Lista de filósofos Russos

artigo de lista da Wikimedia
Philosophers (1917) de Mikhail Nesterov, representando Pavel Florensky e Sergei Bulgakov

A filosofia Russa inclui uma variedade de movimentos filosóficos. Autores que as desenvolveram estão listadas abaixo, classificadas por movimento.

Enquanto a maioria dos autores listados abaixo são principalmente filósofos, também estão incluídos aqui alguns escritores de ficção russa, como Tolstói e Dostoiévski, que também são conhecidos como filósofos.

A filosofia russa como uma entidade separada começou seu desenvolvimento no século XIX, definido inicialmente pela oposição de ocidentalizantes, defendendo que a Rússia seguisse os modelos políticos e econômicos ocidentais e os eslavófilos, insistindo no desenvolvimento da Rússia como uma civilização única. O último grupo incluiu Nikolai Danilevsky e Konstantin Leontiev, os primeiros fundadores do eurasianismo. A discussão do lugar da Rússia no mundo desde então se tornou a característica mais característica da filosofia russa.

Em seu desenvolvimento posterior, a filosofia russa também foi marcada por profunda conexão com a literatura e interesse pela criatividade, sociedade, política e nacionalismo; cosmos e religião eram outros assuntos notáveis.

Filósofos notáveis do final do século 19 e início do século 20 incluem Vladimir Solovyev, Vasily Rozanov, Lev Chestov, Leo Tolstoy, Sergei Bulgakov, Pavel Florensky, Nikolai Berdyaev, Pitirim Sorokin, e Vladimir Vernadsky.

Do início dos anos 20 ao final dos anos 80, a filosofia russa era dominada pelo Marxismo apresentado como dogma e não como base para discussão. Os extermínios de Stalin, culminando em 1937, deram um golpe mortal no desenvolvimento da filosofia.

Um punhado de dissidentes filósofos sobreviveram ao período Soviético, entre eles Aleksei Losev. A morte de Stalin em 1953 deu lugar a novas escolas de pensamento, entre elas, Moscow Logic Circle e a escola Tartu-Moscow Semiotic.

Principais pensadoresEditar

Iluminismo russoEditar

Eslavófilos e pochvennichestvoEditar

Simbolistas russosEditar

OcidentalizadoresEditar

Positivistas russosEditar

Cosmólogos russosEditar

 
The cover of the book "The Will of the Universe. Intellect Unknown. Mind and Passions" by Konstantin Tsiolkovsky, 1928

OcultistasEditar

Epistemólogos, lógicos e metafísicosEditar

AnarquistasEditar

  • Mikhail Bakunin (1814–1876), listado também entre os teóricos materialistas e niilistas[1]
  • Conde Leo Tolstoy (1828–1910), quem alguns consideram o maior dos romancistas russos
  • Príncipe Peter Kropotkin (1842–1921), conhecido como o "Príncipe Anarquista" ou "Pai do Anarquismo"

Materialistas e NiilistasEditar

Socialistas e MarxistasEditar

Filósofos CristãosEditar

Pré-Solovyov

Teólogos cristãos ortodoxosEditar

Personalistas IntuitivistasEditar

Intuitivistas RealistasEditar

ExistencialistasEditar

EsteticistasEditar

Historiadores do pensamentoEditar

GlobalistasEditar

Veja tambémEditar

Referências

  1. History of Russian Philosophy pg 59. N.O. Lossky
  2. History of Russian Philosophy pg 81. N.O. Lossky

BibliografiaEditar

  • History of Russian Philosophy (История российской Философии) (1951) by N. O. Lossky. Publisher: Allen & Unwin, London. International Universities Press Inc NY, NY sponsored by Saint Vladimir's Orthodox Theological Seminary.
  • A History of Philosophy, Volume 10: Russian Philosophy (1986) by Frederick Copleston. Publisher: Continuum, London.
  • A history of Russian Philosophy (2 vols.) by Vasilii Vasilevich Zenkovsky; translator George L. Kline Publisher: Routledge & Kegan Paul (1953).
  • Russian Philosophy. English-Russian Dictionary (ed. Vasily Vanchugov). Moscow, People's Friendship University of Russia, 2005.

Links externosEditar

  • Bulgakov LiveJournal—Materiais coletados de particular relevância para a filosofia religiosa russa