PA Melck Muller Soares de Almeida

24 de fevereiro de 2022 Parauapebas   1 – 3 Remo   Rosenão, Parauapebas
19:00
  [ Súmula FPF]       Árbitro:  PA Emmanuel Luiz Ribeiro Gomes

Campeonato Paraense sub-17Editar

22 de dezembro Remo   2 – 1   Paysandu Banpará Baenão, Belém
20:00
Estuarte   3'
Kaua   75'
Súmula FPF   55' Ivan Árbitro:  PA Alexandre Expedito Vieira da Silva Junior

26 de dezembro Paysandu   1 – 2   Remo Banpará Curuzu, Belém
9:15
  [ Súmula FPF]     Árbitro:  PA

FemininoEditar

16 de janeiro de 2022 Gavião Kyikatejê   1 – 6   Remo Estádio Municipal Lúcio Antunes Da Silva, Bom Jesus do Tocantins
10:00
Clarinha   65' Súmula FPF   7'   22' Radija
  25' Lora Capanema
  49' Thaisa
  71' Carol Silva
  90+3' Leticia
Árbitro:  PA Alan Rogerio Santos Lisboa

23 de janeiro de 2022 Remo   3 – 0
(W.O.)
  Gavião Kyikatejê Banpará Baenão, Belém
9:30
Súmula FPF Árbitro:  PA Arlene Barreto Souza

Referências

  1. Agência Pará (11 de Fevereiro de 2021). «Campeonato Paraense de Futebol começa dia 27 com transmissão da TV Cultura e patrocínio do Banpará». Consultado em 1 de março de 2021 
  2. «FPF divulga tabela para Parazão 2021; veja tabela com clássico Remo e Paysandu para março». oliberal.com. 28 de dezembro de 2020. Consultado em 28 de dezembro de 2020 
  3. «Federação Paraense de Futebol Tabela da Competição Campeonato Paraense Banpará 2021» (PDF) 
  4. Agência Pará (11 de Fevereiro de 2021). «Campeonato Paraense de Futebol começa dia 27 com transmissão da TV Cultura e patrocínio do Banpará». Consultado em 1 de março de 2021 
  5. «Tuna Luso vence o Sport Real e está na elite do Campeonato Paraense de 2021». ocuriosodofutebol.com.br. 16 de dezembro de 2020. Consultado em 16 de dezembro de 2020 
  6. «Gavião empata com Leão de Santarém e está na elite do futebol paraense». globoesporte.globo.com/pa. 16 de dezembro de 2020. Consultado em 16 de dezembro de 2020 
  7. «Obras no Mangueirão começam pelas antigas gerais». Diário Online. 31 de março de 2021. Consultado em 3 de abril de 2021 
  8. «Com lockdown na RM de Belém, rodada segue neste domingo e Parazão será suspenso a partir de segunda-feira». globoesporte.globo.com/pa. 13 de março de 2021. Consultado em 13 de março de 2021 
  9. «Nota Oficial». fpfpara.com.br. 15 de março de 2021. Consultado em 15 de março de 2021 
  10. «Parazão irá retornar com Re x Pa na próxima semana». diarioonline.com.br. 27 de março de 2021. Consultado em 27 de março de 2021 
  11. «Conhecido como 'Rei do Acesso', técnico Fran Costa morre aos 60 anos». romanews.com.br. 23 de maio de 2021. Consultado em 23 de maio de 2021 
  12. «Formato do Campeonato Paraense sofre alteração; clássico Remo e Paysandu será na Curuzu». oliberal.com. 1 de fevereiro de 2021. Consultado em 1 de fevereiro de 2021 
  13. «Parazão 2021: FPF define regulamento». 1 de fevereiro de 2021 
  14. «site para atualização do REC 2021». 1 de fevereiro de 2021 
  15. Agência Pará (11 de Fevereiro de 2021). «Campeonato Paraense de Futebol começa dia 27 com transmissão da TV Cultura e patrocínio do Banpará». agenciapara.com.br. Consultado em 1 de março de 2021 
  16. a b «Após saída de Matheus Lima, Flávio Goiano assume com interino no Tapajós». GloboEsporte.com. 5 de abril de 2021. Consultado em 7 de abril de 2021 
  17. «Auxiliar técnico é quem vai comandar o Paysandu contra a Tuna no jogo de volta da final do Parazão». oliberal.com. 17 de maio de 2021. Consultado em 17 de maio de 2021 
  18. «Caiu! Após derrota pela Copa do Brasil, técnico Artur Oliveira é demitido do Castanhal». GloboEsporte.com. 18 de março de 2021. Consultado em 18 de março de 2021 
  19. «Técnico Cacaio deixa o Bragantino para assumir o Castanhal no Campeonato Paraense». GloboEsporte.com. 20 de março de 2021. Consultado em 20 de março de 2021 
  20. «Técnico Cacaio deixa o Bragantino para assumir o Castanhal no Campeonato Paraense». GloboEsporte.com. 20 de março de 2021. Consultado em 20 de março de 2021 
  21. «Após saída de Cacaio, auxiliar técnico assume o comando do Bragantino». O Liberal. 20 de março de 2021. Consultado em 20 de março de 2021 
  22. «Diretoria do Carajás demite técnico Pedro Paulo e anuncia novos cortes a partir de segunda». GloboEsporte.com. 26 de março de 2021. Consultado em 26 de março de 2021 
  23. «De volta aos treinos:Carajás retoma atividades com jovem treinador no comando». GloboEsporte.com. 30 de março de 2021. Consultado em 3 de Abril de 2021 
  24. a b «Troca-troca: Matheus Lima deixa Tapajós e substitui Júlio César no comando do Paragominas». GloboEsporte.com. 4 de abril de 2021. Consultado em 4 de abril de 2021 
  25. «Artur Oliveira se apresenta com objetivo de classificar Tapajós no Parazão 2021: "Vamos começar uma nova vida"». GloboEsporte.com. 14 de abril de 2021. Consultado em 14 de abril de 2021 
  26. «Novo comando: Bragantino-PA acerta com Artur Oliveira para a disputa do mata-mata do Parazão». GloboEsporte.com. 29 de abril de 2021. Consultado em 29 de abril de 2021 
  27. «Itamar Schulle não é mais técnico bicolor». paysandu.com.br. 16 de maio de 2021. Consultado em 16 de maio de 2021 
  28. «Em sua despedida do Paysandu, Itamar Schülle diz que fica o "carinho e respeito" ao clube». globoesporte.globo.com/pa. 17 de maio de 2021. Consultado em 17 de maio de 2021 
  29. «Funtelpa assina contrato de concessão para o Parazão 2021». Portal Cultura. Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  30. «Rede Meio Norte vai transmitir o Campeonato Paraense 2021». Rede Meio Norte. Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  31. «Confira datas e horários das primeiras transmissões da TV Cultura no Parazão 2021». TV Cultura. Consultado em 3 de abril de 2021 
  32. GABRIEL DE OLIVEIRA (17 de setembro de 2020). «Após tomar goleada histórica no Ibope, Globo negocia compra do Campeonato Paraense». TV História. Consultado em 12 de fevereiro de 2021 
  33. Acessória de Impresa paysandu (27 de fevereiro de 2021). «O Parazão 2021 é na PapãoTV Play!». paguna oficial paysandu. Consultado em 4 de março de 2021