Abrir menu principal

Entomologia

Entomologia (do grego: έντομον, éntomon "inseto", λόγος, logos "palavra, tratado, estudo" e -ία, -ía "ação, qualidade") é um ramo da zoologia que estuda a estrutura, fisiologia, comportamento, evolução e classificação dos insetos e de alguns outros artrópodes. A entomologia tem suas raízes em quase todas as culturas desde os tempos pré-históricos, principalmente desde o aparecimento da agricultura (com os estudos de pragas, apicultura etc). Mas o estudo científico começou apenas no século XVI. No século XVIII, o estudo sobre os insetos tornou um dos principais assuntos nos trabalhos científicos, incluindo os de Linnaeus e Réaumur. No século XIX, os insetos foram objetos de muitos naturalistas e cientistas, tais como Darwin, Fabre, Nabokov entre outros. Atualmente, a entomologia apresenta várias subdivisões, como fisiologia animal, biologia molecular, etologia, paleontologia, taxonomia, sistemática, filogenia, biogeografia etc., além das áreas de estudos específicos como a coleopterologia, dipterologia, heteropterologia, himenopterologia, lepidopterologia, ortopterologia.


Artigo selecionado

Meat eater ant feeding on honey02.jpg

As formigas são animais pertencentes à família Formicidae, o grupo mais numeroso dentre os insetos. São seres particularmente interessantes porque formam níveis avançados de sociedade, ou seja, a eusocialidade. Todas as formigas, algumas vespas e abelhas, são considerados como insetos eusociais, fazendo parte da ordem Hymenoptera. As formigas estão incluídas em uma única família, Formicidae, com 12.585 espécies descritas até 2 de setembro de 2010, distribuídas por todas as regiões do planeta, exceto nas regiões polares. As formigas são o gênero animal de maior sucesso na história terrestre, constituindo de 15% a 20% de toda a biomassa animal terrestre.

Acredita-se que o surgimento das formigas na Terra deu-se durante o período Cretáceo (há mais de 100 milhões de anos) e pensa-se que elas evoluíram a partir de vespas que tinham aparecido durante o período Jurássico. O estudo das formigas denomina-se mirmecologia. Estima-se que o peso de todas as formigas do planeta supera o peso de toda a humanidade. As formigas-rainhas podem gerar 300 novos poneis em apenas uma semana. Assim, estima-se que existam 1016 de formigas na Terra.



Curiosidades


Anatomia

Robal.png
Anatomia de um inseto
A - Cabeça   B - tórax   C - Abdome

1. antena - 2. ocelo (inferior) - 3. ocelo (superior) - 4. olho composto - 5. cérebro (gânglios cerebrais) - 6. protórax - 7. artéria dorsal - 8. tubos traqueais e espiráculos - 9. mesotórax - 10. metatórax - 11. asa (1ª) - 12. asa (2ª) - 13. intestino médio (mesêntero) - 14. coração - 15. ovário - 16. intestino posterior (proctodeo) - 17. ânus - 18. vagina - 19. gânglios abdominais - 20. túbulos de Malpighi - 21. tarsômero - 22. garras tarsais - 23. tarso - 24. tíbia - 25. fémur - 26. trocanter - 27. intestino anterior (estomodeo) - 28. gânglios torácicos - 29. coxa - 30. glândula salivar - 31. gânglio sub-esofágico - 32. peças bucais.


Imagem selecionada

Assassin bug aug08 02.jpg
Reduviidae (Hemiptera), uma grande família de insetos cosmopolitas predadores.


Biografia selecionada

LeConte

John Lawrence LeConte ou LeConte (Nova Iorque, 13 de maio de 1825Filadélfia, 15 de novembro de 1883) foi um entomologista norte-americano. LeConte foi o mais importante entomologista dos Estados Unidos do século XIX, responsável por nomear e descrever metade dos insetos conhecidos nos Estados Unidos, incluindo 5 mil espécies de coleópteros. Foi reconhecido como a maior autoridade em coleópteros norte-americanos e descrito como o "pai do estudo americano da coleopterologia".

Wikiprojeto

Os temas referentes à Entomologia estão no âmbito do Wikiprojeto Árvore da Vida, que tem por objetivo reunir os usuários que se interessam pela área para melhorar a qualidade e padronizar os artigos relacionados, além de criar novos. Acesse a página do projeto e ajude a melhorar o conteúdo entomológico.

Subprojetos:


Categoria