Abrir menu principal

Resultados do Grande Prêmio de San Marino realizado em Ímola a 13 de Maio de 1990.

ClassificaçãoEditar

Pos Piloto Equipe Voltas Tempo Grid Pts
1 6   Riccardo Patrese Williams-Renault 61 1:30'55"478 3 9
2 28   Gerhard Berger McLaren-Honda 61 5"117 2 6
3 19   Alessandro Nannini Benetton-Ford 61 6"240 9 4
4 1   Alain Prost Ferrari 61 6"843 6 3
5 20   Nelson Piquet Benetton-Ford 61 53"112 8 2
6 4   Jean Alesi Tyrrell-Ford 60 + 1 Volta 7 1
7 11   Derek Warwick Lotus-Lamborghini 60 + 1 Volta 10  
8 12   Martin Donnelly Lotus-Lamborghini 60 + 1 Volta 11  
9 26   Philippe Alliot Ligier-Ford 60 + 1 Volta 16  
10 25   Nicola Larini Ligier-Ford 59 + 2 Voltas 20  
11 24   Paolo Barilla Minardi-Ford 59 + 2 Voltas 26  
12 36   Jyrki Järvilehto Onyx-Ford 59 + 2 Voltas 25  
13 29   Eric Bernard Lola-Lamborghini 56 Clutch 13  
Ret 14   Olivier Grouillard Osella-Ford 52 Roda 22  
Ret 2   Nigel Mansell Ferrari 38 Motor 5
Ret 35   Gregor Foitek Onyx-Ford 35 Motor 23  
Ret 8   Stefano Modena Brabham-Judd 31 Freios 14  
Ret 22   Andrea de Cesaris Dallara-Ford 29 Roda 17  
Ret 15   Mauricio Gugelmin Leyton House-Judd 24 Elétrico 12  
Ret 5   Thierry Boutsen Williams-Renault 17 Motor 4  
Ret 30   Aguri Suzuki Lola-Lamborghini 17 Clutch 15  
Ret 27   Ayrton Senna McLaren-Honda 3 Roda 1  
Ret 21   Emanuele Pirro Dallara-Ford 2 Spun Off 21  
Ret 16   Ivan Capelli Leyton House-Judd 0 Colisão 18  
Ret 3   Satoru Nakajima Tyrrell-Ford 0 Colisão 19  
Ret 33   Roberto Moreno Euro Brun-Judd 0 Regulador 24  
DNQ 10   Alex Caffi Arrows-Ford - - -
DNQ 9   Michele Alboreto Arrows-Ford - - -  
DNQ 7   David Brabham Brabham-Judd - - -  
DNPQ 31   Bertrand Gachot Coloni-Ford - - -  
DNPQ 34   Claudio Langes Euro Brun-Judd - - -  
DNPQ 39   Bruno Giacomelli Life - - -  
DNPQ 17   Gabriele Tarquini AGS-Ford - - -  
DNS 23   Pierluigi Martini Minardi-Ford - - -  

NotasEditar

Extensão da Pista e Número de Voltas

5,040 m e 61 Voltas

Pole Position

Ayrton Senna

1'23"220

Volta mais rápida

Alessandro Nannini

1'27"156

Líderes por volta

Ayrton Senna - 1ª à 3ª, Thierry Boutsen - 4ª à 17ª, Gerhard Berger - 18ª à 50ª e Riccardo Patrese - 51ª à 61ª

Pilotos que concluíram a prova

13

Abandonos

13

  • Foi uma das poucas vezes em que a fanática nação ferrarista não fazia tanta festa. Primeiro porque já se falava da guerra entre Alain Prost e Nigel Mansell dentro do time italiano e segundo porque era Ayrton Senna o grande favorito. O brasileiro vinha de duas vitórias e cinco poles positions consecutivas em Imola.

Como se esperava Senna fez a sexta pole, mas foi seu parceiro Gerhard Berger que saltou na frente. Pulou e errou as marchas propiciando a Senna assumir a dianteira com facilidade, livrando cinco segundos na terceira volta. Na quarta, porém, o aro de uma roda dianteira partiu e o brasileiro saiu da pista. Nos dois quilômetros que fez a pé até os boxes, Senna foi carinhosamente saudado pelos italianos com os mesmo apelos: "Senna guida la Ferrari nostra" (Senna, guia nossa Ferrari). Ele só ria e acenava. Imaginava que seria odiado por aquela multidão se ela soubesse que antes das idas de Nigel Mansell, em 1989, e Prost naquele ano, ele tinha recusado o mesmo convite.

Prova Anterior:
Grande Prêmio do Brasil de 1990
Campeonato do Mundo FIA de Fórmula 1
Temporada 1990
Próxima Prova:
Grande Prêmio de Mônaco de 1990

Prova Anterior:
Grande Prêmio de San Marino de 1989
Grande Prêmio de San Marino Próxima Prova:
Grande Prêmio de San Marino de 1991