Abrir menu principal
Grande Prêmio dos Países Baixos
de Fórmula 1 de 1985
Circuit Park Zandvoort-1980.svg
32º GP dos Países Baixos ocorrido em Zandvoort
Detalhes da corrida
Categoria Fórmula 1
Data 25 de agosto de 1985
Nome oficial XXXIV Grote Prijs van Nederland[nota 1]
Local Circuito de Park Zandvoort, Zandvoort, Holanda do Norte, Países Baixos
Total 70 voltas / 297.640 km
Condições do tempo Ensolarado
Pole
Piloto
Brasil Nelson Piquet Brabham-BMW
Tempo 1:11.074
Volta mais rápida
Piloto
França Alain Prost McLaren-TAG/Porsche
Tempo 1:16.538 (na volta 57)
Pódio
Primeiro
Áustria Niki Lauda McLaren-TAG/Porsche
Segundo
França Alain Prost McLaren-TAG/Porsche
Terceiro
Brasil Ayrton Senna Lotus-Renault

Resultados do Grande Prêmio dos Países Baixos de Fórmula 1 realizado em Zandvoort em 25 de agosto de 1985.[1] Décima primeira etapa da temporada, assinalou a última vitória do austríaco Niki Lauda, que subiu ao pódio junto a Alain Prost numa dobradinha da McLaren-TAG/Porsche com Ayrton Senna em terceiro pela Lotus-Renault.[2][3][nota 2]

ResumoEditar

Nesta que foi a última corrida de Fórmula 1 disputada nos Países Baixos até em 2020, quando a Fórmula 1 confirmou, na manhã de terça-feira, 14 de maio de 2019, o que já vinha ganhando força ao longo do último ano que o GP da Holanda voltará ao calendário da categoria em 2020.

Nelson Piquet conquistou a última pole position da equipe Brabham e Stefan Bellof disputou sua última corrida.

Classificação da provaEditar

Pos. Piloto Construtor Voltas Tempo/Diferença Grid Pontos
1 1   Niki Lauda McLaren-TAG/Porsche 70 1:32'29"263 10 9
2 2   Alain Prost McLaren-TAG/Porsche 70 + 0"232 3 6
3 12   Ayrton Senna Lotus-Renault 70 + 48"491 4 4
4 27   Michele Alboreto Ferrari 70 + 48"837 16 3
5 11   Elio de Angelis Lotus-Renault 69 + 1 volta 11 2
6 5   Nigel Mansell Williams-Honda 69 + 1 volta 7 1
7 3   Martin Brundle Tyrrell-Renault 69 + 1 volta 21
8 7   Nelson Piquet Brabham-BMW 69 + 1 volta 1
9 17   Gerhard Berger Arrows-BMW 68 + 2 voltas 14
10 8   Marc Surer Brabham-BMW 65 Exaustor 9
NC 24   Huub Rothengatter Osella-Alfa Romeo 56 Não classificado 26
Ret 18   Thierry Boutsen Arrows-BMW 54 Suspensão 8
Ret 9   Philippe Alliot RAM-Hart 52 Motor 25
Ret 4   Stefan Bellof Tyrrell-Renault 39 Motor 22
Ret 16   Derek Warwick Renault 27 Câmbio 12
Ret 25   Andrea de Cesaris Ligier-Renault 25 Turbo 18
Ret 15   Patrick Tambay Renault 22 Transmissão 6
Ret 6   Keke Rosberg Williams-Honda 20 Motor 2
Ret 19   Teo Fabi Toleman-Hart 18 Rolamento de roda 5
Ret 26   Jacques Laffite Ligier-Renault 17 Pane elétrica 13
Ret 30   Jonathan Palmer Zakspeed 13 Pressão do óleo 23
Ret 20   Piercarlo Ghinzani Toleman-Hart 12 Motor 15
Ret 28   Stefan Johansson Ferrari 9 Motor 17
Ret 29   Pierluigi Martini Minardi-Motori Moderni 1 Acidente 24
Ret 23   Eddie Cheever Alfa Romeo 1 Turbo 20
Ret 22   Riccardo Patrese Alfa Romeo 1 Turbo 19
DNQ 10   Kenny Acheson RAM-Hart

Tabela do campeonato após a corridaEditar

  • Nota: Somente as primeiras cinco posições estão listadas. Entre 1981 e 1990 cada piloto podia computar onze resultados válidos por temporada não havendo descartes no mundial de construtores.

Notas

  1. Esta contagem inclui as edições do Grande Prêmio de Zandvoort disputadas em 1948 e 1949.
  2. Voltas na liderança: Keke Rosberg 19 voltas (1-19), Alain Prost 14 voltas (20-33), Niki Lauda 37 voltas (34-70).

Referências

  1. «1985 Dutch Grand Prix - race result». Consultado em 9 de setembro de 2018 
  2. Fred Sabino (25 de agosto de 2019). «Última corrida de Fórmula 1 em Zandvoort teve pódio estrelado com Lauda, Prost e Senna». globoesporte.com. Globo Esporte. Consultado em 25 de agosto de 2019 
  3. «Lauda obtém primeira vitória do ano (online). Folha de S.Paulo, São Paulo (SP), 26/08/1985. Esportes, p. 19». Consultado em 6 de abril de 2019 
Precedido por
Grande Prêmio da Áustria de 1985
Campeonato mundial de Fórmula 1 da FIA
Ano de 1985
Sucedido por
Grande Prêmio da Itália de 1985
Precedido por
Grande Prêmio dos Países Baixos de 1984
Grande Prêmio dos Países Baixos
32ª edição
Sucedido por
Grande Prêmio dos Países Baixos de 2020