TV Tambaú

emissora de televisão brasileira de João Pessoa, PB

TV Tambaú é uma emissora de televisão brasileira sediada em João Pessoa, capital do estado da Paraíba. Opera no canal 5 (31 UHF digital) e é afiliada ao SBT. A emissora pertence à Rede Tambaú de Comunicação, subsidiária do Grupo Marquise, da qual pertencem também a rádio Jovem Pan FM João Pessoa e o Portal T5. Além da sede em João Pessoa, a TV Tambaú possui uma sucursal na cidade de Patos, no interior do estado.

TV Tambaú
Televisão Tambaú Ltda.
João Pessoa, Paraíba
Brasil
Tipo Comercial
Canais Digital: 31 UHF
Virtual: 5 PSIP
Outros canais ver mais
Analógico:
05 VHF (1991-2018)
Sede Bandeira de João Pessoa.svg João Pessoa, PB
Slogan Ligada na sua família
Rede SBT
Rede(s) anterior(es) Rede Manchete (1991-1995)
Fundador(es) Erivaldo Arrais
José Carlos Pontes
Pertence a Rede Tambaú de Comunicação (Grupo Marquise)
Proprietário(s) Erivaldo Arrais (50%)
José Carlos Pontes (50%)
Presidente Carla Pontes
Fundação 5 de agosto de 1991 (29 anos)
Prefixo ZYB 273
Emissora(s) irmã(s) Jovem Pan FM João Pessoa
Cobertura Cobertura da TV Tambaú.svg
Coord. do transmissor 7° 6' 54.9" S 34° 52' 36.5" O
Potência 2,3 kW
Agência reguladora ANATEL
Informação de licença
CDB
PDF
Página oficial portalt5.com.br

HistóriaEditar

AntecedentesEditar

Em outubro de 1988, o Grupo Marquise consegue a concessão do canal 5 VHF. Em novembro de 1989, o grupo compra um terreno no bairro do Tambiá para a construção da sede da futura TV Tambaú. Em março de 1990, começou a construção efetiva do prédio e o planejamento artístico do canal. A TV Tambaú negociou contrato de afiliação com a Rede Bandeirantes, mas terminou se afiliando à Rede Manchete.

Em março de 1991, o prédio foi concluído, e foi iniciada a transmissão da TV Tambaú em caráter experimental com o sinal integral da Rede Manchete. Nesta primeira fase, o sinal da TV Tambaú estava restrito à Grande João Pessoa.

Rede Manchete (1991–1995)Editar

Em 5 de agosto de 1991, a TV Tambaú foi inaugurada, entrando oficialmente no ar no dia do aniversário de 406 anos da cidade de João Pessoa, com reportagens sobre o município. O primeiro programa da TV Tambaú foi o Tambaú Notícias, noticiário local diário, apresentado às 19h. A TV Tambaú era a mais moderna emissora de TV da Paraíba, superando as demais emissoras locais.

Entre 1992 e 1993, a TV Tambaú lançou vários programas locais, como o Tambaú em Manchete, Tambaú Vídeo Music, Tambaú Documento, Bartpapo, Super Jota Show, dentre outros. Logo a TV Tambaú passou a ter a maior programação local do estado. Ainda em 1992, a TV Tambaú produziu documentários para o programa Documento Especial da Rede Manchete, alcançando grande repercussão, sendo a primeira vez que uma emissora de TV da Paraíba produzia algo em rede nacional.

Em 1994, a TV Tambaú mudou o perfil da programação e lançou mais programas locais, desta vez, voltado para as classes populares. Assim foram lançados Caso de Polícia, o humorístico A Hora do Chibata, dentre outros. Em meados de 1994, a TV Tambaú extingue alguns programas locais, dentre eles, o Tambaú Vídeo Music. O Tambaú em Manchete teve seu nome alterado para Tambaú Debate. A partir daí, a TV Tambaú passou a privilegiar os programas populares.

Preocupada com as várias crises que assolavam a Rede Manchete, a TV Tambaú começou a procurar outra rede. O Sistema Brasileiro de Televisão vinha tendo sérios problemas com a TV O Norte, que passava por graves problemas administrativos e financeiros. Então, a emissora paulistana decidiu romper o contrato de afiliação com a TV O Norte e assinou com a TV Tambaú. Os Diários Associados ainda tentaram negociar a instalação de uma retransmissora da TV Borborema, de Campina Grande, em João Pessoa, mas tal negociação foi recusada pelo SBT.

Sistema Brasileiro de Televisão (1995–presente)Editar

A partir de 1º de julho de 1995, a TV Tambaú passou a transmitir a programação do SBT, deixando a rede carioca em decadência, que levaria à extinção em 1999. Depois da troca de rede, a TV Tambaú extinguiu grande parte da programação local. A emissora consolidou-se na vice-liderança na região.

Em novembro de 2008, a emissora extinguiu o programa humorístico A Hora do Chibata e demitiu vários profissionais para contratar outros, reorganizando a emissora para a estreia de novos cenários e programas.

Em 1º de dezembro, todos os programas da emissora receberam novos cenários e vinhetas. Também foi inaugurado um novo e moderno estúdio. Uma das novidades foi a estreia da apresentadora Flávia Lippi, que apresentou o programa Repórter Eco, na TV Cultura, no programa Feminíssima. Flávia durou menos de um mês no comando do programa, sendo substituída pela jornalista Juliana Teixeira. O Delícias do Chef passou a ser À Moda da Chef e contou com a estreia de Sandra Ferreira. Pouco tempo depois o programa mudou de nome, passando a ser Chef em Casa. Por fim, a jornalista Pâmela Bório, que antes comandava o Feminíssima, passou a ancorar o Tambaú Notícias 2ª Edição.

No dia 9 de agosto de 2010, a TV Tambaú estréia Marcelle Mosso na apresentação do Feminíssima. Antes de aceitar o convite, a apresentadora trabalhava como repórter do TV Fama, na RedeTV!.

No dia 7 de maio de 2011, a TV Tambaú estréia aos sábados os programas Soluções, com Sérgio Queiroz e o Panorama com Pâmela Bório.[1]

Em 20 de março de 2017, a superintendência da emissora, antes ocupada por Henrique Kirilauskas, passa a ser de André Vajas, vindo da TV Pajuçara de Maceió, Alagoas.[2] Com a nova gestão, algumas mudanças começaram a acontecer, como a demissão e contratação de funcionários e o fortalecimento do jornalismo da emissora, trazendo um reposicionamento perante o público, que foi oficializado com a estreia da nova programação em 6 de novembro. Desta forma, o Tambaú Debate deixou de ser diário e tornou-se semanal, Messias Nogueira (vindo do Balanço Geral, da RecordTV Goiás) estreou no Tambaú da Gente, Fábio Araújo (até então no Caso de Polícia, que foi extinto) estreou no Tambaú Notícias 1ª edição, que deixou de ter uma edição única noturna e passou a ter duas edições: na faixa vespertina e à noite. Aos sábados à tarde, estreou o Tambaú é Show, e nas manhãs de segunda a sexta, estreou o Segredos do Chef.

Em março de 2019, a emissora passa por reformulação devido a queda de receitas e extingue os telejornais locais Tambaú Agora, Tambaú Esportes, Tambaú Debate e Tambaú Notícias 1ª edição.[3] No final do mesmo ano, a programação passa por uma nova reformulação, sendo uma mais plural a diversas classes de telespectadores. É anunciada a contratação de Erly Fernandes (até então na TV Arapuan) para apresentar um novo programa, mas já conhecido pelo apelo popular em várias partes do país nos últimos anos, O Povo na TV, que entra ao ar antes do Tambaú da Gente. Além de Erly, também é anunciada a contratação de Fernanda Albuquerque (até então na TV Correio) para apresentar o Com Você, programa no qual já havia tido problemas com seus últimos apresentadores devido a divergências destes com a direção da emissora.

Em julho de 2020, devido a uma nova reformulação, o Tambaú da Gente deixa de ser exibido ao meio-dia e passa a ir ao ar na faixa matutina e noturna. O horário que era ocupado pelo telejornal passa a ser ocupado por uma versão estendida do O Povo na TV, que conta com, além de factuais, serviços e participação de telespectadores. Além de ser exibido de segunda a sexta, aos sábados, vai ao ar uma edição especial às 12:30

Em 30 de julho de 2020 Implantação do sinal digital no Pico do Jabre canal 31.1

Sinal digitalEditar

Canal virtual Canal digital Proporção de tela Programação
5.1 31 UHF 1080i Programação principal da TV Tambaú / SBT

A emissora iniciou a transmissão do seu sinal digital na noite de 14 de abril de 2014, em caráter experimental. Em 12 de fevereiro de 2015, a emissora passou a transmitir sua programação e a do SBT em alta definição.

Transição para o sinal digital

Com base no decreto federal de transição das emissoras de TV brasileiras do sinal analógico para o digital, a TV Tambaú, bem como as outras emissoras de João Pessoa, cessou suas transmissões pelo canal 05 VHF em 30 de maio de 2018, seguindo o cronograma oficial da ANATEL.[4] O sinal foi cortado às 23h59, durante o Programa do Ratinho, e foi substituído pelo aviso do MCTIC e da ANATEL sobre o switch-off.

ProgramasEditar

Além de retransmitir a programação nacional do SBT, atualmente a TV Tambaú produz e exibe os seguintes programas:

  • Tambaú da Gente Manhã: Jornalístico, com Jaceline Marques;
  • O Povo na TV: Jornalístico, com Erly Fernandes;
  • Com Você: Programa de variedades, com Fernanda Albuquerque;
  • Tambaú da Gente Noite: Jornalístico, com Karine Tenório;
  • AutoPlay: programa sobre automóveis, com Mário Sérgio[5];
  • Tudo de Bicho: Programa sobre animais, com Ingrid Feijó[6];
  • RC VIPs: Programa de colunismo social, com Ricardo Castro e Adriana Bagno;
  • Tambaú Imóveis: Programa sobre o mercado imobiliário, com Rômulo Soares

Diversos outros programas compuseram a grade da emissora e foram descontinuados:


  • Segredos do Chef
  • A Hora do Chibata
  • À Moda da Chef
  • Bartpapo
  • Caso de Polícia
  • Chef em Casa
  • Delícias do Chef
  • Feminíssima
  • Negócios Imobiliários
  • Notícias da Manhã PB
  • Panorama
  • Sala de Reboco
  • Soluções
  • Super Jota Show
  • Tambaú Agora
  • Tambaú Documento
  • Tambaú Esporte
  • Tambaú em Manchete
  • Tambaú Vídeo Music
  • #Partiu
  • Tambaú Notícias
  • Tambaú Notícias 1ª Edição

Transmissões esportivasEditar

Em 30 de outubro de 2017, o SBT firmou acordo com a Liga do Nordeste para a transmissão da Copa do Nordeste de Futebol em suas afiliadas na região, pelas temporadas de 2018 e 2019.[7] A TV Tambaú possui direito a transmissão de jogos selecionados, além de partidas envolvendo clubes paraibanos na competição.

EquipeEditar

Membros atuaisEditar

Jornalistas e apresentadores
  • Karine Tenório
  • Erly Fernandes
  • Fernanda Albuquerque
  • Ingrid Feijó
  • Ricardo Castro
  • Mário Sérgio
  • Rômulo Soares
  • Adriana Bagno
  • Ricardo Castro
  • Jaceline Marques
Repórteres
  • Vanessa Braz
  • Ingrid Feijó
  • João Thiago
  • Daniel Lustosa
  • Polyana Sorrentino
  • Anne Gomes
  • Thaís Alencar
  • Ewerton Correia
  • Rubens Junior
  • Dui Borges

Membros antigosEditar

  • Aldo Schueler

RetransmissorasEditar

Lista de retransmissoras
Cidade Analógico Digital Cidade Analógico Digital Cidade Analógico Digital Cidade Analógico Digital
Alagoa Grande 07 - Araruna 10 - Araçagi 09 - Areia 10 -
Bananeiras 13 - Barra de Santa Rosa 11 - Barra de Santana 11 - Belém 08 -
Boa Ventura 10 - Brejo do Cruz 07 - Cajazeiras 34 - Caldas Brandão 27 30*
Camalaú 11 - Catolé do Rocha 09 - Esperança - 46 Fagundes 11 -
Guarabira 07 - Gurjão 09 - Ingá 09 - Itaporanga 33 -
Itatuba 08 - Juazeirinho 13 - Juru 09 - Lagoa 11 -
Mataraca 10 - Matinhas 18 - Maturéia 35 31.1 Monte Horebe 13 -
Monteiro 11 - Ouro Velho 07 - Patos 11 - Paulista 11 -
Piancó 36 - Pilar 11 - Pilões 09 - Pitimbu 11 -
Prata 11 - Princesa Isabel 12 - Remígio 11 - Riacho dos Cavalos 11 -
Santa Luzia 07 - São Mamede 11 - Seridó 11 - Serra Branca 32 -
Solânea 13 - Sousa 13 - Uiraúna 08 -
* - Em implantação

Referências

  1. Bório, Pâmela (27 de abril de 2011). «Está chegando o dia...». Blogspot. Bastidores do Panorama. Consultado em 10 de janeiro de 2018 
  2. «André Vajas assume o comando da TV Tambaú». MaisPB. 17 de março de 2017. Consultado em 17 de janeiro de 2018 
  3. «Afiliada do SBT em João Pessoa decreta o fim de três telejornais e provoca demissões». Portal Alta Definição. 8 de março de 2019. Consultado em 14 de março de 2019 
  4. Castro, Daniel (23 de outubro de 2017). «No quintal da Globo, TV digital falha e apagão analógico é adiado». Notícias da TV - UOL. Consultado em 27 de outubro de 2017 
  5. «AutoPlay | Vídeos - Portal T5». Consultado em 15 de novembro de 2019 
  6. «Tudo de Bicho | Vídeos - Portal T5». Consultado em 15 de novembro de 2019 
  7. Falcheti, Fabrício (31 de outubro de 2017). «Oficial: Com suporte da rede, afiliadas do SBT adquirem direitos da Copa do Nordeste 2018». NaTelinha - UOL. Consultado em 31 de outubro de 2017 

Ligações externasEditar