Abrir menu principal

Rafael Santiago Gonçalves (Nova Granada, 9 de abril de 1988), mais conhecido como Rafael Grampola, é um futebolista brasileiro que atua como atacante. Atualmente joga pelo Brasil de Pelotas.

Rafael Grampola
Informações pessoais
Nome completo Rafael Santiago Gonçalves
Data de nasc. 9 de abril de 1988 (31 anos)
Local de nasc. Nova Granada (SP), Brasil
Nacionalidade brasileira
Altura 1,82 m[1]
Canhoto
Apelido Grampola
Informações profissionais
Clube atual Brasil de Pelotas
Posição Atacante
Clubes de juventude
2004
2005–2008
DERAC
Rio Preto
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2008–2009
2009
2010
2010
2011
2011–2012
2012
2013
2013
2013
2013–2014
2015–2016
2016–2017
2017–2019
2018
2019–
Rio Preto
Ipatinga
Atlético Sorocaba
Caxias
Sergipe
Bahia
Monte Azul (emp.)
Anápolis
ASEEV (emp.)
Canedense (emp.)
Zacatepec
Gama
Bragantino
Joinville
Paraná (emp.)
Brasil de Pelotas
00037 000(17)
00001 0000(0)
00006 0000(0)
00008 0000(4)
00020 000(11)
00000 0000(0)
00008 0000(3)
00018 0000(7)
00005 0000(3)
00002 0000(1)
00008 0000(1)
00028 000(13)
00039 000(14)
00063 000(35)
00018 0000(1)
00004 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 11 de junho de 2019.

Índice

CarreiraEditar

Início no futebolEditar

Ainda como jogador do sub-20, Rafael Grampola disputou sua primeira competição entre os profissionais em 2008, quando defendeu o Rio Preto na Copa Paulista.[2] Depois de anotar 10 gols na competição, foi promovido ao time principal em 2009 para a disputa da Série A2 do Campeonato Paulista.[3] Com sete gols marcados no torneio, chegou a ser sondado por equipes do Oriente Médio,[4] mas acabou acertando sua transferência para o Ipatinga por R$ 250 mil.[5]

No clube mineiro, não recebeu muitas oportunidades e disputou apenas uma partida na Série B.[6] No ano seguinte, ainda vestiu a camisa do Atlético Sorocaba antes de ser contratado pelo Caxias, em junho, para disputar a Série C e a Copa FGF.[7]

Sergipe e BahiaEditar

Incapaz de vencer a concorrência dos outros atacantes do Caxias, como Aloísio e Palacios, Rafael deixou o clube gaúcho ao fim da temporada e acertou com o Sergipe. Na nova equipe, ganhou status de ídolo ao se tornar artilheiro do Campeonato Sergipano, além de ter sido eleito o melhor atacante e o melhor jogador da competição.[8][9]

O bom desempenho chamou a atenção do Bahia, que contratou o atacante para a Copa Governador do Estado.[10] No entanto, Grampola não repetiu o sucesso no tricolor baiano e, em 2012, foi repassado ao Monte Azul.[11] Como ainda tinha parte de seus direitos vinculados ao Sergipe, a torcida alvirrubra chegou a fazer campanha pelo retorno do jogador,[12] mas ao fim do ano seu destino acabou sendo o Anápolis.[13]

Futebol goiano e mexicanoEditar

Do Anápolis, Rafael ainda chegou a ser emprestado para outros dois clubes de Goiás: a ASEEV e a Canedense. Em baixa na carreira, o atacante se transferiu no mesmo ano para o Zacatepec, time da segunda divisão mexicana, onde não viveu uma boa experiência.[14]

"Profissionalmente não foi uma passagem muito boa, pois acabei me lesionando. Depois me recuperei, mas não consegui voltar tão bem. Além disso o time acabou rebaixando, isso nunca tinha acontecido na minha carreira."[14]
— Rafael Grampola

GamaEditar

Após oito meses no México, o atacante retornou ao Brasil em 2015 para defender as cores do Gama. O início no time alviverde não foi fácil e o atleta chegou a ser vaiado pela torcida na semifinal do Campeonato Brasiliense.[15] No entanto, deu a volta por cima e marcou dois gols na final, ajudando a equipe a garantir a taça.[16][17] No ano seguinte, não conquistou títulos, uma vez que o Gama foi eliminado na semifinal do Campeonato Metropolitano e ficou com o vice-campeonato na Copa Verde. Ainda assim, Grampola se destacou garantindo a artilharia nas duas competições.[18][19]

BragantinoEditar

Em junho de 2016, acertou com o Bragantino para jogar a Série B.[20] Mesmo marcando sete gols no torneio, não foi capaz de evitar o rebaixamento do Massa Bruta.[21] Ao fim do ano, chegou a receber sondagens do Paysandu,[22] mas permaneceu na equipe paulista para 2017, quando ajudou o clube a retornar à elite do futebol paulista ao anotar oito gols na campanha do vice-campeonato da Série A2.[23]

JoinvilleEditar

Em maio de 2017, Rafael Grampola se transferiu para o Joinville.[24] No clube catarinense, foi artilheiro da Série C com 13 gols em 15 jogos, sendo quatro deles marcados na goleada por 8–1 diante do Mogi Mirim, na última rodada da primeira fase.[25] Na Copa Santa Catarina, anotou dois hat-tricks e somou sete gols em quatro partidas disputadas, ficando com a vice-artilharia da competição.[26][27][28] Ao todo, o atacante marcou 20 gols em 19 partidas pelo JEC na temporada, tornando-se o maior artilheiro do futebol catarinense de 2017.[29]

Em 2018, foi o artilheiro do Campeonato Catarinense com nove gols, ao lado de Lima, do Hercílio Luz. Também foi eleito o melhor atacante da competição, juntamente com André Luís, do Figueirense.[30] Entretanto, no segundo semestre, o Joinville acabou rebaixado para a Série D ao fim da Série C.[31]

ParanáEditar

Após a confirmação do rebaixamento do Joinville, o jogador teve seu contrato renovado com o clube catarinense e foi emprestado para o Paraná até o fim do ano para a disputa da Série A.[32][33]

Retorno ao Joinville e Brasil de PelotasEditar

No início de 2019, Grampola voltou de empréstimo para o Joinville, mas não foi bem no Campeonato Catarinense e sequer foi inscrito para a disputa da Série D, tendo seu contratado rescindido em maio.[34] Pouco tempo depois, acertou sua transferência para o Brasil de Pelotas.[35]

TítulosEditar

ArtilhariasEditar

Sergipe
Gama
Joinville

Referências

  1. «Rafael Grampola - Perfil do jogador». O Gol. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  2. «Rio Preto define os atletas que vão ficar». Diário da Região. 22 de maio de 2008. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  3. «Rio Preto promove oito da base e realiza novo teste, em Frutal». Diário da Região. 15 de janeiro de 2009. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  4. «Rio Preto recebe proposta de clube do Oriente por atacante». Diário da Região. 22 de janeiro de 2009. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  5. «'Matador' troca o Rio Preto pelo Ipatinga». Diário da Região. 23 de abril de 2009. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  6. «Fortaleza vence Ipatinga fora de casa pela Série B». ESPN. 23 de junho de 2009. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  7. «Caxias anuncia contratação de atacante Rafael Grampola». Pioneiro. 9 de junho de 2010. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  8. «Atacante e meia-atacante acertam permanência no Sergipe». Gilson de Oliveira. 3 de junho de 2011. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  9. «Ídolo no Sergipe, Rafael Grampola paraneniza ex-clube pela classificação». GloboEsporte.com. 23 de abril de 2012. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  10. «Com dois gols de Grampola, Bahia venceu o Feirense». Site Oficial do Bahia. 24 de setembro de 2011. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  11. «Atacante do Bahia segue para o Monte Azul-SP». Galáticos Online. 5 de dezembro de 2011. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  12. «Torcida colorada faz campanha na internet pela volta de Grampola». GloboEsporte.com. 3 de junho de 2012. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  13. «Guia do Goianão: confira as armas dos dez integrantes da edição de 2013». GloboEsporte.com. 18 de janeiro de 2013. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  14. a b «Próximo adversário é ex-clube de Grampola». Site Oficial do Gama. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  15. «Vaiado na semi, Grampola comemora gols decisivos na final: "Muito feliz"». GloboEsporte.com. 3 de maio de 2015. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  16. «Com um a menos, Gama vence o Brasília e conquista o título candango». GloboEsporte.com. 2 de maio de 2015. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  17. «Destaque do título, Grampola explica origem do apelido: "Veio da novela"». GloboEsporte.com. 5 de maio de 2015. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  18. «Melhores do Candangão 2016 são premiados em cerimônia». Metrópoles. 9 de maio de 2016. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  19. «Artilharia da Copa Verde de Futebol de 2016». CBF. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  20. «Série B: Bragantino contrata atacante Rafael Grampola, artilheiro da Copa Verde». Futebol Interior. 27 de junho de 2016. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  21. «Rebaixado à Série C em 2016, Grampola sente alívio após acesso ao Paulistão». GloboEsporte.com. 5 de maio de 2017. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  22. «Empresário de Rafael Grampola confirma sondagem do Paysandu». GloboEsporte.com. 24 de novembro de 2016. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  23. «Bragantino quer manter comissão técnica e 80% do elenco da A2 para Série C». GloboEsporte.com. 8 de maio de 2017. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  24. «JEC acerta contratação de atacantes Rafael Grampola e Ricardo Lobo para Série C». GloboEsporte.com. 11 de maio de 2017. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  25. «Joinville 8 x 1 Mogi Mirim - Grampola comanda vitória histórica, mas JEC não avança!». Futebol Interior. 9 de setembro de 2017. Consultado em 10 de setembro de 2017 
  26. «Grampola brilha na vitória do JEC sobre o Tubarão, e Inter x Brusque termina zerado». GloboEsporte.com. 8 de outubro de 2017. Consultado em 7 de janeiro de 2018 
  27. «Joinville frustra aniversário do Brusque e arranca empate no fim da partida». GloboEsporte.com. 12 de outubro de 2017. Consultado em 7 de janeiro de 2018 
  28. «Joinville goleia o Inter e abre vantagem na liderança; Brusque e Tubarão empatam». GloboEsporte.com. 29 de outubro de 2017. Consultado em 7 de janeiro de 2018 
  29. «Com 20 gols em 19 jogos pelo JEC, Rafael Grampola é o maior artilheiro de SC na temporada». Diário Catarinense. 31 de outubro de 2017. Consultado em 7 de janeiro de 2018 
  30. «Em noite de premiação, Jorge Henrique é eleito o craque do Catarinense; veja a seleção». GloboEsporte.com. 9 de abril de 2018. Consultado em 20 de maio de 2018 
  31. «Três anos após jogar Série A, Joinville é rebaixado à quarta divisão». UOL Esporte. 28 de julho de 2018. Consultado em 1 de agosto de 2018 
  32. «Joinville prorroga contrato de Grampola e empresta atacante ao Paraná Clube». GloboEsporte.com. 1 de agosto de 2018. Consultado em 1 de agosto de 2018 
  33. «Paraná Clube acerta contratação do atacante Rafael Grampola». GloboEsporte.com. 1 de agosto de 2018. Consultado em 1 de agosto de 2018 
  34. «Joinville anuncia saída de Rafael Grampola». GloboEsporte.com. 2 de maio de 2019. Consultado em 16 de maio de 2019 
  35. «Atacante Grampola chega ao Brasil-RS para suprir carência: "Responsabilidade grande"». GloboEsporte.com. 10 de maio de 2019. Consultado em 16 de maio de 2019 

Ligações externasEditar