Grande Prêmio da Europa de 2007

Resultados do Grande Prêmio da Europa de Fórmula 1 realizado em Nürburgring em 22 de julho de 2007. Décima etapa do campeonato, foi vencido pelo espanhol Fernando Alonso, da McLaren-Mercedes, com Felipe Massa em segundo pela Ferrari e Mark Webber em terceiro pela Red Bull-Renault.[2][3][nota 2]

Grande Prêmio da Europa
de Fórmula 1 de 2007
Nürburgring - Grand-Prix Stecke.svg
12º GP da Europa em Nürburgring
Detalhes da corrida
Categoria Fórmula 1
Data 22 de julho de 2007
Nome oficial LI Grand Prix of Europe[1][nota 1]
Local Nürburgring, Nürburg, Distrito de Ahrweiler, Renânia-Palatinado, Alemanha
Percurso 5.148 km
Total 60 voltas / 308.880 km
Condições do tempo Chuva pesada
Pole
Piloto
Finlândia Kimi Räikkönen Ferrari
Tempo 1:31.450
Volta mais rápida
Piloto
Brasil Felipe Massa Ferrari
Tempo 1:32.853 (na volta 34)
Pódio
Primeiro
Espanha Fernando Alonso McLaren-Mercedes
Segundo
Brasil Felipe Massa Ferrari
Terceiro
Austrália Mark Webber Red Bull-Renault

Resumo da corridaEditar

Inicialmente, ocorreria um rodízio ano a ano entre Nürburgring e Hockenheimring como o Grande Prêmio da Alemanha. Esse rodízio continuava previsto para ocorrer, mas a nomenclatura oficial da corrida em Nürburgring, seria GP da Europa e em Hockenheimring, GP da Alemanha.

Desde a largada, a prova foi muito tumultuada. Antes mesmo do início da corrida, havia o suspense sobre a participação ou não do líder do campeonato, Lewis Hamilton, que bateu forte contra o muro durante a terceira parte do treino oficial. O inglês acabou largando em décimo. Logo na largada, o brasileiro Felipe Massa ultrapassou o espanhol Fernando Alonso e chegou à segunda colocação, atrás do companheiro de equipe Kimi Räikkönen. Antes mesmo do fim da primeira volta, a chuva começou a cair e muitos carros rodaram, alguns saíram definitivamente da corrida, outros, como o próprio Hamilton, conseguiram voltar. Na entrada para os boxes para a troca de pneus, Räikkönen erra feio e tem de dar mais uma volta na chuva com pneus para pista seca. O alemão Markus Winkelhock, da Spyker, assume a primeira posição. Para segurança dos pilotos, a prova é paralisada.

Na relargada, o brasileiro assume a ponta, com Alonso em segundo. Após algumas voltas a pista seca e Massa mantém a primeira posição, com o espanhol da McLaren logo atrás. Faltando aproximadamente 10 voltas para o fim, a chuva volta novamente. Os pilotos têm de trocar os pneus e na volta à pista o brasileiro tentou segurar o espanhol o quanto pôde. Na hora da ultrapassagem, Massa toca em Alonso, sem danos significativos para ambos. O espanhol vence a corrida, reduzindo a diferença de pontos no Campeonato de Pilotos para o líder Hamilton, que, pela primeira vez na temporada, não pontuou.

AdendosEditar

  • Esta foi a única vez em que um Spyker liderou uma corrida, com o alemão Markus Winkelhock, que liderou a prova por 6 voltas, da volta 2 a 7, quando foi ultrapassado pelo brasileiro Felipe Massa.[4]
  • Primeira vez que David Coulthard chegou a liderar uma prova com carro da Red Bull.
  • Última corrida de Scott Speed. Devido a desentendimentos com Franz Tost, dirigente da Toro Rosso, o norte-americano perdeu sua vaga para o jovem alemão Sebastian Vettel.
  • Primeiro pódio de Mark Webber pela Red Bull.
  • Pela primeira vez desde sua estreia, Lewis Hamilton termina uma corrida sem pontuar ou subir ao pódio.

Classificação da provaEditar

Treinos classificatóriosEditar

Pos. Piloto Equipe Q1 Q2 Q3 Grid
1 6   Kimi Räikkönen Ferrari 1:31.522 1:31.237 1:31.450 1
2 1   Fernando Alonso McLaren-Mercedes 1:31.074 1:30.983 1:31.741 2
3 5   Felipe Massa Ferrari 1:31.447 1:30.912 1:31.778 3
4 9   Nick Heidfeld BMW Sauber 1:31.889 1:31.652 1:31.840 4
5 10   Robert Kubica BMW Sauber 1:31.961 1:31.444 1:32.123 5
6 15   Mark Webber Red Bull-Renault 1:32.629 1:31.661 1:32.476 6
7 4   Heikki Kovalainen Renault 1:32.594 1:31.783 1:32.478 7
8 12   Jarno Trulli Toyota 1:32.381 1:31.859 1:32.501 8
9 11   Ralf Schumacher Toyota 1:32.446 1:31.843 1:32.570 9
10 2   Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 1:31.587 1:31.185 1:33.833 10
11 16   Nico Rosberg Williams-Toyota 1:32.117 1:31.978 11
12 17   Alexander Wurz Williams-Toyota 1:32.173 1:31.996 12
13 3   Giancarlo Fisichella Renault 1:32.378 1:32.010 13
14 8   Rubens Barrichello Honda 1:32.674 1:32.221 14
15 23   Anthony Davidson Super Aguri-Honda 1:32.793 1:32.451 15
16 22   Takuma Sato Super Aguri-Honda 1:32.678 1:32.838 16
17 7   Jenson Button Honda 1:32.983 17
18 19   Scott Speed Toro Rosso-Ferrari 1:33.038 18
19 18   Vitantonio Liuzzi Toro Rosso-Ferrari 1:33.148 19
20 14   David Coulthard Red Bull-Renault 1:33.151 20
21 20   Adrian Sutil Spyker-Ferrari 1:34.500 21
22 21   Markus Winkelhock Spyker-Ferrari 1:35.940 22
Fonte:[5]

CorridaEditar

Pos. Piloto Construtor Voltas Tempo/Diferença Grid Pontos
1 1   Fernando Alonso McLaren-Mercedes 60 2:06:26.358 2 10
2 5   Felipe Massa Ferrari 60 + 8.155 3 8
3 15   Mark Webber Red Bull-Renault 60 + 1:05.674 6 6
4 17   Alexander Wurz Williams-Toyota 60 + 1:05.937 12 5
5 14   David Coulthard Red Bull-Renault 60 + 1:13.656 20 4
6 9   Nick Heidfeld BMW Sauber 60 + 1:20.298 4 3
7 10   Robert Kubica BMW Sauber 60 + 1:22.415 5 2
8 4   Heikki Kovalainen Renault 59 + 1 volta 7 1
9 2   Lewis Hamilton McLaren-Mercedes 59 + 1 volta 10
10 3   Giancarlo Fisichella Renault 59 + 1 volta 13
11 8   Rubens Barrichello Honda 59 + 1 volta 14
12 23   Anthony Davidson Super Aguri-Honda 59 + 1 volta 15
13 12   Jarno Trulli Toyota 59 + 1 volta 8
Ret 6   Kimi Räikkönen Ferrari 34 Pane hidráulica 1
Ret 22   Takuma Sato Super Aguri-Honda 19 Pane hidráulica 16
Ret 11   Ralf Schumacher Toyota 18 Colisão 9
Ret 21   Markus Winkelhock Spyker-Ferrari 13 Pane hidráulica 22
Ret 7   Jenson Button Honda 2 Rodou 17
Ret 20   Adrian Sutil Spyker-Ferrari 2 Rodou 21
Ret 16   Nico Rosberg Williams-Toyota 2 Rodou 11
Ret 19   Scott Speed Toro Rosso-Ferrari 2 Rodou 18
Ret 18   Vitantonio Liuzzi Toro Rosso-Ferrari 2 Rodou 19
Fonte:[2]

Tabela do campeonato após a corridaEditar

  • Nota: Somente as primeiras cinco posições estão listadas.

Notas

  1. O número informado abaixo reflete apenas as edições do "Grande Prêmio da Europa" realizadas a partir de 1983, quando tal denominação deixou de ser honorífica e passou a designar etapas efetivas do mundial de Fórmula 1.
  2. Voltas na liderança: Kimi Räikkönen 1 volta (1), Markus Winkelhock 6 voltas (2-7), Felipe Massa 47 voltas (8-12; 14-55), David Coulthard 1 volta (13), Fernando Alonso 5 voltas (56–60).

Referências

  1. a b c «2007 European GP – championships (em inglês) no Chicane F1». Consultado em 17 de agosto de 2021 
  2. a b «2007 Formula 1™ Grand Prix of Europe - race result» (em inglês). Consultado em 29 de fevereiro de 2020 
  3. Fred Sabino (22 de julho de 2020). «GP da Europa de 2007 teve batida de Hamilton, dilúvio, Winkelhock líder e treta Massa x Alonso». globoesporte.com. Globo Esporte. Consultado em 23 de agosto de 2021 
  4. Fred Sabino (12 de agosto de 2018). «Manfred Winkelhock morreu quando pretendia ser feliz fora da Fórmula 1». globoesporte.com. Globo Esporte. Consultado em 23 de agosto de 2021 
  5. «2007 Formula 1™ Grand Prix of Europe - qualifying» (em inglês). Consultado em 29 de fevereiro de 2020 

Precedido por
Grande Prêmio da Grã-Bretanha de 2007
Campeonato Mundial de Fórmula 1 da FIA
Ano de 2007
Sucedido por
Grande Prêmio da Hungria de 2007
Precedido por
Grande Prêmio da Europa de 2006
Grande Prêmio da Europa
17ª edição
Sucedido por
Grande Prêmio da Europa de 2008