Campeonato Paraense de Futebol de 2020

Campeonato Paraense de Futebol 2020
Banparazão 2020
Parazao2020.jpg
Dados
Participantes 10
Organização FPF
Anfitrião Pará Pará
Período 18 de janeiro6 de setembro
Gol(o)s 153
Partidas 56
Média 2,73 gol(o)s por partida
Campeão Paysandu (48º título)
Vice-campeão Remo
3.º colocado Castanhal
4.º colocado Paragominas
Melhor marcador Nicolas (Paysandu) - 10 Gols
Melhor ataque (fase inicial) 25 gols – Paysandu
Melhor defesa (fase inicial) 7 gols – Paysandu
Maiores goleadas
(diferença)
Paragominas 5–0 Carajás
Arena VerdeParagominas
19 de janeiro
 
Paysandu 5–0 Paragominas
Estádio da CuruzuBelém
16 de fevereiro
◄◄ Pará Paraense 2019 Soccerball.svg Paraense 2021 Pará ►►

O Campeonato Paraense de Futebol de 2020, (por questões de patrocínio, Campeonato Paraense Banpará de 2020), foi a 108ª edição da principal divisão de futebol do Pará. Logo na cerimônia de abertura do campeonato no dia 16 de janeiro, o Governador do Estado Helder Barbalho firmou compromisso em apresentar o projeto de reforma do Estádio olímpico do Pará, o Mangueirão no dia 21 de janeiro, entre as principais mudanças, estaria a implementação de cadeiras com encosto, expandindo o setor até próximo da pista olímpica. Mas o setor de arquibancada ficará reduzido. Também seria feita a duplicação das rampas de acesso, o que facilitaria a evacuação do estádio [1] e também falou sobre ainda em 2020, retormar as obras do Estádio Colosso do Tapajós em Santarém.[2] No dia 16 de Março, a Federação Paraense de Futebol decidiu por suspender o campeonato por no mínimo 15 dias devido a Pandemia de COVID-19 [3], porém no dia seguinte, a federação voltou atrás e manteve a realização do campeonato, porém com Portões fechados.[4][5] Posteriormente, no dia 19 de março após o primeiro caso confirmado do novo corona vírus [6] a federação optou novamente por suspender o campeonato.[7][8]
Paysandu propôs dar o campeonato como encerrado, respeitar a tabela até a 8ª rodada, não haver rebaixados, dividir igualmente por todos a premiação de meritocracia do campeonato e doação, aos árbitros, de 10% do valor arrecadado pela FPF para a logística das partidas mas o presidente do Clube do Remo Fábio Bentes, mostra-se contra declarar o clube bicolor como campeão [9] e tem o apoio do Bragantino-PA além da abstenção do Itupiranga [10].
Nova reunião definiu que o campeonato será retomado, sem mudança no regulamento e com datas a serem definidas em conjunto com a CBF.[11]
No dia 29 de Abril, a CBF reuniu-se com representantes das federações e fortaleceu a idéia de retorno da temporada nacional no dia 17 de maio [12] porém, a FPF através do presidente Adelcio Magalhães Torres, afirmou que não retornará às práticas esportivas até liberação das autoridades governamentais e de saúde do estado.[13][14]
No dia 2 de julho, em reunião ocorrida na sede da Federação Paraense de Futebol, representantes dos clubes concordaram em retornar o campeonato a partir do dia 1 de agosto, definindo Belém como sede única, com Portões fechados e concordando em nesta edição não haver rebaixados.[15][16][17]
Nos dias 2 e 6 de setembro houveram as finais do estadual com dois clássicos Re-Pa, o Paysandu saiu vitorioso nas duas oportunidades e assim aumentou seu recorde de títulos estaduais para 48.[18]

Regulamento [19]Editar

O campeonato desta temporada seria com a 1º fase em pontos corridos[20] porém a decisão não agradou as diretorias dos 10 clubes participantes então decidiu-se manter o regulamento que vinha sendo utilizado, modificando apenas os critérios de classificação para a fase final.[21]

  1. As equipes do Grupo A1 enfrentam as equipes do Grupo A2 em jogos de ida e volta, todas equipes farão 10 confrontos.

Critérios de DesempateEditar

Primeira FaseEditar

  1. Pontuação
  2. Vitórias
  3. Saldo de Gols
  4. Gols Pró

Classificação para a fase final e rebaixamentoEditar

  1. os 4 melhores na classificação geral avançam para as semifinais.
  2. os 2 piores classificados na pontuação geral estariam rebaixados porém devido a paralisação do campeonato ocorrida em virtude da Pandemia de COVID-19, ficou acordado que nesta edição não haverá rebaixados.

Fase FinalEditar

  • 1º Colocado x 4º Colocado
  • 2º Colocado x 3º Colocado

Caso haja empate de pontos entre dois clubes, os critérios de desempates são aplicados na seguinte ordem:

  1. Maior saldo de gols;
  2. Cobranças de pênaltis.

Equipes participantesEditar

Promovidos e rebaixadosEditar

Pos. Rebaixados da Primeira Divisão de 2019
  São Francisco
10º   São Raimundo
Pos. Promovido da Segunda Divisão de 2019
  Itupiranga
  Carajás

Informações das equipesEditar

  Equipe promovida da Segunda Divisão de 2019
Equipe Cidade Em 2019 Estádio (Mando) Capacidade Títulos (Último) Part.part.
Águia de Marabá Futebol Clube   Marabá 6º (Primeira Divisão) Zinho de Oliveira 5 000 0 (não possui) 19
Bragantino Clube do Pará   Bragança 3º (Primeira Divisão) Diogão 5 000 0 (não possui) 13
Carajás Esporte Clube   Outeiro (Belém)   (Segunda Divisão) Mamazão 5 000 0 (não possui) 6
Castanhal Esporte Clube   Castanhal 7º (Primeira Divisão) Modelão 4 000 0 (não possui) 20
Independente Atlético Clube   Tucuruí 2º (Primeira Divisão) Navegantão
Parque do Bacurau[F1]
8 200
5 000
1 (em 2011) 17
Sport Clube Itupiranga   Itupiranga   (Segunda Divisão) Jaime Sena Pimentel
Zinho de Oliveira[F2]
1 000
5 000
0 (não possui) 1
Paragominas Futebol Clube   Paragominas 5º (Primeira Divisão) Arena Verde 10 000 0 (não possui) 8
Paysandu Sport Club   Belém 4º (Primeira Divisão) Curuzu 16 200 47 (último em 2017) 104
Clube do Remo   Belém 1º (Primeira Divisão) Baenão 13 792 46 (último em 2019) 104
Tapajós Futebol Clube   Santarém 8º (Primeira Divisão) Colosso do Tapajós 8 500 0 (não possui) 4
Localização das equipes no Paraense 2020. Grupos:  A1 /  A2.

EstádiosEditar

Primeira FaseEditar

Pos Equipes Pts J V E D GP GC SG % Grupo Classificação ou Rebaixamento
1   Paysandu 25 10 8 1 1 25 7 +18 83.33 A2 Classificados para a semifinal
2   Remo 23 10 7 2 1 16 8 +8 76.66 A1
3   Castanhal 20 10 6 2 2 21 15 +6 66.66 A1
4   Paragominas 16 10 5 1 4 17 16 +1 53.33 A1
5   Bragantino-PA 16 10 5 1 4 10 10 0 53.33 A1 Eliminados na primeira fase
6   Águia de Marabá 11 10 3 2 5 11 16 –5 36.66 A2
7   Itupiranga 11 10 3 2 5 10 16 –6 36.66 A1
8   Independente-PA 10 10 3 1 6 10 14 –4 33.33 A2
9   Tapajós 8 10 2 2 6 11 14 –3 26.66 A2
10   Carajás 2 10 0 2 8 8 23 –15 6.66 A2

Fase FinalEditar

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto e em negrito os times classificados.
  Semifinais
12 a 20 de agosto
Final
2 e 6 de setembro
                     
   Paragominas 3 0 3  
   Paysandu 2 2 4  
     Paysandu 2 1 3
     Remo 1 0 1
   Castanhal 0 0 0
   Remo 1 2 3

FinalEditar

Final - Ida
2 de setembro Paysandu 2 – 1 Remo Mangueirão, Belém
20:00
Uilliam Barros   85'
Netinho   88'
relatório
Borderô
Súmula
  37' Eduardo Ramos Público: Portões fechados
Árbitro:  SC Bráulio da Silva Machado (FIFA)
     
 
 
Paysandu
     
 
 
Remo

Paysandu:
GR 1 Gabriel Leite
LD 2 Tony   84'
ZA 34 Micael  
ZA 26 Perema
LE 5 Bruno Collaço   32'   70'
VO 4 Anderson Uchôa
VO 55 PH   33'   70'
MC 98 Alan Calbergue   66'
AT 10 Vinícius Leite
AT 11 Nicolas   84'
AT 77 Mateus Anderson   70'
Reservas:
GR 23 Paulo Ricardo
LD 31 Netinho   84'
ZA 3 Wesley Matos
LE 36 Diego Matos   70'
VO 29 Caíque Oliveira
VO 88 Serginho   70'
MC 8 Alex Maranhão
MC 96 Luiz Felipe   66'
MC 38 Victor Diniz
AT 30 Elielton
AT 17 Erik Bessa
AT 94 Uilliam Barros   70'
Treinador:
Hélio dos Anjos   41'

Remo:
GR 1 Vinícius  
LD 21 Everton Castro   80'
ZA 4 Rafael Jensen
ZA 90 Fredson
LE 6 Marlon   72'
VO 23 Lucas Siqueira
VO 94 Gelson   75'
VO 74 Julio Rusch   60'   66'
AT 7 Gustavo Ermel   66'
AT 10 Eduardo Ramos   53'
AT 27 Tcharlles
Reservas:
GR 78 Thiago Rodrigues
LD 30 Kevem   80'
ZA 3 Mimica
ZA 40 Gilberto Alemão
LE 66 Dudu Mandai
VO 25 Djalma   66'
VO 98 Lailson   66'
MC 8 Douglas Packer   53'
MC 20 Carlos Alberto
MC 24 Charles
AT 9 Zé Carlos
Treinador:
Mazola Júnior   90+1'
Final - Volta
6 de setembro Remo 0 – 1 Paysandu Mangueirão, Belém
17:00
relatório
Borderô
Súmula
  90+5' Anderson Uchôa Público: Portões fechados
Árbitro:  GO Wilton Pereira Sampaio (FIFA)
     
 
 
Remo
     
 
 
Paysandu

Remo:
GR 1 Vinícius  
LD 21 Everton Castro   56'
ZA 4 Rafael Jensen
ZA 90 Fredson   38'   39'
LE 6 Marlon   48'
VO 23 Lucas Siqueira
VO 25 Djalma   25'
MC 7 Gustavo Ermel   56'
AT 9 Zé Carlos   12'   40'
AT 24 Charles
AT 27 Tcharlles
Reservas:
GR 78 Thiago Rodrigues
ZA 3 Mimica   40'
ZA 40 Gilberto Alemão
LE 66 Dudu Mandai
VO 94 Gelson   25'
VO 98 Lailson
VO 74 Julio Rusch
MC 15 Ronald
MC 35 Hélio   56'
MC 20 Carlos Alberto   56'
AT 11 Wallace
Treinador:
Mazola Júnior   65'

Paysandu:
GR 1 Gabriel Leite
LD 2 Tony
ZA 34 Micael     39'   45+3'
ZA 26 Perema     68'
LE 5 Bruno Collaço   73'
VO 4 Anderson Uchôa   10'
VO 55 PH   73'
MC 98 Alan Calbergue   46'
AT 10 Vinícius Leite
AT 11 Nicolas
AT 77 Mateus Anderson   46'
Reservas:
GR 23 Paulo Ricardo
LD 31 Netinho
ZA 3 Wesley Matos   45+3'
LE 36 Diego Matos   73'
VO 29 Caíque Oliveira
VO 88 Serginho   73'
MC 8 Alex Maranhão
MC 96 Luiz Felipe   81'   46'
MC 38 Victor Diniz
AT 30 Elielton   39'
AT 17 Erik Bessa
AT 94 Uilliam Barros   47'   46'
Treinador:
Hélio dos Anjos

PremiaçãoEditar

Campeonato Paraense 2020
 
Paysandu
Campeão
(48° título)

ArtilhariaEditar

Atualizado em 2 de setembro

Gols Jogador Time
10   Nicolas Paysandu
8   Pecel Castanhal
5   Jackson Remo
  Eduardo Ramos Remo
  Dioguinho Castanhal
4   Caíque Oliveira Paysandu
  Wesley Matos Paysandu
  Uilliam Barros Paysandu
  João Leonardo Castanhal

PúblicosEditar

Maiores PúblicosEditar

Esses são os dez maiores públicos pagantes do Campeonato:

Público Mandante Placar Visitante Estádio Local Data Rodada
1 26 152 Remo   1 – 2   Paysandu Mangueirão Belém 9 de fevereiro 4ª rodada
2 21 788 Paysandu   1 – 1   Remo Mangueirão Belém 8 de março 7ª rodada
3 19 516 Remo   1 – 0   Tapajós Mangueirão Belém 19 de janeiro 1ª rodada
4 9 813 Paysandu   3 – 1   Itupiranga Curuzu Belém 20 de janeiro 1ª rodada
5 9 076 Paysandu   1 – 0   Bragantino-PA Curuzu Belém 27 de janeiro 2ª rodada
6 8 766 Remo   2 – 1   Carajás Baenão Belém 1 de março 6ª rodada
7 7 809 Carajás   0 – 1   Remo Mangueirão Belém 26 de janeiro 2º rodada
8 7 795 Castanhal   3 – 2   Paysandu Mangueirão Belém 2 de fevereiro 3ª rodada
9 6 572 Paysandu   5 – 0   Paragominas Curuzu Belém 16 de fevereiro 5ª rodada
10 4 128 Paysandu   1 – 0   Castanhal Curuzu Belém 15 de março 8ª rodada

Menores PúblicosEditar

Esses são os dez menores públicos pagantes do Campeonato:

Público Mandante Placar Visitante Estádio Local Data Rodada
1 30 Carajás   1 – 2   Itupiranga Mamazão Outeiro 16 de fevereiro 5ª rodada
2 30 Carajás   0 – 1   Bragantino-PA Mamazão Outeiro 15 de março 8ª rodada
3 217 Tapajós   4 – 0   Bragantino-PA Colosso do Tapajós Santarém 8 de março 7ª rodada
4 247 Tapajós   0 – 0   Itupiranga Colosso do Tapajós Santarém 15 de março 8ª rodada
5 250 Carajás   3 – 3   Castanhal Mamazão Outeiro 8 de março 7ª rodada
6 300 Independente-PA   2 – 0   Bragantino-PA Parque do Bacurau Cametá 15 de fevereiro 5ª rodada
7 325 Tapajós   1 – 2   Castanhal Colosso do Tapajós Santarém 16 de fevereiro 5ª rodada
8 391 Paragominas   2 – 2   Tapajós Arena Verde Paragominas 1 de março 6ª rodada
9 400 Itupiranga   0 – 1   Independente-PA Zinho de Oliveira Marabá 29 de fevereiro 6ª rodada
10 432 Paragominas   1 – 0   Águia de Marabá Arena Verde Paragominas 2 de fevereiro 3ª rodada

Classificação geralEditar

Pos Times Pts J V E D GP GC SG % Zona de classificação ou rebaixamento
1   Paysandu 34 14 11 1 2 32 11 +21 80.95 Copa do Brasil 2021, Copa Verde 2021
2   Remo 29 14 9 2 3 20 11 +9 69.04 Copa do Brasil 2021
3   Castanhal 20 12 6 2 4 21 18 +3 55.55 Copa do Brasil 2021 e Série D 2021
4   Paragominas 19 12 6 1 5 20 20 0 52.77 Série D 2021
5   Bragantino-PA 16 10 5 1 4 10 10 0 53.33 Paraense 2021
6   Águia de Marabá 11 10 3 2 5 11 16 –5 36.66
7   Itupiranga 11 10 3 2 5 10 16 –6 36.66
8   Independente-PA 10 10 3 1 6 10 14 –4 33.33
9   Tapajós 8 10 2 2 6 11 14 –3 26.66
10   Carajás 2 10 0 2 8 8 23 –15 6.66
  • 2 de julho - Em decorrência da Pandemia de COVID-19, ficou acordado de nesta edição não haver rebaixados.

Seleção do campeonatoEditar

Seleção "Trofeu Camisa 13" da RBA TV (Votação Popular)Editar

 

Vinicius
Tony
Perema
Rafael Jansen
Bruno Collaço
Vinicius
Leite
Anderson
Uchôa
Eduardo
Ramos
Djalma
Pecel
Nicolas
Seleção do Campeonato Paraense 2020
Posição Jogador Clube
Goleiro Vinicius Remo
Lateral-direito Tony Paysandu
Zagueiro Perema Paysandu
Zagueiro Rafael Jansen Remo
Lateral-esquerdo Bruno Collaço Paysandu
Volante Anderson Uchôa Paysandu
Volante Djalma Remo
Meia Eduardo Ramos Remo
Meia Vinicius Leite Paysandu
Atacante Nicolas Paysandu
Atacante Pecel Castanhal
Técnico Hélio dos Anjos Paysandu
  • Revelação: Quadrado (Itupiranga)
  • Craque do Campeonato: Nicolas (Paysandu)
  • Preparador Físico: Rony Silva (Remo)

TécnicosEditar

Equipe Técnico
Águia de Marabá   João Galvão (1ª—10ª)
Bragantino   Róbson Melo (1ª—6ª)
  Cacaio (7ª—10ª)
Carajás   Jax Cametá (1ª—4ª)
  Vanderson (5ª—8ª)
  Gerson Da Costa (9ª—10ª)
Castanhal   Artur Oliveira (1ª—Semifinais)
Independente   Vanderson (1ª—3ª)
  Léo Goiano (4ª—8ª)
  Manoel Miranda (9ª—10ª)
Itupiranga   Wando (1ª—10ª)
Paragominas   Rogerinho Gameleira (1ª—6ª)
  Róbson Melo (7ª—Semifinais)
Paysandu   Hélio dos Anjos (1ª—Final)
Remo   Rafael Jacques (1ª—5ª)
  Mazola Júnior (6ª—Final)
Tapajós   Caio Simões (1ª—4ª)
  Matheus Lima (5ª—10ª)

Mudança de TécnicosEditar

Clube Antecessor Motivo Data Última partida Rod Pos Sucessor Ref.
  Independente-PA   Vanderson Resignado 5 de fevereiro Independente-PA 2–3 CRB[nota 1]   Léo Goiano [25][26]
  Tapajós   Caio Simões Demitido 8 de fevereiro Bragantino-PA 2–0 Tapajós   Matheus Lima [27][28]
  Carajás   Jax Cametá Demitido 9 de fevereiro Castanhal 3–0 Carajás 10°   Vanderson [29]
  Remo   Rafael Jacques Demitido 21 de fevereiro Brusque 5–1 Remo[nota 1]   Mazola Júnior [30][31]
  Bragantino-PA   Róbson Melo Resignado 29 de fevereiro Bragantino-PA 0–2 Paysandu   Cacaio [32][33]
  Paragominas   Rogerinho Gameleira Demitido 2 de março Paragominas 2–2 Tapajós   Róbson Melo [34]
  Carajás   Vanderson Resignado 15 de março Carajás 0–1 Bragantino-PA 10°   Gerson Da Costa
  Independente-PA   Léo Goiano Contratado pelo ASA 11 de julho Independente-PA 0–0 Remo   Manoel Miranda [35][36]

TransmissãoEditar

Em 1 de fevereiro de 2020, a Rede Cultura do Pará firma uma parceria inédita com a TV Encontro das Águas de Manaus, para a transmissão do Parazão 2020, pela primeira vez tendo também uma cobertura fora do estado do Pará. O acordo foi firmado já no terceiro final de semana de competições.[37] Com isso os jogos estão sendo transmitidos pela Cultura e Encontro das Águas na televisão, Portal Cultura na internet e Rádio Clube do Pará. Com a fase final do Parazão após a retomada dos jogos com 4 meses de paralisação, os jogos continuaram sendo transmitidos pela Cultura do Pará e Encontro das Águas, tendo a saída da TV Brasil. Já pela internet os jogos tiveram a cobertura da TV Cultura de São Paulo, através do site oficial, YouTube e Facebook Watch em conjunto com o canal Cultura no Parazão. Na rádio, a exclusividade continua sendo da Clube.[38]

O jogo de volta da grande final, que foi disputado entre Remo x Paysandu no dia 6 de setembro de 2020 foi transmitido em rede nacional através de um pool entre a Rede Cultura do Pará, TV Brasil, Rede Meio Norte e TV Macapá, além de afiliadas da TV Brasil por todo o país, sendo a primeira vez na história que uma decisão do Parazão é transmitida em todo o território nacional.[39]

Notas e referências

Notas

  1. a b Partida válida pela Copa do Brasil.

Referências

  1. «Projeto de reforma do Mangueirão deve ser apresentado na próxima terça-feira». romanews.com.br. 17 de janeiro de 2020. Consultado em 17 de janeiro de 2020 
  2. globoesporte. «Governador do Pará anuncia retorno das obras do Colosso do Tapajós em 2020». Consultado em 17 de janeiro de 2020 
  3. «Coronavírus: FPF suspende Campeonato Paraense por 15 dias». globoesporte.globo.com/pa. 16 de março de 2020. Consultado em 16 de março de 2020 
  4. «Após suspender Parazão, FPF volta atrás e divulga nova tabela com jogos de portões fechados». globoesporte.globo.com/pa. 17 de março de 2020. Consultado em 17 de março de 2020 
  5. «FPF e Clubes definem partidas com portões fechados.». fpfpara.com.br. 17 de março de 2020. Consultado em 17 de março de 2020 
  6. «Secretaria Estadual de Saúde confirma primeiro caso de coronavírus no Pará». g1.globo.com/pa. 18 de março de 2020. Consultado em 18 de março de 2020 
  7. «NOTA OFICIAL FPF - Coronavírus». fpfpara.com.br. 19 de março de 2020. Consultado em 19 de março de 2020 
  8. «Governador se antecipa à FPF e garante a paralisação do Parazão por tempo indeterminado». globoesporte.globo.com/pa. 19 de março de 2020. Consultado em 19 de março de 2020 
  9. «'Não vou aceitar título dado na marra', declara Fábio Bentes». romanews.com.br. 8 de abril de 2020. Consultado em 8 de abril de 2020 
  10. «Remo e Braga votam contra proposta do Paysandu, e reunião da FPF termina sem resolução». globoesporte.globo.com/pa. 8 de abril de 2020. Consultado em 8 de abril de 2020 
  11. «Segunda reunião do conselho técnico define que Parazão será retomado posteriormente». globoesporte.globo.com/pa. 17 de abril de 2020. Consultado em 17 de abril de 2020 
  12. «CBF reúne federações, ouve propostas de futebol em maio e pede aval de órgãos estaduais». globoesporte.globo.com/pr. 28 de abril de 2020. Consultado em 28 de abril de 2020 
  13. «Federação Paraense de Futebol afirma que ainda não é favorável ao retorno do Parazão 2020». globoesporte.globo.com/pa. 29 de abril de 2020. Consultado em 29 de abril de 2020 
  14. «NOTA OFICIAL FPF». fpfpara.com.br. 29 de abril de 2020. Consultado em 29 de abril de 2020 
  15. «Campeonato Paraense será retomado em agosto, mas sob risco de nova paralisação». globoesporte.globo.com/pa. 2 de julho de 2020. Consultado em 2 de julho de 2020 
  16. «A FPF divulga a tabela oficial do Banparazão 2020». fpfpara.com.br. 3 de julho de 2020. Consultado em 3 de julho de 2020 
  17. «Termo de acordo entre a FPF e os Clubes». fpfpara.com.br. 3 de julho de 2020. Consultado em 3 de julho de 2020 
  18. «O Paysandu Sport Club é Campeão Paraense de 2020». fpfpara.com.br. 6 de setembro de 2020. Consultado em 6 de setembro de 2020 
  19. «Federação Paraense de Futebol Regulamento Específico da Competição Campeonato Paraense Banpará 2020» (PDF) 
  20. «Parazão 2020 poderá ser disputado por pontos corridos». diarioonline.com.br. 18 de novembro de 2019. Consultado em 18 de novembro de 2019 
  21. «FPF volta atrás na fórmula de disputa do Parazão 2020, mas muda classificação à semifinal». globoesporte.globo.com/pa. 11 de dezembro de 2019. Consultado em 11 de dezembro de 2019 
  22. «Reforma do gramado do estádio do Independente Tucurí segue a todo vapor». romanews.com.br. 6 de novembro de 2019. Consultado em 6 de novembro de 2019 
  23. «Independente-PA se muda "de mala e cuia" para Cametá e troca de casa em janeiro». globoesporte.globo.com/pa. 3 de janeiro de 2020. Consultado em 3 de janeiro de 2020 
  24. «Saudade de casa? Independente Tucuruí deve voltar a jogar no Navegantão em março». globoesporte.globo.com/pa. 27 de fevereiro de 2020. Consultado em 27 de fevereiro de 2020 
  25. «Após derrota para o CRB na Copa do Brasil, Vanderson anuncia que vai entregar o cargo no Galo». globoesporte.globo.com/pa. 5 de fevereiro de 2020. Consultado em 5 de fevereiro de 2020 
  26. «Léo Goiano acerta com o Galo Elétrico para "reviver momentos de emoções" com o time». globoesporte.globo.com/pa. 6 de fevereiro de 2020. Consultado em 6 de fevereiro de 2020 
  27. «Após terceira derrota no Parazão, Caio Simões não resiste e deixa comando do Tapajós». globoesporte.globo.com/pa. 8 de fevereiro de 2020. Consultado em 8 de fevereiro de 2020 
  28. «Matheus Lima é novo técnico do Tapajós para sequência da temporada». globoesporte.globo.com/pa. 10 de fevereiro de 2020. Consultado em 10 de fevereiro de 2020 
  29. «Carajás confirma novo técnico e contrata ex-"escudeiro" de Givanildo Oliveira na dupla Re-Pa». globoesporte.globo.com/pa. 10 de fevereiro de 2020. Consultado em 10 de fevereiro de 2020 
  30. «Rafael Jacques é demitido do Remo após goleada e eliminação» 
  31. «Mazola Junior é confirmado como o novo treinador do Clube do Remo para 2020» 
  32. «Após a derrota em casa, Robson Melo não é mais técnico do Bragantino-PA». globoesporte.globo.com/pa. 29 de fevereiro de 2020. Consultado em 29 de fevereiro de 2020 
  33. «Cacaio deve assumir o comando do Bragantino após saída de Robson Melo». diarioonline.com.br. 1 de março de 2020. Consultado em 1 de março de 2020 
  34. «Troca-troca de técnicos: Gameleira deixa o PFC, que contrata Robson Melo, ex-Bragantino-PA». globoesporte.globo.com/pa. 2 de março de 2020. Consultado em 2 de março de 2020 
  35. «Zedudu:Léo Goiano acerta com o Galo Elétrico para "reviver momentos de emoções" com o time» 
  36. «Com Joãozinho e Cabecinha, Independente-PA define técnico regional na volta do Parazão». globoesporte.globo.com/pa. 17 de julho de 2020. Consultado em 17 de julho de 2020 
  37. «Papo de Bola: Jogue sempre com a gente - Papo de Mídia». Papo de Mídia. 1 de fevereiro de 2020. Consultado em 2 de fevereiro de 2020 
  38. «Parazão 2020: TV Cultura transmite semifinal entre Paysandu e Paragominas». TV Cultura. 10 de agosto de 2020. Consultado em 14 de agosto de 2020 
  39. «Final do Parazão terá cobertura nacional | Portal Cultura». www.portalcultura.com.br. Consultado em 6 de setembro de 2020