Kędzierzyn-Koźle

Loudspeaker.svg? Kędzierzyn-Koźle (em tcheco/checo: Kandřín-Kozlí, em alemão: Kandrzin-Cosel) é um município da Polônia, na voivodia de Opole e sede do condado de Kędzierzyn-Koźle. Está localizada na parte sudeste da planície da Silésia, na Bacia de Racibórz (Bacia de Kozielska)[11] na Alta Silésia, no rio Óder, na foz do Canal de Gliwice e na foz do rio Kłodnica.

Polónia Kędzierzyn-Koźle 
  cidade e comuna  
Do topo: Canal de Gliwice, igreja de Santo Eugênio de Mazenod, Gabinete distrital, igreja de São Nicolau, igreja de São Sigismundo e Santa Edviges da Silésia, igreja evangélica de Augsburgo, Pavilhão de Esportes e Lazer, castelo, eclusa Kłodnica, Grupa Azoty ZAK, estação ferroviária, igreja de Santa Catarina de Alexandria
Do topo: Canal de Gliwice, igreja de Santo Eugênio de Mazenod, Gabinete distrital, igreja de São Nicolau, igreja de São Sigismundo e Santa Edviges da Silésia, igreja evangélica de Augsburgo, Pavilhão de Esportes e Lazer, castelo, eclusa Kłodnica, Grupa Azoty ZAK, estação ferroviária, igreja de Santa Catarina de Alexandria
Símbolos
Bandeira de Kędzierzyn-Koźle
Bandeira
Brasão de armas de Kędzierzyn-Koźle
Brasão de armas
Localização
Kędzierzyn-Koźle está localizado em: Polônia
Kędzierzyn-Koźle
Kędzierzyn-Koźle no mapa da Polônia
Mapa dinâmico da cidade
Coordenadas 50° 20' N 18° 08' 45" E
País Polônia
Voivodia Opole
Condado Kędzierzyn-Koźle
História
Data de fundação 1104 Koźle
1283 Kędzierzyn
Elevação à cidade 1281 Koźle
1951 Kędzierzyn
1973 Kłodnica
1973 Sławięcice
1975 Kędzierzyn-Koźle
Administração
Tipo Prefeitura
Presidente da cidade Sabina Nowosielska
(desde 2014)
Características geográficas
Área total 123,7 km²
População total (2021) [1]

[2][a]

59 603 hab.
Densidade 481,8 hab./km²
Altitude 180 m
Fuso horário CET (UTC+1)
Horário de verão CEST (UTC+2)
Código postal 47-200, 47-205, 47-206, 47-220, 47-222, 47-223, 47-224, 47-225, 47-230, 47-232
Código de área +48 77
Cidades gêmeas
Grand-Charmont  França[3]
Héricourt  França[4]
Jonava  Lituânia (2010)[5]
Kalush  Ucrânia (2005)[6]
Öhringen  Alemanha (2013)[7]
Pisz  Polônia (2012)[8]
Přerov  República Tcheca (2007)[9]
Racibórz  Polônia (2005)[10]
Outras informações
Matrícula OK
Slogan Kędzierzyn-Koźle - Cidade das Oportunidades
Commons-logo.svg Mídia no Commons
Website Kędzierzyn-Koźle na rede Internet

Foi fundada em 1975 pela combinação de quatro organismos administrativos distintos: Kędzierzyn, Koźle, Sławięcice e Kłodnica[b]. Um dos maiores portos fluviais da Polônia está localizado em Koźle. Uma das maiores fábricas de produtos químicos da Polônia - Grupa Azoty ZAK, bem como a holding "Blachownia" estão localizadas em Kędzierzyn-Koźle. É a segunda maior cidade da voivodia de Opole em termos de população e área.

Estende-se por uma área de 123,7 km², com 59 603 habitantes, segundo o censo de 31 de dezembro de 2021, com uma densidade populacional de 481,8 hab./km².[1][2] [c]

GeografiaEditar

LocalizaçãoEditar

A cidade está situada na parte sudeste da voivodia de Opole, na parte central da mesorregião da Bacia de Racibórz.[12] Ao longo do rio Óder, esta mesorregião é a parte mais ao sul da planície silesiana.[12] No leste, faz fronteira com o planalto Rybnik, o planalto Katowice e Garb Tarnogórski, no oeste com o planalto Głubczyce.[12] No sul, o Vale do Óder conecta com a Bacia Racibórz e com a Bacia Ostrava.[12]

Segundo dados de 31 de dezembro de 2021, a área da cidade era de 123,7 km².[1]

Ambiente geográficoEditar

Na área de Kędzierzyn-Koźle, a diferença de elevação é de 50 m.[12] O ponto mais alto fica nas florestas, na fronteira leste da cidade e atinge 215,3 m acima do nível do mar.[12][13] A área inclina-se em direção ao vale do rio Óder, e o próprio vale se inclina para o norte. O ponto mais baixo é aquele onde o rio Óder deixa a cidade, e sua altura é de cerca de 165 m acima do nível do mar.[12] A altura média da cidade é de 180 m acima do nível do mar.[1] Pode-se acrescentar que o ponto mais alto permanente da cidade é o topo da chaminé E de 150 metros na Usina de Blachownia (distrito de Blachownia - rua Energetyków 11), que também é o edifício mais alto da cidade, atingindo uma altura de cerca de 350 m acima do nível do mar.[14]

A maior parte da cidade está situada no fundo dos vales dos rios: o rio Óder e seu afluente da margem direita, o rio Kłodnica. As áreas localizadas a leste das margens do rio Óder são um terraço fluvial plano. A parte nordeste da cidade é composta por coberturas de loesse, que fazem parte do cume Chełm (maciço da montanha de Santa Ana).

HidrografiaEditar

 
Porto no distrito de Koźle-Port, à esquerda o Canal de Gliwice, à direita o rio Óder

A rede de rios é formada pelo rio Óder e seu afluente direito Kłodnica (ele deságua no rio Óder a sudeste do centro do distrito de Koźle).

As hidrovias artificiais desempenham um papel distinto na estrutura da rede hidrográfica da cidade. Dois canais usavam o curso do vale natural do curso de água do Kłodnica: o Canal Kłodnica (não funciona mais) e o Canal de Gliwice. O terceiro canal é o Canal Kędzierzyński, que é uma ramificação do Canal de Gliwice para o ZAK Spółka Akcyjna. O Canal Odra-Dunaj-Łaba conectando Koźle com Viena permaneceu na esfera dos planos.

  Cursos de água e reservatórios em Kędzierzyn-Koźle[15]
Rios
Lp. Nome
1 Kłodnica
2 Óder
Lagos marginais
Lp. Nome
1 Lago marginal do Kłodnica[16]
2 Lago marginal do Óder[17]
Córregos
Lp. Nome (nome alternativo)
1 Cisowa (Lenartowski Potok)
2 Koźlanka (Golka)
3 Miejski Potok (Młynówka)[18]
4 Młyńska Struga
5 Olszówka (Lineta)
6 Poleśnica
7 Większycka Woda[19]
Canais
Lp. Nome
1 Gliwice
2 Ulgi[20]
3 Kędzierzyński
4 Kłodnicki
5 Stary
Lagos
Lp. Nome
1 Kuźniczka[21]
2 Trójkąt[22]

SolosEditar

A cobertura do solo na área de Kędzierzyn-Koźle é caracterizada por uma diferenciação relativamente forte, e os tipos de solo mais importantes são:[23]

  • Solos marrons - na parte norte da cidade (Cisowa, Miejsce Kłodnickie, Sławięcice)
  • Solos podzólicos - na parte sudeste da cidade, nas áreas florestais entre o conjunto habitacional Azoty e a aldeia de Stara Kuźnia
  • Solos menos profundos, feitos de areias argilosas e lavouras leves, e solos podzólicos feitos de areia e cascalho (na área de Sławięcice)
  • Solos enferrujados, feitos de areias soltas na área florestal entre Cisowa e a conexão do Canal de Gliwice com o Óder
  • Solos aluviais - nos vales dos rios Óder e Kłodnica

ClimaEditar

Gráfico climático para Kędzierzyn-Koźle
JFMAMJJASOND
 
 
35
 
2
-3
 
 
29
 
3
-3
 
 
38
 
8
0
 
 
33
 
15
4
 
 
63
 
20
8
 
 
59
 
22
12
 
 
65
 
25
14
 
 
52
 
25
14
 
 
44
 
20
10
 
 
32
 
15
6
 
 
36
 
8
2
 
 
35
 
3
-2
Temperaturas em °CPrecipitações em mm

Fonte: Klimat Kędzierzyn-Koźle. meteoblue.com

A região de Kędzierzyn-Koźle pertence à região climática da Silésia-Grande Polônia.[24] O verão começa cedo e é quente, enquanto o inverno é curto e ameno.[24] A temperatura média anual é de 8,3 °C (temperatura média em janeiro -2,0 °C, temperatura média em julho 18,2 °C).[24] As amplitudes de temperatura são mais baixas do que a média na Polônia. A duração do inverno é de 70 dias, e a duração do verão é de 90 dias.[24] A precipitação continua abaixo da média nacional. A precipitação média anual é de cerca de 650 mm.[24]

Proteção ambientalEditar

De acordo com o relatório da Organização Mundial da Saúde, em 2016 Kędzierzyn-Koźle foi classificada como a trigésima terceira cidade mais poluída da União Europeia.[25] Em um relatório conjunto do Greenpeace e da AirVisual, Kędzierzyn-Koźle foi listada como a 6.ª cidade mais poluída da Polônia e a 21.ª da Europa com partículas de PM2,5 (poeira suspensa com diâmetro não superior a 2,5 μm, considerado o mais nocivo à saúde humana entre todos os poluentes atmosféricos) em 2018.[26][27][28]

Flora e faunaEditar

A riqueza da flora de Kędzierzyn-Koźle é constituída por mais de 400 espécies de plantas que ocorrem dentro dos limites da cidade.[29] Além de espécies comuns, como lenhosas: pinheiro, abeto, larício, carvalho (pedúnculo e vermelho), tília, bordo (comum e sicômoro), freixo, amieiro, choupo (negro e tremedor), salgueiro (várias espécies) e bétula;[29]arbustos: sabugueiro, espinheiro, pado, rosa, amora-preta, mirtilo e visgo; ervas: gramínea, junça, junco, espadana, inclusive caniços, cálamos e taboas que formam canaviais, artemísias e mastruz[29] Também existem espécies raras e protegidas na região.[29] Treze espécies de plantas protegidas foram encontradas na cidade, incluindo: hera-comum, ásaro-comum, pervinca-comum, soldados-d'água, lírio-d'água-amarelo, açafrão-do-prado, rosa-de-gueldres e Daphne-de-fevereiro.[29]

O mundo animal também é rico. Existem espécies de todo o espectro de habitats aqui. Fauna aquática, como: efeméridas e libélulas (donzelinhas, libélula-de-ventre-plano e ésnidos), alfaiates, persevejos e besouros; anfíbios, tais como: rãs (verdes e marrons), sapos-de-barriga-de-fogo, sapos; aves: mergulhões, gansos, patos, saracuras, frangos-d'água, garças, perdizes-cinzentas, faisões e pardais, tentilhões, chapins e corvos; mamíferos: veados, corças e javalis.[29]

ComércioEditar

Existem pontos de venda das seguintes redes na cidade: Carrefour, Kaufland, E.Leclerc, Castorama, Intermarché, Biedronka, Lidl, Aldi, Netto, Żabka, Groszek, Odido e muitos outros. No distrito de Pogorzelec, existe um centro comercial "Odrzańskie Ogrody" com 85 lojas - incluindo um supermercado e um cinema.

Divisão administrativaEditar

 
Divisão administrativa de Kędzierzyn-Koźle
Śródmieście
Osiedle Piastów
1
Kłodnica
Kuźniczka
Lenartowice
Cisowa
Miejsce
Kłodnickie
Przyjaźni
Azoty
Sławięcice
Pogorzelec
2
Cidade
Velha
Koźle-Rogi
Zachód
1 → Blachownia Śląska
2 → Południe

Kędzierzyn-Koźle não forma um todo coerente - distritos claramente separados são limitados por florestas, prados e campos aráveis. A cidade foi fundada em 1975 pela combinação de quatro organismos administrativos distintos: Kędzierzyn, Koźle, Kłodnica e Sławięcice (cidade e comuna). Está dividida em 16 conjuntos habitacionais (unidades auxiliares da comuna): Azoty, Blachownia Śląska, Cisowa, Kędzierzyn (Śródmieście), Kłodnica, Koźle (Cidade Velha, Sul e Oeste), Koźle-Rogi, Kuźniczka, Lenartowice, Miejickiełce, Osiedle Piastów, Osiedle Przyjaźni, Pogorzelec e Sławięcice. Além disso, é costume distinguir os distritos de Koźle-Port, Powstańców Śląskich e Żabieniec, mas eles atualmente não constituem unidades auxiliares da cidade.[30]

CondadoEditar

A cidade é a sede do governo local do condado de Kędzierzyn-Koźle.

NomeEditar

 
Koźle entre outros nomes de cidades da Silésia em um documento oficial prussiano de 1750 emitido em polonês em Berlim[31]
 
Panorama da cidade de Koźle (primeira metade do século XVIII)

O nome da cidade vem da combinação dos nomes de duas cidades - Kędzierzyn e Koźle. A primeira fonte de informações sobre o assentamento fortificado de Kosle vem da Kronika Galla Anonima, escrita em latim nos anos 1112–1116 por Galo Anônimo. Por sua vez, em 1283 o nome de Kędzierzyn foi mencionado em uma forma latinizada como Kandersino, e em 1410, Candirsyn.[32] Em um documento oficial prussiano de 1750, publicado em polonês em Berlim por Frederico, o Grande, Koźle é mencionada entre outras cidades da Silésia.[31] O nome Koźle no livro "Um breve esboço da geografia da Silésia para a ciência inicial" publicado em Głogówek em 1847 foi mencionado pelo escritor silesiano Józef Lompa.[33] O nome polonês Kędzierzyn e o alemão Kandrzin e a estação ferroviária Kosel-Kandrzin estão listados no Dicionário Geográfico do Reino da Polônia publicado na virada dos séculos XIX e XX.[32]

Em 1934, as autoridades do Terceiro Reich mudaram o nome da cidade de Kandrzin para Heydebreck O.S., que vigorou até 1945.[34] O novo nome homenageou o comandante da unidade voluntária alemã, Peter von Heydebreck, que durante a Terceira Revolta da Silésia lutou na Batalha da Montanha de Santa Ana e capturou Kędzierzyn.

Em 30 de outubro de 1975, três outras cidades foram incorporadas a Kędzierzyn: Koźle, Kłodnica e Sławięcice, e a comuna de Sławięcice, enquanto o nome da cidade resultante permaneceu inalterado por três dias. O nome oficial atual "Kędzierzyn-Koźle" entrou em vigor em 3 de novembro de 1975.[35]

HistóriaEditar

 
Planta da Fortaleza de Kozielsk em 1851

Os primeiros registros históricos de Koźle datam de 1104, mas não foram concedidos privilégios de cidade até 1281. Essas terras faziam parte do principado de Koźle-Bytom, que a partir de 1289 foi um feudo do rei tcheco. Em 1526, o Ducado de Koźle-Bytom junto com os tchecos ficou sob o domínio dos Habsburgos. A partir de 1741 sob o governo da Prússia. Em 1743, teve início a expansão da fortaleza de Koźle. O desenvolvimento econômico significativo de toda a área começou com a construção do Canal de Kłodnica (1792–1812). Em 1807, a fortaleza de Koźle foi sitiada pelo exército napoleônico. Em 1845, foi inaugurada a linha ferroviária Opole-Gliwice - foi o início do desenvolvimento da aldeia de Kędzierzyn, onde se localizava a estação ferroviária. A partir desse momento, Kędzierzyn começou seu desenvolvimento sistemático às custas de Koźle, cujo desenvolvimento foi limitado pela existência da fortaleza. A situação não mudou com a liquidação da fortaleza de Koźle em 1873 e a construção de um porto fluvial em Koźle (1891–1908). Em 1921, a área foi um campo de batalha durante a Terceira Revolta da Silésia. Essas terras, sob o plebiscito, permaneceram dentro das fronteiras da Alemanha. Nos anos de 1934 a 1938, um novo Canal de Gliwice foi construído. Em 1945, com a derrota dos alemães na Segunda Guerra Mundial e a conquista da cidade pelo Exército Vermelho, a cidade passou a fazer parte da Polônia. Em 1951, Kędzierzyn recebeu os direitos de cidade, em 1973 Kłodnica e novamente Sławięcice. Em 1975, três cidades (Koźle, Kłodnica e Sławięcice) e a comuna de Sławięcice foram anexadas a Kędzierzyn, dando origem à atual cidade de Kędzierzyn-Koźle.[36]

DemografiaEditar

  'População dos distritos de Kędzierzyn-Koźla (em 31-12-2021)[37]
N.º Distrito População
1 Śródmieście 11 021
2 Pogorzelec 10 354
3 Piastów 7 617
4 Zachód 5 135
5 Kłodnica 3 870
6 Cidade Velha 3 187
N.º Distrito População
7 Sławięcice 2 442
8 Blachownia 2 394
9 Cisowa 1 796
10 Azoty 1 684
11 Rogi 1 160
12 Kuźniczka 1 024
N.º Distrito População
13 Południe 691
14 Przyjaźni 518
15 Lenartowice 474
16 Miejsce Kłodnickie 338
Total 53 705

A distribuição do número de mulheres e homens por idade que vivem em Kędzierzyn-Koźle (em 2014) foi a seguinte:[38]

Kędzierzyn-Koźle está subordinada ao Serviço de Estatística em Opole, filial em Prudnik.[39]

Monumentos históricosEditar

 
Edifícios, rua Piastowska 17
 
Edifícios, rua Żeromskiego 9
 
Caixa d'água no complexo municipal de abastecimento de água
 
Ruínas do palácio (parque em Sławięcice)
 
Antigo complexo hospitalar R. Kocha - Sławięcice

No registro de monumentos imóveis da voivodia de Opole em 31 de maio de 2017, há 76 objetos da área de Kędzierzyn-Koźle:[40]

Koźle, Kędzierzyn

  • Cidade Velha em Koźle (como parte das suposições medievais)
  • Igreja de São Sigismundo e Santa Edwiges da Silésia, rua Złotnicza, de 1489 - século XV, 1570, século XIX, com uma torre gótico-renascentista
  • Igreja de São Nicolau, rua Judyma 1, de 1901 a 1902 em Kędzierzyn
  • Igreja de Nossa Senhora das Dores, rua Kłodnicka 2, de 1928
  • Complexo do mosteiro franciscano, rua Doktora Wojciecha Czerwińskiego 5: igreja da Assunção da Bem-Aventurada Virgem Maria, construída em 1751-1753, mosteiro, hoje escritórios, de 1753 - século XVIII, século XIX
  • Igreja Evangélica-Augsburgo, rua Głowackiego 17, de 1902 a 1903
  • Campanário da capela, o assim chamado Pańszczyźniana, rua Wyspiańskiego, de 1814
  • Túmulos de soldados poloneses, participantes da Campanha de setembro de 1939, no cemitério católico, rua Cmentarna
  • Vala comum de soldados do 1.º Exército das Forças Armadas Polonesas que morreram em 1945
  • Cemitério de guerra dos soldados do Exército Soviético, rua Jana Pawła II em Kędzierzyn
  • Castelo em Koźle - a primeira fase do castelo foi provavelmente erguida como a residência do castelão ao mesmo tempo que o foral da cidade por Kazimierz Opolski, datado de 1222. Seu primeiro administrador conhecido foi o castelão de Naczesław, mencionado nos anos de 1222–1230. O complexo foi construído em tijolo sobre um alicerce de pedra e na primeira fase consistia numa torre residencial autônoma em estilo românico tardio. Quando nos anos 1312-1335 a cidade se tornou a capital do principado independente de Koźle, governado independentemente por Władysław a partir de 1303, o castelo foi expandido para servir como a residência do príncipe e os aposentos da corte, mencionados em 1283. A torre foi circundada por uma parede perimetral com contorno semelhante a um quadrado com dimensões de 41,5 × 42,8 m, com um portão localizado a leste e uma torre quadrangular erguida no canto sudeste. A reconstrução no estilo renascentista data de 1558-1562, durante a qual os edifícios das alas sul e oeste foram construídos.[41]
  • Muralhas defensivas de Koźle, do século XIV, a partir de meados do século XVI: ruína das muralhas, rua Kraszewski, ruína dos muros de contenção com partes do bastião semicircular - bastião, junto ao castelo
  • Fortificações “Fryderycjańskie” da Fortaleza de Koźle: diques e fossos, alvenaria e terra, do século XVIII. Fragmentos de fortificações na margem esquerda do rio Óder, cinco cantos da circunferência do aterro principal, fragmentos do circuito de combate interno e uma ruptura com vários hangares de pólvora sobreviveram; a encosta anterior com o fosso foi transformada em praças da cidade e fortificações espalhadas na margem direita: Forte Frederico Guilherme, Torre de Montalembert, Forte Rondel, rua Portowa do século XVIII, bunker da fortaleza erguida nos séculos XVIII-XIX, construção da fortaleza do século XVIII/XIX, poço da fortaleza do século XIX, rua Konopnicka, Żeromskiego, Piramowicza, Skarbowa, Planty, Zamkowa, Potteryska, Targowa
  • Parque urbano, nas fortificações da Fortaleza de Koźle, a partir da metade do século XIX
  • Casa, rua Bolesława Chrobrego 20, a partir do século XX
  • Paiol, atualmente armazém, rua Garncarska 1, do século XVIII/XIX
  • Casa, rua Grunwaldzka 5, do início do século XX
  • Casa, rua Łukasiewicza 9, de 1908, Correios, Banco PKO, Caritas
  • Casa, rua Matejki 10–12, de 1900-1910
  • Casas, rua Pamięci Sybiraków 2, do final do século XVIII - 1920 n.º 4, do século XVIII ao século XX
  • Casas, rua Piastowska 3, 5, 7, 17, 33, do final do século XIX/XX
  • Casa, rua Piramowicza 17, do século XIX/XX, um antigo hospital
  • Edifício administrativo do antigo governante do condado, atualmente prefeitura, rua Piramowicza 32, 1909-1910: a casa do zelador
  • Prisão com guarda, rua Racławicka 10, do quarto quarto do século XIX
  • Casas, praça principal 1, 2, de 1798, 1800, século XVIII a XX
  • Casino militar, atualmente Centro Cultural Municipal, rua Skarbowa 10, de 1930
  • Casa, rua Skłodowskiej 7, do século XIX/XX
  • Casa senhorial, rua Sławięcicka 3, de 1930: solar, parque
  • Três edifícios de quartéis, atualmente casas residenciais, rua Targowa 13/15, 17/21, 23/27, de 1776-78, século XIX a XX
  • Casa, rua Żeromskiego 9, final do século XIX
  • Complexo municipal de abastecimento de água, rua Filtrowa 14, 1900–1902: torre de água, estação de bombeamento, prédio de escritórios
  • Torres de pressão PKP n.º 1 e uma estação de bombeamento com uma estação de transformador, n.º 2, n.º 3, n.º 4, rua Towarowa em Kędzierzyn, de 1908 a 1914, torre de abastecimento de água dos Caminhos de Ferro Poloneses, na estação Koźle-Port, de 1905
  • Antigo Canal Kłodnica, que conectava Koźle com Gliwice (construído em 1792–1812) em Kłodnica, dentro da cidade e dentro da voivodia
  • Seis eclusas - a eclusa Koźle, reformada após a enchente em 1997, a eclusa IV não existe mais

Kłodnica

  • Casa, rua Krasickiego 12, de madeira, do século XIX, não existe mais

Sławięcice

  • Igreja paroquial de Santa Catarina, de 1864-1869, rua Staszic, inscrita no livro de registro
  • Complexo do presbitério na igreja de Santa Catarina, rua Staszica 1, do séc. XIX: presbitério, anexo, mirante no jardim
  • Complexo palaciano, dos séculos XVIII e XIX, um dos maiores parques da voivodia: um pavilhão de jardim barroco - miradouro, de 1802, uma casa de jardineiro clássico tardio de 1830, um parque; sepultura coletiva de insurgentes da Silésia, de 1921
  • Complexo hospitalar Roberta Koch, rua Orkana 14, de 1880-1884: edifício residencial e comercial - pavilhão "A" com conector, edifício administrativo e auxiliar - pavilhão "B" com conector, edifício hospitalar - pavilhão "C", edifício residencial e utilitário - pavilhão "D ", de 1925, duas espreguiçadeiras de madeira, vegetação do parque, cerca de tijolos com portões
  • Casa, rua Sadowa 95, de 1830, não existe mais
  • Hidrelétrica, atualmente casa residencial e industrial, rua Pushkin 1, a partir da metade de século XIX
  • Crematório, está localizado no antigo campo nazista, fora do registro: um monumento aos assassinados, na floresta circundante - inúmeros vestígios de torres de tiro e portões de entrada.

Outros monumentos:

  • Sinagoga (atualmente inexistente)
  • Cemitério judeu
  • Complexo portuário, rua Żeglarska em Koźle-Port tem três piscinas com dispositivos de recarga preservados (basculantes de vagões)
  • Abrigo na rua Szymanowski, perto do antigo campo de futebol, enterrado, apenas as chaminés são visíveis
  • Capela da servidão, rua Wyspiański em Kłodnica
  • Sifão em Lenartowice, rua Nowowiejska, onde o rio Kłodnica corre sob o Canal de Gliwice.

Divisão utilizável da área da cidadeEditar

De acordo com dados SWDE de 2017:[42]

  • Área de terreno agrícola: 2 860 ha, incluindo:
    • Terra arável: 2 175 ha
    • Pomares: 29 ha
    • Prados: 413 ha
    • Pastos: 134 ha
  • Florestas e áreas florestais: 5 758 ha
  • Terra restante e vegetação estéril: 3 724 ha.

TransportesEditar

 
Passarela sobre a eclusa de água em Koźle

Transporte rodoviárioEditar

A cidade está situada no cruzamento das rotas de comunicação da Alta e da Baixa Silésia. A estrada nacional n.º   Głuchołazy-Pyskowice passa por Kędzierzyn-Koźle.

Além disso, as seguintes estradas da voivodia de Opole convergem na cidade:

  •   Kędzierzyn-Koźle – Gliwice
  •   Kędzierzyn-Koźle – Brzeźce
  •   Kędzierzyn-Koźle – Reńska Wieś
  •   Kędzierzyn-Koźle – Opole
  •   Kędzierzyn-Koźle – Zawadzkie

Parte do rodoanel foi construído (em 2008, o plano para construir a parte restante do rodoanel com uma nova ponte sobre o rio Óder foi aprovado[43] e uma conexão conveniente com a autoestrada   Jędrzychowice - Korczowa em Olszowa.

Saídas da autoestrada   na direção de Kędzierzyn-Koźle:[44]

  • Dąbrówka até a estrada nacional n.º   Opole – Zabełków
  • Gogolin para a estrada provincial n.º  
  • Krapkowice para a estrada provincial n.º   Dębina – Strzelce Opolskie, e depois na para a estrada provincial n.º  
  • Olszowa para a estrada provincial n.º  
  • Łany para a estrada nacional n.º  
  • Ostropa para a estrada provincial n.º  

Existem oito rotatórias no território de Kędzierzyn-Koźle

  Rotatórias rodoviárias na área de Kędzierzyn-Koźle
N.º Nome Encruzilhada Distrito
1. Mościckiego – Grabskiego – Witosa Azoty
2. Księdza Jana Opieli OMI Gliwicka – Kozielska Pogorzelec
3. Milenijne Gliwicka – Al. Armii Krajowej – Wyspiańskiego – Obwodnica Południowa
4. Rafała Wojaczka Kozielska – Tartaczna – Reja
5. Rotmistrza Witolda Pileckiego Al. Armii Krajowej
6. Grunwaldzkie Grunwaldzka – Al. Armii Krajowej Śródmieście
7. Konstantego Chmielewskiego Al. Jana Pawła II – Miła – 1 Maja
8. Solidarności Al. Jana Pawła II – Grunwaldzka – Dworcowa – Traugutta – Karola Miarki

Transporte de ônibusEditar

 
Solaris Urbino, MZK Kędzierzyn-Koźle

O transporte público é fornecido pela Central de Transporte Municipal em Kędzierzyn-Koźle, que opera desde 1 de maio de 1969 para o transporte de passageiros na cidade e nas comunas vizinhas. Existem atualmente 12 linhas.[45]

O transporte interurbano é fornecido pela Veolia Transport Opolszczyzna Spółka z o.o. (antiga Przedsiębiorstwo Komunikacji Samochodowej S.A.) tem cerca de 25 paradas em Kędzierzyn-Koźle e a estação rodoviária em Koźle. A Veolia opera várias conexões locais no condado de Kędzierzyn-Koźle e parcialmente nos condados de Krapkowice e Prudnik.

Transporte ferroviárioEditar

 
Estação ferroviária principal em Kędzierzyn-Koźle (antes da modernização)

Kędzierzyn-Koźle está localizada na rota de uma linha de importância nacional e internacional. Duas linhas ferroviárias internacionais percorrem a cidade: E-30 e E-59. Em Kędzierzyn-Koźle, o início da Linha Ferroviária Principal de Podsudecka, que é uma parte não eletrificada da linha ferroviária nº 137, tem cinco estações ferroviárias:

  • Estação ferroviária principal — é uma das maiores estações ferroviárias da voivodia de Opole.
  • Kędzierzyn-Koźle Przystanek — uma parada de trem no distrito de Koźle-Port.
  • Kędzierzyn-Koźle Zachodnie — uma parada de trem no distrito de Koźle.
  • Sławięcice — estação ferroviária no distrito de Sławięcice.
  • Kędzierzyn Koźle Azoty — uma estação ferroviária no distrito de Azoty.

Doze linhas ferroviárias utilizadas para o tráfego de passageiros ou mercadorias passam pela cidade:

  • Linha ferroviária n.º 136 de grande importância: Kędzierzyn-Koźle — Opole Groszowice
  • Linha ferroviária n.º 137 de maior/principal importância [d]: KatowiceLegnica
  • Linha ferroviária n.º 151 de grande importância: Kędzierzyn-Koźle — Chałupki
  • Linha ferroviária n.º 174 de importância local: Kędzierzyn-Koźle KKD — Żabieniec
  • Linha ferroviária n.º 199 de grande importância: Rudziniec Gliwicki — Kędzierzyn-Koźle KKA
  • Linha ferroviária n.º 680 de importância secundária: Kędzierzyn-Koźle KKD — Kłodnica
  • Linha ferroviária n.º 681 de importância primordial: Nowa Wieś — Stare Koźle
  • Linha ferroviária n.º 682 de importância secundária: Nowa Wieś — Kędzierzyn-Koźle KKB
  • Linha ferroviária n.º 709 de importância secundária: Kędzierzyn-Koźle — Stare Koźle
  • Linha ferroviária n.º 872 de importância local: Nowa Wieś — Kędzierzyn-Koźle KKC
  • Linha ferroviária n.º 890 de importância local: Bierawa — Zakłady Azotowe Kędzierzyn
  • Linha ferroviária n.º 956 de importância local: Kędzierzyn-Koźle KKC — Kędzierzyn-Koźle KKB 12

A cidade é sede da transportadora ferroviária DB Cargo Spedkol, e a Grupa Azoty Koltar possui uma de suas filiais.

Transporte fluvialEditar

 
Caixa d'água Koźle
 
Ruína do cais de uma bacia portuária abandonada

A cidade está localizada na Hidrovia Internacional E-30 e na Hidrovia do Óder, onde o Canal de Gliwice se conecta ao rio Óder e, portanto, tem uma conexão fluvial com Szczecin, Bydgoszcz, Europa Ocidental e Alta Silésia oriental - Porto de Gliwice. Há um grande porto fluvial em Koźle com os seguintes parâmetros:[46]

  • área do cais de 250 mil m²
  • área das águas do porto é de 140 mil m²
  • comprimento do cais de recarga é de 3,2 km
  • comprimento dos cais de atracação 0,64 km
  • aterros sanitários de 60 mil m²
  • armazéns de 800 m²
  • elevador de grãos, guindastes portuários, posto de gasolina.

Atualmente (2021), devido à obstrução do rio Óder em seu curso médio como uma via navegável e à falta geral de interesse no transporte fluvial na Polônia, a capacidade de movimentação do porto é usada apenas em uma porcentagem insignificante, e os elementos da infraestrutura portuária estão se degradando rapidamente .

O tráfego turístico é feito pela Marina Lasoki (na área do antigo estaleiro),[47] que está localizada em Lasoki (parte do distrito de Koźle-Rogi), no km 101 do rio Óder.

Em Kędzierzyn-Koźle existem:

  1. nos 95,5 km do rio Óder, a eclusa Koźle, com 38,5 m de comprimento, 5,3 m de largura e 1,3 m de altura, é uma fechadura com portas de madeira abertas manualmente por meio de lanças.
  2. em 3,6 km do Canal de Gliwice, a eclusa de água dupla Kłodnica de duas câmaras, 71,8 metros de comprimento, 12 metros de largura e 10,4 metros de altura.[48]
  3. nos 7,8 km do Canal de Gliwice, a eclusa de água dupla Nowa Wieś de duas câmaras, 71,4 metros de comprimento, 12 metros de largura e 6,2 metros de altura.[48]
  4. nos 15,1 km do Canal de Gliwice, a eclusa de água dupla Sławięcice de duas câmaras, 71,4 metros de comprimento, 12 metros de largura e 6,25 metros de altura.[48]

Também há duas eclusas na cidade, localizadas na única seção preservada do antigo Canal Kłodnica.

Transporte aéreoEditar

Em 2014, na rua 24 kwietnia 5, o Kędzierzyn-Koźle-Hospital tinha um campo de pouso sanitário para helicópteros.

Cerca de 22 km a sudoeste da cidade, há um campo de pouso multifuncional privado em Pawłowiczki.

CulturaEditar

A organização da vida cultural em Kędzierzyn-Koźle é administrada e supervisionada pelo Departamento de Cultura, Esportes e Recreação da Prefeitura. Para este efeito, a comuna estabeleceu instituições culturais:

  • Centro Cultural Municipal
  • Biblioteca Pública Municipal, que possui oito filiais na cidade (Biblioteca Central e 7 filiais)

Existem 5 centros comunitários[49] na cidade. Uma exposição permanente do museu dedicada à história da cidade foi organizada na torre do castelo.

Cinemas:

 
Casa da Cultura e Cinema "Chemik"
  • Cinema "Chemik" possui um moderno sistema de som Dolby Digital Surround Ex. A instalação está adaptada às necessidades das pessoas com deficiência, o número de assentos é de 300. Após uma reforma completa, o cinema foi reaberto em 27 de março de 2009.[50]
  • Cinema "Hel" foi fechado no início do século XXI[51]
  • Cinema "Twierdza" no Centro Cultural de Koźle
  • Cinema "Helios" na galeria "Odrzańskie Ogrody"

Eventos culturais permanentesEditar

Eventos nacionais:[49]

  • Concurso Literário Nacional "Krajobrazy Słowa"[52]
  • Concurso Nacional de Canções de Vela e Poesia Marinha "Szantki" - um evento de dois dias dedicado a canções de vela para celeumas
  • "Art Attack" - Festival Internacional de Humor e Sátira - um dia de festival de cabarés satíricos
  • Concurso Nacional de Canções Turísticas e Poesia Cantante "Wrzosowisko" - resenha de bandas de poesias cantadas
  • Festival Internacional de Cinema Independente "Publicystyka"

Eventos regionais:[49]

  • Dias da cidade - Dias dos químicos
  • Festival de Canção Religiosa "Azoty"
  • Torneio de Cultura Escolar - apresentação das conquistas culturais das escolas municipais
  • Concurso regional de pequenas formas de teatro "Vou lhe contar um conto de fadas" - competição para crianças em idade pré-escolar

Associações culturaisEditar

  • Sociedade da Região de Koźle
  • Associação de Amantes de História e Arqueologia de Kozielsk EXPLORATOR
  • União Juvenil da Minoria Alemã, Koźle-Rogi
  • Associação Musical e Cultural - Banda de Música Municipal "Azoty Kędzierzyn-Koźle"
  • Associação Social e Educacional "Ziemia Kozielska"
  • Conjunto de canções e dança KOMES
  • Sociedade da Amizade polaco-francesa, filial em Kędzierzyn-Koźle
  • Sociedade Sócio-Cultural dos Ciganos na República da Polônia
  • Associação Blechhammer -1944

Bandas de músicaEditar

Comunidades religiosasEditar

 
Igreja do Espírito Santo e da Bem-Aventurada Virgem Maria, Mãe da Igreja (Distrito Piastów)

Na área de Kędzierzyn-Koźle, as seguintes igrejas e associações religiosas realizam atividades religiosas:

  • Igreja católica:
    • Igreja de São Sigismundo e Santa Edviges da Silésia - rua Złotnicza 12, distrito: Koźle
    • Igreja de Santa Catarina de Alexandria - rua Staszica, distrito: Sławięcice
    • Igreja de São Nicolau - rua dr. Judyma 1, distrito: Kędzierzyn
    • Igreja de São Francisco de Assis e São Jacinto - rua A. Fredry 36, distrito: Cisowa
    • Igreja do Espírito Santo e da Bem-Aventurada Virgem Maria, Mãe da Igreja - rua B. Krzywoustego 2, distrito: Osiedle Piastów
    • Igreja de Nossa Senhora das Dores - rua Kłodnicka 2, distrito: Kłodnica
    • Igreja de São Pio X, o Papa e Santa Maria Goretti - rua Przyjaźni 69, distrito: Blachownia Śląska
    • Igreja de Santa Floriana - rua Chemików 3, distrito: Azoty
    • Igreja da Bem-Aventurada Virgem Maria Rainha do Mundo - rua Baczyńskiego 1, distrito: Koźle-Rogi
    • Igreja de Santo Eugênio de Mazenod - rua Ligonia 22, distrito: Pogorzelec
  • Igreja Ortodoxa Polonesa:
    • Igreja do Ícone da Mãe de Deus de "Todos os Aflitos de Alegria" - rua Kościelna 11, distrito: Kędzierzyn.
  • Igrejas protestantes:
    • Igreja Evangélica de Augsburg:
      • Igreja Evangélica-Augsburg em Kędzierzyn-Koźle, rua Grunwaldzka, distrito: Kędzierzyn - é uma filial da igreja em Zabrze.
    • Igreja Adventista do Sétimo Dia:
      • Igreja em Kędzierzyn-Koźle, rua Grunwaldzka 29, distrito: Kędzierzyn.
    • Igreja Batista Cristã
      • instituição
    • Comunidade Cristã Pentecostal
      • Casa de Oração, avenida Jana Pawła II 3
    • Igreja Pentecostal:
      • Igreja "Betezda", rua Racławicka 5
  • Testemunhas de Jeová:
    • Igreja Kędzierzyn-Koźle-Leste (incluindo um grupo de língua ucraniana)
    • Igreja Kędzierzyn-Koźle-Oeste (incluindo o grupo de língua romani) - Salão do Reino rua Przyjaźni 141[55]
  • Movimento Missionário Leigo "Epifania"
    • Igreja no distrito de Kuźniczka, rua Starowiejska 1/1.
  • Associação de Pesquisadores das Escrituras Livres:
    • congregação
  • Budismo
    • Associação Budista Linhagem Karma Kagyu Via Diamante - centro, rua Głowackiego 9a/1.

EducaçãoEditar

Existem 15 escolas primárias, 8 escolas médias, 7 escolas secundárias e estudos de mestrado extramuros na cidade.

Incluindo:

  • Complexo Técnico e Escolar Geral em Kędzierzyn-Koźle (Azoty) - a primeira escola na Polônia com uma aula de e-sports,[56]
  • Complexo Escolar de Navegação Interior Bohaterów Westerplatte N.º 2 - uma das duas escolas de navegação interior na Polônia,
  • Escola secundária Henryk Sienkiewicz em Kędzierzyn-Koźle.

A Faculdade de Engenharia Técnica de Sistemas da Universidade de Tecnologia de Opole também está localizada aqui.[57]

EsportesEditar

 
Salão de esportes

A organização da vida esportiva em Kędzierzyn-Koźle é administrada e supervisionada pelo Departamento de Cultura, Esportes e Lazer da Prefeitura. Colabora com o Centro Municipal de Desportos e Lazer.

 
Piscina coberta em Kędzierzyn

Na cidade existem: 5 estádios desportivos e recreativos, 3 quadras de tênis, 2 salas de desporto e entretenimento, uma piscina interior, duas piscinas exteriores e uma pista de gelo (sazonalmente).

O futebol da cidade é representado por Chemik Kędzierzyn-Koźle, que foi reativado em 26 de julho de 2006. Jogava na 2.ª liga e agora na classe distrital (5.ª liga).

O clube desportivo de maior sucesso a operar na cidade é o clube de voleibol masculino ZAKSA Kędzierzyn-Koźle.

A cidade também conta com o Clube Esportivo “Caper” que representa a cidade no softball (feminino) e no beisebol (masculino).

TurismoEditar

 
Antigo campo de concentração em Sławięcice - portão de entrada
 
Monumento no antigo campo de concentração em Sławięcice

HotéisEditar

Número de turistas estrangeiros que usam locais de acomodação:

Ano Número de pessoas
2002 1227
2003 1305
2004 3964
2005 3063

Fonte: GUS, 2005.

  • Hotel „Centralny” (rua Waryńskiego 7)
  • Hotel „Court” (rua Bolesława Śmiałego 2)
  • Hotel „Lech” (rua Wyzwolenia 7)
  • Hotel „Berlin” (rua Broniewskiego 15)
  • Zajazd „Polonia” (rua Ligonia 5 a)
  • Hotel Villa Vanilla (rua Sławięcicka 80)
  • Hotel Hugo (rua Władysława Orkana 14)

Rotas turísticasEditar

Na área de Kędzierzyn-Koźle, três rotas turísticas foram marcadas ao longo das trilhas:[58]

  •   Trilha da Terceira Revolta da Silésia Kędzierzyn-Koźle (estação ferroviária) - Dąbrówka - Sławięcice - Ujazd - Stary Ujazd - Zimna Wódka - Klucz - Czarnocin - Poręba - Estação Góra Świętej Anny - Oiona
  •   Trilha dos Insurgentes da Silésia Bytom - Piekary Śląskie - Radzionków - Tarnowskie Góry - Wilkowice - Zbrosławice - Kamieniec - Boniowice - Karchowice - Jaśkowice - Lubię - Pniów - Pisarzowice - Toszek - Płużniczka - Dąbrówka - Centawa - Jemielnica - Strzelce Opoliorowice - Szymiszów - Kalinowice - Ligota Górna - Góra Świętej Anny - Leśnica - Krasowa - Raszowa - Kłodnica - Pogorzelec - Brzeźce - Stare Koźle - Bierawa - Lubieszów - Dziergowice - Solarnia - Kotlarnia - Łącozza - Sierowakowice - Rice
  •   Trilha do Capitão Robert Oszek Kędzierzyn-Koźle (estação ferroviária) - Kuźniczka - Łąki Kozielskie - Leśnica - Poręba - Lichynia - Klucz - Olszowa - Komorniki - Księży Las - Dry Łany - Strzelce Opolskie

Trilhas de bicicletaEditar

Uma trilha de bicicleta atravessa a área de Kędzierzyn-Koźle:[59]

AdministraçãoEditar

 
Prédio da prefeitura e a sede do prefeito da cidade

Kędzierzyn-Koźle tem o estatuto de comuna-urbana. O órgão de tomada de decisão do governo local é a Câmara Municipal de Kędzierzyn-Koźle, composta por 23 vereadores.[60] O corpo executivo é o presidente da cidade.

O Conselho Municipal de 23 pessoas (desde 2002 e anteriormente 36) é presidido pelo presidente e dois vice-presidentes eleitos entre seus membros.[61]

O governo da cidade é membro da: Associação de Cidades Polonesas, Associação de Municípios de Opole Silésia.[62]

Meios de comunicaçãoEditar

Em Kędzierzyn-Koźle, são publicados 3 semanários locais: Nowa Gazeta Lokalna, Tygodnik Lokalny 7 dni e Echo Gmin. Há uma estação de rádio, a Radio Park FM e a televisão Samodzielna Telewizja Miejska em Kędzierzyn-Koźle.

Serviço de saúdeEditar

  • Hospital (rua Roosevelta 2) – UTI, laringologia, oftalmologia, cirurgia, recém-nascidos, obstetrícia, ginecologia, urologia, ortopedia, crianças.
  • Hospital (rua Judyma) – pneumologia, geriatria, neurologia, dermatologia.
  • SN ZOZ clínica "B-med", POZ médico, dermatologista, neurologista, psiquiatra, psicólogo, clínica de terapia de dependência e co-dependência, hospital-dia de terapia de dependência, dentista.

Serviços uniformizadosEditar

 
Complexo de quartéis, atualmente casas residenciais, rua Targowa
  • Polícia - Sede da Polícia do Condado em Kędzierzyn-Koźle.
  • Prisão preventiva - localizada em Koźle, atende ao tribunal e à promotoria em Kędzierzyn-Koźle.
  • Corpo de bombeiros - o Quartel-General do Serviço de Bombeiros do Estado em Kędzierzyn-Koźle tem duas unidades de resgate e combate a incêndios:
    • Unidade de resgate e combate a incêndio n.º 1 em Azoty,
    • Unidade de resgate e combate a incêndio n.º 2 em Koźle.
  • Serviço militar - a partir de 1945, o quartel-general da 2.ª Divisão de Infantaria ficava em Koźle. Em agosto de 1945, a guarnição foi reforçada com o 35.º (mais tarde 36.º) Regimento de Artilharia. Em 11 de outubro de 1989, a guarnição militar em Kędzierzyn-Koźle foi liquidada. Em 18 de julho de 1994, a guarnição militar voltou. O 10.º Regimento de Artilharia Mista da Silésia estava estacionado aqui. Durante a desastrosa enchente de 1997, a área do quartel foi completamente inundada. Isso levou à liquidação do regimento e da guarnição (31 de dezembro de 1998).

NotasEditar

  1. De acordo com os dados da Prefeitura de Kędzierzyn-Koźle fornecidos no site (kedzierzynkozle.pl) a população do município em 31 de dezembro de 2021 era de 53 705 habitantes (→ Kędzierzyn-Koźle em números).
  2. A fundação de Kędzierzyn-Koźle não foi, no entanto, formalmente uma fusão de quatro municípios, mas uma anexação de Kędzierzyn em 30 de outubro de 1975 de três municípios (Kłodnica, Koźle e Sławięcice) e a comuna de Sławięcice («Diário Oficial de 1975, n.º 35, item 198». isap.sejm.gov.pl. Consultado em 23 de setembro de 2021 ). A comuna de Kłodnica não foi incluída no novo organismo, mas foi incorporada às comunas de Leśnica e Zdzieszowice («Diário Oficial de 1975, n.º 35, item 197». isap.sejm.gov.pl. Consultado em 23 de setembro de 2021 ). Em 3 de novembro de 1975, o nome de Kędzierzyn foi alterado para Kędzierzyn-Koźle («M.P. de 1975 n.º 34, item 210». isap.sejm.gov.pl. Consultado em 23 de setembro de 2021 ). Assim, neste curto período, o novo município, muitas vezes maior, ainda se chamava Kędzierzyn.
  3. A lista inclui a participação dos conselheiros em grupos no dia da publicação do resultado das eleições (em alguns casos os conselheiros mudaram de filiação durante o mandato ou tornaram-se conselheiros independentes).
  4. No trecho até o km 64,162 (até a estação Kędzierzyn-Koźle) a linha é de grande importância. A linha é de primordial importância na próxima seção.

Referências

  1. a b c d «Kędzierzyn-Koźle (Opole) mapas, imóveis, Escritório Central de Estatística, acomodações, escolas, região, atrações, códigos postais, salário, desemprego, ganhos, tabelas, educação, jardins de infância, demografia». Polska w liczbach (em polonês). Consultado em 25 de abril de 2022 
  2. a b GUS. «Área e população no perfil territorial em 2016». stat.gov.pl (em inglês). Consultado em 25 de abril de 2022 
  3. «BIP Kędzierzyn Koźle - u_570.pdf». web.archive.org. 22 de outubro de 2013. Consultado em 9 de novembro de 2021 
  4. «BIP Kędzierzyn Koźle - u_571.pdf». portal.kedzierzynkozle.pl. Consultado em 9 de novembro de 2021 
  5. «Miasta partnerskie-Urząd Miasta Kędzierzyn-Koźle-www.kedzierzynkozle.pl». web.archive.org. 2 de abril de 2015. Consultado em 11 de abril de 2022 
  6. «BIP Kędzierzyn Koźle - u_504.pdf». web.archive.org. 22 de outubro de 2013. Consultado em 9 de novembro de 2021 
  7. «Umowa partnerska» (PDF). kedzierzynkozle.pl. 8 de junho de 2013. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  8. «Umowa» (PDF). kedzierzynkozle.pl. 22 de novembro de 2012. Consultado em 8 de novembro de 2021 
  9. «BIP Kędzierzyn Koźle - u_106.pdf». web.archive.org. 22 de outubro de 2013. Consultado em 9 de novembro de 2021 
  10. «BIP Kędzierzyn Koźle - u_435.pdf». web.archive.org. 22 de outubro de 2013. Consultado em 9 de novembro de 2021 
  11. «GeoŚląsk :: Jednostki geomorfologiczne :: Kotlina Raciborsko-Oświęcimska - GeoSilesia». web.archive.org. 28 de abril de 2016. Consultado em 23 de setembro de 2021 
  12. a b c d e f g Górecka, Kopka & Bielowska 2018, p. 11.
  13. «Stara Kuźnia - Obiekty Nadleśnictwa Kędzierzyn. Atrakcje turystyczne Starej Kuźni. Ciekawe miejsca Starej Kuźni». www.polskaniezwykla.pl. Consultado em 23 de setembro de 2021 
  14. «RadioPolska • Obiekt nadawczy | RON Kędzierzyn-Koźle *Komin E Blachownia (h150)*». radiopolska.pl. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  15. Polska (Kędzierzyn-Koźle - mapa. polska.e-mapa.net.
  16. «Mapy.cz». Mapy.cz. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  17. «Mapy.cz». Mapy.cz. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  18. «Mapy.cz». Mapy.cz. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  19. «Operat ochrony przed powodzią gminy Kędzierzyn-Koźle. (PDF)» (PDF). kedzierzynkozle.pl. Abril de 2012. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  20. «Mapy.cz». Mapy.cz. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  21. «Mapy.cz». Mapy.cz. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  22. «Mapy.cz». Mapy.cz. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  23. Górecka, Kopka & Bielowska 2018, p. 16.
  24. a b c d e Górecka, Kopka & Bielowska 2018, p. 18.
  25. «Przerażający raport ws. jakości powietrza. Polskie miasta na czele listy». TVN24 Biznes (em polonês). Consultado em 23 de setembro de 2021 
  26. Redakcja (7 de março de 2019). «Kędzierzyn-Koźle na 21. miejscu najbardziej zanieczyszczonych miast Europy». Kędzierzyn-Koźle Nasze Miasto (em polonês). Consultado em 24 de setembro de 2021 
  27. «13 z 50 miejsc Europy z najgorszym powietrzem znajduje się w Polsce. Jaworzno w czołówce». nextgazetapl (em polonês). Consultado em 24 de setembro de 2021 
  28. «2018 World Air Quality Report Region & City PM2.5 Ranking» (PDF) (em inglês). airvisual.com. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  29. a b c d e f Górecka, Kopka & Bielowska 2018, p. 19.
  30. «Osiedla - Biuletyn Informacji Publicznej Urzędu Miasta Kędzierzyn-Koźle». bip.kedzierzynkozle.pl. Consultado em 25 de setembro de 2021 
  31. a b Fryderyk II Wielki (1750). Wznowione powszechne taxae-stolae sporządzenie, Dla samowładnego Xięstwa Sląska, Podług ktorego tak Auszpurskiey Konfessyi iak Katoliccy Fararze, Kaznodzieie i Kuratusowie Zachowywać się powinni. Sub Dato z Berlina, d. 8. Augusti 1750 - Śląska Biblioteka Cyfrowa (em polonês). Breslávia: J.J. Korn 
  32. a b Słownik geograficzny Królestwa Polskiego i innych krajów słowiańskich. 3. Varsóvia: Nakł. Filipa Sulimierskiego i Władysława Walewskiego. 1880–1914. p. 955 
  33. Lompa, Józef (1847). Krótki rys jeografii Szląska dla nauki początkowej - Śląska Biblioteka Cyfrowa (em polonês). Głogówek: Nakł. Henryka Handla. p. 12 
  34. «Deutsche Verwaltungsgeschichte Schlesien, Kreis Cosel». web.archive.org (em alemão). 4 de março de 2016. Consultado em 23 de setembro de 2021 
  35. «Rozporządzenie Ministra Administracji, Gospodarki Terenowej i Ochrony Środowiska z dnia 15 października 1975 r. w sprawie zmiany granic niektórych miast w województwie opolskim.». isap.sejm.gov.pl. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  36. «Rozporządzenie Ministra Administracji, Gospodarki Terenowej i Ochrony Środowiska z dnia 15 października 1975 r. w sprawie zmiany granic niektórych miast w województwie opolskim.». isap.sejm.gov.pl. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  37. «Dane statystyczne | Urząd Miasta Kędzierzyn-Koźle». www.kedzierzynkozle.pl (em polonês). Consultado em 25 de abril de 2022 
  38. «Kędzierzyn-Koźle (opolskie) » mapy, nieruchomości, GUS, noclegi, szkoły, regon, atrakcje, kody pocztowe, wypadki drogowe, bezrobocie, wynagrodzenie, zarobki, tabele, edukacja, demografia». Polska w liczbach (em polonês). Consultado em 24 de setembro de 2021 
  39. Andrzej Dereń (8 de dezembro de 2004). «Polska bardziej polska». Prudnik: Spółka Wydawnicza ANEKS. Tygodnik Prudnicki. 49 (732). Czy wiesz, że... ISSN 1231-904X 
  40. «Wykaz obiektów zabytkowych nieruchomych wpisanych do rejestru zabytków województwa opolskiego – stan na dzień 31 maja 2017 r. (PDF)» (PDF). wuozopole.pl. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  41. Kawka, Wojciech. «Murowane wieże na zamkach księstwa opolsko-raciborskiego i księstw sukcesorskich od XIII do połowy XVI wieku». Consultado em 26 de setembro de 2021 
  42. Górecka, Kopko & Bielowska 2018, p. 17.
  43. «Operat ochrony przed powodzią gminy Kędzierzyn-Koźle. (PDF)» (PDF). kedzierzynkozle.pl. Abril de 2012. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  44. «Kędzierzyn-Koźle (mapa) 1:170 000». Mapy.cz. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  45. «MZK - Rozkład Jazdy». web.archive.org. 1 de dezembro de 2017. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  46. «ŻEGLUGA ŚRÓDLĄDOWA - News: Port Koźle - czy mamy przyczółek?». web.archive.org. 1 de dezembro de 2017. Consultado em 15 de janeiro de 2022 
  47. «Klub Sportowy MARINA LASOKI». www.lasoki.eu. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  48. a b c «KZGW». web.archive.org. 28 de maio de 2010. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  49. a b c «Instytucje kultury-Urząd Miasta Kędzierzyn-Koźle-www.kedzierzynkozle.pl...». web.archive.org. 1 de dezembro de 2017. Consultado em 11 de abril de 2022 
  50. Redakcja (27 de março de 2009). «Dziś otwarcie kina Chemik w Kędzierzynie-Koźlu». Nowa Trybuna Opolska (em polonês). Consultado em 24 de setembro de 2021 
  51. Krystyna Rutkowska. «Kronika Kędzierzyna – Koźla. Rok 2005. (PDF)» (PDF). kedzierzynkozle.pl. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  52. «Historia - Miejska Biblioteka Publiczna w Kędzierzynie-Koźlu». web.archive.org. 18 de agosto de 2017. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  53. «Fabryka Zespołów | Fabryka Zespołów - Rock - Archivum». web.archive.org. 15 de agosto de 2016. Consultado em 15 de janeiro de 2022 
  54. «Honker | retromuzyka» (em polonês). Consultado em 24 de setembro de 2021 
  55. «Sala Królestwa Świadków Jehowy, Przyjaźni 141, Kędzierzyn-Koźle 47-225 - Świadkowie Jehowy». mapa.targeo.pl (em polonês). Consultado em 24 de setembro de 2021 
  56. «ZSTiO.net». web.archive.org. 21 de dezembro de 2016. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  57. Sterniuk-Gronek, Lucyna (17 de outubro de 2016). «Inauguracja Wydziału Inżynierii Systemów Technicznych w Kędzierzynie-Koźlu». Wiadomości Uczelniane (em polonês). Consultado em 24 de setembro de 2021 
  58. User, Super. «Zespół Opolskich Parków Krajobrazowych - PK Góra Św. Anny - Szlaki turystyczne». zopk.pl (em inglês). Consultado em 27 de setembro de 2021 
  59. «Rowerowy Szlak Odry - Encyklopedia Rowerowa». www.encyklopediarowerowa.pl. Consultado em 27 de setembro de 2021 
  60. «ZARZĄDZENIE NR 41/10 WOJEWODY OPOLSKIEGO z dnia 23 lutego 2010 r. w sprawie ustalenia liczby radnych wybieranych do organów stanowiących jednostek samorządu terytorialnego dla przeprowadzenia wyborów samorządowych w 2010 r. (PDF)» (PDF). opole.uw.gov.pl. 4 de março de 2010. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  61. «Skład osobowy Rady Miasta Kędzierzyn-Koźle na kadencję 2018-2023 - Rada Miasta - Biuletyn Informacji Publicznej Urzędu Miasta Kędzierzyn-Koźle». bip.kedzierzynkozle.pl. Consultado em 24 de setembro de 2021 
  62. «ZGSO». www.zgso.org.pl. Consultado em 24 de setembro de 2021 

BibliografiaEditar

Ligações externasEditar