Santos Futebol Clube (Macapá)

Macapá

Santos Futebol Clube é um clube brasileiro de futebol da cidade de Macapá, capital do estado do Amapá. Suas cores são branco e preto e foi fundado em 11 de maio de 1973.

Santos
SantosMacapá.png
Nome Santos Futebol Clube
Alcunhas Peixe da Amazônia
Alvinegro
Torcedor/Adepto Santista
Mascote Peixe
Principal rival Ypiranga
Fundação 11 de maio de 1973 (47 anos)
Estádio Zerão
Capacidade 10.000 pessoas
Localização Macapá, AP
Presidente Luciano Marba
Treinador Edson Porto
Patrocinador Águas da Amazônia
L.M.S
Farmácia Popular
Domestilar
Natuvida
Material (d)esportivo Peixe Da Amazônia (Marca Própria)
Competição Campeonato Amapaense
Série D
Copa Verde
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Temporada atual
editar

O peixe da Amazônia (como é carinhosamente chamado) vem crescendo ano após ano, o clube é o segundo maior campeão amapaense na era profissional acumulando 7 títulos estaduais, sendo recordista de taças levantadas de forma consecutiva na era moderna com 5 tentos (2013-14-15-16-17), ou outros dois títulos foram em 2000 e 2019. Outro feito a ser destacado são as 7 finais seguidas em sequência desde 2013.

O Santos-AP também tem alcançado bons resultados a nível nacional, o peixe é o primeiro time amapaense a chegar a semifinal de uma competição nacional, feito realizado na Copa Verde de 2017, terminando a competição em 3º lugar.[1] O alvinegro é um dos poucos clubes a participar de todas as edições da Copa Verde.

O grande jogo de sua história foi realizado no dia 21 de abril de 2016, quando disputou o jogo de maior representatividade de sua história, enfrentando pela primeira vez o seu xará Santos em jogo válido pela Copa do Brasil, a partida terminou em 1 x 1. O gol do Peixe da Amazônia foi marcado por Rafinha, enquanto Joel igualou o marcador para os paulistas. Com este grande resultado, foi necessária a segunda partida, na Vila Belmiro, a equipe amapaense foi derrotada por 3 x 0 e foi eliminada.


HistóriaEditar

FundaçãoEditar

No Amapá, precisamente em 11 de maio de 1973, Otaciano Nogueira (enfermaria do hospital) e Delson Furtado (professor estadual), mobilizaram um grupo de amigos para fundar, o Santos Futebol Clube na capital Macapá. A histórica reunião aconteceu exatamente no dia 11 de maio de 1973, na Avenida Pedro Baião no Bairro do Trem. Na oportunidade, o objetivo era instituir um clube que viesse a ser uma fábrica de atletas campeões, surgia assim, o 'Peixe da Amazônia'.[2]

No advento do profissionalismo amapaense em 1990, houve também a necessidade dos clubes acompanhar esse novo modelo de fazer futebol. O Santos profissionalizou-se em 1998, na Federação Amapaense de Futebol (FAF).

Primeiro títuloEditar

Após dois anos disputando profissionalmente, no dia 09 de setembro de 2000 o clube santista conquista o 1º título estadual em um jogo memorável, derrotando o Mazagão por 3 a 1, partida disputada no estádio Zerão. Dengo Beirol, Penafort, e Dinamite marcaram para o peixe, enquanto Germano Tiago diminuiu para o MAC.[3]

TítulosEditar

Estaduais
Competição Títulos Temporadas
  Campeonato Amapaense 7 2000, 2013, 2014 , 2015, 2016 , 2017 e 2019
  Campeonato Amapaense - Segunda Divisão 1 2007 

  Campeão Invicto

BasqueteEditar

Nacional
Competição Títulos Temporadas
  Supercopa Brasil de Basquete (equivalente à 3ª divisão) 1 2016

Desempenho em CompetiçõesEditar

 Ver artigo principal: Temporadas do Santos-AP

ParticipaçõesEditar

Participações em 2020
Competição Temporadas Melhor campanha Estreia Última P   R  
  Amapazão 18 Campeão (7 vezes) 1989 2020 2
Segunda Divisão 2 Campeão (2007) 2005 2007 2
  Copa Verde 7 3º colocado (2017) 2014 2020
  Série C 1 65º colocado (1998) 1998
Série D 8 11º colocado (2017) 2012 2020
Copa do Brasil 8 54º colocado (2020) 2000 2020

 Campeonato Amapaense - 1ª DivisãoEditar

Ano 1990 1991 1992 1993 1994 1995 1996 1997 1998 1999
Pos.
Ano 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009
Pos. 10º 11º
Ano 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019
Pos.
Ano 2020
Pos.

 Campeonato Amapaense - 2ª DivisãoEditar

Ano 2005 2007
Pos.

 Campeonato Brasileiro - Série CEditar

Ano 1998
Pos. 65º

 Campeonato Brasileiro - Série DEditar

Ano 2012 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020
Pos. 36º 13º 20º 63º 11º 32º 63º

 Copa do BrasilEditar

Ano 2000 2001 2014 2015 2016 2017 2018 2020
Pos. 63º 59º 85º 81º 75º 80º 67º 54º

  Copa VerdeEditar

Ano 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020
Pos. 10º 12º 15º

Histórico em competições oficiaisEditar

  • Copa do Brasil 2001: Santos 0 x 1 Remo/ Remo 3 x 0 Santos).
  • Copa do Brasil 2000: Santos 0 x 0 Remo/ Remo 6 x 0 Santos).
  • Copa do Brasil 2014: Santos 0 x 3 América-MG
  • Copa do Brasil 2015: Santos 1 x 3 Portuguesa
  • Copa do Brasil 2016: Santos 1 x 1 Santos-SP/ Santos-SP 3 x 0 Santos
  • Copa Verde 2017: Remo 2 x 1 Santos/ Santos 3 x 0 Remo).
  • Copa do Brasil 2020: Santos 1 x 1 América-MG

EstruturaEditar

O clube é um dos destaques da região norte em estrutura. O Centro de Treinamento possui, duas quadras, uma poliesportiva para a prática do Futsal, Handebol, Basquete, Voleibol, medindo 25/20m² e a outra de grama sintética que serve exclusivamente para a prática de Futebol Society, e mede 25/50m². Ainda possui: Campo de Futebol com grama Esmeralda 110/75m²(dimensões oficiais , gramado vindo de Dubai), um Campo de Areia 25/25m², e outro campo de tamanho inferior medindo 30/30m². O espaço social compreende pelo Salão de Eventos, Piscina, Academia Área Vip, Lanchonete, e Bosque, arborizado por árvores nativa da região. Os alojamentos possuem centrais de ar, e auditório para jogos.

Investe nas categorias de base, participando, em 2013, da Copa São Paulo de futebol Juniores.

Elenco atualEditar

Goleiros
Jogador
  Redson
  Guibson
Defensores
Jogador Pos.
  Adriano Z
  Eduardo Felipe Z
  Willian Thuran Z
  Jeferson Jari Z
  Preto Barcarena Z
  Charles Z
  Diego Fonseca L
  Batata L
  Juninho Paiva L
  Dennys L
  Marcelinho L
  Lessandro L
Meio-campistas
Jogador Pos.
  Leandrinho M
  Michel M
  Otávio M
  Patrick Henrique M
  Rafael Santos M
  Renato M
  William Fazendinha M
  Dhiego Lomba M
  Denílson M
  Fabinho Paulista M
  David M
  Dalton Jhackson M
Atacantes
Jogador
  Luciano Marba
  Beto Acosta
  Jean Marabaixo
  Pecel
  Bruninho
  Fábio Vinícius
  Joãozinho
  Jonathan Bryan
Comissão técnica
Nome Pos.
  Edson Porto T

RivalidadesEditar

Único time a desbancar o peixe no amapaense(2018), o Ypiranga vem causando resistência ao domínio santista nos últimos anos, com direito a duas finais seguidas com um título pra cada sendo decidido nas penalidades.

Outro time a tentar resistir ao domínio santista é o Trem, com grande quantidade de embates decisivos, tanto no profissional quanto no sub-20, ambos se encontram em três finais estaduais, com dois títulos para o peixe (2015 e 2016) e 1 para o rival (2011).

Esta rivalidade que faz alusão ao grande clássico paulista SAN-SÃO, este confronto definiu o amapaense de 2014, o embate ocorreu na final do returno, com vitória santista. Pelo fato do peixe também ter faturado o primeiro turno, não houve necessidade de uma final entre os campeões de turno, portanto a equipe santista garantiu o título estadual neste jogo.

Rival J V E D GP GC
São Paulo 30 17 4 9 47 32

Ranking da CBFEditar

Ranking atualizado em 05 de dezembro de 2018

  • Posição: 68º
  • Pontuação: 1107 pontos


Ranking criado pela Confederação Brasileira de Futebol para pontuar todos os clubes do Brasil.[4][5]

Referências

   Este artigo sobre clubes brasileiros de futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.