Trae Young

Jogador de basquete estadunidense

Rayford Trae Young (Lubbock, 19 de setembro de 1998) é um jogador de basquete nascido nos Estados Unidos e que atualmente joga pelo Atlanta Hawks da NBA.[1]

Trae Young
20170329 MCDAAG Trae Young dribbling.jpg
Informações pessoais
Nome completo Rayford Trae Young
Data de nasc. 19 de setembro de 1998 (22 anos)
Local de nasc. Lubbock, Texas, Estados Unidos
Altura 6 ft 1 in (1.85 m)
Peso 82 kg (180 lb)
Apelido Ice Trae
Informações no clube
Clube atual Estados Unidos Atlanta Hawks
Número 11
Posição Armador
Clubes de juventude
2017–2018 Estados Unidos Oklahoma Sooners
Clubes profissionais
Ano Clubes Partidas (pontos)
2018–Presente Estados Unidos Atlanta Hawks 141 (3.327)

O armador atuou por uma temporada na Universidade de Oklahoma, quando se tornou o primeiro atleta da história do basquete universitário a liderar a liga em pontos e assistências[2] e então foi selecionado como a 5ª escolha geral do Draft de 2018 pelo Dallas Mavericks, que o trocou para os Hawks.

Primeiros anosEditar

Nascido em Lubbock, Texas, Trae é filho de Candice e Rayford Young, que jogou basquete em Texas Tech e profissionalmente na Europa.[3][4]

Ele tem um irmão mais novo, Timothy, e duas irmãs mais novas, Caitlyn e Camryn. Young também tem um tio que já jogou basquete universitário na NAIA.[5]

Carreira no ensino médioEditar

Young frequentou a Norman North High School em sua cidade natal, Norman, Oklahoma. Embora ele não tenha jogado em seu primeiro ano, ele acabou jogando pelo time no segundo ano. Naquele ano, ele obteve uma média de 25 pontos, 5 assistências e 4 rebotes por jogo, enquanto ajudava Norman North a vencer o campeonato da área de 2015 e foi nomeado para a Segunda-Equipe de Oklahoma.

Durante seu terceiro ano do ensino médio, ele melhorou significativamente seu jogo, com média de 34,2 pontos, 4,6 rebotes e 4,6 assistências, enquanto liderava a equipe para um recorde de 28-4 naquele ano, conquistando o título regional e sendo vice-campeão da Classe 6A de 2016. Ele também foi nomeado Jogador do Ano de Oklahoma por várias fontes.

Em sua última temporada, ele teve uma média de 42,6 pontos, 5,8 rebotes e 4,1 assistências por jogo, enquanto acertava 48,9% dos arremessos.

RecrutamentoEditar

Young foi considerado um dos melhores jogadores da turma de recrutamento de 2017 pela Scout.com, Rivals.com e ESPN.[6][7] A ESPN o considerou o segundo melhor candidato a armador naquele ano, enquanto os outros sites o consideravam o terceiro melhor armador da classe de recrutamento naquele ano.

Informações de recrutamento
Nome Cidade Natal Residência Escola/Universidade Altura Peso Data da revisão
Trae Young

PG

Lubbock, TX Norman, OK Norman North High School 1,88 m 83 kg 16 de fevereiro de 2017
Recrutamento: Rivais:    Scout:    247sports:    ESPN: 94
Classificação geral de novatos: Scout: 21º | Rivals: 14º | 247sports: 18º | ESPN: 15º
  • Nota : Em muitos casos, Scout, Rivals, 247Sports e ESPN podem entrar em conflito em suas listas de altura e peso, nestes casos, a média foi obtida.
  • Nota: A ESPN mede os calouros numa escala de 0 a 100.
  • Fonte:[8][9]

Carreira na faculdadeEditar

Em 16 de fevereiro de 2017, Young se comprometeu com a Universidade de Oklahoma, fazendo com que ele ficasse em seu estado natal. Ele foi o primeiro recruta de cinco estrelas da Universidade de Oklahoma desde Tiny Gallon em 2010.[10]

No início da temporada, em 12 de novembro, Young registrou 15 pontos, 10 assistências e seis rebotes em uma vitória sobre Omaha. Três dias após sua estréia na universidade, ele registrou 22 pontos e 13 assistências em uma vitória sobre Ball State. Em 26 de novembro, Young registrou 43 pontos e sete assistências em uma vitória de 90-80 sobre Oregon.

Em 19 de dezembro, Young empatou (com três outros) a marca de mais assistências em um único jogo da NCAA com 22, além de registrar 26 pontos em uma vitória por 105-68 contra Northwestern State.[11] Ao longo da temporada, Young passou de uma escolha tardia na primeira rodada ou na segunda rodada para ser uma potencial primeira escolha do Draft da NBA de 2018.[12][13] Ele também recebeu elogios de LeBron James e Stephen Curry por sua temporada em Oklahoma.[14]

Young, no entanto, passou por um período difícil quando a defesa de West Virginia o forçou a oito turnovers em 5 de janeiro de 2018. Além disso, sua defesa individual foi classificada como "ruim". No entanto, Young se recuperaria com 43 pontos, 11 rebotes e sete assistências em uma vitória de 102-97 sobre TCU em 13 de janeiro.

Em 20 de janeiro, Young registrou um novo recorde de 48 pontos em uma derrota de 83-81 para Oklahoma State. Em 23 de janeiro, ele registrou 26 pontos (7-9 em arremessos) e nove assistências em uma vitória de 85-80 sobre Kansas Jayhawks.

Young terminou sua temporada regular de calouro liderando o país em muitas estatísticas: assistências (271), pontos (848), pontos por partida (27,4) e assistências por partida (8,7). Os 848 pontos marcados na Big 12 quebrariam o recorde da conferência de mais pontos marcados por um novato, anteriormente ocupado por Kevin Durant e Michael Beasley. Em 7 de março de 2018, Young foi anunciado como vencedor do Wayman Tisdale Award como Calouro Nacional do Ano pela Associação de Escritores de Basquete dos Estados Unidos (USBWA).[15] No final da temporada regular de Oklahoma, Young também foi nomeado o Calouro do Ano da Big 12 e foi membro da Primeira-Equipe da Big 12.

Em 15 de março, Young registrou 28 pontos, sete assistências e cinco rebotes em uma derrota de 83-78 para o Rhode Island. Ele se tornou o segundo calouro a registrar números semelhantes de pontos em um jogo do Torneio da NCAA, com Chris Paul sendo o primeiro jogador em 2004.[16]

Após a derrota de Oklahoma no Torneio da NCAA de 2018, Young anunciou sua intenção de renunciar às suas três últimas temporadas de elegibilidade colegiada e se declarar para o Draft da NBA de 2018.[17]

Carreira profissionalEditar

Atlanta Hawks (2018–Presente)Editar

 
Trae Young fazendo uma bandeja.

Temporada de 2018-19Editar

Em 21 de junho de 2018, Young foi selecionado com a quinta escolha geral pelo Dallas Mavericks no Draft da NBA de 2018, mas foi negociado com o Atlanta Hawks junto com uma futura escolha protegida da primeira rodada em troca de Luka Dončić.[18] Em 1 de julho de 2018, Young assinou oficialmente com os Hawks.[19]

Em 21 de outubro, no terceiro jogo dos Hawks na temporada, Young terminou o jogo com 35 pontos e 11 assistências na vitória de 133-111 sobre o Cleveland Cavaliers.[20] Em 19 de novembro, Young terminou com 17 assistências, 25 pontos e três rebotes em uma derrota de 127-119 para o Los Angeles Clippers.[21] Em 25 de fevereiro de 2019, Young marcou 36 pontos em uma derrota por 119-111 para o Houston Rockets.[22] Em 27 de fevereiro, Young registrou 36 pontos e 10 assistências na vitória de 131-123 sobre o Minnesota Timberwolves.[23] Ele então quebrou o recorde da temporada dois dias depois, em 1º de março, somando 49 pontos, além de 16 assistências, na derrota de 168-161 para o Chicago Bulls.[24]

Em sua primeira temporada, ele jogou em 81 jogos e teve médias de 19.1 pontos, 3.7 rebotes e 8.1 assistências em 30.9 minutos.[25]

Temporada de 2019-20Editar

Em 24 de outubro de 2019, Young marcou 38 pontos no primeiro jogo da temporada contra o Detroit Pistons.[26] Em 29 de novembro, Young marcou 49 pontos, incluindo 21 no quarto quarto, para forçar a prorrogação contra o Indiana Pacers.[27]

Em 23 de janeiro de 2020, ele foi selecionado para a seleção All-Star da NBA como titular.[28]

Em 26 de janeiro, Young registrou 45 pontos e 14 assistências na vitória de 152–133 contra o Washington Wizards.[29] Young usou o número 8 nos primeiros 8 segundos do jogo em memória de Kobe Bryant.[30]

Quatro dias depois, ele registrou 39 pontos e 18 assistências em uma vitória por 127-117 sobre o Philadelphia 76ers.[31] Em 9 de fevereiro, Young registrou 48 pontos e 13 assistências em 47 minutos, na vitória por 140-135 sobre o New York Knicks.[32] Em 20 de fevereiro, Young marcou 50 pontos em uma vitória sobre o Miami Heat.[33]

EstatísticasEditar

LEGENDA
 PJ  Partidas jogadas  PI  Partidas iniciadas  MPJ  Minutos por jogo  AP  Arremessos de quadra (%)
 3P  Arremessos de 3 pontos (%)  LL  Lances-livre (%)  RT  Rebotes por jogo  AS  Assistências por jogo
 BR  Roubos de bola por jogo  TO  Tocos por jogo  PPJ  Pontos por jogo  Negrito  Melhor da carreira
Campeão da temporada
Líder da liga
MVP da temporada regular/campeonato
Recorde da história da NBA

NBAEditar

Temporada Regular
Ano Equipe PJ PT MPJ AP 3P LL RT AS BR TO PPJ
2018–19 Atlanta 81 81 30.9 .418 .324 .829 3.7 8.1 0.9 0.2 19.1
Carreira 81 81 30.9 .418 .324 .829 3.7 8.1 0.9 0.2 19.1

UniversitárioEditar

Temporada Equipe PJ PT MP FG% 3PT FT% REB AST STL PTS
2017–18 Oklahoma 32 32 35.4 42% 36% 86% 3.9 8.7 1.7 27.4

Prêmios e HomenagensEditar

Vida pessoalEditar

Young tem três irmãos, Caitlyn, Camryn e Timothy. Seu pai, Rayford, jogava basquete na Texas Tech.[34] Young é um cristão.[35]

Young seguiu os passos de Donovan Mitchell ao aparecer na segunda temporada da série da Young Hollywood, "Rookie on the Rise". A série segue Young em sua corrida pelo Prêmio de Novato do Ano.[36]

Referências

  1. «Official NBA bio of Trae Young». NBA.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  2. «Trae Young is the draft pick all the sneaker companies want». ESPN.com (em inglês). 12 de maio de 2018. Consultado em 23 de março de 2019 
  3. «Trae Young - 2017-18 - Men's Basketball». University of Oklahoma (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  4. «Trae Young». www.usab.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  5. Greene, Dan. «Let Trae Young explain his off-the-charts season». Sports Illustrated (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  6. «Trae Young, Atlanta Hawks, Point Guard». 247Sports (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  7. «Trae Young - Basketball Recruiting - Player Profiles - ESPN». ESPN.com. Consultado em 25 de julho de 2020 
  8. «Oklahoma 2017 Basketball Commits». 247Sports. Consultado em 2019-12-04lingua=en-US  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  9. «2017 Oklahoma Basketball Commitment List - Rivals.com». n.rivals.com. Consultado em 4 de dezembro de 2019  line feed character character in |titulo= at position 14 (ajuda)
  10. Niesen, Joan. «Trae Young plays pivotal role for rebuilding Sooners». Sports Illustrated (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  11. «Oklahoma freshman phenom Trae Young ties NCAA record with 22 assists». CBSSports.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  12. Woo, Jeremy. «NBA Mock Draft 2.0: Will big men own the lottery?». Sports Illustrated (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  13. «NBA Mock Draft 2018: Oklahoma's Trae Young flies into top five on latest board». www.sportingnews.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  14. Sharp, Andrew. «The most entertaining NBA draft debate in years». Sports Illustrated (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  15. «USBWA > News > Wayman Tisdale Award». www.sportswriters.net. Consultado em 25 de julho de 2020 
  16. «Oklahoma basketball: Trae Young makes history as freshman in NCAA Tournament | Sports | oudaily.com». web.archive.org. 17 de março de 2018. Consultado em 25 de julho de 2020 
  17. «OU basketball: Trae Young following path for one-and-done point guards». Oklahoman.com (em inglês). 20 de março de 2018. Consultado em 25 de julho de 2020 
  18. «2018 NBA Draft». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  19. «Hawks Acquire Trae Young, Select Kevin Huerter, Omari Spellman in 2018 NBA Draft». Atlanta Hawks (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  20. «Atlanta Hawks at Cleveland Cavaliers Box Score, October 21, 2018». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  21. «Los Angeles Clippers at Atlanta Hawks Box Score, November 19, 2018». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  22. «Atlanta Hawks at Houston Rockets Box Score, February 25, 2019». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  23. «Minnesota Timberwolves at Atlanta Hawks Box Score, February 27, 2019». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  24. «Chicago Bulls at Atlanta Hawks Box Score, March 1, 2019». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  25. «Trae Young 2018-19 Game Log». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  26. «Atlanta Hawks at Detroit Pistons Box Score, October 24, 2019». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  27. «Atlanta Hawks at Indiana Pacers Box Score, November 29, 2019». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  28. Smith, Sekou. «Captains LeBron James, Giannis Antetokounmpo headline starters for NBA All-Star 2020». NBA.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  29. «Washington Wizards at Atlanta Hawks Box Score, January 26, 2020». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  30. «Wizards vs. Hawks - Game Recap - January 26, 2020 - ESPN». ESPN.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  31. «Philadelphia 76ers at Atlanta Hawks Box Score, January 30, 2020». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  32. «New York Knicks at Atlanta Hawks Box Score, February 9, 2020». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  33. «Miami Heat at Atlanta Hawks Box Score, February 20, 2020». Basketball-Reference.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  34. «Trae Young». www.usab.com (em inglês). Consultado em 25 de julho de 2020 
  35. «Hawks' Trae Young helps erase $1 million of debt for families in need». Sports Spectrum (em inglês). 9 de janeiro de 2020. Consultado em 25 de julho de 2020 
  36. Cash, Meredith. «Trae Young featured in second season of 'Rookie On The Rise' docu-series, says he's gunning for Klay Thompson's single-game 3-point record». Business Insider. Consultado em 25 de julho de 2020