Abrir menu principal

Copa do Brasil de Futebol de 2006

Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde fevereiro de 2010).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
XVIII Copa do Brasil
Copa do Brasil de Futebol
Brasil.
Dados
Participantes 64
Organização CBF
Local de disputa  Brasil
Período 15 de fevereiro26 de julho
Gol(o)s 343
Partidas 113
Média 3,04 gol(o)s por partida
Campeão Rio de Janeiro Flamengo (2º título)
Vice-campeão Rio de Janeiro Vasco da Gama
Melhor marcador Valdiram (Vasco da Gama) – 7 gols
Maior goleada
(diferença)
Vasco da Gama Rio de Janeiro 7 – 0 Paraíba Botafogo-PB
◄◄ Brasil 2005 Soccerball.svg 2007 Brasil ►►

A Copa do Brasil de 2006 foi disputada por 64 times, classificados através dos campeonatos estaduais (54 vagas) e do Ranking da CBF (10 vagas).

Em uma final inédita, já que pela primeira vez na história da competição, dois clubes de um mesmo estado (Rio de Janeiro) chegavam à decisão, o Flamengo conquistou o título, ao superar o rival Vasco, pelo placar agregado de 3-0.

ParticipantesEditar

Os participantes da edição de 2006 da Copa do Brasil foram os 10 melhores colocados do Ranking da CBF, excluindo aqueles que participam da Copa Libertadores da América de 2006.

Classificados pelo Ranking da CBF [1]
Pos. Clube Pontos
  Grêmio 1 863
  Vasco da Gama 1 794
  Flamengo 1 780
  Atlético Mineiro 1 765
  Cruzeiro 1 657
10º   Santos 1 528
11º   Fluminense 1 418
12º   Botafogo 1 390
13º   Guarani 1 381
14º   Coritiba 1 285

Além desses, 3 representantes dos Estados, entre 1º e 5º no Ranking, 2 dos Estados, entre 6º e 22º, e um dos Estados, entre 23º e 27º, também foram habilitados a competir, através de seus campeonatos regionais e/ou competições especiais criadas por suas respectivas federações estaduais.

Classificados pelos campeonatos estaduais
UF Clube
  Acre Rio Branco-AC
  Alagoas ASA
CRB
  Amapá São José
  Amazonas Nacional-AM
Coariense
  Bahia Bahia
Vitória
  Ceará Fortaleza
Icasa
  Distrito Federal Brasiliense
Ceilândia
  Espírito Santo Serra FC
  Goiás Mineiros-GO
Vila Nova-GO
  Maranhão Imperatriz
Moto Club
  Mato Grosso Vila Aurora
Operário-MT
  Mato Grosso do Sul CENE
Operário-MS
  Minas Gerais URT
Ipatinga
  Pará Remo
Paysandu
  Paraíba Treze
Botafogo-PB
  Paraná Atlético Paranaense
Londrina
Iraty
  Pernambuco Santa Cruz
Náutico
  Piauí Piauí
Parnahyba
  Rio de Janeiro Americano
Cabofriense
Volta Redonda
  Rio Grande do Norte Potiguar
ABC
  Rio Grande do Sul 15 de Novembro
  Rondônia Vilhena
  Roraima São Raimundo-RR
  Santa Catarina Hermann Aichinger
Criciúma
  São Paulo São Caetano
Santo André
  Sergipe Itabaiana
Sergipe
  Tocantins Colinas
Classificados por outras competições
UF Clube Competição
  Espírito Santo Estrela do Norte-ES Copa ES
  Minas Gerais América-MG Taça Minas Gerais
  Rio Grande do Norte Potiguar Copa RN
  São Paulo Noroeste Copa Paulista
  Rio Grande do Sul Novo Hamburgo Copa Emídio Perondi
Ulbra Copa BIG/Brasil Telecom

ConfrontosEditar

  1ª fase 2ª fase Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Finais
                                                         
   ASA 1 1  
   Flamengo 1 2  
     Flamengo 1 4  
     ABC 0 0  
   Parnahyba 0 1
   ABC 1 5  
     Flamengo 5 0  
     Guarani 1 1  
   Estrela do Norte 1 0  
   Guarani 1 3  
     Guarani 4 -
     Potiguar de Mossoró 0 -  
   Potiguar de Mossoró 2 2
   Santo André 0 1  
     Flamengo 4 0  
     Atlético Mineiro 1 0  
   Atlético de Ibirama 0 -  
   Atlético Mineiro 3 -  
     Atlético Mineiro 2 4
     Mineiros 3 1  
   Mineiros (gf) 3 2
   Americano 1 4  
     Atlético Mineiro (gf) 0 3
     Fortaleza 2 1  
   Vilhena 1 -  
   Fortaleza 3 -  
     Fortaleza 1 3
     Ceilândia 1 1  
   Ceilândia 0 2
   Bahia 0 1  
     Flamengo 1 2  
     Ipatinga 1 1  
   Operário-MS 1 1  
   Botafogo 2 5  
     Botafogo 0 1  
     Ipatinga 3 3  
   Serra 1 -
   Ipatinga 3 -  
     Ipatinga 3 3  
     Náutico 1 1  
   Icasa 0 1  
   Coritiba 0 3  
     Coritiba 0 0
     Náutico 2 0  
   Rio Branco-AC 0 1
   Náutico 1 4  
     Ipatinga (pen) 1 1 (5)
     Santos 1 1 (3)  
   Sergipe 0 0  
   Santos 0 3  
     Santos 3 -
     URT 1 -  
   URT 3 1
   Londrina 2 1  
     Santos 2 1
     Brasiliense 1 1  
   São Raimundo-RR 0 -  
   Brasiliense 2 -  
     Brasiliense 3 1
     Remo 1 0  
   Itabaiana 0 1
   Remo 0 4  
     Flamengo 2 1
       Vasco da Gama 0 0
   Botafogo-PB 1 0
   Vasco da Gama 1 7  
     Vasco da Gama 2 5  
     Iraty 2 1  
   Ulbra-RS 2 -
   Iraty 4 -  
     Vasco da Gama 2 1  
     Criciúma 1 0  
   Cabofriense 1 1  
   São Caetano 1 4  
     São Caetano 4 0
     Criciúma 1 4  
   Novo Hamburgo 2 1
   Criciúma 2 2  
     Vasco da Gama 0 2  
     Volta Redonda 0 1  
   Moto Club 1 -  
   Atlético Paranaense 3 -  
     Atlético Paranaense 1 0
     Volta Redonda 2 0  
   Volta Redonda (pen) 2 1 (7)
   América Mineiro 1 2 (6)  
     Volta Redonda (gf) 1 1
     15 de Novembro 0 2  
   Piauí 1 0  
   Grêmio 2 4  
     Grêmio 0 1 (5)
     15 de Novembro (pen) 1 0 (6)  
   15 de Novembro 4 0
   Noroeste 1 2  
     Fluminense 0 1
   Vasco da Gama 1 1  
   Operário-MT 2 1  
   Fluminense 3 3  
     Fluminense 5 -  
     CENE 3 -  
   CENE 2 3
   Treze 1 1  
     Fluminense 2 4  
     Vila Nova 2 0  
   Colinas 0 -  
   Paysandu 2 -  
     Paysandu 1 1
     Vila Nova 3 0  
   Coariense 2 -
   Vila Nova 5 -  
     Fluminense 3 1
     Cruzeiro 2 0  
   Nacional-AM 2 -  
   Cruzeiro 5 -  
     Cruzeiro 2 -
     CRB 0 -  
   São José-AP 0 0
   CRB 1 3  
     Cruzeiro 1 4
     Vitória 2 0  
   Vila Aurora 0 0  
   Santa Cruz 0 1  
     Santa Cruz 2 2
     Vitória 2 3  
   Imperatriz 1 2
   Vitória 1 5  

FinaisEditar

1º Jogo da Final da Copa do Brasil 2006Editar

FLAMENGO 2 x 0 VASCO

  • 19/07/2006 - Maracanã, Rio de Janeiro (RJ) - Renda: R$ 1.661.980
  • Árbitro: Leonardo Gaciba, Assistentes: Hilton Moutinho e Ana Paula Oliveira
  • FLAMENGO: Diego, Renato Silva (Obina), Ronaldo Angelim e Fernando; Leonardo Moura, Jônatas, Toró (Júnior), Renato, Renato Augusto (Rodrigo Arroz) e Juan; Luizão. Técnico: Ney Franco
  • VASCO: Cássio, Wágner Diniz, Fábio Braz e Jorge Luiz; Diego, Ives, Andrade, Morais e Ramon (Abedi); Valdiram (Ernani) e Edílson. Técnico: Renato Gaúcho.
  • Gols: 14'/2ºT - Obina (FLA); 17'2ºT - Luizão (FLA)
  • Cartões Amarelos: Ronaldo Angelim e Júnior (Flamengo); Andrade, Ramon e Ives (Vasco);

2º Jogo da Final da Copa do Brasil 2006Editar

VASCO 0 x 1 FLAMENGO

  • 26/07/2006 - Maracanã, Rio de Janeiro (RJ) - Renda: R$ 1.291.695
  • Árbitro: Carlos Eugênio Simon, Assistentes: Ednilson Corona e Aristeu Tavares
  • VASCO: Cássio, Wagner Diniz, Fábio Braz, Jorge Luiz e Diego; Ygor, Andrade (Abedi - 8'/2ºT), Ramon (Valdiram - 32'/1ºT) e Morais (Ernane - 12/2ºT); Edilson e Valdir Papel - Técnico: Renato Gaúcho
  • FLAMENGO: Diego, Rodrigo Arroz, Fernando e Renato Silva; Leonardo Moura, Jônatas, Toró (Obina - 19'/2ºT), Renato, Renato Augusto(Peralta - 31'/2ºT) e Juan; Luizão (Léo - 41'/2ºT) - Técnico: Ney Franco.
  • Gol: 27'/1ºT - Juan (FLA)
  • Cartões Amarelos: Toró, Luizão, Renato Augusto e Fernando (Flamengo); Wagner Diniz, Morais, Abedi (Vasco);
  • Cartões Vermelhos: Valdir Papel (Vasco).

CampeãoEditar