Abrir menu principal

Copa Libertadores da América de 2020

61ª edição da competição de futebol realizada anualmente pela Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL).
Current event marker.png
Este artigo ou seção é sobre um evento desportivo que ainda não ocorreu.
A informação apresentada pode mudar com frequência. Não adicione especulações, nem texto sem referência a fontes confiáveis.
Sports icon.png
Copa Libertadores da América de 2020
LXI Copa Libertadores de América
CONMEBOL Libertadores 2020
Conmebol Libertadores logo.svg
Dados
Participantes 47
Organização CONMEBOL
Período janeiro – 21 novembro de 2020
◄◄ 2019 Soccerball.svg 2021 ►►

A Copa Libertadores da América de 2020, oficialmente CONMEBOL Libertadores 2020, é a 61ª edição da competição de futebol realizada anualmente pela Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL). Participam clubes das dez associações sul-americanas.

Em 2017, a CONMEBOL propôs que a final da Copa Libertadores fosse disputada em uma partida única, ao invés dos dois jogos na casa de cada um dos finalistas. Em 23 de fevereiro de 2018, a confederação confirmou que, a partir da edição de 2019, a final será disputada em jogo único em um local previamente escolhido.[1]Em 24 de janeiro de 2019, o governador do estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, em presença no sorteio dos grupos da CONMEBOL Copa América Brasil 2019, apresentou diretamente ao presidente da CONMEBOL, Alejandro Domínguez, um requerimento de interesse da cidade do Rio em sediar a final da edição 2020 da CONMEBOL Libertadores[2]. No dia 24 de agosto do mesmo ano também foi formalizada à CONMEBOL a candidatura da cidade de São Paulo, através de um interesse da Federação Paulista de Futebol de receber a final de algum dos campeonatos de clubes organizados pela Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL Libertadores e CONMEBOL Sul-americana), porém a intenção inicial é de receber a segunda final única da história da Libertadores em alguns dos principais palcos futebolísticos da maior capital do Brasil. Portanto, foram ofertados o Estádio Cícero Pompeu de Toledo, o Allianz Parque e a Arena Corinthians, todas arenas novas ou recentemente remodeladas para competições continentais e internacionais. O estádio do Palmeiras (Allianz Parque) saiu da disputa, porque a Confederação Sul-americana exigiria exclusividade para utilização de camarotes e outras dependências do estádio para as quais a W. Torre já tem prioridade.[3]A capital federal, Brasília, apresentou interesse algumas horas após o anúncio da candidatura paulista. O plano é também de sediar alguma das finais dos campeonatos de clubes da CONMEBOL, e o Estádio Nacional Mané Garrincha seria o palco de alguma das decisões. Outras cidades brasileiras também se postularam depois de apresentarem seus planos e possíveis palcos para o jogo à CONMEBOL. Dentre elas estão Belo Horizonte, com o Estádio Mineirão e Porto Alegre, com a Arena do Grêmio e o Estádio Beira-Rio.[4][5] Instaurou-se, portanto, uma "disputa interna" pelo apoio da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) em apenas uma das cidades brasileiras na concorrência pela final desta competição.[6]

No restante do continente, houveram algumas possíveis e concretizadas candidaturas. Na Argentina, a AFA entendeu que apenas duas cidades teriam estádios modernos para concorrer com as arenas brasileiras; uma delas foi La Plata (com o Estádio Único) e a outra Córdova (com o Estádio Mario Alberto Kempes). Já o Peru tentará novamente sediar o evento que já havia apresentado interesse desde o ano anterior. Assim a cidade de Lima candidatou-se com o seu Estádio Nacional. Cada candidata teve um prazo para apresentar um caderno de encargos à Diretoria de Competições da CONMEBOL, e esta repartição ficou responsável de encaminhar ao Conselho deliberativo da entidade um relatório final sobre as condições e pretensões de cada candidata. No dia 17 de outubro a sede da final será anunciada na reunião do Conselho da CONMEBOL, no Equador, juntamente com a sede da final única da CONMEBOL Sul-americana 2020. [7][8]

O vencedor da Copa Libertadores de 2020 ganhará o direito de enfrentar o campeão da Copa Sul-Americana de 2020 na Recopa Sul-Americana de 2021, assim como se classifica automaticamente para a fase de grupos da Copa Libertadores da América de 2021.[9]

Equipes classificadasEditar

As seguintes 47 equipes das 10 federações filiadas à CONMEBOL se qualificarão para o torneio:[9]

  • Campeão da Copa CONMEBOL Libertadores da América de 2019
  • Campeão da Copa CONMEBOL Sul-Americana de 2019
  • Brasil: 7 vagas
  • Argentina: 6 vagas
  • Todas as outras associações: 4 vagas cada

A fase de entrada é determinada da seguinte maneira:

  • Fase de grupos: 28 equipes
    • Campeão da Copa Libertadores de 2019
    • Campeão da Copa Sul-Americana de 2019
    • Equipes qualificadas para para as vagas 1 a 5 da Argentina e do Brasil
    • Equipes qualificadas para as vagas 1 e 2 de todas as outras associações.
  • Segunda fase: 13 equipes
    • Equipes qualificadas para as vagas 6 e 7 do Brasil
    • Equipe que qualificou para a vaga 6 da Argentina
    • Equipes qualificadas para as vagas 3 e 4 do Chile e Colômbia
    • Equipes qualificadas para a vaga 3 de todas as outras associações.
  • Primeira fase: 6 equipes
    • Equipes que se qualificaram para a vaga 4 da Bolívia, Equador, Paraguai, Peru, Uruguai e Venezuela
País Equipe Classificação Fase
  Argentina
(6 vagas)
Racing Campeão do Superliga Argentina de Futebol de 2018–19 Fase de grupos
Defensa y Justicia Vice-campeão do Campeonato Argentino 2018–19
Argentina 3 Campeão da Copa da Argentina de Futebol de 2018–19
Tigre Campeão da Copa da Superliga Argentina de Futebol de 2019
Boca Juniors[ARG] 3º colocado do Campeonato Argentino 2018–19
River Plate[ARG] 4º colocado do Campeonato Argentino 2018–19 Segunda fase
  Bolívia
(4 vagas)
Bolívar Campeão do Torneio Apertura de 2019 Fase de grupos
Bolívia 2 Campeão do Torneio Clausura de 2019
Bolívia 3 Vice-campeão do Torneio Clausura de 2019 Segunda fase
Bolívia 4 Melhor pontuação na temporada de 2019 Primeira fase
  Brasil
(7 vagas)
Athletico Paranaense Campeão da Copa do Brasil de Futebol de 2019 Fase de grupos
Brasil 2 Campeão do Campeonato Brasileiro de Futebol de 2019 - Série A
Brasil 3 Vice-campeão do Campeonato Brasileiro Série A 2019
Brasil 4 3º colocado do Campeonato Brasileiro Série A 2019
Brasil 5 4º colocado do Campeonato Brasileiro Série A 2019
Brasil 6 5º colocado do Campeonato Brasileiro Série A 2019 Segunda fase
Brasil 7 6º colocado do Campeonato Brasileiro Série A 2019
  Chile
(4 vagas)
Chile 1 Campeão do Campeonato Chileno de Futebol de 2019 Fase de grupos
Chile 2 Vice-campeão do Campeonato Chileno de 2019
Chile 3 3º colocado do Campeonato Chileno de 2019 Segunda fase
Chile 4 Campeão da Copa Chile de 2019
  Colômbia
(4 vagas)
Colômbia 1 Campeão do Torneio Apertura de 2019 Fase de grupos
Colômbia 2 Campeão do Torneio Finalización de 2019
Colômbia 3 Melhor pontuação na temporada de 2019 Segunda fase
Colômbia 4 Campeão da Copa da Colômbia de 2019
  Equador
(4 vagas)
Equador 1 Campeão do Campeonato Equatoriano de Futebol de 2019 Fase de grupos
Equador 2 Vice-campeão do Campeonato Equatoriano de 2019
Equador 3 Melhor pontuação na temporada de 2019 Segunda fase
Equador 4 2ª melhor pontuação na temporada de 2019 Primeira fase
  Paraguai
(4 vagas)
Paraguai 1[PAR] Campeão dos Torneios Apertura e Clausura de 2019 Fase de grupos
Paraguai 2[PAR] Melhor pontuação na temporada de 2019
Paraguai 3 2ª melhor pontuação na temporada de 2019 Segunda fase
Paraguai 4 3ª melhor pontuação na temporada de 2019 Primeira fase
  Peru
(4 vagas)
Peru 1 Campeão do Campeonato Peruano de Futebol de 2019 Fase de grupos
Peru 2 Vice-campeão do Campeonato Peruano de 2019
Peru 3 3º colocado do Campeonato Peruano de 2019 Segunda fase
Peru 4 Melhor pontuação na temporada de 2019 Primeira fase
  Uruguai
(4 vagas)
Uruguai 1 Campeão do Campeonato Uruguaio de 2019 Fase de grupos
Uruguai 2 Vice-campeão do Campeonato Uruguaio de 2019
Uruguai 3 Melhor pontuação na temporada de 2019 Segunda fase
Uruguai 4 2ª melhor pontuação na temporada de 2019 Primeira fase
  Venezuela
(4 vagas)
Venezuela 1 Campeão do Campeonato Venezuelano de Futebol de 2019 Fase de grupos
Venezuela 2 Vice-campeão do Campeonato Venezuelano de 2019
Venezuela 3 Melhor pontuação na temporada de 2019 Segunda fase
Venezuela 4 2ª melhor pontuação na temporada de 2019 Primeira fase

Notas

  • Argentina (ARG): ^ O Boca Juniors e River Plate podem se qualificar para um lugar mais alto na Argentina. Eles também podem se classificar como campeões da Copa Libertadores de 2019.
  • Paraguai (PAR): ^ O Olimpia (campeão do Apertura de 2019) pode se classificar para as vagas 1 ou 2.

Referências

  1. «La CONMEBOL Libertadores se definirá en final única a partir de 2019 con mayores beneficios a los clubes y la competencia» (em espanhol). CONMEBOL. 23 de fevereiro de 2018. Consultado em 17 de dezembro de 2018 
  2. «Governador do Rio faz lobby para receber final da Libertadores em 2020». esporte.uol.com.br. Consultado em 23 de agosto de 2019 
  3. «Allianz Parque sai da disputa por final da Libertadores 2020». pvc.blogosfera.uol.com.br. Consultado em 30 de agosto de 2019 
  4. «Porto Alegre está na disputa para sediar a final da Libertadores de 2020». Revista Colorada. 27 de agosto de 2019. Consultado em 30 de agosto de 2019 
  5. «Mineirão entra na briga para sediar a final da Libertadores de 2020». m.lance.com.br. Consultado em 30 de agosto de 2019 
  6. «SP, Brasília e Rio têm "disputa interna" e miram final da Libertadores-2020». esporte.uol.com.br. Consultado em 26 de agosto de 2019 
  7. «Libertadores: Conmebol decide em setembro palco da final de 2020; Brasil disputa com 7 estádios». Globoesporte. Consultado em 30 de agosto de 2019 
  8. https://globoesporte.globo.com/futebol/futebol-internacional/noticia/com-brasil-no-pareo-sede-da-final-da-libertadores-de-2020-sera-escolhida-no-dia-17-de-outubro.ghtml  Em falta ou vazio |título= (ajuda)
  9. a b «REGLAMENTO CONMEBOL LIBERTADORES 2019» (PDF) (em espanhol). CONMEBOL. Consultado em 19 de dezembro de 2018 

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar