Abrir menu principal

Supercopa Brasil de Basquete Masculino

(Redirecionado de Supercopa Brasil de Basquete)

A Supercopa Brasil de Basquete Masculino foi um torneio adulto de basquetebol, organizado pela Confederação Brasileira de Basquete (CBB). Entre 1997 e 2004, foi financiado pela Caixa Econômica Federal, e de 2011 a 2014 foi financiado pela Eletrobras.

HistóriaEditar

No primeiro formato (1997 a 2004), o torneio era disputado como uma "Seletiva Pré Campeonato Nacional", a partir de 2011 o torneio passou a não contar com equipes que estavam na disputa do Campeonato Brasileiro da 1ª Divisão (NBB), ficando com ares de Segunda Divisão.

No período de 1997 a 2004, a Copa Brasil era composta por 4 torneios: Copa Brasil Norte, Copa Brasil Nordeste, Copa Brasil Centro-Oeste e Copa Brasil Sul. Os melhores de cada copa se classificavam para a fase final nacional. Equipes da Região Sudeste estavam divididas entre estes quatro torneios da seguinte forma: as equipes do Espírito Santo jogavam a Copa Brasil Nordeste, as equipes de São Paulo e do Rio de Janeiro jogavam a Copa Brasil Sul e as equipes de Minas Gerais jogavam a Copa Brasil Centro-Oeste.

Entre 2005 e 2010, com a não realização da Supercopa do Brasil de Basquete, apenas a Copa Brasil Norte continuou a ser disputada.

De 2011 a 2013, passou a haver a disputa de cinco torneios: Copa Brasil Norte, Copa Brasil Nordeste, Copa Brasil Centro-Oeste, Copa Brasil Sudeste e Copa Brasil Sul. Os finalistas da Supercopa ganhariam o direito de disputar a temporada seguinte do Novo Basquete Brasil, desde que consiguissem atender as exigências financeiras mínimas determinadas pela Liga Nacional de Basquete.

A partir de 2014, quando a LNB criou a Liga Ouro, que passou a ser a "2ª Divisão" do NBB, a Supercopa passou a equivaler à Terceira Divisão do basquetebol masculino brasileiro.

No final de 2018, foi criado o Campeonato Brasileiro de Clubes, que será a nova divisão de acesso para o Novo Basquete Brasil. Com isso, a Liga Ouro será extinta, bem como a Supercopa, já que as Copas Brasil Regionais darão vaga para o Brasileiro de Clubes.[1]

Campeões das Copas RegionaisEditar

Ano Copa Brasil Sul Copa Brasil Sudeste Copa Brasil Centro-Oeste Copa Brasil Nordeste Copa Brasil Norte
1996   Corinthians-RS Não existia Não existia Não existia Não existia
1997   ABAJ-Joinville Não existia   APCEF   AABB Fortaleza   São José
1998   Ulbra Não existia   Unitri/Uberlândia   Saldanha da Gama   São José
1999   Londrina Não existia   Unitri/Uberlândia   Sport   Macapá
2000   Unisanta Não existia   Ajax   Sport   Trem
2001   São Caetano Não existia   Ajax   Fortaleza   São José
2002   Automóvel Clube Não existia   Gama   Univila   Remo
2003   Paulistano Não existia   Lobos Brasília   Fortaleza   AABB Amapá
2004   Limeira Não existia   Lobos Brasília   Sport   São José
2005 Não realizada Não existia Não realizada Não realizada   Trem
2006 Não realizada Não existia Não realizada Não realizada Não realizada
2007 Não realizada Não existia Não realizada Não realizada   São José
2008 Não realizada Não existia Não realizada Não realizada   Paysandu
2009 Não realizada Não existia Não realizada Não realizada   Santana
2010 Não realizada Não existia Não realizada Não realizada Não realizada
2011   Campo Mourão   Rio Claro   São Camilo   Sport   São José
2012   Bira   Palmeiras   Iesplan   Sport   Assembléia Paraense
2013   Campo Mourão   Rio Claro   Goiânia   Sport   Assembléia Paraense
2014   Brusque Não realizada   CEUB   Náutico   Jovens Maranhenses
2015   Ponta Grossa Não realizada   Filadélfia   Vitória   Paysandu
2016   Ponta Grossa Não realizada   Vizinhança   Unifacisa   Santos
2017   Ponta Grossa Não realizada   Cerrado Basquete   Unifacisa   Paysandu
2018   Ponta Grossa Não realizada   Clube Jaó Não realizada Não realizada
2019   Joinville/AABJ Não realizada

Supercopa BrasilEditar

CampeõesEditar

Ano Campeão Vice-campeão
Como torneio classificatório para o Campeonato Nacional[2]
1997   ABAJ-Joinville   APCEF
1998   Unitri/Uberlândia   Ulbra
1999   Unitri/Uberlândia   Londrina
2000   Unisanta   Ajax
2001   Ajax   São Caetano
2002   Pinheiros   Automóvel Clube
2003   Lobos Brasília   Paulistano
2004   Lobos Brasília   Limeira
2005 a 2010 Não realizado
Como 2ª Divisão do NBB[3]
2011   Tijuca   Liga Sorocabana
2012   Mogi das Cruzes   Palmeiras
2013   Fluminense   Macaé
Como 3ª Divisão do NBB, após a criação da Liga Ouro
2014   CEUB   APAB/Blumenau
2015   Jacareí   Fupes
2016   Santos   Brusque
2017   Unifacisa   Cerrado Basquete
2018   Ponta Grossa   Maringá

Referências