Iugoslávia no Festival Eurovisão da Canção

A Jugoslávia, ao longo da sua existência, participou no Festival Eurovisão da Canção 27 vezes, estreando-se em 1961, tendo ganho em 1989 e estando ausente em 1977, 1978, 1979, 1980 e 1985.

Jugoslávia
Bandeira do País
Coração Eurovisivo
Sucessor(es)  Bósnia e Herzegovina,
 Croácia,
 Eslovénia,
 Macedónia do Norte,
 Sérvia e Montenegro
Estação Televisiva Representante JRT
Selecção Nacional
Participações
Participações 27
Primeira Participação 1961
Não participou em 1977, 1978, 1979, 1980, 1985
Última Participação 1992
Melhor resultado 1º lugar: 1989
Pior resultado Último: 1964
Ligações Externas
Portal da Eurovisão

História

editar

1961–1991: República Socialista Federativa da Jugoslávia

editar

A República Socialista Federativa da Jugoslávia estreou-se no Festival Eurovisão da Canção em 1961. A final nacional organizada pela televisão jugoslava JRT era o Jugovizija, e continha a participação das televisões públicas sub-nacionais correspondido às capitais de cada república socialista federativa jugoslava: República Socialista da Bósnia e Herzegovina (RTV Sarajevo), República Socialista da Croácia (RTV Zagreb e RTV Split[1]), República Socialista da Macedónia (RTV Skopje), República Socialista do Montenegro (RTV Titograd), República Socialista da Sérvia (RTV Belgrado) e República Socialista da Eslovénia (RTV Ljubljana), como também dos serviços de radiodifusão das regiões autônomas pertencentes à Sérvia: Província Socialista Autónoma do Kosovo (RTV Priština) e Província Socialista Autónoma da Voivodina (RTV Novi Sad).[2] Os primeiros a participar foram Belgrado, Ljubljana e Zagreb, enquanto que os outros aderiram nos anos seguintes.[2]

Durante a sua existência, a RSF da Jugoslávia foi representada por vários artistas de 5 das 8 federações jugoslavas. Esses artistas eram da Bósnia e Herzegovina, Croácia, Montenegro, Sérvia e Eslovénia, com a Macedónia, Voivodina, e Kosovo a nunca terem ganho uma final nacional. Croácia foi a república socialista mais bem sucedida, sendo representada 13 vezes e ganhando uma, em 1989. Entre 1977 e 1980, e em 1985, a Jugoslávia não participou.

A República Socialista Federativa da Jugoslávia venceu o Festival Eurovisão da Canção em 1989 com "Rock Me" pelo grupo Riva. No ano seguinte, o Festival Eurovisão da Canção 1990 teve lugar em Zagreb.

1992: República Federal da Jugoslávia

editar

Durante o processo de desintegração da Jugoslávia em 1991, as antigas repúblicas socialistas constituintes: Croácia, Eslovénia e Macedónia proclamaram a sua independência e, portanto, se retiraram de Jugovizija, enquanto as então lideranças da Sérvia e Montenegro concordaram em manter uma estreita aliança. A 28 de março de 1992, os países que ainda (pelo menos formalmente) constituíam a federação ex-jugoslava decadente e encolhida participaram no Jugovizija 1992 realizada em Belgrado. Incluía não só artistas da Sérvia e Montenegro, mas também da Bósnia e Herzegovina, embora esse último tivesse declarado independência a 1 de março daquele ano. De entre os candidatos encontrava-se Alma Čardžić.[3] O vencedor dessa edição foi a canção "Ljubim te pesmama" interpretada por Extra Nena (Snežana Berić) da Sérvia.[4] Antes da edição do Festival Eurovisão da Canção desse ano, a 28 de abril, foi formado um novo estado federativo formado pela Sérvia e Montenegro chamada República Federal da Jugoslávia, representada por Extra Nena, anteriormente citada, no Festival Eurovisão da Canção 1992, realizado a 9 de maio.[5][6][7] A Jugoslávia foi banida de participar no certame até 2004, devido às sanções impostas pelas Nações Unidas durante a Guerra Civil Iugoslava e Guerra de Independência da Croácia.

1993–presente: Depois do dissolução da República Socialista Federativa da Jugoslávia

editar

Após a dissolução da República Socialista Federativa da Jugoslávia as suas repúblicas socialistas constituintes proclamaram a sua independência. As rádios e estações de TV pública, uma vez sub-nacionais, passaram a ser nacionais mas sob novos nomes, incluindo: RTV Slovenia, HRT, RTS, MKRTV e assim sucessivamente. Desde as suas adesões à UER respetivamente, todos as ex-repúblicas socialistas jugoslavas participaram no Festival Eurovisão da Canção: Eslovénia, Croácia, Bósnia e Herzegovina, Montenegro, Sérvia e Macedónia.

No geral, os resultados das novas repúblicas foram mesclados: a Croácia teve alguns êxitos iniciais em meados da década de 1990 e tanto a Sérvia e Montenegro como a Bósnia e Herzegovina obtiveram algum sucesso nos últimos anos, enquanto a República da Macedónia nunca conseguiu um top 10, apesar de ter chegado sempre à final até 2008, ano em que perdeu o seu passaporte para a final. Em 2004, a Sérvia e Montenegro estreou em 2.º lugar e em 2007, Montenegro juntou-se ao concurso mas falhou a sua classificação para a final, enquanto que a Sérvia venceu pela primeira vez como país independente. Em 2013, nenhuma ex-república socialista jugoslava se qualificou para a final.

Galeria

editar

Participações

editar
Legenda
     Vencedor
     2.º lugar
     3.º lugar
     Pontuação Nula ("Null Points")/Último Lugar
     Melhor classificação (fora do top 3)
     Qualificação para a final (fora do top 3)
     País-anfitrião
     Desclassificado


# Ano Unidade federal Artista Língua Canção Final Pontos
  Cannes 1961   República Socialista da Sérvia Ljiljana Petrović Servo-croata "Neke davne zvezde" (Неке давне звезде)
Algumas estrelas distantes
9
  Luxemburgo 1962 Lola Novaković Servo-croata "Ne pali svetla u sumrak" (Не пали светло у сумрак)
Não ligues as luzes no crepúsculo
10
  Londres 1963   República Socialista da Croácia Vice Vukov Servo-croata "Brodovi" (Бродови)
Navios
11º 3
  Copenhaga 1964   República Socialista da Bósnia e Herzegovina Sabahudin Kurt Bósnio "Život je sklopio krug" (Живот је склопио круг)
A Vida chega com um círculo cheio
13º 0
  Nápoles 1965   República Socialista da Croácia Vice Vukov Servo-croata "Čežnja" (Чежња)
Desejo
12º 2
  Luxemburgo 1966   República Socialista da Eslovénia Berta Ambrož Esloveno "Brez besed"
Sem palavras
9
  Viena 1967 Lado Leskovar Esloveno "Vse rože sveta"
Todas as flores do mundo
7
  Londres 1968   República Socialista da Croácia Luči Kapurso & Hamo Hajdarhodžić Servo-croata "Jedan dan" (Један дан)
Um dia
8
  Madrid 1969 Ivan & 3M Servo-croata "Pozdrav svijetu" (Поздрав свијету)
Olá mundo
13º 5
10º   Amesterdão 1970   República Socialista da Eslovénia Eva Sršen Esloveno "Pridi, dala ti bom cvet"
Vem, eu te darei uma flor
11º 4
11º   Dublin 1971   República Socialista da Croácia Kićo Slabinac Servo-croata "Tvoj dječak je tužan" (Твој дјечак је тужан)
O teu rapaz está triste
14º 68
12º   Edimburgo 1972 Tereza Kesovija Servo-croata "Muzika i ti" (Музика и ти)
Música e Tu
87
13º   Luxemburgo 1973   República Socialista da Bósnia e Herzegovina Zdravko Čolić Bósnio "Gori vatra" (Гори ватра)
O fogo está queimando
15º 65
14º   Brighton 1974   República Socialista da Sérvia Korni grupa Servo-croata "Moja generacija" (Моја генерација)
Minha geração
12º 6
15º   Estocolmo 1975   República Socialista da Eslovénia Pepel in Kri Esloveno "Dan ljubezni"
Um dia de amor
13º 22
16º   Haia 1976   República Socialista da Bósnia e Herzegovina Ambasadori Bósnio "Ne mogu skriti svoju bol" (Не могу скрити своју бол)
Eu não posso esquecer a minha dor
17º 10
Não participou entre 1977 e 1980
17º   Dublin 1981   República Socialista da Bósnia e Herzegovina Vajta Bósnio "Lejla" (Лејла) 15º 35
18º   Harrogate 1982   República Socialista da Sérvia Aska Servo-croata "Halo, Halo" (Хало, хало)
Olá, Olá
14º 21
19º   Munique 1983   República Socialista do Montenegro Daniel Servo-croata "Džuli" (Џули) 125
20º   Luxemburgo 1984 Vlado & Isolda Servo-croata "Ciao, amore"
Adeus, meu amor
18º 26
  Gotemburgo 1985   República Socialista da Croácia Zorica Kondža feat. Josip Genda Servo-croata "Pokora" (Покора)
Penitência
Desistiu
21º   Bergen 1986 Doris Dragović Servo-croata "Željo moja" (Жељо моја)
Meu desejo
11º 49
22º   Bruxelas 1987 Novi Fosili Servo-croata "Ja sam za ples" (Ја сам за плес)
Eu estou pronta para dançar
92
23º   Dublin 1988 Srebrna krila Servo-croata "Mangup" (Мангуп)
Vilão
87
24º   Lausanne 1989 Riva Servo-croata "Rock Me"
Dá-me rock
137
25º   Zagreb 1990 Tajči Servo-croata "Hajde da ludujemo" (Хајде да лудујемо)
Vamos ficar loucos
81
26º   Roma 1991   República Socialista da Sérvia Bebi Dol Servo-croata "Brazil" (Бразил) 21º 1
27º   Malmö 1992 Extra Nena Servo-croata "Ljubim te pesmama" (Љубим те песмама)
Eu estou beijando-te com canções
13º 44
Pais Dissolvido

Apresentadores

editar
Ano Local Local Apresentador(es)
1990   Zagreb Koncertna dvorana Vatroslav Lisinski, Zagreb, RS Croácia Oliver Mlakar & Helga Vlahović
Pais Dissolvido

Comentadores e porta-vozes

editar
Ano(s) Comentadores televisivos Votação
Comentador sérvio Comentador croata Comentador esloveno Porta-voz Idioma utilizado Cidade
1961 Ljubomir Vukadinović Gordana Bonetti Tomaž Terček Saša Novak Francês Ljubljana
1962 Mladen Delić Zagreb
1963 Miloje Orlović Inglês Belgrado
1964 Miloje Orlović Oliver Mlakar Francês Ljubljana
1965 Mladen Delić Inglês Belgrado
1966 Dragana Marković
1967 Oliver Mlakar Francês Ljubljana
1968 Snežana Lipkovska-Hadžinaumova Inglês Skopje
1969 Helga Vlahović Zagreb
1970 Milovan Ilić Oliver Mlakar Dragana Marković Belgrado
1971 Sem porta-voz
1972
1973
1974 Helga Vlahović Inglês Zagreb
1975 Dragana Marković Belgrado
1976 Viktor Blažič Ljubljana
1977 Não participou
1978
1979 Sem transmissão
1980 Milovan Ilić Oliver Mlakar Tomaž Terček
1981 Mladen Popović Helga Vlahović Inglês Belgrado
1982 Miša Molk Ljubljana
1983 Boško Negovanović Novi Sad
1984 Snežana Lipkovska-Hadžinaumova Francês Skopje
1985 Snežana Lipkovska-Hadžinaumova Não participou
1986 Mladen Popović Oliver Mlakar Miša Molk Enver Petrovci Inglês Priština
1987 Minja Subota Francês Belgrado
1988 Slobodan Kaloper Miša Molk Inglês Ljubljana
1989 Miša Molk Dijana Čulić Francês Novi Sad
1990 Branko Uvodić Drago Čulina Inglês Zadar
1991 Ksenija Urličić Draginja Balać Sarajevo
1992 Países separados Veselin Mrđen Belgrado
1993 Sem transmissão Não participou
1994 Mladen Popović
1995
1996
1997 Nikola Nešković
1998 Vojislav Pantić
1999 Sem transmissão
2000
2001 Desconhecido
2002 Mladen Popović
Pais Dissolvido
  • Devido à Croácia e à Eslovénia terem-se tornado países independentes com o desmembramento da Jugoslávia, a partir de 1992 deixou de haver comentadores croata e esloveno.

Maestros

editar
Ano(s) Maestro[8]
1961   Jože Privšek
1962
1963   Miljenko Prohaska
1964   Radivoje Spasić
1965
1966   Mojmir Sepe
1967   Mario Rijavec
1968   Miljenko Prohaska
1969
1970   Mojmir Sepe
1971   Miljenko Prohaska
1972   Nikica Kalogjera
1973   Esad Arnautalić
1974   Zvonimir Skerl
1975   Mario Rijavec
1976   Esad Arnautalić
1977 Não participou
1978
1979
1980
1981   Ranko Rihtman
1982   Zvonimir Skerl
1983   Radovan Papović
1984   Mato Došen
1985 Não participou
1986   Nikica Kalogjera
1987
1988
1989
1990   Stjepan Mihaljinec
1991   Slobodan Marković
1992   Anders Berglund
1993 Não participou
1994
1995
1996
1997
1998
Pais Dissolvido

Maestros anfitriões

editar
Ano(s) Maestro[8]
1990   Igor Kuljerić
Pais Dissolvido

História dos votos

editar
Jugoslávia deu mais pontos a:
Rank País Pontos
1   Reino Unido 95
2   Itália 94
3   França 93
4   Suíça 81
5   Suécia 70
Jugoslávia recebeu mais pontos de:
Rank País Pontos
1   Turquia 80
2   Reino Unido 69
3   Israel 68
4   Bélgica 63
5   Chipre 59

Referências

  1. «Archived copy». Consultado em 15 de outubro de 2008. Arquivado do original em 3 de abril de 2008 
  2. a b Jugovizija statistics by year Arquivado em 26 fevereiro 2008 no Wayback Machine, Eurodalmatia official ESC fan club, Dalmatia, Croatia
  3. Alma Čardžić Bio – Official Site Arquivado em 7 de julho de 2017, no Wayback Machine. Predefinição:Bs icon (em turco)
  4. Extra Nena Bio – Official Site Arquivado em 7 de março de 2017, no Wayback Machine. (sérvio) (em inglês)
  5. «Eurovision Trivia: Did you know...». BBC News. 6 de maio de 2005. Consultado em 26 de agosto de 2008 
  6. Klier, Marcus (28 de setembro de 2007). «Interview with Extra Nena». ESCToday. Consultado em 26 de agosto de 2008 
  7. Deniz, Jose Miguel Galvan (14 de março de 2005). «Eurovision shows political side». BBC News. Consultado em 26 de agosto de 2008 
  8. a b «And the conductor is...|...a website dedicated to all conductors of the Eurovision Song Contest». andtheconductoris.eu. Consultado em 1 de abril de 2021