Abrir menu principal

Wikipédia β

João Batista Nunes de Oliveira

futebolista brasileiro

João Batista Nunes de Oliveira, mais conhecido como Nunes do Flamengo ou apenas Nunes (Cedro de São João/SE, 20 de maio de 1954), é treinador, empresário e ex-futebolista brasileiro, que atuou como centroavante do Santa Cruz e do Flamengo nas décadas de 70 e 80.[1]

Nunes
Nunes
Informações pessoais
Nome completo João Batista Nunes de Oliveira
Data de nasc. 20 de maio de 1954 (64 anos)
Local de nasc. Cedro de São João (SE), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,80 m
Ambidestro
Apelido João Danado, Cabelo de Fogo, Artilheiro das Decisões
Informações profissionais
Período em atividade Jogador 1974–1992 (18 anos)
Equipa atual Aposentado
Número 9
Posição Atacante
Função Técnico
Clubes de juventude
1967–1969
1969–1972
Brasil Fluminense de Feira
Brasil Flamengo
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos (golos)
1974–1975
1975–1978
1978–1979
1979–1980
1980–1983
1983
1984
1985
1985
1986
1986–1987
1987
1988
1988–1991
1990
1991
1991–1992
Total
Brasil Confiança
Brasil Santa Cruz
Brasil Fluminense
México Monterrey
Brasil Flamengo
Brasil Botafogo
Brasil Flamengo
Brasil Náutico
Brasil Santos
Brasil Atlético Mineiro
Portugal Boavista
Brasil Flamengo
Brasil Volta Redonda
El Salvador Tiburones Acajutla
Brasil Flamengo (emp.)
Brasil Flamengo-MG
Brasil Santa Cruz
000550000(56)
0064 000(37)
0057 000(40)
0010 0000(7)
0150 000(170)
00010000(16)
0013 000(14)
0017 0000(11)
0004 0000(7)
0048 000(39)
0009 0000(4)
0017 0000(10)
0008 0000(1)
00010 0000(21)
0002 0000(2)
0007 0000(10)
00070 0000(90)
0554 00(535)
Seleção nacional3
1978–1980 Brasil Brasil 00015 0000(11)
Times/Equipas que treinou3

Foi eleito o melhor artilheiro Copa Libertadores da América de 1981. Nunes foi o autor de dois dos três gols do Flamengo na final do Campeonato Mundial de 1981, contra o Liverpool.[2]

Índice

CarreiraEditar

Nascido em Cedro de São João, Sergipe,[3] Nunes mudou-se para o Rio de Janeiro em 1969. Naquele mesmo ano, com 14 anos de idade, ingressou no infantil do Flamengo. Passou cinco anos nas categorias de base do Rubro-Negro. Todavia, quando atingiu a maioridade, foi dispensado pelos dirigentes do clube, que não viram potencial no seu futebol. Sem conseguir tornar-se jogador profissional pelo Flamengo, jogou em times amadores e pequenos como o Internacional da Serra da Carnaíba, na Bahia, indo parar no Confiança, de Sergipe.

"Ele era muito dedicado e disciplinado, não nos trazia problemas. Não ficava pedindo aumento de salário. Em campo, corria muito pelo time e quase todo jogo fazia gol. E tem um detalhe, o apelido dele no juvenil do Flamengo era "cabelo de fogo", nós que botamos o nome dele de Nunes." Lígia Maynard - Diretora social do Confiança

Nunes em pouco tempo já virou ídolo do Dragão do Bairro Industrial vestindo a camisa 9. O atacante não parava de fazer gols e encantar a torcida proletária.[4]

 
Nunes
 
Nunes

Dois anos mais tarde, em 1976, foi contratado pelo Santa Cruz. Brilhou por três anos no futebol pernambucano, onde conquistou os Estaduais de 1976 e 1978.

Pouco tempo depois da Copa de 78, já totalmente recuperado, foi vendido para o Fluminense. Tempos depois, Nunes conseguiu realizar seu antigo sonho de vestir a camisa rubro-negra como profissional. Fez parte da geração mais vitoriosa do Flamengo, que entre 1980 e 1983, conquistou três Campeonatos Brasileiros, a Libertadores da América e o Mundial Interclubes. Certamente, não possuía a mesma técnica e habilidade de seus companheiros, contudo, sua raça e oportunismo, também o transformaram em mais um ídolo da torcida flamenguista.

Ganhou o apelido de Artilheiro das Decisões, em virtude de sua impressionante vocação de marcar gols em decisões de campeonatos. Suas vítimas mais ilustres foram o Atlético-MG, o Liverpool e o Grêmio, que respectivamente perderam para o Flamengo o Campeonato Brasileiro de 1980, o Mundial Interclubes e o Campeonato Brasileiro de 1982, todos com gols de Nunes nas finais.

De 1983 a 1986, o espaço de Nunes no Flamengo foi diminuindo, com isso, o jogador teve de alternar sua vida na Gávea com passagens em outras equipes, como Botafogo, Náutico, Santos e Atlético Mineiro. Em 1988 atuou ainda pelo Volta Redonda com participação em 8 jogos com 1 gol marcado.

Por fim, ficou três anos no Tiburones Acajutla, de El Salvador, retornou ao Flamengo para dois amistosos de despedidas (seu e do Zico), jogou no extinto Flamengo-MG por dois meses (janeiro a fevereiro de 1991 e marcou dois gols) e encerrou a sua carreira no Santa Cruz.

Seleção BrasileiraEditar

Em 1978, Nunes integrou a Seleção Brasileira que se preparava para a Copa do Mundo. Infelizmente, se contundiu durante um treino, ficando de fora da competição.

Carreira políticaEditar

Durante a gestão de Lindbergh Farias, à frente da Prefeitura de Nova Iguaçu, Nunes foi nomeado subsecretário de esportes do município. Em 2010, deixa o cargo para se candidatar a deputado estadual pelo PR, mas não consegue se eleger.

EstatísticasEditar

Até 10 de setembro de 2010.

ClubesEditar

ClubeEditar

Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Outros
torneios[c]
Total
Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist.
Confiança 1974 0 0 0 0 0 0 44 19 0
1975 0 0 0 14 6 1 0 0 1 69 48 2
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 152 79 0
Santa Cruz 1975 0 0 0 0 0 0 0 0 0 43 14 0
1976
1977
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 43 14 0
Seleção

Brasileira

1978
Total
Santa Cruz 1978
Total
Fluminense 1978 0 0 0 9 4 0 17 4 0
1979
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 9 4 0 17 4 0
Monterrey 1980
Total
Flamengo 1980
Total 0 0 0 0 0 0
Seleção Brasileira 1980
Total
Flamengo 1981
1982
Total
Botafogo 1983
Total
Flamengo 1984
Total
Náutico 1985
Total
Santos 1985
Total
Atlético MG 1986
Total
Boa Vista 1987
Total
Flamengo 1987
Total
Volta Redonda 1988
Total
Seleção Brasileira 1989 0 0 0 2 2 0 2 2 0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 2 2 0 2 2 0
Flamengo 1990
Total
Santa Cruz 1991
1992
1993
Total
Total na carreira 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 214 99 2

Seleção BrasileiraEditar

Abaixo estão listados todos jogos e gols do futebolista pela Seleção Brasileira. Abaixo da tabela, clique em expandir para ver a lista detalhada dos jogos de acordo com a categoria selecionada.

Seleção principal [5][6]

Ano
Jogos Gols Assist. Média
1978 11 8 0 1,13
1979 2 1 0 0,35
1980 2 2 0 0,50
Total 15 11 0 0,98

Vida PessoalEditar

TítulosEditar

Santa Cruz
Flamengo
Náutico
Campeonato Pernambucano
Atlético Mineiro

ArtilhariasEditar

Referências

  1. «Nunes - Que fim levou? - Terceiro Tempo». terceirotempo.bol.uol. Consultado em 8 de julho de 2018. 
  2. «Nunes é barrado no Ninho do Urubu, e dirigente diz que até Zico seria». globoesporte.globo.com. Consultado em 8 de julho de 2018. 
  3. «Ídolo do Fla, Nunes relembra presente inusitado de torcedores do Confiança». globoesporte.com 
  4. «Ídolo do Fla, Nunes relembra presente inusitado de torcedores do Confiança». globoesporte.com 
  5. «Player - Nunes» (em inglês). National Football Teams. Consultado em 15 de maio de 2016. 
  6. «Nunes». docs.ufpr.br. Consultado em 23 de janeiro de 2018. 

Ligações externasEditar