Rede InterTV

rede de televisão regional brasileira com atuação em MG, RJ e RN

Rede InterTV é uma rede de televisão brasileira sediada em Cabo Frio, Rio de Janeiro, subsidiária do Grupo Incospal, pertencente ao empresário Fernando Aboudib Camargo. Fundada em 2004, controla 7 emissoras de televisão afiliadas à TV Globo nos estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Norte. Juntas, elas abrangem atualmente 511 municípios e cerca de 11,4 milhões de telespectadores potenciais.

Rede InterTV
Empreendimentos Radiodifusão Cabo Frio Ltda.
Tipo Rede de televisão comercial
País  Brasil
Fundação fevereiro de 2004 (17 anos)
por Fernando Aboudib Camargo
Pertence a Grupo Incospal
Proprietário Fernando Aboudib Camargo
Presidente Fernando Aboudib Camargo
Cidade de origem Rio de Janeiro Cabo Frio, RJ
Sede Bandeira cabo frio.png Cabo Frio, RJ
Slogan Siga em frente, siga com a gente
Formato de vídeo 480i (16:9 SDTV letterbox)
1080i (HDTV)
Afiliações TV Globo
Cobertura Regiões dos Lagos, Serrana, Norte e Noroeste do Rio de Janeiro, Norte e Leste de Minas Gerais e estado do Rio Grande do Norte
Emissoras próprias Rio de Janeiro InterTV (Cabo Frio)
Rio de Janeiro InterTV (Nova Friburgo)
Rio de Janeiro InterTV (Campos dos Goytacazes)
Minas Gerais InterTV (Montes Claros)
Minas Gerais InterTV (Coronel Fabriciano)
Rio Grande do Norte InterTV (Natal)
Rio Grande do Norte InterTV (Mossoró)
Página oficial Rio de Janeiro
Minas Gerais
Rio Grande do Norte
Disponibilidade aberta e gratuita
Analógico
Digital
Disponibilidade por satélite
Claro TV
Canal 24 (Natal)
Oi TV
Canal 4 (Montes Claros)
Canal 8 (Cabo Frio)
Canal 10 (Coronel Fabriciano)
Canal 11 (Natal)
Canal 12 (Nova Friburgo)
Sky Brasil
Canal 4 (Montes Claros)
Canal 4 / 404 HD (Natal)
Canal 10 / 410 HD (Cabo Frio e Coronel Fabriciano)
Canal 12 / 412 HD (Nova Friburgo)
Disponibilidade por cabo
Claro TV
Canal 11 / 518 HD (Natal)
Canal 19 / 519 HD (Campos dos Goytacazes)
Canal 512 (Nova Friburgo)
Canal 518 (Coronel Fabriciano e Montes Claros)
Oi TV
Canal 4 (Montes Claros)
Canal 8 (Cabo Frio)
Vivo TV
Canal 515 (Cabo Frio e Campos dos Goytacazes)
Disponibilidade digital
Globoplay
Simulcast[nota 1]

HistóriaEditar

AntecedentesEditar

As três emissoras que formaram inicialmente a Rede InterTV originaram-se de maneiras e épocas diferentes. Em 14 de setembro de 1980, foi inaugurada em Montes Claros, Minas Gerais, a TV Montes Claros, idealizada pelo empresário local Elias Siufi. De início, repetia a programação da Rede Bandeirantes, mas em 1987, juntou-se à Rede Globo, tornando-se a sua afiliada no norte mineiro.[2] No fim da década de 1980, com a "farra de concessões" promovida pelo presidente José Sarney, novas estações foram outorgadas para cidades do interior do Rio de Janeiro. Nesta época, surgiu em 30 de setembro de 1989 a TV Lagos de Cabo Frio, pertencente ao ex-diretor da Embratel, Cleófas Uchoa,[3] e em 1.º de maio de 1990, foi fundada a TV Serra+Mar de Nova Friburgo, pelo empresário Cláudio Chagas Freitas. Ambas as emissoras eram afiliadas à Globo.[4]

Na segunda metade da década de 1990, a Rede Globo expandiu consideravelmente sua atuação nos mercados regionais, com a aquisição total ou parcial de suas afiliadas nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.[5] A TV Serra+Mar foi comprada em junho de 1995. Em janeiro de 1996, foi a vez da TV Lagos (que mudou de nome para TV Alto Litoral no ano seguinte), e em agosto do mesmo ano, foram compradas 50% das ações da TV Montes Claros (transformada após isso em TV Grande Minas), enquanto a outra parte das ações foi adquirida em 2000.

FormaçãoEditar

A estratégia expansionista também incluiu o mercado de TV por assinatura, através da Globo Cabo, na qual a Globo havia investido milhões de reais. No entanto, com o crescimento tímido da empresa no mercado e o choque causado pela desvalorização do câmbio entre o fim da década de 1990 e o ínicio dos anos 2000, as Organizações Globo se viram em um rombo bilionário, que em 2002 já estava quase alcançando a cifra de R$ 2 bilhões.[6] Como resultado, o grupo foi forçado a promover uma reestruturação financeira para saldar as dívidas, e em março daquele ano, anunciou que estava colocando à venda todas as suas participações acionárias em 27 das suas 32 emissoras próprias e/ou afiliadas (excluindo apenas os canais do Rio de Janeiro, São Paulo, Brasília, Belo Horizonte e Recife, que eram parte do núcleo da rede).[7]

Até outubro de 2003, a Globo já havia negociado a venda de quase todas as estações, sendo que aquelas onde havia apenas a metade do controle acionário, como RPC TV, Rede Integração, EPTV e canais menores tiveram a parte vendida aos outros sócios, enquanto outras que eram de sua inteira propriedade foram vendidas a novos proprietários, dando origem a novas redes regionais como a TV TEM e a Rede Vanguarda. Restavam apenas os canais de Cabo Frio, Nova Friburgo e Montes Claros, que foram comprados pelo empresário capixaba Fernando Aboudib Camargo, proprietário do Grupo Incospal, que possuía ativos em setores como construção civil, locação de equipamentos, transportes, administração portuária, entre outros negócios. Com isso, em fevereiro de 2004, foi criada a Rede InterTV, cujo lançamento se deu ao vivo durante a exibição do RJTV 2.ª edição, gerado ao vivo de Cabo Frio pela InterTV Alto Litoral e com retransmissão simultânea pelas outras duas emissoras.[8] O nome da nova rede já estava presente na razão social da InterTV Serra+Mar (Canal e Transmissões InterTV Ltda.) desde a sua fundação em 1990, embora a cabeça de rede de facto fosse a emissora de Cabo Frio.

ExpansãoEditar

A InterTV ampliou sua atuação para outros mercados ainda em 2004, quando adquiriu 50% das ações da TV Planície de Campos dos Goytacazes, pertencente ao Grupo Folha de Comunicação. A emissora deixou o SBT e juntou-se a Globo em outubro do mesmo ano, tornando-se InterTV Planície.[9]

Em agosto de 2005, a Rede InterTV expande sua atuação para o Rio Grande do Norte, ao adquirir 50% das ações da TV Cabugi de Natal, pertencentes à família do ex-governador Aluízio Alves, que há anos passava por dificuldades financeiras. A emissora foi oficialmente incorporada pela rede em 2006, tornando-se InterTV Cabugi.[10]

Em abril de 2008, é adquirida em Minas Gerais a TV dos Vales de Coronel Fabriciano, afiliada da Rede Record, após os proprietários da então afiliada da Globo na região, TV Leste, recusarem a proposta de compra das ações pela InterTV, condição imposta pela rede para que a sua afiliação fosse renovada.[11] A troca de afiliação ocorreu em 1.º de agosto, e em 28 de setembro, a emissora mudou de nome para InterTV dos Vales.[12]

Em 27 de março de 2015, foi inaugurada em Mossoró, Rio Grande do Norte, a InterTV Costa Branca, sétima componente da rede e a única que não foi adquirida de outros proprietários.[13] Em 21 de agosto de 2017, a InterTV dos Vales inaugurou novos estúdios em Governador Valadares, movendo todos os seus departamentos para o município e deixando apenas a geradora da programação em Coronel Fabriciano.[14]

EmissorasEditar

Divisão da área de cobertura da rede nos estados (de cima para baixo) do Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Norte

Ao contrário de outras redes de televisão afiliadas à Globo, as emissoras da InterTV operam de maneira diferente em cada estado, sem a exibição de programas locais simultâneos em todas as estações. No Rio de Janeiro, a programação é gerada a partir de Cabo Frio e retransmitida na íntegra pelas emissoras de Nova Friburgo e Campos dos Goytacazes (esta última, no entanto, produz a segunda edição do telejornal RJ InterTV). As emissoras de Minas Gerais operam autônomas entre si, havendo eventualmente a transmissão simultânea de alguns programas. No Rio Grande do Norte, a emissora de Natal é a geradora de toda a programação, enquanto a emissora de Mossoró apenas retransmite e insere comerciais locais, com exceção das madrugadas, em que reprisa alguns programas para cumprir a programação mínima estipulada pela legislação.

Prefixo Emissora Canal analógico Canal digital Cidade de origem
ZYP 300 InterTV Alto Litoral 8 (33 UHF) Cabo Frio
ZYB 301 InterTV Serra+Mar 12 (30 UHF) Nova Friburgo
ZYB 520 InterTV Planíciea 8 (36 UHF) Campos dos Goytacazes
ZYA 728 InterTV Grande Minas 4 VHF 21 UHF Montes Claros
ZYA 747 InterTV dos Vales 10 VHF 10 / 11 (22 UHF) Coronel Fabriciano / Governador Valadares
ZYP 299 InterTV Cabugib 11 (34 UHF) Natal
ZYP 298 InterTV Costa Brancab 18 (47 UHF) Mossoró

Notas:

a - 50% das ações, com Grupo Folha de Comunicação
b - 50% das ações, com Sistema Tribuna de Comunicação

Notas e referências

Notas

  1. Requer login com uma conta da Globo.com, do Facebook ou do Google.[1]

Referências

  1. «Globo Play: a programação da Globo ao vivo ao alcance de um 'play'; saiba». Rede Globo. 3 de novembro de 2015 
  2. Almeida, Henrique Corrêa; Rocha Neto, Elpídio Rodrigues da (Fevereiro de 2015). «Montes Claros em pauta no telejornalismo popular» (PDF). Humanidades. Consultado em 21 de julho de 2021 
  3. «Ondas na tela». O Globo. TV Pesquisa. 30 de setembro de 1989. Consultado em 21 de julho de 2021 
  4. «Inter TV Serra+Mar completa 30 anos de história». InterTV. 1 de maio de 2020. Consultado em 21 de julho de 2021 
  5. Lobato, Elvira (16 de setembro de 2000). «Concessões crescem em família». Folha de S.Paulo: Especial, 3. Consultado em 21 de julho de 2021 
  6. Possebon, Samuel (30 de outubro de 2017). «Há 15 anos, Globo vivia seu pior momento. Hoje, fortalecida, o desafio é outro». Teletime. Consultado em 21 de julho de 2021 
  7. Lobato, Elvira; Santos, Chico (23 de março de 2002). «Rede Globo põe à venda parte de emissoras». Folha de S.Paulo. Consultado em 21 de julho de 2021 
  8. «Nasce a Inter TV». Click Macaé. Consultado em 21 de julho de 2021 
  9. Castro, Daniel (13 de agosto de 2004). «Globo tira afiliada do SBT no Rio de Janeiro». Folha de S.Paulo. Consultado em 21 de julho de 2021 
  10. Moura, Renata (27 de setembro de 2009). «Dirceu Simabucuru: "Crescer está no DNA da InterTV"». Tribuna do Norte. Consultado em 21 de julho de 2021 
  11. Castro, Daniel (15 de julho de 2008). «Afiliado acusa Globo de forçar venda de TV». Folha de S.Paulo. Consultado em 21 de julho de 2021 
  12. «TV Leste e TV dos Vales mudam programação». Portal Caparaó. 1 de agosto de 2008. Consultado em 21 de julho de 2021 
  13. «Inter TV Costa Branca estreia programação no RN». InterTV Cabugi. 27 de março de 2015 
  14. Ferreira, Zana (4 de setembro de 2017). «Inter TV dos Vales inicia novo centro de produções em Governador Valadares». InterTV. Consultado em 21 de julho de 2021 

Ligações externasEditar