Wikipédia Discussão:Tentativa de Consenso/Eventos Futuros

Discussões ativas

Esta tentativa de consenso se refere à existência de artigos sobre Eventos Futuros na Wikipédia lusófona. Ela deriva de dois tópicos da Esplanada Propostas, que se transformaram no início de uma discussão sobre a seguinte votação: Wikipedia:Votações/Eventos Futuros. O texto movido da Esplanada para a discussão pode ser visto neste tópico.

A presente tentativa de consenso parte do comentário de Béria Lima feito na própria discussão da votação, alertando para a falta de discussão prévia da votação. Filipe RibeiroMsg 21h53min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

Televisão e CinemaEditar

O que seria confirmação do produtor ? Confirmar que a primeira cena do filme já foi gravada conta como confirmação que o filme será feito ? Ou confirmar o roteiro ? Ou selecionar todo o elenco ? => Rjclaudio msg 22h07min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

creio eu que a confirmação nesses casos seria a da estreia. Mas o texto é realmente confuso. Béria Lima Msg 22h24min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)


Eu não sei, mas de qualquer modo penso parecido com o Fabiano, novela só quando estiver pra estrear. Eu diria mais, só na semana da estréia, seja filme ou novela. No caso dos filmes, poderia haver uma tolerância maior pq o mercado pirata sempre aparece com eles antes do lançamento, só isso. Leandro Rocha (discussão) 22h30min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

O mercado pirata consegue o filme completo antes mesmo dele ser exibido em alguma sala de cinema do país em que ele foi feito ? Nossa, a pirataria tá melhorando cada vez mais.

O filme pode demorar para estrear aqui, e neste caso a pirataria pode ter o filme antes, mas ter filme pirata do homem-aranha 3 antes dele ter estreado nos EUA já acho difícil. E mesmo se tiver não podemos nos basear em algo ilegal. => Rjclaudio msg 22h35min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

Concordo com o Rj: TV e Cinema só após a estréia ou, quando for o caso, a pré-estréia. Porantim msg 00h03min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)
  Concordo também... Kleiner msg 17h23min de 3 de Janeiro de 2009 (UTC)
  • O caso de telenovelas é sui generis, a emissora espalha a notícia com título provisório e por um bom tempo só se fala naquela novela — até que a emissora assuma o título oficial. No caso da TV Globo, é criado o site com o nome da novela — e daí pra frente não volta atrás. "Chamadas no ar" são difíceis de comprovar, se um usuário disser que viu, a gente tem de acreditar — mesmo que, para ele, "chamada" seja a Ana Maria Braga falar que o ator X foi convidado pra trabalhar na novela tal. Nesse caso da "chamada", que fazer? Cinco editores devem testemunhar? Acho que aí esbarra no WP:NPI. Melhor a criação do site oficial da telenovela (não confundir com "o site da emissora falar sobre a novela", como a coluna de fofocas Ego, hospedada na Globo.com). YANGUAS diz!-fiz 11h23min de 20 de janeiro de 2009 (UTC)

EsporteEditar

Só não concordo com a citação dos Critérios de notoriedade, eles são apenas uma recomendação, e se um evento tiver seu processo preparatório já tiver iniciado (cumpre critérios de evento futuro) mas não cumprir o CN ele deve ir para PE como qualquer outro artigo. Mandar para ER por causa dos CNs já foi rejeitado pela comunidade na votação dos CNs. => Rjclaudio msg 22h04min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

Sobre o tempo eu concordo, deixa o tempo variável de acordo com o tipo de evento. => Rjclaudio msg 22h05min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)
Retirei o trecho ao qual você se referiu. Filipe RibeiroMsg 22h08min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

  Discordo Cláudio.

2.2 Esporte (campeonatos de qualquer modalidade e eventos multiesportivos, desde que atendam aos critérios de notoriedade)
 
Texto original
O texto está correto, pois se um artigo não é notório sendo um evento presente, não tem pq ele ser notório se for futuro. A regra de ER caso aprovada não se aplicará para fins de notoriedade do artigo, mas para futurologia sim, independente do artigo ser notório ou não. Leandro Rocha (discussão) 22h19min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

Não vi a regra de CN ser citada para tecnologia, nem para televisão, nem para os outros casos. CN nunca será motivo para ER. Se quiserem criar um CN próprio para "Evento Futuro" e usar isso para ER podem fazer aqui. Mas não usar as discussões anteriores de CN. As pessoas que votaram na votação de CN para esporte votaram como recomendação, e não votaram para servir para mandar artigos para ER. Usar o resultado daquela votação para outros fins que não sejam os que estiveram descritos antes do início da mesma é errado.

Se o artigo fosse um evento presente ele não seria eliminado por ER e sim enviado a PE, então o mesmo deve ser feito para evento futuro. => Rjclaudio msg 22h33min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

Pelo que eu entendi, o Filipe acima tentou listar aquilo que pode, como se fossem os CdN, e não listar aquilo que deve ir pra ER. Leandro Rocha (discussão) 05h08min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Como vc mesmo disse, a regra de ER não vai levar em conta a notoriedade, apenas a futurologia. Se os CNs serão totalmente ignorados não tem sentido citá-los no texto da política. => Rjclaudio msg 10h44min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Mas a questão é, estamos discutindo o que aqui ? Um novo CdN, uma regra de ER, ou os dois ? Leandro Rocha (discussão) 14h47min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)
Citação: Rjclaudio escreveu: «Se os CNs serão totalmente ignorados não tem sentido citá-los no texto da política.» Quem falou que os CNs serão totalmente ignorados? Eu havia colocado isso no texto pra citar a relevância que o artigo precisa ter pra ficar na Wikipédia. Retirei por que não é uma política, e sim uma recomendação. Mas, em nenhum momento, falei em ignorá-los. Filipe RibeiroMsg 14h51min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Leandro, sempre imaginei que estavamos discutindo uma regra de ER, já que atualmente vários artigos futurísticos são eliminados por ER0 (sem regra). Se a discussão levar a mandar todo artigo futuro para PE então isso já vira CNs. Pra mim o primeiro passo é definir isso : terá ER ou não ?

Filipe, o fato de uma política sobre Evento futuro existir não impede em nada a aplicação da recomendação sobre CNs. A discussão deve ser independente. Senão vamos passar a discutir se um campeonato futuro de futebol da segunda divisão de um país da áfrica merece ou não ter artigo. O mesmo para o conteúdo mínimo do artigo, isso tb já é assunto de PE. Já foge do escopo da proposta. Se quiser pode colocar o link pros CNs em uma seção de "Ver também", mas colocar entre parenteses depois do link que a página é recomendação e não política. E fazer o mesmo com quaisquer outras páginas relevantes sobre o assunto. É bom ter o link, mas o conteúdo é discutido separadamente.

=> Rjclaudio msg 15h01min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Claudio, veja o item 4: "Os artigos sobre eventos futuros que não atenderem aos critérios determinados por esta política deverão ser propostos para Eliminação rápida sob uma regra a ser criada."
Concordo que discutir relevância foge do escopo da proposta. Mas é importante citar de alguma forma relevância. Você tem alguma sugestão? Filipe RibeiroMsg 15h07min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

AnosEditar

Assim que as olimpíadas começarem os preparativos (inscrições para sediar os jogos) já criamos o artigo do ano da olimpíada.

Mas acho meio estranho termos, por exemplo, o artigo de 2014 mas não termos o de 2013.

Eu criaria logo todos os próximos 10 anos.

=> Rjclaudio msg 22h38min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

Aí achei meio bizarro. Quer dizer, o que teria o artigo? "2013 é o ano que vem depois do 12 e antes do 14"? No caso de olimpíada, o que diria o artigo? "2014 é o ano que deve acontecer uma olimpíada em local não conhecido com categorias não conhecidas"?
Quando se coloca isso na prática, é muito doido. Qual a relevância de artigos como esses?
Creio que artigos de anos só devem ser criados se houverem artigos outros em que o ano seja relevante. Quer dizer: artigos em que haja necessidade de ligação interna para o ano.
Porantim msg 00h08min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Ué, o artigo da olimpíada de 2014 se for criado teria necessariamente a ligação interna para o artigo do ano. E o texto seria "será realizada a olimpíada, ainda sem local confirmado". Pelo menos teria o link para o artigo da olimpíada. Se tem artigo vale ter o ano. Artigo de ano por mim não vejo mal em estar vazio. Ao contrário de outros artigos, artigo de ano estando vazio ao menos informa uma coisa : "até agora não há eventos importantes esperados para este ano".

Mas vendo os artigos atuais eu mudo de opinião : Todos os anos futuros seriam criados como redirect para uma página com tds os eventos futuros. Usei como base a Década de 530 a.C., que é redirect para o século. No nosso caso 2014 seria redirect para Eventos futuros ou Wikipedia:Eventos futuros. As informações seriam colocadas no artigo. E seria mais fácil do que vigiar os vários anos futuros que seriam criados.

=> Rjclaudio msg 00h46min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Sobre a olimpíada de 2014, estamos falando do tópico acima (Esportes). Como aparentemente minha proposta não ficou clara, vou tentar escrever de outro jeito:
Se tem artigo e se o ano é relevante para o artigo, tem artigo do ano. Em outros casos, não.
Porantim msg 01h14min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)
  Concordo Leandro Rocha (discussão) 14h39min de 10 de Janeiro de 2009 (UTC)

TecnologiaEditar

Não consigo imaginar o que poderia justificar um artigo alguma tecnologia futura...

"A Microsoft anunciou que está pesquisando o novo X-Box e que este deve ser lançado dentro de dez anos"? Meio esdrúxulo.

A Microsoft adotou uma política de lançar versões de seus produtos a cada 5 anos, mas nem ela mesma segue direito essa política. Diga-se de passagem, é famosa por atrazar o lançamento de seus produtos.

Nesse caso de software, mesmo que esteja em versão beta, ainda é um problema, pois as funcionalidades do beta mudam para a versão final. Pra vcs terem uma idéia, a funcionalidade de upsert que estava presente no beta do SQL 2005 só foi lançada oficialmente no SQL 2008.

Alguém tem uma idéia de uma coisa que justifique um artigo nessa área?

Porantim msg 00h13min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Hehehe. Perdoem o vício de profissional de TI...
Béria me alertou para os casos de tecnologias médicas ou físicas. Nesse caso, creio que o critério seria ter trabalhos científicos publicados (e o artigo seria sobre a teoria defendida nesses trabalhos). Acho que nesse caso não cabe um artigo de periódico não científico como única fonte, teria que ter o artigo científico mesmo.
Porantim msg 00h40min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

PublicaçõesEditar

Outro tema que acho meio maluco. Qual tipo de artigo? "J. K. Rowling está escrevendo mais um livro do HP que deve ser lançado em dois anos e o título talvez seja HP e o fulano de tal"?

Não consigo pensar em nada relevante sobre o tema...

Porantim msg 00h17min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

  Concordo. Não há como estabelecer nada sobre uma publicação que ainda não foi... publicada! Kleiner msg 17h44min de 3 de Janeiro de 2009 (UTC)
  Concordo Leandro Rocha (discussão) 14h39min de 10 de Janeiro de 2009 (UTC)
Depois da questão de álbuns que acabou de ser levantada (lá no final da página), mudei de opinião aqui. Se o livro fizer parte de uma série e ele já tiver data de lançamento confirmada pela editora, autora e por fontes fiáveis independentes, não vejo pq não deixar. Claro, o conteúdo não pode ser mínimo como "Próximo livro do HP", mas se tiver texto falando sobre a produção do livro, comentários e entrevistas da autora, expectativas das pessoas, descrição da capa, etc, não vejo pq apagar.
Diferente de publicações novas (séries novas), livros que fazem parte de uma série cujo primeiro livro já possui artigo com certeza também terá artigo quando ele for lançado. E quando o livro possui data de lançamento (super) confirmada, o conteúdo não mudará mais, então o grande problema dos "eventos futuros" (conteúdo volátil) deixa de ser problema.
Sugestão : Livros que fazem parte de uma série, cujo primeiro livro da série já possui artigo na wiki, e que possuem data de lançamento confirmada pela autora, editora e por fontes fiáveis e independentes, poderão ter artigo (opcional : desde que falem algo sobre a produção, expectativas, comentários do autor, ou similares)
=> Rjclaudio msg 16h28min de 20 de janeiro de 2009 (UTC)
Livros que fazem parte de uma série, cujo primeiro livro da série já possui artigo na wiki, e que possuem data de lançamento confirmada pela autora, editora e por fontes fiáveis e independentes, poderão ter artigo, desde que falem algo sobre a produção, expectativas, comentários do autor, ou similares)
 
proposta
(grifo meu)
  Concordo, penso que esse deve ser o texto, tanto para livros, quanto para álbuns. Sendo que para álbuns trocaria-se "Livros que fazem parte de uma série" por "álbuns de bandas notórias". Leandro Rocha (discussão) 13h54min de 21 de janeiro de 2009 (UTC)
  Concordo com as duas propostas. Então, fica para os jornais e revistas a serem lançados a seu lançamento e relevância necessários. Łυαη fala! 02h13min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)

Definição de evento futuro?Editar

Então... Meio maluco isso, né não? Decidir o que é um evento futuro?

evento
do Lat. eventu
s. m.,
acontecimento;
ocorrência;
sucesso;
eventualidade.
futuro
do Lat. futuru, que há de ser
s. m.,
tempo que há-de vir a ser;
porvir;
destino;
noivo;
Gram.,
tempo verbal, relativo à acção que há-de realizar-se;
adj.,
que há-de vir;
que há-de ser.

Resumindo: evento futuro = acontecimento que ainda não aconteceu.

Qual a dúvida?

Porantim msg 23h45min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

A dúvida está ligada a discussão na página de votação. Quando um evento futuro deixa de ser futuro e passa a ser presente ?
Usando um jogo eletronico como exemplo, o limiar entre futuro x presente é :
Quando o jogo é lançado ?
Quando sai o primeiro trailer do jogo ?
Quando o roteiro é escrito ?
Quando faz anúncio de que uma sequencia está sendo planejada para um jogo ?
O trailer do jogo já foi exibido. Já não é mais algo futuro, já é passado. O trailer é passado. Logo o jogo já não é mais algo futuro, é algo presente (no sentido de que já foi criado uma parte e está sendo continuamente criado).
Essa era a questão. Mas com discussões temáticas não sei se tem muito sentido.
Algo mais relacionado à realidade atual seria : um produto está pronto/terminado/criado/gravado/escrito/etc, mas ainda não foi lançado/comercializado. O produto é futuro ? Neste caso na minha opinião "evento futuro" é a data de lançamento. O produto em si já é "evento presente" (no caso "evento passado" pq já terminou de ser criado).
Dependendo da definição alguns artigos não serão considerados futuros. Usando 2 exemplos diferentes, Holographic Versatile Disc é futuro ? O produto já foi criado. Só que está caro e inviável para comercialização. MAs o produto e a tecnologia já existem. É evento futuro ? E a missão espacial Orion é futuro ? Ainda não teve o lançamento da nave, mas já está tudo pronto. É futuro ?
=> Rjclaudio msg 01h00min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)
Continuo achando isso bizarro. Se o assunto é presente e não futuro, ele não cabe nesta política. Futuro é futuro. Essa discussão é filosófica. Sobre os dois exemplos, o lançamento dos dois (mutatis mudandis) são eventos futuros, ou seja, não ocorreram.
A discussão aqui é (dada a obviedade do que já aconteceu e do que não aconteceu) é definir quais das coisas que ainda não aconteceram e que devem acontecer devem constar em artigos.
Essa discussão só caberia se partíssemos do pressuposto de que tudo que é futuro é proibido, o que, pelo que vejo aqui, não é o caso.
Porantim msg 01h11min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Mas a idéia é definir justamente o que cabe na política. O lançamento do álbum é futuro, mas o álbum é presente pq o produto já está pronto. Se for considerado presente o produto que já está pronto mas ainda não foi lançado permitiríamos assim artigos de filmes (por exemplo) que já acabaram as filmagens mas ainda não estrearam.

A definição de futuro x presente vai implicar diretamente nas discussões temáticas e sobre o que está nesta política ou não.

Mas posso entender que a idéia é : tudo o que ainda não foi lançado oficialmente é futuro. Então resolvido. Mas isso precisa estar escrito no texto final. => Rjclaudio msg 01h22min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Pois, é isso: tudo o que não ocorreu, é futuro. Porantim msg 01h29min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Os artigos só poderão ser aceitos...Editar

Creio que a frase "quando houver algo relevante a constar no artigo" cabe para tudo, não?

Quer dizer, cabe um artigo que diga "X é um filme que está sendo filmado no Deserto de Gobi pelo fulano" e mais nada? Ou "O papa José CXI pretende ir à China em 2124"?

Porantim msg 23h59min de 18 de Dezembro de 2008 (UTC)

No caso do filme para isso existe {{mínimo}} não ? Nunca tivemos o costume (pelo menos eu acho/espero) de apagar por ER artigo só pq ele tem apenas 1 ou 2 linhas, sendo ele um artigo válido. Não acho certo mudar a regra só pq é futuro. Mínimo é mínimo, seja futuro, presente ou passado. => Rjclaudio msg 01h02min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)
Ops, quem falou em mínimo? O tópico aqui fala da frase "quando houver algo relevante a constar no artigo". A frase diz: relevante. Porantim msg 01h07min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)
(conflito)
A minha pergunta é: Quantos filmes estão sendo filmados agora? Centenas... milhares até. O que torna um filme relevante? Abrangência, bilheteria, exposição da mídia, certo? Um filme não estreado não tem bilheteria... e a não ser que seja o novo filme do HP, LOR ou CN, não tem exposição da midia. Logo... Béria Lima Msg 01h07min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Mas a questão é exatamente essa, béria. Pelo menos uma das proposta é essa. Que o filme/"evento futuro" seja noticiado na mídia, em pelo menos 3 fontes fiáveis. Se isso for feito quando foi apenas citado que o filme X será continuação de Y ou se isso acontecer só quando estrear já é outro assunto. Relevância pra mim sempre foi aparecer na mídia, nunca julguei nenhum filme só pela bilheteria.

Porantim, sorry, imterpretei errado. Mas bem, o que seria relevante em um artigo de filme ? Diga algo relevante do artigo À Flor da Pele. A única coisa de relevante que posso imaginar é o produtor e os 3 atores do elenco. Produtor quase sempre se terá em um artigo sobre filme futuro. Elenco nem sempre. => Rjclaudio msg 01h17min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Então, véi. Coloquei esse tópico só por causa da frase. Acho que se não há nada relevante a se dizer, não dá pra ter artigo (qualquer que seja).
Por exemplo: "Mel Gibson anunciou em entrevista que deverá fazer mais um filme sanguinário sobre algum herói da América Central". Isso sim não tem informação relevante nenhuma.
Porantim msg 01h28min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Se acha que o filme que citei, que não tem nada de relevante, deve ser apagado só pq não tem nada de relevante nele, mande para PE. Isso é feito em evento presente. Deve ser feito também em evento furuto. Nunca seria permitido mandar o filme que citei para ER por falta de relevância, tb não deve ser para artigo futuro. Eu sou a favor de mudar a redação : se não tiver nada de relevante manda para PE. => Rjclaudio msg 01h37min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Se não tem nada relevante é ER. PE é para casos de relevância duvidosa. Béria Lima Msg 15h11min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)
E se não tem nada relevante não se encaixa mais com essa proposta, já que irrelevância é irrelevância no presente, no passado e no futuro. Porém, nada contra recriar o artigo quando tiver algo relevante a pôr nele. O que é relevante não tem a ver com essa proposta. Filipe RibeiroMsg 15h15min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)
Modifiquei o item 3, incluindo a necessidade de relevância para a criação do artigo. Filipe RibeiroMsg 15h21min de 19 de Dezembro de 2008 (UTC)

Aprovação parcialEditar

Como a proposta já está parada a algum tempo e não temos novas idéias sobre Tecnologia e Publicações, sugiro aprovarmos como política a parte sobre Anos / Datas + Esportes + Televisão, para já fazer valer as regras de ER para esses casos, e futuramente completamos os outros dois casos que faltam. => Rjclaudio msg 21h27min de 1 de Janeiro de 2009 (UTC)

Então... Só acho que tem que colocar lá no texto o que foi discutido aqui, não? Porantim msg 22h06min de 3 de Janeiro de 2009 (UTC)

Embora não simpatize muito com a ideia de aprovar uma política pela metade, vamos lá: Abaixo listo o que foi alterado/incluído/removido no texto com base nas discussões desta página:
Item 3.2.1 Televisão e Cinema: alterado "quando houver confirmação oficial do produtor e notícias em fontes fiáveis" para "quando houver data de estreia confirmada por fontes fiáveis" coloquei um texto intermediário entre o que estava lá e o que alguns sugeriram, mas, se fizerem questão, altero o Item 2 (retirando o texto do item 2.1, já que, se só aceitarmos artigos sobre tv e cinema após a estreia, ele deixa de ser um evento futuro) e, consequentemente, o item 3.2.1 sem problema.
Item 3 Alterado "Os artigos só poderão ser aceitos se" para "Os artigos só serão aceitos se"
Item 3.2.4 Alterado "[a discutir]" por "quando houver publicações relevantes e/ou notícias em fontes fiáveis sobre o assunto do artigo" ver a discussão no item #Tecnologia.
Itens 2.5 e 3.2.5 removidos ver a discussão no item #Publicações.
Item 4 Alterado "...deverão ser propostos para Eliminação rápida sob uma regra a ser criada" para "...deverão ser propostos para Eliminação rápida sob a seguinte regra:".
Item 4.1 Incluído com o texto:
22. Artigos sobre eventos futuros que não atendem ao disposto em Wikipedia:Eventos futuros.
Por enquanto é isso. Opiniões, por favor. Filipe RibeiroMsg 12h30min de 4 de Janeiro de 2009 (UTC)

Por mim OK. => Rjclaudio msg 14h06min de 4 de Janeiro de 2009 (UTC)

Votação da redação final da propostaEditar

Apresento aqui o texto que está na página principal da tentativa de consenso para que ele seja ratificado ou reprovado. Aqueles que concordarem com o que está proposto, por favor utilizem *{{Concordo}} ~~~~. Quem discordar, utilize *{{Discordo}} ~~~~ e sugira as mudanças que achar necessárias. Votos contra a proposta sem justificativa poderão ser ignorados. Filipe RibeiroMsg 16h59min de 4 de Janeiro de 2009 (UTC)

Obs.: o trecho seguinte está "compactado" de modo a despoluir visualmente o contexto da página toda.

ATENÇÃO! ESTE TEXTO ESTÁ DEPRECIADO! FAVOR LER A PROPOSTA ATUAL NESTE LINK E VER OS COMENTÁRIOS DESTE TÓPICO ANTES DE OPINAR.

1. Um evento (sempre que houver a palavra "evento", pode ser feita a associação com a palavra "produto" sem prejuízo ao sentido do texto) é considerado futuro enquanto não for amplamente divulgado por fontes fiáveis independentes.

2. Serão aceitos artigos sobre assuntos relacionados a:

2.1 Televisão e Cinema (emissoras, telenovelas, programas e filmes).
2.2 Esporte (campeonatos de qualquer modalidade e eventos multiesportivos).
2.3 Anos (nos moldes do artigo "2008").
2.4 Tecnologia (softwares, jogos, missões espaciais, obras).

3. Os artigos só serão aceitos se:

3.1 Tiverem relevância comprovada.
3.2 Forem criados dentro de um limite de tempo estabelecido como segue:
3.2.1 Televisão e Cinema: quando houver data de estreia confirmada por fontes fiáveis.
3.2.2 Esporte: quando começar seu processo preparatório.[1]
3.2.3 Anos: quando houver algo relevante a constar no artigo.
3.2.4 Tecnologia: quando houver publicações relevantes e/ou notícias em fontes fiáveis sobre o assunto do artigo.

4. Os artigos sobre eventos futuros que não atenderem aos critérios determinados por esta política deverão ser propostos para Eliminação rápida sob a seguinte regra:

4.1. Regra 22. Artigos sobre eventos futuros que não atendem ao disposto em Wikipedia:Eventos futuros.


Referências
  1. Exemplo: Um campeonato estadual de futebol começa sua preparação com o anúncio oficial do regulamento - cerca de três a cinco meses antes de sua realização. Uma edição de Jogos Olímpicos começa seu processo preparatório com a abertura das inscrições das cidades pleiteantes - cerca de oito a nove anos antes de sua realização.
  •   Concordo Filipe RibeiroMsg 16h59min de 4 de Janeiro de 2009 (UTC)
  •   Concordo Kim richard correio 17h05min de 4 de Janeiro de 2009 (UTC)
  •   Discordo. Faltaram duas coisas: Sobre o ponto 1 foi discutido que é considerado "futuro" tudo aquilo que não aconteceu. No ponto 3.2.3 se discutiu que só haverá o artigo do ano caso hajam afluentes em que o ano seja relevante. Outra coisa importante: esta votação é estritamente consultiva, não é ela que aprova ou não alguma coisa, mas sim o consenso. Porantim msg 19h30min de 4 de Janeiro de 2009 (UTC)
  •   Discordo. Concordo com o Porantim em relação aos itens 1 e 3.2.3 e digo mais uma coisa: essa parte de Ano deve abranger mais coisa, deve virar algo como (Medidas de )Tempo; esqueceram das décadas, séculos e milênios?? Łυαη fala! 00h33min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)
  •   Discordo Enquanto não existir uma redação clara em relação a televisão. Nesses casos somente a confirmação oficial da emissora através de chamadas e site oficial é que pode permitir a existência de artigos. Caso contrário teremos artigos sobre as substitutas antes da estréia daquelas que elas podem substituir. GRS73 msg 01h16min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)
Tem que ter, de fato, uma discussão sobre isso. Nesse caso (do aquário) tem vários problemas: é VDA (embora o artigo não indique fontes, encontrei uma notícia), só tem o projeto, não tem nem local definido ainda, não tem verba destinada, não teve licitação... Porantim msg 01h26min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)
Tem outro: Observatório do Pantanal. Ô Fabiano, possa ser que não. Uma emissora não vai dizer quando acaba um programa sem avisar o que irá substitui-lo. Eu desconheço tal caso. Łυαη fala! 01h50min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)
Outro VDA... Porantim msg 02h32min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)

Vamos por partes. Porantim: tudo bem em relação ao item 1, providenciarei as mudanças. Quanto ao item 3.2.3, você poderia me dar exemplos de artigos em que o ano possa ser relevante? Não duvido que eles existam, apenas não entendi muito bem essa parte. Luan: as construções foram, sim, abordadas - estão incluídas no item "Tecnologia (softwares, jogos, missões espaciais, obras)". Em relação às medidas de tempo, concordo. Também vou providenciar isso. O que acham de permitir artigos sobre medidas de tempo maiores que o ano sempre que houver artigo da medida imediatamente menor (ou seja, permitir artigos de décadas quando houver artigos de anos pertencentes àquela década, permitir artigos de séculos quando houver artigos de décadas pertencentes àquele século etc.). Fabiano: em que ponto a redação não está clara pra você? Lembre-se que não é bem visto referenciar um artigo com fontes que possam ser consideradas parciais (um site oficial pra referenciar uma novela, ao meu ver, se encaixa nesse caso). Quando a estreia for confirmada por outras fontes, independentes, aí sim. Permitam-me compactar a versão da proposta que está neste tópico e não copiar mais as versões que surgirem na discussão, pra não enchê-la de texto em destaque. Sempre que houver mudança no texto da proposta, eu aviso aqui. Filipe RibeiroMsg 12h15min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)

Pronto, fiz as mudanças relativas aos itens 1 ("...enquanto não for amplamente divulgado por fontes fiáveis independentes" para "enquanto não tiver acontecido (no caso de produtos, enquanto não tiver sido lançado)"), 2.3 ("Anos (nos moldes do artigo "2008")." para "Medidas de tempo (anos, décadas, séculos, milênios).") e 3.2.3 (inclusão dos subitens). Favor opinar. Filipe RibeiroMsg 12h24min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)
Certo. Mas creio que em relação a décadas, séculos e milênios para ser criados devem existir (algo como) três anos (para décadas; 3 décadas para séculos e 3 séculos para milênios) com conteúdo compatível a um esboço ou apenas um, mas que este único tenha uma boa quantidade de informações de qualidade. Parece meio confuso, mas acho que vcs entendem. Łυαη fala! 20h00min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)
  • Citação: Luan escreveu: «Uma emissora não vai dizer quando acaba um programa sem avisar o que irá substitui-lo. Eu desconheço tal caso.». Exato, estou dizendo que em casos de programas de televisão enquanto a emissora não iniciar as chamadas do novo programa, não se deve criar artigos. O simples fato de uma obra estar em produção não dá nenhuma garantia que vai estrear, que vai manter o nome e que as pessoas que irão fazer parte do elenco participarão mesmo.
Citação: FilRB escreveu: «Fabiano: em que ponto a redação não está clara pra você?» Na minha opinião no caso de programas de televisão só o site oficial não basta, tem que ter as chamadas no ar. Lembre-se que no caso da Rede Globo todas as futuras obras acabam por ser citadas em outros órgão mesmo quando são especulações devido as inúmeras afiliadas dela pelo Brasil. Se especula das futuras novelas mesmo antes que as que irão ser substituídas tenham estreado. Acompanho esse assunto quase todos os dias tem uma especulação, Paraíso (2009) segundo o usuário que criou iria substituir Ciranda de Pedra, que foi substituída por Negócio da China. Agora novamente se especula o mesmo título para o lugar de Negócio da China, e assim por diante. Embora a Wiki seja uma enciclopédia que tem um padrão um pouco diferente das enciclopédias normais; não concordo que ela seja rebaixada ao nível de almanaque. GRS73 msg 20h24min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)
Calma, Fabiano... A proposta em nenhum momento fala de especulação. Leia atentamente o texto sobre televisão: "quando houver data de estreia confirmada por fontes fiáveis.". Entendeu? "data de estreia confirmada" não é especulação. Filipe RibeiroMsg 20h30min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)
Eu concordo com o Fabiano... novela muda mais de nome e data de estreia do que mulher muda de roupa. Para mim só com chamada no ar... antes disso, nada feito. A (agora no ar, mas por um ano como especulação) Revelação tinha data de estréia confirmada no site do SBT para abril de 2008 e só estreou em Dezembro. Como diz o Fabiano e eu repito: "Na minha opinião no caso de programas de televisão só o site oficial não basta, tem que ter as chamadas no ar.". Att Béria Lima Msg 23h33min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)
Beh, site oficial é parcial. No item 1 lia-se (antes de o texto ser mudado) que "Um evento (...) é considerado futuro enquanto não for amplamente divulgado por fontes fiáveis independentes" (grifo meu). Vou colocar a palavra "independentes" no texto do item 2.3.1 pra ver se resolve esse debate. Resolve? Filipe RibeiroMsg 23h41min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)

Proposta de redação do MC:

"1. Um evento (sempre que houver a palavra "evento", pode ser feita a associação com a palavra "produto" sem prejuízo ao sentido do texto) é considerado futuro enquanto não começar." (me desculpem escrever o óbvio) Sds MachoCarioca oi 23h37min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)

MC, e por acaso está escrito outra coisa lá? "Um evento (...) é considerado futuro enquanto não tiver acontecido (...)".   Filipe RibeiroMsg 23h41min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)

MC colocando os óculos: (que não usa, mas é pra ver se não ficou miopizinho):

1. Um evento (sempre que houver a palavra "evento", pode ser feita a associação com a palavra "produto" sem prejuízo ao sentido do texto) é considerado futuro enquanto não for amplamente divulgado por fontes fiáveis independentes.

É isso que está lá? MachoCarioca oi 23h48min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)

Não, MC. Leia os comentários anteriores (neste mesmo tópico) antes de "dizer o óbvio" (óbvio mesmo). Filipe RibeiroMsg 23h50min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)

Tô com preguiça, FIRB, mas se aquilo que está escrito ali na rolagem não vale mais, vale só depois que começar, como seria óbvio, apóio. MachoCarioca oi 23h52min de 5 de Janeiro de 2009 (UTC)

Citação: FilRB escreveu: «Calma, Fabiano... A proposta em nenhum momento fala de especulação.» Estou calmo, na minha opinião eventos futuros são por definição especulações, pois não existe nada que garanta sua realização. O site oficial é uma fonte parcial concordo, por isso que digo que tem que se aguardar o início das chamadas para que a emissora não possa mais alterar o nome da obra, embora depois de Revelação fico com um pé atrás, mas é um critério. GRS73 msg 00h51min de 6 de Janeiro de 2009 (UTC)

Agora que fiquei com menos preguiça, continuo sem entender algo: O FIRB disse que era pra eu ler os comentarios anteriores e li. Mas o que é pra ser votado não é o que está dentro da barra de rolagem? (Dá pra tirar dali pra ficar mais exposto?) O que está na rolagem começa com o que apontei acima, o qual discordo bastante. Afinal, qual é a redação final? MachoCarioca oi 01h34min de 6 de Janeiro de 2009 (UTC)

MC, realmente a redação final era o que está escrito na barra de rolagem. Porém, com os comentários deste tópico, algumas mudanças foram feitas. Coloquei um aviso no início do texto compactado pra que outras pessoas não tenham a mesma impressão que você teve. Fabiano, mudei o texto da seção sobre televisão mais uma vez. Agora ele separa novelas de outras produções, que tendem a ser mais estáveis (não ficam mundando de data toda hora). Filipe RibeiroMsg 12h02min de 6 de Janeiro de 2009 (UTC)
  • Na minha opinião deveri se trocar essa parte "3.1 Tiverem relevância comprovada." por "relevância presumível". Um artigo não tem relevância comprovada a menos que seja submetido a PE. Só se poderia se aplicar essa expressão comprovada caso os critérios de notoriedade fossem política. Leandro Rocha (discussão) 13h29min de 6 de Janeiro de 2009 (UTC)

  Concordo Com todos os pontos. ℳizunoryu 大熊猫❤小熊猫 (discussão) 19h32min de 6 de Janeiro de 2009 (UTC)

  •   Concordo Depois da mudança. GRS73 msg 23h33min de 6 de Janeiro de 2009 (UTC)

  Discordo disso aqui:

"Televisão e Cinema: no caso de novelas, quando a chamada for ao ar. No caso de outras produções, quando houver data de estreia confirmada por fontes fiáveis independentes.

A chamada é presente. A novela em si é futuro, nao estreou. A data de estréia confirmada do filme tbém é presente. O filme em si não estreou, portanto, é futuro e especulação, pode não estrear. Enciciclopedia não é bola de cristal, nem jornal do dia e cobre assuntos sacramentados pela realidade.

Mas da maneira que está, está bem mais razoavel do que o que é atualmente, uma verdadeira ZONA. Tem filmografia de atores com filmes de ...2011!!, ainda em pré-produção, pós-produção ou parece-que-vai-fazer. (aviso que vou limar todos). Se houver entretanto um consenso aqui de vcs, aprovando o enunciado como está, não serei o unico espirito de porco a ficar reclamando. Sds MachoCarioca oi 23h44min de 6 de Janeiro de 2009 (UTC)

PS Louve-se a disposição do FIRB em tentar por alguma ordem neste botequim, no tocante a este assunto.

  Concordo com o texto. E o MS tem razão, parabéns Felipe! Łυαη fala! 01h09min de 7 de Janeiro de 2009 (UTC)
Temos duas opções:
  1. Não mudar nada no texto. Resultado: o artigo não vai atender à política (já que "só serão aceitos artigos sobre" os temas explícitos) e serão eliminados por ER;
  2. Incluir o item e discutir tipos de eleições e requisitos para aceitar o artigo (as condições do item 3).
"Eleições" são um tema importante, na minha opinião. Acho que o melhor é a segunda opção - temos que debater a respeito. Filipe RibeiroMsg 23h50min de 12 de Janeiro de 2009 (UTC)

Não concordo com o Filipe qnd fala da primeira opção : Assim como foi mostrado neste caso nós podemos esquecer de vários outros temas (quem sabe o que tem por aí) e mandar direto para ER seria perder conteúdo possivelmente válido que ainda não foi avaliado. Se ainda não temos uma política para eleições futuras eles devem ir para PE até termos um consenso sobre o assunto. Não tinha percebido este ponto quando fizemos esta discussão, mas acho que deve estar escrito não apenas os temas que pode mas também os que não pode, para diferenciar dos que ainda não foram discutidos. Por mim devemos então mudar o modo como o texto está escrito. => Rjclaudio msg 01h01min de 13 de Janeiro de 2009 (UTC)

Quando eu citei a primeira opção, me referi a um acontecimento pós-aprovação da política. Então, ao que me aparece, temos dois pontos a discutir: a política em relação a eleições e a política em relação aos outros eventos não citados no texto. Acho que esse tópico já não serve pra nada.  . Criando o próximo: ↓↓↓↓ Filipe RibeiroMsg 01h16min de 13 de Janeiro de 2009 (UTC)

Política em relação a EleiçõesEditar

Pode ser aceito assim que começar o processo para decidir os candidatos de cada partido. Não sei quando as discussões começam, mas assim que um partido começar este processo o artigo já pode ser aceito. E deve conter apenas informações sobre partidos neste estágio (escolhendo candidato), outros partidos seriam especulação. => Rjclaudio msg 01h41min de 13 de janeiro de 2009 (UTC)

Na minha opinião o correto em relação às eleições deveria ser: só aceitar artigo a partir do momento em que terminar o prazo para registro de candidaturas. Fora isso é especulação. Leandro Rocha (discussão) 04h20min de 13 de janeiro de 2009 (UTC)

Se um partido já definiu qual será seu candidato já acho válido pois deixa de ser especulação, foi uma decisão do partido, e há fontes para isso. O partido pode mudar de candidato ? Pode. Como acontece com todos os "eventos futuros" e "eventos atuais". E mesmo se mudar já será informação importante o suficiente para ficar no artigo. Não acho necessário esperar até registrar o candidato, se não for no começo da escolha dos candidatos do partido será no final. => Rjclaudio msg 14h07min de 13 de Janeiro de 2009 (UTC)

Uma regra básica que acho que todos concordam: Não pode criar o artigo da próxima da próxima eleição e eleições seguintes; exemplo: para o Brasil, não pode criar artigo para as eleições de 2014 (estaduais e federais) e de 2016 (municipais). Certo? Łυαη fala! 01h29min de 18 de janeiro de 2009 (UTC)
  Concordo, mas isso é o básico, da pra aprofundar mais. Por exemplo, no Brasil, a lei eleitoral só pode ser válida para a eleição seguinte se for aprovada até um ano antes do pleito. Se a lei eleitoral for alterada em dezembrod e 2009, só será válida para as eleições de 2012. Sendo assim, por alto, penso que devemos proibir qualquer artigo sobre eleições pelo o menos um ano antes delas ocorrerem. Leandro Rocha (discussão) 18h21min de 19 de janeiro de 2009 (UTC)
  • Outra coisa, comentando
Se um partido já definiu qual será seu candidato já acho válido pois deixa de ser especulação, foi uma decisão do partido, e há fontes para isso.
 
Rjclaudio

Faz sentido, mas aí teremos que definir, isso serve para todos os partidos, ou só pros principais ? Pq os pequenos partidos não costumam ganhar destaque na mídia, isso tornaria essa política desigual. Ex: Alguém duvida que Rui Costa Pimenta será o candidato a presidente do PCO em 2010 ? Ou que Heloísa Helena será a candidata do P-SOL ? Em compensação o PT costuma realizar prévias pra definir seu candidato, sendo um dos últimos a defini-lo. Teria que se fazer um critério que fosse mais ou menos igual pra qualquer partido. E o que dizer do Enéas que era sempre o candidato do PRONA, ou do Eymael, que é sempre o candidato do PSDC, porém ambos só recebem destaque da mídia quando termina o prazo de registro das candidaturas. Leandro Rocha (discussão) 18h21min de 19 de janeiro de 2009 (UTC)

Depois desse último comentário concordo com vc. Então fico com a opção de só aceitar qnd acabar o prazo pras candidaturas. => Rjclaudio msg 18h34min de 19 de janeiro de 2009 (UTC)
Ou quando acabar, ou quando começar o prazo de inscrições, aí os partidos pequenos poderão anunciar em seus sites oficiais quem são os seus candidatos. Antes disso, ao menos no Brasil, eles não podem, pq é considerado propaganda fora de prazo (enquanto isso os grandes constantemente tem os seus candidatos anunciados na mídia, através de pesquisas de opinião e notícias que são especulativas, mas ganham ares de oficiais). Por causa disso nós sabemos que é quase certo José Serra ser candidato pelo PSDB e Dilma Roussef vir pelo PT, mas ninguém sabe quem serão os candidatos dos partidos nanicos.
De qualquer jeito, depois de iniciadas ou de terminadas as incrições, tanto faz, o prazo é bem pequeno mesmo. Leandro Rocha (discussão) 19h37min de 19 de janeiro de 2009 (UTC)
Mudei um pouco os textos de eleições e construções, colocando o que foi discutido aqui. Filipe RibeiroMsg 02h24min de 20 de janeiro de 2009 (UTC)

Eventos não citados na políticaEditar

Após o caso apresentado sobre um artigo de eleições futuras. Com isso foi apresentada a análise do texto da proposta onde pudemos ver que no texto é falado que qualquer artigo não incluído no texto seria mandado para ER.

Este procedimento, pra mim, está errado. Não estar no texto pode tanto significar que após discussão decidimos não aceitar artigos do tema, mas também pode ser que não nos lembramos deste tema (como neste caso). Mandar um artigo possivelmente válido direto para ER sem passar antes por uma discussão (PE) só pq nos esquecemos de um tema é errado.

Minha sugestão então seria mudar o texto falando os temas que não são aceitos (usando discussões acima, um exemplo de tema seria "poblicações") e os temas que são aceitos sob condições (Televisão sendo a condição começar as chamadas, Cinema sendo a condição ser exibido, etc). E falar que temas não mencionados no texto devem ir para PE até ocorrer a discussão sobre o tema e ser feito uma imenda no texto.

=> Rjclaudio msg 01h41min de 13 de janeiro de 2009 (UTC)

É verdade, se é nesses termos,   Concordo. Vamos botar a cachola pra pensar, então?   Łυαη fala! 01h33min de 18 de janeiro de 2009 (UTC)

ConstruçõesEditar

Não sei se construção seria incluída em tecnologia, mas o que fazer com construções futuras ? Digo, que já começaram as obras, mas ainda não está concluída ? Um exemplo seria Linha 4 do Metrô de São Paulo. É evento futuro mas já tem artigo até bastante completo. Pra ter uma idéia de como o artigo é futuro, ele foi criado em Fev/2006 para a estar concluído 6 anos depois. => Rjclaudio msg 14h13min de 13 de Janeiro de 2009 (UTC)

Construções (obras) estão incluídas (até o momento) em tecnologia, sim. Será que é o caso de desmembrar o tema pra outro subitem? Filipe RibeiroMsg 14h24min de 13 de Janeiro de 2009 (UTC)
Pelas sugestões lá em cima, TI não pode, pesquisas científicas pode, então construções pode ser mais um subitem da lista (assim como tem diferença entre Novela e Cinema no mesmo tema).
Aprovfeitando, alguém pode mudar a seção "Referências" para "Notas" ? Não sei como fazer. => Rjclaudio msg 14h36min de 13 de Janeiro de 2009 (UTC)

Fiz mudanças no texto incorporando o tema "eleições" e deixando expressa a proibição de artigos sobre publicações futuras. Coloquei ainda um item que diz que os artigos sobre temas não expressos na política devem ir para WP:PE. Aproveitando, mudei a seção "Referências" para "Notas". Filipe RibeiroMsg 14h50min de 14 de Janeiro de 2009 (UTC)

No caso das contruções, acho que a partir do momento que foi iniciada (tendo a relevância) pode ter artigo. Tudo bem que aquelas prolongadas, preguiçosas, que vem se arrasatando pelos anos (como a do metrô daqui), mas são importantes e só por força maior não serão concluídas. Assim, não basta ser anunciada, prevista, lida nas cartas ou na mão, tem que primeiro botar o primeiro tijolo no chão (se for o caso), para então ter um artigo aqui. Łυαη fala! 01h41min de 18 de janeiro de 2009 (UTC)
  • Fiz mais algumas modificações na proposta. Penso que construções devem ser permitidas desde quando a obra for inicialmente lançada. Se alguém anunciar que vai construir um Aeroporto Para discos voadores, pode ser só uma jogada de marketing, e aí não vale a pena dar destaque a isso na wikipedia. Por outro lado, se as obras chegam a começar é pq o cara não ta querendo só se promover, ele realmente foi maluco o suficiente pra investir dinheiro nisso, aí pode ter alguma relevância. Leandro Rocha (discussão) 17h54min de 19 de janeiro de 2009 (UTC)
Mas num foi justamente o que eu falei?!?!?   Łυαη fala! 22h01min de 24 de janeiro de 2009 (UTC)
Talvez sim, só expliquei melhor, e mudei o texto tb. Acho que já temos o consenso quase armado né ? O que mais falta ? Leandro Rocha (discussão) 02h00min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)

A página diz: "Construções: quando a obra for iniciada. Casos de grandes projetos que demoram a ser postos em prática devem passar por votação." grifo meu
  Discordo muito disso. Mais um motivo para a construção não ser segura, não vingar. Prefiro que fique só até o primeiro ponto, sem esse caso de grandes projetos. E analisando assim, as construções futuras estão proibidas, não é? São permitidas só as relevantes já em andamento, atuais. Łυαη fala! 22h02min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)

Incluí isso que você grifou por conta desta votação, de um projeto que data de 40 anos atrás, ainda está em andamento e não tem previsão de ser posto em prática, embora seja bastante falado na imprensa portuguesa. Portugueses se manifestaram a favor da manutenção do artigo, então penso que casos semelhantes devem ter tratamento semelhante... Filipe RibeiroMsg 02h17min de 26 de janeiro de 2009 (UTC)
Então é tipo a Transposição do Rio São Francisco (que é planejada desde o Império). Nessa questão poderia se encaixar também artigos dos estádios propostos para 2014 (como o Arena Bahia (editar | discussão | histórico | informações | afluentes | última edição | vigiar | registros | registros do filtro de edições), votado e eliminado). Łυαη fala! 02h56min de 26 de janeiro de 2009 (UTC)

Álbuns?Editar

Fiquei um pouco confuso. Não vi nenhuma referência ao tratamento a dar a um álbum de estúdio que esteja para ser lançado (por exemplo, No Line on the Horizon dos U2). Alguém me poderá esclarecer sobre isso, ou ainda não foi discutido? Saudações, SOAD_KoRn (msg) 15h57min de 20 de janeiro de 2009 (UTC)

E olha que eu jurava que tinha alguma coisa a respeito na proposta inicial, mas não tinha. A princípio, acho que um álbum é uma publicação, e, portanto, está proibido. Filipe RibeiroMsg 16h12min de 20 de janeiro de 2009 (UTC)
Mesmo para os casos em que a data de lançamento esteja confirmada pelo próprio artista ou editora? Acho que nessas situações já seria aceitável manter o artigo, penso que já teria credibilidade... SOAD_KoRn (msg) 16h21min de 20 de janeiro de 2009 (UTC)

(conflito) Apesar de fazer parte das publicações, eu preferiria incluir no mesmo critério que Cinema e TV (fora novela) : quando tiver data de estréia/lançamento apoiada por fontes fiáveis e independentes. Ao contrário de livros, que é preciso esperar o lançamento para saber se fará ou não sucesso, álbuns atualmente já são aceitos de qualquer tipo, desde que o cantor/banda também tenha artigo. Não vejo pq mudar isso. Se o álbum tem data de lançamento é pq ele está finalizado (todo gravado), então as informações presentes nele não mudarão. Não tem pq apagar se qnd for lançado será recriado exatamente com o mesmo conteúdo (ou melhor). => Rjclaudio msg 16h22min de 20 de janeiro de 2009 (UTC)

Concordo. Não tenho nada a acrescentar :) SOAD_KoRn (msg) 17h05min de 20 de janeiro de 2009 (UTC)

Incluídos os itens 2.7 e 3.2.7. Favor ler e avaliar. Ainda são necessárias mais discussões a respeito das outras publicações, que estão sendo feitas no tópico mais acima. Filipe RibeiroMsg 18h08min de 20 de janeiro de 2009 (UTC)

Guerras e empresas/institutos/instituições/fundações/organizações/organismos/entidadesEditar

Lembrei desses dois tipos de artigos. Com certeza tem vândalos pensando em criar artigos como Terceira Guerra Mundial (eu mesmo não vi nenhum caso ainda, mas..), ou a Guerra Brasil contra Venezuela ou contra a Bolívia por causa dos desentendimentos que rolaram com esses dois países (li um artigo na Superinteressante, na seção "E se…", sobre uma possível guerra do Brasil com a Bolívia: a Colômbia ia ajudar o Brasil, os EUA (disfarçadamente) também e a Venazuela iria ajudar a Bolívia).

E há também o outro grupo. No caso como a UNASUL, só que em menores proporções e importância. Ou especulações de superbancos (após a fusão Itaú+Unibanco), já vi página na internet sobre a fusão do Banco do Brasil+Caixa Econômica Federal. Łυαη fala! 02h32min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)

Não concordo com a inclusão de nenhum dos dois tipos de artigo. Pra uma guerra ter artigo, o mínimo que se espera é que haja ameaça concreta, e aí deixa de ser evento futuro. Quanto a empresas etc., enquanto não tiver data de fundação confirmada é pura especulação. Ainda que haja data de fundação confirmada, acho que em alguns casos é mais prudente passar por uma PE antes. Filipe RibeiroMsg 02h36min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)
  Concordo com o Filipe, artigo futuro sobre isso já seria palhaçada. Leandro Rocha (discussão) 04h01min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)
Então para esses tipos de artigo: Só depois de ter acontecido/fundado e, claro, ter a sua relevância. O artigo da Terceira Guerra Mundial já existe, mas ela ainda não aconteceu. Elimina? Łυαη fala! 16h26min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)
PS: pelo que aprendi de história, não é aconselhável analisar a história enquanto ela ainda está acontecendo. Então imagine quando ela ainda vai acontecer…
Terceira Guerra Mundial, da forma como está escrito, não é Evento futuro, pq não é futuro do presente, é futuro do pretérito. Não é o que "será", é o que "seria", entende ? E sim, o "seria" as vezes pode ter mais valor que o "será"... Na wiki-en o artigo está categorizado como Fictional wars (guerras fictícias) e Political terms (termos políticos). Não seria o caso de ER pq não foi especulação, foi uma coisa que quase aconteceu mesmo, esteve ligado ao contexto da Guerra Fria e foi uma expressão muito usada durante muito tempo. Leandro Rocha (discussão) 17h14min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)
Certo. Agora ampliando Guerras para todos os eventos históricos. Lembrei das especulações de humanos fora da Terra e futuro da Terra e Sistema Solar: dos assuntos astronômicos. O que fazer com explorações futuras, viagens e lançamentos de foguetes não confirmados ou iniciados? Em relação a isso, por aqui há artigos como Exploração espacial (#Exploração de Marte e #O futuro), Colonização espacial (Marte, Ceres, Vênus, Lua). Łυαη fala! 17h46min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)
Ainda pensando.... Leandro Rocha (discussão) 18h49min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)

Enquanto não forem realizadas, as explorações/viagens/missões espaciais são projetos. Assim, acho que dá pra incluir (não na mesma seção, mas com o mesmo critério) no tema "Construções". Filipe RibeiroMsg 19h08min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)

  Concordo, copmpleta la então! Leandro Rocha (discussão) 21h07min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)

  Feito. Comentar. Filipe RibeiroMsg 21h36min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)

Apesar que, pensando agora aqui, eu to pensando que um artigo sobre a colonização de Vênus por exemplo não precisaria passar por votação necessariamente. O texto dizer isso é induzir uma PE desnecessária. Poderia simplesmente dizer que "são permitidos artigos sobre explorações espaciais não confirmadas, desde que o foco do artigo seja não prever datas, mas descrever como ela poderia ser executada, à luz da Astrofísica e da Exobiologia, necessitando para tal de fontes fiáveis." Leandro Rocha (discussão) 21h53min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)

(conflito)

Não seria o mesmo critério das Construções? Num tem que começar a missão primeiro? E se for esperar a missão realmente acontecer, aí não se encaixa em evento futuro, mas sim atual. Desse jeito, não as missões futuras não são permitidas (assim como as construções). Łυαη fala! 22h02min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)
Ah,   Concordo com o Leandro. Łυαη fala! 22h05min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)
Incluí o texto do Leandro como uma nota pra não encher muito o item. Filipe RibeiroMsg 22h17min de 25 de janeiro de 2009 (UTC)

Certo. Não estaria faltando incluir os tipos que não podem de jeito nenhum (como foi dito nesse tópico: guerras e o outro grupo de "coisas")? Ah, subam os olhares um pouquinho também ↑↑↑. Łυαη fala! 01h24min de 26 de janeiro de 2009 (UTC)

Comentei lá no item sobre construções e reincluí na proposta o item sobre artigos proibidos. Filipe RibeiroMsg 02h21min de 26 de janeiro de 2009 (UTC)

Falta algo ?Editar

? Leandro Rocha (discussão) 17h38min de 26 de janeiro de 2009 (UTC)

Vendo a Categoria:!Predefinições futuro, acho que a gente já falou de tudo, exceto musicais e peças. Na minha opinião, deve ser proibido artigos sobre esse tipo de evento até que ele estreie. O que acham?
Além disso, precisamos decidir o que fazer com os artigos que contém as predefinições daquela categoria - os que não atendem, tudo bem, irão pra ER, mas e os que atendem? Padroniza-se as predefinições? Filipe RibeiroMsg 18h04min de 26 de janeiro de 2009 (UTC)
Isso eu não sei, vou pensar melhor. Ah, vi na cat a Predefinição:Entrada euro futuro e me lembrei do artigo Moeda sul-americana (eu q criei, tem na es.wp também), além dessa há a Amero, Afro, Sucre, Eco, Khaleeji, World Currency Unit. E além dessas, Categoria:Teorias da conspiração tem alguma coisa a ver com o que discutimos? Łυαη fala! 18h34min de 26 de janeiro de 2009 (UTC)
Teorias da conspiração não tem nada a ver com evento futuro. Então, vamos partir pra oficialização logo, ao menos do que já foi discutido ? Ou vão ficar debatendo isso eternamente e será mais uma boa proposta que será esquecida com o tempo ? Leandro Rocha (discussão) 15h48min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)
Posso convocar novamente a comunidade na Esplanada pra "votar a redação final da proposta"? Filipe RibeiroMsg 16h18min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)
As conspirações não tem nada a ver, mas e as moedas? Qual o critério?
E votação?!? Temos um consenso. pra que votação????   Łυαη fala! 17h59min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)
Não sei ainda sobre as moedas, vou pensar no assunto. Mas é a última questão que falta né ? Se for colocado na Esplanada, alguns concordarem e ninguém se opuser, pode ser considerado aprovado por consenso. Mas se alguns (sempre tem uns chatos) se manifestarem contra tem que ir à votação. Leandro Rocha (discussão) 18h25min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)
Por "votação" quis dizer "última análise do texto antes de virar política oficial". Realmente, ainda falta falar sobre moedas. Filipe RibeiroMsg 18h36min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)
Aliás, moedas e obras teatrais. Filipe RibeiroMsg 18h37min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)
  • Obras teatrais penso que o correto seria o mesmo critério para cinema e TV "Outras produções, quando houver data de estreia confirmada por fontes fiáveis independentes [1]". Leandro Rocha (discussão) 18h59min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)
Então muda-se o nome do assunto para "Televisão, Cinema e Teatro"? Filipe RibeiroMsg 19h07min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)
  Concordo com o critério. Sobre as moedas, não pensei direito. Já a votação   Discordo muito. Nós ficamos aqui discutindo isso, buscando o desejado consenso. Aí, quando a gente consegue tem que expor na esplanada, para vim numseiquemzinho e dizer que não, que não aprova, que discorda. Essa discussão está aberta a todos, possui uma ligação nas mudanças recentes, ja teve na esplanada. Se não vieram aqui, foi pq nao quiseram. Assim, quando chegarmos a uma conclusão comum, tá terminado, aplica-se o dicidido. Na esplanada se anuncia o que já foi decidido. Łυαη fala! 21h19min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)
Tá bom, então, mas se aparecer alguém discordando depois que o texto virar política vai ter que haver discussão de qualquer forma. Mas que seja. Mudei o nome do critério e fiz pequenas alterações no texto, sem mudança de conteúdo. Filipe RibeiroMsg 21h28min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)

PQ vc retirou isso "<ref>Por exemplo: "Jogos Olímpicos de 2042" ou a novela das oito que só estreará em 2011</ref> ?? Leandro Rocha (discussão) 22h25min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)

Tinha retirado por que a proposta vai ficar indefinidamente em vigor, e, daqui a um tempo, poderia não fazer sentido um texto expondo anos. Mas recoloquei. Daqui a um tempo, é só mudar o ano. Filipe RibeiroMsg 22h53min de 29 de janeiro de 2009 (UTC)


  • Só falta a parte de moedas né ? Se não surgir uma ideia dentro de algum tempo, vamos aprovar assim mesmo, afinal eu nunca vi moeda PEerro de digitação sobre isso. Não sou contra os artigos que vcs citaram, mas se alguem for, mande pra PE, são só meia dúzia mesmo... Não é igual novela, filme, campeonato, que toda semana tem uma PE nova. Leandro Rocha (discussão) 22h51min de 30 de janeiro de 2009 (UTC)
  Concordo. As moedas, por mim, não vejo complicações em tê-las, não é nada exagerado (pelo menos o conteúdo não, é falado de propostas referenciadas - ao menos a sul-americana). Por mim tanto faz. Łυαη fala! 01h45min de 31 de janeiro de 2009 (UTC)

Sendo assim, posso chamar a comunidade? Filipe RibeiroMsg 10h47min de 31 de janeiro de 2009 (UTC)

Por mim, quando quiser. Leandro Rocha (discussão) 12h30min de 31 de janeiro de 2009 (UTC)
Vá lá. Łυαη fala! 13h12min de 31 de janeiro de 2009 (UTC)

PolíticaEditar

Discordo de dar teor de política a esta proposta. O problema que ela se propõe a resolver já é resolvido de forma simplificada por Wikipedia:Verificabilidade. Querer criar regra sobre regra é instruction creep, ainda mais escrita sobre pedra, uma política, que se supera à Wikipedia:Consenso, uma recomendação. Isto no máximo merece ser uma página de ajuda do domínio Wikipedia. Segundo ela, um medicamento que não existe nunca terá artigo, um livro não lançado do Saramago ou outro autor famoso idem, nem uma obra ou livro inacabado, Israel não tem bomba nuclear, enfim é instauração da estupidez, do apague primeiro e avalie (o nada) depois.--pédiBoi (discussão) 16h04min de 1 de fevereiro de 2009 (UTC)

Pediboi, você erra pelo menos em dois momentos: primeiro, ao dizer que o problema já é resolvido por WP:V. O artigo Jogos Olímpicos de Verão de 2020 possui várias fontes, mas nem por isso deve permanecer, por que ainda não existem oficialmente estes Jogos. Segundo, ao (mais uma vez) usar coisas da en-wiki pra justificar sua opinião. O que é de lá fica lá, não vale aqui (estou tendo um momento déjà vu). Filipe RibeiroMsg 16h18min de 1 de fevereiro de 2009 (UTC)
Se tem fonte fiável fica, se não tem use a tag e aguarde o prazo. A wikipédia não se baseia em veracidade mas em verificabilidade.
Uso os textos que quiser para justificar minha opinião, não é porque não são meus que deixarei de citá-los, este comportamento de evitar a análise da opinião alheia, parece mais o de uma criança que tampa os ouvidos para não ouvir uma opinião que considere desfavorável.--pédiBoi (discussão) 16h44min de 1 de fevereiro de 2009 (UTC)
Eu não tapo os ouvidos para opiniões que considero desfavoráveis, mas sim para opiniões que eu sei que são inválidas, como as que você insiste em dar. Essa história de que "Se tem fonte fiável fica, se não tem use a tag e aguarde o prazo" seria aplicada se não existisse política própria para o assunto, que é o que nós estamos nos propondo a criar com esta tentativa de consenso. Se você não concorda com isso, por que não apareceu aqui desde o início? Por favor, não venha tumultuar agora uma coisa que andou tão bem durante esse mês e meio de discussões. Filipe RibeiroMsg 16h50min de 1 de fevereiro de 2009 (UTC)
Pelo menos assumiu que não analisou meus argumentos, antes que querer criar uma "tentativa de consenso", primeiro procure saber o que é isso ao invés de tentar convencer pelo silêncio. Esta proposta é inútil pois Wikipedia:Verificabilidade é o que vale e tem funcionado muito bem, só criaram esta página, que merece no máximo ser uma página de ajuda, para tentar subvertê-la e poder apagar por ER, sem ninguém ver, conteúdo válido como o das olímpiadas.--pédiBoi (discussão) 17h27min de 1 de fevereiro de 2009 (UTC)
É isso o que você chama de "argumento"? Se for, realmente não analisei, por que nós estamos na pt-wiki, e aqui só é válido como argumento esse tipo de argumento. Até onde eu sei, o consenso é obtido quando ninguém se opõe a uma ideia ou proposta. Você se opôs e está aqui se manifestando, direito legítimo e inalienável seu. Porém, ao usar de falácias como o link que abre esse meu comentário, você baixa o nível do debate e não consegue apoio para a sua opinião. Mais uma vez pergunto: por que não se manifestou aqui desde o início? Não apareceu nem aqui, nem na votação mal-sucedida que precedeu esse debate nem no tópico (aliás, nos tópicos) da Esplanada que precederam a votação mal sucedida. Permita-me não responder mais suas falácias e tentar elevar (novamente) o nível do debate. Passar bem. Filipe RibeiroMsg 17h43min de 1 de fevereiro de 2009 (UTC)
Meu argumento não se resumiu a isso, foi apenas um link, um texto citado por mim cuja opinião compartilho. Mas que utilizou para descaracterizar minha participação como um todo e continua fazendo, me chamando de falacioso, enquanto evita ao máximo em considerar as falhas apontadas por mim. Se estou aqui me manifestando não é por causa destas tentativas de me silenciar, implicando que se não participei antes não posso opinar agora, fiquei sabendo do assunto agora na Esplanada, nem estava ativo durante estes primeiros debates, e se tivesse participado teria agido da mesma forma sobre esta tentativa dissimulada de eliminar artigos válidos por ER, sobrepondo Wikipedia:Consenso e Wikipedia:Verificabilidade.--pédiBoi (discussão) 18h07min de 1 de fevereiro de 2009 (UTC)
O problema que ela se propõe a resolver já é resolvido de forma simplificada por Wikipedia:Verificabilidade\Pediboi

Discordo, Pediboi. WP:V diz que a wikipedia deve se basear por aquilo que é verificável. Mas nem tudo o que é verificável deve possuir artigo. Vc está invertendo o ônus da questão. Fosse assim qualquer coisa verificável deveria ficar na wikipedia, e quantos artigos com verificabilidade (vontes fiáveis) são apagados via PE ? Se a verificabilidade tivesse esse poder de manter as coisas como vc diz, tb não se deveria apagar nada que fosse verificável.

Essa regra de ER está sendo criada somente pq inúmeras votações sinalizaram nesse sentido, de que a wikipedia não deve ter artigo para eventos tão distantes. Não basta dizer que vai ter uma olimpíada em 2050 e tal, isso todo mundo sabe. A questão é, pra que ? O que isso acrescenta numa enciclopédia ? E se isso vai ser fatalmente apagado mesmo, pra que perder tempo com votações que enchem a lista de PEs e tiram a atenção de casos que requerem melhor avaliação ? Leandro Rocha (discussão) 19h26min de 1 de fevereiro de 2009 (UTC)

Em primeiro lugar isso é para eventos futuros, não é sobre qualquer assunto. Tem fonte fiável, mantém o conteúdo. O conteúdo é pouco? Faz um redirect para um artigo genérico (Olímpiadas de verão) evitando a recriação, é bem mais rápido do que ER e mantém o conteúdo. O que acrescenta? Acrescenta informação. E qual o problema em manter a informação com fonte fiável em uma encíclopédia que não é de papel?
ER é para unanimidades, e está bem clara a intenção de usar esta proposta como brecha para eliminação de artigos às escondidas usando ER, como o administrador acima que exemplificou as olimpíadas de 2020, que é algo plenamente válido para mim e outras wikipédias pois vários países já deixaram de participar em prol desta ou foram eliminados da de 2016 mas se esta proposta estivesse valendo já estava no lixo e teria que ser totalmente recriado. Não sou contra manter esta página como uma página de ajuda para novatos, mas não como política ou regra de ER.--pédiBoi (discussão) 20h08min de 1 de fevereiro de 2009 (UTC)

Tentando descrever de outra forma. Concordo que a verificabilidade sozinha não é o suficiente nesse caso, elimina-se em WP:PE artigos verificáveis por irrelevância enciclopédica, sendo que o fator diferencial nesse caso são as inferências pessoais de notoriedade. A comunidade discute o assunto faz tempo, e além da notoriedade ser um consenso bastante dinâmico, parece-me que houve uma boa indicação de que ela não deve ser usada em ER. De acordo com o tópico #Esporte, a regra de ER não seria usada para fins de notoriedade, mas sim para especulação. Então, entende-se que eventos futuros podem ser feitos a partir de conteúdo verificável que não é especulativo. Entretanto, o fim do mesmo tópico dá a entender algum tipo de critério de relevância a ser usado, o que acabou virando (ou se mantendo) o item 3 do texto final. Mas ora, ao julgar relevância em eventos futuros verificáveis e não especulativos se está usando um critério de notoriedade enrustido, com um escopo bastante reduzido, mas que não deixa de ser um critério de notoriedade. E analisando o que efetivamente saiu naquele item 3, é exatamente isso que acontece. Por exemplo, se houver pelo menos uma fonte verificável e não especulativa de um filme cuja data de estreia ainda não foi confirmada, qualquer eliminação do conteúdo que utiliza tal referência é um critério de notoriedade, e não futurologia. E algo ainda pior acontece nas medidas de tempo e nos álbuns musicais. Além de haver um critério enrustido de notoriedade para ER, é um critério interno, a contagem de afluentes, como se nosso projeto fosse algum tipo de fonte fiável, o que claramente não é o caso. Nesse e somente nesse ponto concordo com o pédiBoi referente a verificabilidade: ela é o método correto para atestar esse conteúdo. Se um artigo de ano referenciado não possui afluentes, o problema é a falta de artigos ou ligações internas para o item referenciado, e não o oposto. E, numa interpretação completamente subjetiva, passou-se a apagar por ER sem qualquer tipo de revisão artigos como anos futuros.

Por fim, desculpem reciclar o tópico sobre outro tema, mas me parece haver inconsistências no texto. Um item como 3.2.4 é redundante, porque fonte fiável é regra para qualquer artigo. Um item como 4.1 também é redundante, porque se ele não está disposto em 3.2.8, não está disposto em 3, e portanto está automaticamente disposto no item 4. O item 6 também me parece um tanto estranho. Um festival de música futuro, não coberto pelo item 2, deve ser necessariamente levado para WP:PE? Mesmo o editor considerando o artigo completamente válido (verificável e não especulativo), mas se tratando de uma política que exige iniciar uma votação (…deverão…). --Leonardo Stabile msg 07h35min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)

Stabile, essa discussão foi anunciada três vezes na Esplanada antes de entrar em vigor. Faço a você a mesma pergunta que fiz ao pédiBoi: por quê não apareceu antes? Agora, depois que a política entra em vigor, você reverte mais de duas horas de trabalho por que não concorda com o texto e depois vem aqui dizer isso? Não estou com vontade de entrar em uma guerra de edições com você, mas gostaria que você reconhecesse seu erro de ter revertido tudo antes de opinar, já que os artigos foram mandados pra ER por uma regra estabelecida por uma política oficializada após discussão aberta a toda comunidade e, portanto, válida. Filipe RibeiroMsg 11h43min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC) (mensagem de mesmo teor enviada à discussão do usuário).
Leonardo, já que discorda, tem alguma alternativa para as medidas de tempo? E realmente o 4.1. está redundante no texto, mas já o 3.2.4 é melhor deixá-lo, pq isso não faz mal estar bem esclarecido e explícito aqui. Quanto ao 6 serve justamente a isso, quando houver algum artigo ou tema que não tenha sido avaliado aqui, deve ser levado a uma PE para ver o que será decidido (aprova o tal novo tipo ou não). Łυαη fala! 22h25min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
Luan, meu ponto em relação ao item 6 não é esse. Meu questionamento é se o sujeito é obrigado a levar para WP:PE mesmo não concordando. A justificativa do sujeito em WP:PE seria interessante =). Sugiro alterar o item 6 para algo do tipo: "Temas não cobertos pelo item 2 são avaliados pelos canais usuais do projeto (ver Wikipedia:Política de eliminação)". Quanto às medidas de tempo, a alternativa é o método atual, WP:PE. --Leonardo Stabile msg 07h37min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Sua proposta para o 6 é interessante. Por mim, pode ser trocada. Já as medidas de tempo você acha que cada caso é um caso particular? não podem ser generalizados? juntados numa coisa só? Eu acho que não. Tem muitas décadas, séculos e milênios que apenas listam os seus "sub-múltiplos" (para cê ter noção tinha até o 6º milénio, a justificativa dada para ER foi muito cômica também, se não me engano foi da Béria). O Felipe deve ter se enganado, a proposta não era em relação aos afluentes (me passei despercebido nisso também), mas a velha notoriedade "quando houver algo relevante a constar no artigo", isto para os anos, e para os outros bataria haver artigos de anos de tal década para ela existir também, e o mesmo para os séculos e milênios. Łυαη fala! 22h37min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)

Mudei o texto de duas seções, com base no que foi dito aqui:

3.2.3.1 Anos: "quando houver afluentes em que o ano seja relevante." para "quando houver eventos relevantes a constar no artigo."
6. "Os artigos sobre tipos de eventos futuros não citados nesta política deverão ser propostos para eliminação." para "Os artigos sobre tipos de eventos futuros não citados nesta política serão avaliados pelos meios tradicionais (Ver Wikipedia:Política de eliminação)".
Filipe RibeiroMsg 13h29min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
Obrigado Filipe. Ainda restaria a questão da ER (item 5), por mim inconcebível, que creio já estar sendo tratada no #Busque o consenso logo abaixo. Questões menores, adicionaria algum texto que explicasse que somente aqueles oito tópicos estão discriminados no item 2 porque são os temas com os quais mais lidamos. --Leonardo Stabile msg 07h42min de 10 de fevereiro de 2009 (UTC)

Oficialização da políticaEditar

Obrigado a todos os que participaram dessas discussões. A política sobre Eventos futuros está oficializada na Wikipédia lusófona. A página da política é esta: Wikipedia:Eventos futuros. Filipe RibeiroMsg 19h19min de 2 de fevereiro de 2009 (UTC)

Filipe, eu   Concordo integralmente com o texto da proposta, mas   Discordo que já tenha se chegado ao consenso. Infelizmente, é um direito das pessoas discordarem aos 49 do segundo tempo. Leandro Rocha (discussão) 19h31min de 2 de fevereiro de 2009 (UTC)
Há uma discussão relevante sobre o assunto ainda aberta, e há muito pouco tempo, não é possível considerar o tema da política e da ER como consenso. Acabei de reverter 160+ marcações de ER, e conto pelo menos outros 96 artigos eliminados nas últimas 24 horas por conta de uma regra questionada mas implementada há menos de 48 horas. Nada impede a implementação gradual do que já foi discutido e definido, o que não é o caso do tópico anterior. --Leonardo Stabile msg 07h35min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
Oficial? Mas hein? Foi aprovada por quem??? Robertogilnei (discussão) 16h32min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
Consenso há quando ninguém se manifesta contrário ao texto que está sendo apresentado. A comunidade foi avisada três vezes sobre esta discussão e, após a última, ninguém se opôs ao texto. O único que se manifestou contrário a alguma coisa se manifestou contrário ao "status" da proposta, o que rapidamente se verifica sem fundamento já que o texto (que ele não contestou) fala em artigos proibidos e regras de eliminação rápida, o que em hipótese alguma pode figurar num guia para novatos (como ele sugeriu). Assim sendo, visto que não houve objeção ao texto da proposta, a encaminhei aos destinos cabíveis. Filipe RibeiroMsg 17h54min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
A proposta não foi aprovada, muito menos por consenso, foram apresentadas objeções tanto ao texto como ao caráter que poderia assumir. Todos acima reconhecem isso, mas você continua querendo impô-la à força através de edições nas páginas do domínio Wikipedia [1][2]. Mas como disse antes não vou entrar em guerra de edições com você, e espero que estas páginas sejam retornadas para a versão estável anterior.--pédiBoi (discussão) 19h00min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
Interessante esse conceito de "consenso". Se apenas quatro pessoas se manifestam, três a favor e uma contra, dá para dizer que houve consenso? Quer dizer que a opinião contrária é desconsiderada, o que importa são as opiniões favoráveis (que lhe convém)? E essa pequena margem de manifestantes... são suficientes para tornar suas opiniões como "política oficial", como se representasse a opinião da comunidade? E até ER pra isso já criaram. É cada coisa que se vê por aqui... Robertogilnei (discussão) 21h19min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
Roberto, não digo sobre o recente 3 a 1; mas da "pequena margem de manifestantes". Cê queria o quê? Que alguém fosse na sua discussão e te obrigasse a vim aqui (e fizesse isso com todos?) Eu acho que isso não é interessante. A propaganda foi feita: Mudanças recentes e esplanada. Não é culpa nossa se niguém mais veio ou outros que começaram a discussão não continuaram nela. As página de discussão da Wikipédia são abertas a todos, quem quiser participar de algum debate, pode. Não é só o conteúdo daqui que é livre. Łυαη fala! 22h38min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
E quem é o "juiz" que define quais os argumentos são válidos e quais não são para se determinar um consenso. Você? O Filrb? Só pode estar de brincadeira. Creio que tem mais gente que, assim como eu, não é favorável a esta coisa que foi empurrada goela abaixo na comunidade. O Fabiano é um que sempre se manifestou contra em todas as PEs envolvendo eventos futuros... Robertogilnei (discussão) 22h49min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
Luan, houve manifestação de argumentação contrária à proposta e os pontos contrários argumentados não foram resolvidos, alguns sequer foram debatidos quando se deu maior preferência em calar, inclusive com ofensas, quem argumentava em contrário. Portanto o consenso não foi atingido.--pédiBoi (discussão) 22h53min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
Aliás, ninguém iria imaginar que esta discussão iria se transformar logo em "política oficial" num piscar de olhos. A verdade é uma só: não quiseram pôr esse negócio para votação porque sabiam que, com votação, essa proposta nunca seria aprovada! Robertogilnei (discussão) 22h58min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)

Eu não falei que havia um consenso. Hora nenhuma depois do Pediboi ter chegado falei isso. Falei que não é culpa nossa a pouca quantidade de interessados em obter um consenso sobre isso. E um consenso havia, sim. Mas foi até o Pediboi aparecer. Após o momento que iríamos fechar as discussões e passar para a aplicação da política (não vi o mais novo aviso na esplanada, mas creio que deveria ser um anúncio de que havia tido um consenso sobre o assunto), ele chegou. E talvez, por causa desse negócio de ficar prolongando que a predef {{Tentativa de consenso}} exista, e era para ter sido utilizada. E juiz não há, há tentativas de convercer e utilizar argumentos que convençam o outro (sem grandes exaltações), conheça a Wikipedia:Como resolver disputas.

Cadê esse povo todo? Deveriam estar aqui, então, né? E que Fabiano? não o vi por aqui. É uma pena que pense assim, pelo visto não sabe do "espírito wiki de rapidez e audácia da Wikipédia". Na Wikipédia deve se tentar o Consenso, caso ela não seja possível, aí sim, a votação pode ser pensada.

Bom, partindo do fato que A Wikipédia não é um campo de batalha, vamos voltar ao verdadeiro motivo desta página de discussão. O que vocês não concordam nos tópicos apresentados? (seria interessante objetividade, alternativas ao que existe e civilidade) Łυαη fala! 00h11min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)

"Esse povo todo" está nos links abaixo. Finja que eu não esxisto, desconsidere a minha opinião e ainda assim teve muita gente votando para apagar artigos futuros. E me desculpe Luan, mas essa tentativa de oficialização na marra, inclusive determinando ERs para o que, na opinião de vcs, não se adeque ao que foi oficializado, é uma das coisas mais absurdas que eu já vi serem feitas na Wikipedia. Não foi a única, mas está entre as absurdas. Robertogilnei (discussão) 01h07min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Citação: E um consenso havia, sim. Mas foi até o Pediboi aparecer. Mais uma vez eu insisto: consenso é só quando há opiniões concordantes com a tua? Pelo jeito, dá a entender que o Pediboi veio "estragar tudo". Mas ele, no livre direito de se expressar, posicionou contra, mas a opinião dele parece não ter sido levada em conta por aqui... Robertogilnei (discussão) 01h10min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Sim, todos estavam concordando, buscando mais temas para serem discutidos e tal. Não estou desconsiderando a opinião de niguém, nem fingindo que você não existe, se tivesse não estaria perguntando do que discordam. Vamos ser diretos, agora não temos mais o consenso, podemos então buscá-lo? (vou durmir, amanha continuo) Łυαη fala! 01h19min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Depende do que você entende por consenso. Consenso, para mim, é quando ambos os lados chegam a algum acordo, mesmo que divirjam em alguns pontos. Já há dois usuários (incluindo eu) que se manifestaram contrários a adoção desta proposta como política oficial. Como é que haveria de ter concordância de ambas as partes num caso desses, só na discussão, sem votação? Robertogilnei (discussão) 01h24min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
  • Luan, eu vou ser direto. O motivo de eu ser contrário a esta proposta é um só: não há a certeza absoluta que um evento futuro irá acontecer. Por exemplo, a Copa do Mundo de 2010. Eliminatórias estão sendo disputadas, ou seja, nem seus participantes são conhecidos. Acontecimentos recentes, como este e este me fazem crer que, mesmo que o artigo contenha inúmeras fontes, ele não deva existir até que o futuro se torne presente. Será que é pedir muito isso? Será que custa esperar até que tais eventos finalmente aconteçam? Robertogilnei (discussão) 01h37min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Então você quer a extinção total dos artigos futuros?? eu acho que não é bem por esse caminho que se deve ir. Łυαη fala! 22h40min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)

O que o roberto falou é o mesmo que eu falei a tempos atrás : o que é futuro e quando ele deixa de ser futuro para virar presente ? Se as eliminatórias já estão acontecendo eu considero isso como uma das fases da Copa do mundo, então pra mim a copa já está ocorrendo. Eliminatória faz parte da copa. Se a eliminatória ocorre, a copa tb. Se eliminatória é presente, a copa tb é, e deveria ficar o artigo. => Rjclaudio msg 23h26min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)

Luan, quando o futuro virar presente, tu podes me convidar para editar o artigo, pois eu ajudarei numa boa. E vcs estão olhando muito pela ótica desportiva. Esquecem-se que esta proposta abarcaria outras áreas também. Tomemos o cinema como exemplo. Não é raro que especulações de filmes futuros sejam divulgadas na imprensa e passem anos e anos na gaveta. O projeto do Senhor dos Anéis passou por isso antes de sair do papel. E como ficariam os artigos destes filmes "Tal filme é um filme norte-americano que seria filmado em 2009, mas foi cancelado." E fim do artigo. Robertogilnei (discussão) 01h12min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

Opinião da comunidadeEditar

Algumas amostras do que a comunidade pensa a respeito dos eventos futuros: Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa do Mundo de 2018, Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa do Mundo de 2026, Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa do Mundo de 2030, Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa do Mundo FIFA de 2018, Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa do Mundo FIFA de 2022, Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa do Mundo FIFA de 2026, Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa do Mundo FIFA de 2030, Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa do Brasil de 2009, Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa do Brasil de Futebol de 2009, Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa das Confederações 2007, Wikipedia:Páginas para eliminar/Copa das Confederações de 2013...

Isso mostra que essa "política oficial" está bem longe de ser consenso na comunidade wikipedica. Robertogilnei (discussão) 23h18min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)

  • Atualmente, há uma página em votação relacionada ao assunto desta discussão: Wikipedia:Páginas para eliminar/Emergency Room. Trata-se de algo lançado na internet, que não tem nem data pra ser lançado, mas os fãs já cogitam (baseados sabe-se lá em quê) que será o novo single. Isto é o que é colocar a carroça em frente aos bois... Robertogilnei (discussão) 23h48min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
Mais uma sobre eventos futuros: Wikipedia:Páginas para eliminar/Poder Paralelo. Notem que, tirando meu voto, o artigo já tem outros 7 para apagar, no momento... Robertogilnei (discussão) 23h56min de 3 de fevereiro de 2009 (UTC)
É bom lembrar que ER serve para a exclusão de unanimidades "quando o resultado de uma tal consulta quase certamente resultaria unanimemente favorável à exclusão", usar ER para excluir páginas onde saiba existirem discordâncias é uma subversão da sua finalidade.--pédiBoi (discussão) 00h29min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Bem, as votações em que as regras foram aprovadas nem sempre foram em unanimidade. E artigos futuros já foram eliminados por serem justamente futuros (e já os citei aqui), ex.: Sexto milénio d.C. (editar | discussão | histórico | informações | afluentes | última edição | vigiar | registros | registros do filtro de edições). Łυαη fala! 01h08min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Mais um evento futuro sendo votado em Wikipedia:Páginas para eliminar/Dark Angels. Jeferson DC 01h10min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
  • Aliás, o Filrb diz algo acima que me parece contraditório: Citação: Felipe Ribeiro escreveu: «Pediboi, você erra pelo menos em dois momentos: primeiro, ao dizer que o problema já é resolvido por WP:V. O artigo Jogos Olímpicos de Verão de 2020 possui várias fontes, mas nem por isso deve permanecer, por que ainda não existem oficialmente estes Jogos.» Ué, se o artigo tem várias fontes, porque ele não deveria permanecer? Vocês apoiam a existência de eventos futuros, mas não apoiam eventos que "não existem oficialmente"? Estranho... pra mim, um evento só existe oficialmente no momento em que ele é realizado. Robertogilnei (discussão) 01h18min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
  • (Ao Luan)Mas a regra de ER é clara que ao dizer que este recurso deve ser utilizado apenas em casos que a eliminação seria unânime, o que não foi o caso nas votações citadas pelo Robertogilnei, nem o da Olimpíada de 2020, que me parece relevante dado, hoje, ser a próxima olímpiada em que ainda é possível novas candidaturas e o grande número de fontes fiáveis sobre o assunto.--pédiBoi (discussão) 01h26min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Tudo bem, apenas relatei uma pequena obs. Pelo que foi aprovado até a poucos dias foi quase isso: coisas futuras mas que possuam algo de presente (a sua preparação, de muita preferência, oficial). Assim, eu não vi o artigo da Olímpiada de 2020, e não sei sobre ela, mas talvez só esteja na fase da especulação (2016 tem uma lista só disso) Já a de Londres já tem local escolhido assim como a Copa de 2010 e 2014. Os Jogos Olímpicos de Verão de 2016 já tem candidatas oficiais. Foi assim que nos baseamos para a permissão de algo futuro. Łυαη fala! 00h27min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

De volta à estaca (quase) zeroEditar

Sabem que eu gostei do que aconteceu? Parece que a comunidade não se mobiliza quando há avisos educados na Esplanada e pequenas mudanças na {{MRDebates}} (e foram vários). Porém, quando "políticas são enfiadas goela abaixo da comunidade" (como falaram por aqui), todo mundo aparece. Que maravilha! Isso foi ótimo pra eu entender mais um pouco de como funcionam as mentes de cada um. Façamos o seguinte, então: Retornemos quase à estaca zero, reiniciemos as discussões (agora com a presença de ilustres figuras como pédiBoi e Robertogilnei) e vamos ver no que dá. Bem que eu tava achando estranho essa discussão ter ído tão bem e durado menos de dois meses... De volta à vida! (e sejam bem-vindos os que ainda não haviam nos dado a honra de suas presenças) Filipe RibeiroMsg 11h46min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)

Acontece, Filrb, que o povo que apregoa o consenso tem uma visão deturpada do mesmo. O próprio verbete da Wikipedia é claro quanto à definição: "No consenso existem dois meios comuns. Um é um acordo geral entre os membros de um grupo ou comunidade (...) Consenso não é um sistema de votação, mas uma forma que todo o grupo ou comunidade entra na tomada de decisão(...) a decisão por consenso tem a tendência de ser mais construtiva, na qual todas as opiniões são ouvidas, ponderadas, e inclusive as minorias ou partes de menor influência no grupo tem voz para renegociar uma determinada decisão(...)" Ou seja, TODOS os participantes do debate devem chegar a algum acordo. Se um só que seja discordar da proposta, não houve consenso. Mas muitos tem a idéia equivocada de que, se houve uma maioria concordante, houve consenso. Indiretamente, baseiam-se no princípio do voto sobre a vitória da maioria concordante. E sobre o assunto em questão, nunca houve consenso, o que houve foi ejaculação precoce!   Robertogilnei (discussão) 12h00min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Desprezando a infeliz analogia que encerrou seu comentário, espero que possamos dar como superado esse episódio e voltar ao que realmente interessa: a definição dos procedimentos em relação a eventos futuros. Filipe RibeiroMsg 12h18min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Vamos superar esse negócio de que se houve ou não consenso. O Leonardo deu boas propostas de alternativas ao que ele discorda, e concordo com elas, vejam o final da seção #Política. O que entendi do Roberto, como ele disse na seção #Oficialização da política antes deste comentário, ele é terminantemente contra ao eventos futuros (desculpe-me se entendi mal). Łυαη fala! 22h50min de 4 de fevereiro de 2009 (UTC)
Não, Luan. Você está certíssimo. Sou completamente contra os eventos futuros pelas razões que expus acima. E por isso mesmo tenho a opinião de que seria melhor isso ser decidido em votação, já que provavelmente vai ser difícil decidir isso no consenso (isto é, um acordo entre todas as partes envolvidas)... Robertogilnei (discussão) 01h05min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
Criatura aí fica difícil. Ce num pode ceder um pouquinho? Pense no que falei na seção logo acima e no que o Rjclaudio falou também. De certa maneira a escolha da(s) sede(s), canditarutas oficiais e eliminatórias fazem parte da preparação, do evento. Łυαη fala! 01h16min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
Então pensa no que eu falei depois do Rjclaudio. Eu sei que todos os que manifestaram aqui, eu, você e os demais, temos um maior apreço por artigos sobre desporto. Mas tens que entender que esta proposta não implica apenas em desporto, mas também envolve, filmes, novelas, livros futuros. Isto tá bem explícito aqui: Wikipedia:Eventos futuros.
"2. Serão aceitos artigos sobre assuntos relacionados aos temas abaixo, de acordo com o item 3.2:
2.1 Televisão, Cinema e Teatro (emissoras, telenovelas, programas, filmes, peças e musicais).
2.2 Esporte (campeonatos de quaisquer modalidades e eventos multiesportivos).
2.3 Medidas de tempo (anos, décadas, séculos, milênios).
2.4 Tecnologia (softwares, jogos, missões espaciais).
2.5 Eleições (municipais, estaduais e nacionais).
2.6 Construções (prédios, sistemas de transporte, pontes etc).
2.7 Álbuns musicais.
2.8 Publicações (ver condições no item 3.2.8). "Robertogilnei (discussão) 01h22min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

Roberto, acho que vc deve reler as seções mais acima. A regra geral é : caso uma informação (ou melhor, uma seção) do artigo deixar de ser "evento futuro" e passar a ser "evento passado" (seja "Copa do mundo#Classificação", "Filme#Produção", "Álbum musical#Produção", "Eleições#Candidatos de cada partido", etc) o artigo como um todo poderá constar na wiki.

Usando as outras de arte como exemplo, se um livro, álbum, ou filme tem uma data de estréia confirmada (digo "data", dizer que o filme estreará na década de 2010 é especulação, falar que a estréia é dia 1 de janeiro de 2010 é confirmação) espera-se que toda (ou a maior parte) do filme já esteja filmada, do álbum já esteja gravada, e do livro já esteja escrita. Ou seja, o conteúdo já está definido, dificilmente mudará, e portanto já justifica seções como "Produção", "Sinopse" (muitas medias publicam preview, então há fonte fiável), "Críticas", "Capa", "Lista de músicas", etc). Basicamente quase todo o artigo já poderia ser escrito, só faltando a crítica/recepção. Ou seja, do "evento futuro" só uma seção do artigo não pode ser feita.

Se tiver algum tema que não se encaixe na regra geral diga para rediscutirmos ele em específico. Mas a regra geral que definiu toda a discussão foi essa (pelo menos eu acho que era isso).

=> Rjclaudio msg 01h37min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

Ê só uma obs.: eu não tenho maior apego por desporto, justamente pelo contrário, nem na discussão de esporte eu falei sobre isso (falei mais de CdN do que esporte).
E eu comecei a participar daqui (e toda a discussão sobre o assunto se originou disso) por causa de artigos de novelas futuras, que tinha mais disputa em apagar / recriar.
Fora isso pra mim esporte é só um dos temas, que só é importante pela quantidade de pessoas que acompanham os eventos, mas a discussão de minha parte foi feita ignorando totalmente que existia esporte.
=> Rjclaudio msg 01h43min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
  • Rjclaudio, pois você e todos que defendem esta proposta estão ignorando o fator "imprevisto". Uma divulgação de data de estréia não é garantia de que o filme vá ser exibido naquela data. "N" fatores podem ser responsáveis pelo adiamento ou até mesmo o cancelamento do filme (desastres natuais, greves etc). Ali em cima eu citei o caso da Copa do Mundo. Há poucos dias, saiu nos noticiários a possibilidade de não haver Copa por causa da crise econômica mundial e desconfiança quanto à segurança do país-sede, entre outros fatores. E aí? Quem disse que a disputa das Eliminatórias é garantia de que o evento se realizará? É isto que estou há horas tentando dizer, e por esta razão é que mantenho a minha opinião contrária à proposta... Robertogilnei (discussão) 01h52min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

Se a copa do mundo for cancelada vc votaria para eliminar o artigo ? Pra mim isso só serviria para dar mais notoriedade ainda para o artigo, já que deixaria de ser "mais uma edição da copa do mundo" e passaria a ser "a edição da copa do mundo que foi cancelada", ela se destacaria das outras. Eu digo que ser cancelado não é sinonimo de não merecer ter artigo. Cito, por exemplo, a Categoria:Jogos electrónicos cancelados, cheia de artigos de jogos eletrônicos cancelados, que nem por isso foram eliminados.

O cancelamento faz com que o assunto deixe de ser "evento futuro" e sai desta proposta, podendo ir para PE por qualquer motido (ex.: foi cancelado não merece artigo).

=> Rjclaudio msg 02h32min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

  Concordo com o Claudio. Fazendo uma comparação com um ser humano, seria como a questão do "onde começa a vida" ? Pra uns é na fecundação, pra outros na nidação, pra outros com a formação do sistema nervoso e pra outros no nascimento. Um filme que foi gravado, tinha data de estreia confirmada, mas não estreou seria equivalente a um bebê natimorto. Relevante na wiki ? Talvez sim, talvez não, cabe PE, mas nunca ER. Já o filho que se queria ter, mas nunca se dispos a ser "produzido", esse seria equivalente ao ER, é evento futuro, especulação total. Leandro Rocha (discussão) 06h19min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
Há uma grande diferença entre algo cancelado na metade e algo cancelado antes mesmo de existir. Se a Copa do Mundo já estivesse em andamento e fosse cancelada na metade, óbvio que minha opinião seria pela manutenção, pois já teria desenrolado algumas partidas e haveria informações concretas do que se falar. Agora, de algo que nunca foi realizado, só sobrará especulações "SE tivesse sido realizado, ocorreria isto e aquilo...". Ã Wikipeia não é o Nelson Rubens "ok ok" para dar as "quentinhas" em primeira mão sobre aquilo que pouca gente sabe. O propósito dela é relatar fatos que aconteceram ou estão acontecendo. Robertogilnei (discussão) 11h27min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

A questão é exatamente essa : a copa do mundo está acontecendo. As eliminatórias fazem parte dela. Ou vai dizer que uma coisa não tem nada a ver com a outra ?

A idéia de toda a proposta é aceitar apenas as coisas que estão acontecendo, ou que foram canceladas enquanto estavam acontecendo. => Rjclaudio msg 11h28min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

Pesquisa inéditaEditar

Estão subvertendo a função da wikipédia, a mesma trata de retratar informações provenientes de fontes fiáveis, e não de fazer pesquisa inédita, redefinindo o que, afirmado por estas fontes, pode ser ou não verdade. Se uma fonte falha ao citar um evento futuro ela deixa de ser fiável sobre este tipo de evento e pronto, sem fontes fiáveis o artigo semelhantes baseados nas mesmas fontes não terão bases para existir segundo as políticas vigentes. Quem faz futurologia barata são vocês, dizendo que se este ou aquele critério inventado por vocês não foi atendido tal evento é suficientemente improvável de acontecer.--pédiBoi (discussão) 02h05min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

Verificabilidade : A regra 1 da política de verificabilidade diz : Wikipedia:Verificabilidade#Política de verificabilidade "Os artigos deverão conter somente material que tenha sido publicado em fonte reputada."
Isso está sendo respeitado ? Sim. Toda informação do artigo deverá estar referenciada por uma (ou melhor, várias) fonte fiável e independente. Caso contrário poderá ser apagado.
Fonte independente : Wikipedia:Fontes fiáveis#Verifique múltiplas fontes "Se múltiplas fontes independentes estão de acordo e se elas ou não têm razão alguma para serem tendenciosas ou se as tendências que mostram possuem objetivos diversos, então você tem um relato confiável."
Não vejo como a maioria das fontes que seriam (e são) usadas podem ser tendenciosas, e mesmo se forem sempre haverá outras que não serão. Então esta parte também está cumprida : fonte independente.
Sobre ser fiável, Wikipedia:Fontes fiáveis#Avaliando as fontes cita alguns exemplos de como se pode descobrir se uma fonte é fiável ou não se baseando na opinião de especialistas no assunto. Se os especialistas dizem que ela é fiável, vc vai dizer que não é ?
Se vc quer considerar que uma fonte fiável seja não-fiável isso é considerado pesquisa inédita.
Vc nem nenhum outro editor pode dizer que uma fonte não é fiável nem é independente sem apresentar uma fonte para essa afirmação, pois isso sim é uma pesquisa inédita :
Segundo Wikipedia:Nada de pesquisa inédita#O que não é permitido? : "Introduzir uma análise ou exame de fatos, ideias, opiniões ou temas de forma a favorecer ou defender a posição pessoal do editor, sem atribuir tal análise a uma fonte fiável."
Análise da fonte (é fiável ? é independente ?) sobre uma fonte sem atribuir essa análise a uma fonte fiável (opinião de editor não é fonte fiável).


Acho que está acontecendo uma grande confusão sobre o que é futuro. Se eu apresentar fontes fiáveis e independentes relatando como foi os primeiros dias de gravação de um filme, essa informação é falsa ? A gravação tem chance de não acontecer ? Errado, ela já aconteceu. Tem fonte ? Sim, várias. Pode constar na wiki ? Sim, cumpre os requisitos de verificabilidade. Onde deve ficar ? Em um artigo próprio.
=> Rjclaudio msg 03h02min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
Wikipedia:Fontes fiáveis não é política, é apenas um guia. A política diz: "Os artigos da Wikipédia devem ser baseados em fontes credíveis e independentes. Tais fontes devem ter reputação em termos da própria aferição e exatidão dos fatos."
Portanto se uma fonte diz que tal novela é a próxima novela das oito, mas ela falha, esta fonte perde a reputação e deixa de ser fonte fiável para próximas novelas futuras.
Se há informação referenciada por fonte fiável e o assunto tem notoriedade, cria-se o artigo. Se a informação for muito pouca ou a notoriedade for limitada inclui-se a informação em outro artigo (como no do diretor do filme). Só não para sair apagando por ER, de acordo com opiniões pessoais, sem debater a validade das fontes ou a notoriedade do assunto onde tais questões não sejam unânimes.--pédiBoi (discussão) 03h33min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
Acrescentando mais um exemplo: o filme Chatô, o Rei do Brasil provavelmente não vai ser lançado tão cedo, e sabe-se lá se um dia será, mas devido às grandes polêmicas referentes ao mesmo possui notoriedade suficiente para ter artigo.--pédiBoi (discussão) 03h49min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
Tudo bem que filme não lançado é imediatamente associado a evento futuro (também fiz essa associação, mais do que natural), mas, se prestarem atenção ao texto do artigo, ele fala mais do que está acontecendo "nos bastidores" do que sobre o filme (aliás, qual é o tema do filme?). Assim, apesar de ser, sim, um filme não-lançado, o artigo não fala do filme, mas da confusão que sua produção gerou. Filipe RibeiroMsg 13h24min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

Busque o consensoEditar

Conforme disse la em cima, eu tb discordava de que já se tivesse chegado ao consenso. Porém penso o seguinte, para haver o consenso, é preciso que os dois lados estejam dispostos a ceder um pouco em suas opiniões.

Por isso não entendi o Robertogilnei, que ao que me parece está sendo contra essa proposta, mesmo sendo contra os eventos futuros. Isto é, vc está contra a proposta apenas pq queria que ela considerasse mais coisas como ER, é isso ?

Por outro lado, Pediboi, penso que vc tb deveria buscar um consenso coma gente. Sua opinião é importante e não deve ser desconsiderada, mas até aqui vc foi simplesmente o único a se manifestar totalmente contra a criação dessa política. A sua opinião está parecendo a do Machocarioca em relação aos critérios de notoriedade. Há muita discordância na wikipedia sobre quais os critérios ideais, mas é consenso que eles devem existir, e não é por causa de um ou dois que as páginas não devem mais receber o status de recomendação. A mesma coisa essa proposta aqui, penso que chegou num ponto em que não da mais pra simplesmente ser contra a criação de uma regra de ER.

Partindo desse princípio, penso que seria melhor vc buscar ajudar a fazer emendas no texto, de forma a torná-lo mais compatível com a realidade. Por exemplo, vc citou esse exempl do filme do Chatô acima. Olhando agora eu penso que esse filme deveria permanecer tb.

Que propostas vc sugeriria fazer nesse trecho do texto da regra de ER

Os artigos só serão aceitos se: 3.1 Tiverem relevância presumível. 3.2 Forem criados dentro de um limite de tempo estabelecido como segue: 3.2.1 Televisão, Cinema e Teatro: 3.2.1.1 Novela: quando a chamada for ao ar. 3.2.1.2 Outras produções, quando houver data de estreia confirmada por fontes fiáveis independentes [1]
? Acho que a discussão cabe por esse Ângulo ainda. Leandro Rocha (discussão) 06h12min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
Não Leandro, já expliquei mais acima o porque sou contra. Sou contra pela falta de segurança nas informações que os artigos sobre eventos possuem: "provalvemente a substituta da novela atual", "é o título provisório", "será realizada no dia/mês/ano tal". A divulgação da data do evento não é garantia de que o mesmo vá se realizar... Robertogilnei (discussão) 11h31min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

Mas isso tudo é questão de texto, não de tema. "A novela X é uma novela que está sendo produzida pela Globo. A emissora anunciou que a estréia será no dia/mês/ano tal. O elenco já escolhido, segundo os produtores da trama, são fulano/cicrano/etc. O roteirista disse, em entrevista à revista Y, que teve inspiração para criar a história da cultura indiana." Me diga qual dessas afirmações são especulação.

Especulação é dizer algo como se você tivesse certeza que irá acontecer. Dizer que alguém falou algo é relatar fatos (é um fato que a emissora falou o dia da estréia, mas não é dito no texto que a estréia será neste dia com 100% de certeza).

Assim como todos os outros artigos da wikipedia, as partes mal escritas e sem fontes devem ser apagadas. O que sobrar serão fatos e não especulação.

=> Rjclaudio msg 12h05min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)

Se for assim não se escreverá muita coisa por aqui. Se a Wikipédia existisse desde o surgimento da humanidade então, Ave Maria! Principalmente em relação ao conteúdo científico. Lembre-se de que Plutão não é mais planeta; de que a Terra não é plana; de que a Terra não é o centro do universo; de que Jesus não nasceu exatamente em 1 d.C. (ou 0, ou 1 a.C., ou sei lá); de que do outro lado da Europa o mundo não acaba; se a mulher sentar numa cadeira ainda quente em que um homem acabou de sentar, ela não engravida; que o mundo não está dividido nos reinos animal, vegetal e mineral; de que ao cavar um buraco até o fim, aqui, no Brasil, você não chegará ao Japão; e muitas outras coisas. Como diz o Correio*: "o mundo mudou". Mudou e muda o tempo todo, está em constrante transformação, as idéias e pensamentos dos humanos então, nem se fala. Łυαη fala! 18h53min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
Não Leandro, já expliquei mais acima o porque sou contra. Sou contra pela falta de segurança nas informações que os artigos sobre eventos possuem: "provalvemente a substituta da novela atual", "é o título provisório", "será realizada no dia/mês/ano tal". A divulgação da data do evento não é garantia de que o mesmo vá se realizar..
 
Robertogilnei
Exatamente o que eu disse, Roberto. Veja que atualmente isso td que vc falou também não é apagado por ER, ou seja, é mantido de qualquer jeito. Se essa proposta não for aprovada, é o que continuará acontecendo. Porém temos que, como eu disse, buscar um consenso, ou seja, todos tem queprocurar um meio termo e ceder um pouco, caso isso não seja possível, ou levamos a votação, ou fica como está, que é o pior que pode ocorrer. E aí ? Acontece que pra tentar o consensoé preciso que os dois lados estejam dispostos a atingi-lo, e não vejo essa disposição por parte do Pediboi, infelizmente. Leandro Rocha (discussão) 23h41min de 5 de fevereiro de 2009 (UTC)
Convenhamos, eu que não estou aberto ao debate? Numa discussão sobre um problema (eventos futuros) onde a solução já é fixada previamente (eliminação rápida)? Não querem discutir nada aqui, só concordam com uma solução imutável: eliminação rápida, e a única coisa que aceitam discutir é sobre como a mesma será realizada. Pois analisando o "problema" digo: a maioria destes artigos sobre eventos futuros que seriam eliminados por unanimidade, unanimidade esta que é a argumentação base da regra de eliminação rápida, não possuem fontes fiáveis que os sustentam! Para resolver "o problema" basta Wikipedia:Verificabilidade, que já existe.
Qualquer outro critério é subjetivo, dizer que um filme por exemplo é igual a outro é besteira, alguns custam centenas de milhões mais do que outros, uns são versões de clássicos da literatura, outros continuações aguardadas por fãs do mundo inteiro, outros estouram o orçamento e atores morrem antes de terminar, outros possuem trailers bem antes de se falar em data exata de estréia (apenas algo como "Summer 2009"), etc, etc e só estou falando de um tópico. Tudo isso em nome de quê? De garantir a verdade? Pois repito novamente estão subvertendo um dos pilares da Wikipédia. Editor da wikipédia apenas reproduz o que é citado por fontes fiáveis, não tem que ficar inventando critérios pessoais para redefinir o que é verdade ou não é, o que é provável ou não de ocorrer. Outro ainda citou o mal da "especulação", pois saiba que quando se fala em teoria científica, quando se fala de história da antiguidade, está se falando em especulação e não há nada demais com isso. Vão defender estes modelos probabilísticos, de verdade ou mentira, provável ou improvável, em uma Universidade, no botequim, mas não aqui na wikipédia que não é lugar de Wikipedia:Pesquisa inédita.
Sobre eliminação, esta é a pena máxima para um artigo, que contraria os princípios de incentivo à contribuição, a valorização da informação, a edição colaborativo cada um melhora um pouco o artigo à partir de uma versão pré-existente. A eliminação manda a informação para o nada, e portanto deveria ser evitada o máximo possível, utilizando recursos alternativos como a melhoria do artigo, fusão, redirect, ... coisas que qualquer um pode fazer de forma rápida sem agredir os princípios em que a wikipédia se baseia ao preservar para o futuro o histórico de versões, e deixo claro que não são princípios de reverter, menosprezar e apagar contribuições, que resumem a "contribuição" de alguns neste projeto. Para os outros casos cria-se uma votação. O resultado pode ser incerto, e divergir daqueles que se preocupam apenas em apagar o artigo, mas pelo menos se tem a certeza que a comunidade pode ser ouvida, e não a vontade de uma ou duas pessoas que fica escondida de contexto em um log obscuro, em um lugar que praticamente ninguém se preocupa em acompanhar.--pédiBoi (discussão) 02h40min de 6 de fevereiro de 2009 (UTC)
Pediboi, vc sabe muito bem que WP:V não serve pra eliminar anda por ER. E nós queremos uma regra de ER. Isso já era consenso na comunidade a muito tempo, após inúmeras PEs desnecessárias sobre eventos futuros. Não da pra aceitar esse sua proposta de consenso. A grande maioria quer uma regra de ER, e é impossível criar uma regra praquilo que não tem verificabilidade. Seria permitir a eliminação de metade da wikipedia se aprovasse algo assim... Só poder ser a sua proposta não é consenso, visto que vc está em clara minoria e a situação chegou num impasse.
Qualquer outro critério é subjetivo, dizer que um filme por exemplo é igual a outro é besteira, alguns custam centenas de milhões mais do que outros, uns são versões de clássicos da literatura, outros continuações aguardadas por fãs do mundo inteiro, outros estouram o orçamento e atores morrem antes de terminar, outros possuem trailers bem antes de se falar em data exata de estréia (apenas algo como "Summer 2009"), etc, etc e só estou falando de um tópico.
 
Pediboi
(grifo meu)
Td isso que vc disse, principalmente a frase em negrito, foi dito em relação aos critérios de notoriedae, e no entanto a existência deles hoje é consenso, embora nem todos sejam consenso ainda. Outra coisa, esses casos de filmes que vc citou ja deixam de ser evento futuro, logo não estão incluídos na proposta. Agora vc mesmo deve concordar que artigos do tipo "próxima novela das oito", sem nem titulo definido, um ano antes, devem ser apagados. Resta somente a gente traçar uma linha divisória clara. Isso que vc parece estar com medo de fazer, da mesma forma que muitos tinha medo dos CDN tb. Leandro Rocha (discussão) 03h40min de 6 de fevereiro de 2009 (UTC)
Novamente se aborda a solução pré-determinada (ER) ao invés do problema. Você não precisar eliminar o artigo, muito menos por ER, ele não vai te pegar quando estiver dormindo. Sendo o conteúdo questionado, não sustentado por fontes fiáveis, segue-se o procedimento de remoção, com esta remoção o artigo fica vazio e então faz-se um redirect, seja para uma seção no artigo do autor ou para esta própria página de ajuda. Evitando inclusive que algum incauto recrie o artigo ou manifeste raiva ao clicar sobre um link que não leva a lugar nenhum ou ver que "até hoje" não há nada sobre o tema.--pédiBoi (discussão) 21h29min de 8 de fevereiro de 2009 (UTC)
Naquelas discussões que antecederam a votação mal-sucedida, falou-se que na es-wiki artigos sobre eventos futuros redirecionavam para a página equivalente a "Wikipedia:Eventos futuros". Pediboi, você concorda em redirecionar todos os anos futuros sem nenhum texto não automático para "Wikipedia:Eventos futuros", por exemplo? Filipe RibeiroMsg 21h35min de 8 de fevereiro de 2009 (UTC)
Faz sentido, especialmente se a página que for aprovada tiver seções de modo a ser possível direcionar exatamente para a respectiva seção.--pédiBoi (discussão) 21h45min de 8 de fevereiro de 2009 (UTC)

Tive a curiosidade de ver como estão as coisas lá na es-wiki em relação a isso. O artigo es:Diciembre de 2009 direciona para es:Wikipedia:Artículo futuro, que tem o seguinte texto (traduzido):


Ui!

O artigo que estás procurando trata de um assunto futuro para o qual não há informação.

Esta página existe para evitar que os artigos sobre temas futuros (como os anos ou os séculos) apareçam na lista de páginas em falta. Não obstante, se achas que há informação suficiente para criar a página sobre o tema futuro que procuras, seja audaz e crie-a.

A seguir, um par de ligações que poderão ser interessantes:


Com base no que vem sido discutido, diria que esse texto não se encaixa em todos os casos, mas pode servir, por exemplo, para os anos. O que acham? Filipe RibeiroMsg 22h06min de 8 de fevereiro de 2009 (UTC)

Mudaria o "Ui!" para "Ops...", o primeiro parágrafo para:
"O artigo que você está procurando trata-se de um assunto futuro para o qual a Wikipédia ainda não contém informação, talvez por não atender nossos critérios de verificabilidade."
Na sequência:
"Esta página existe para evitar que determinados artigos sobre temas futuros (como anos ou séculos) apareçam na lista de páginas em falta. Apesar disso, se achar que há informação suficiente, referenciada por fontes fiáveis, para criar uma página sobre este tema futuro, seja audaz e crie-a." eliminaria o resto do texto que não serve para nada.--pédiBoi (discussão) 22h32min de 8 de fevereiro de 2009 (UTC)

(conflito)

Pode até ser. Poderia ser somados os critérios de notoriedade aos critérios de verificabilidade. Mas partindo do princípio que a Wikipédia trata de assuntos relevantes, notórios, ao existir uma ligação para o artigo (excluindo aquelas "depois deste vem esse"/"caixa de sucessão"), a informação que contém a ligação pode servir como conteúdo para o artigo. Essa proposta serviria apenas azular (dar satisfação) para as ligações para os "próximos deste" (ex: 2009 é o ano que antecede 2010 e sucedeu 2008) e para as buscas. Łυαη fala! 22h40min de 8 de fevereiro de 2009 (UTC)

  Concordo. Essa proposta da wiki.es é boa! Mas serviria para todos os casos ? Por exemplo, no caso das novelas com título provisório, que provavelmente será mudado. Vale a pena redirecioná-las tb ? E no caso dos filmes como aquele que o Pediboi citou (Chatô), será que não será preciso mudar o texto para que ele não seja incluído nisso ? De qualquer modo gostei da solução alternativa. Leandro Rocha (discussão) 23h48min de 8 de fevereiro de 2009 (UTC)

Novela com título provisório é melhor redirecionar para uma seção no artigo do autor chamada "Próximos trabalhos" ou "Projetos em andamento", onde se pode dar maiores detalhes sobre a natureza corrente do trabalho (cogitado, confirmado, título provisório, ...). O artigo do filme Chatô possui ao menos uma fonte fiável e portanto atende Wikipedia:Verificabilidade.--pédiBoi (discussão) 01h00min de 9 de fevereiro de 2009 (UTC)


A questão é:
Ex: "De Outro Mundo será a novela da Globo a ser lançada em 2010, após a sucessora de Caminhos das Índias. Ela será escrita por (...) e falará do amor entre uma humana e um alienígena. Em seu elenco já está confirmada a presença de Mel Lisboa, que fará o papel de uma agente secreta de outro planeta."
Seguindo a sua proposta, se redireciona para evento futuro. OK, mas chega no meio do ano, mudam-se os planos na Globo, a novela é definitivamente cancelada e colocam no ar em 2012 mais uma saga sobre italianos do Benedito Ruy Barbosa. Vale a pena manter o redirect de artigo futuro pra uma coisa que não será mais ? E pior, quem vai ficar vigiando isso pra saber se desistiram mesmo da novela ou não ? Teria como criar uma categoria pra redirects temporários, tipo, deixa o redirect até 2012, se não tiver, apaga ? Ou seria interessante manter esses redirects dessa forma pra sempre ? Se isso fosse aprovado, as PEs sobre eventos futuros seriam canceladas e trocadas por essa tag tb ? Leandro Rocha (discussão) 13h54min de 9 de fevereiro de 2009 (UTC)
Pode ser apenas uma pré-definição e se coloca um parâmetro de data nela, como a data aproximada do evento. Se estamos falando em simplificar é melhor apenas editar o artigo com a pré-definição, se houver disputa, e outras formas mais educativas e consensuais de mediação não resolverem, leva-se para votação de eliminação, ou, se for um usuário IP protege-se contra IP.--pédiBoi (discussão) 14h40min de 9 de fevereiro de 2009 (UTC)
Pensei agora numa coisa. Se é pra acabar com a regra de ER, como o Stabile falou lá em cima, mas se também é pra evitar artigos especulativos, talvez a única solução seja redirecionar todos os artigos de eventos futuros para alguma página. O que acham de mudar o texto do item 5 para (nota retirada pra simplificar, mas que continuaria presente no texto):
5. Os artigos sobre os tipos de evento futuro aceitos por esta política que não atenderem aos seus critérios, bem como artigos sobre tipos proibidos por esta política, deverão ser redirecionados preferencialmente para o artigo principal do tema. Nos casos em que isso não é possível, os artigos devem ser redirecionados para "Wikipedia:Eventos futuros/..." [não tive criatividade para achar um bom nome para a versão pt-wiki da es:Wikipedia:Artículo futuro].
Filipe RibeiroMsg 10h59min de 10 de fevereiro de 2009 (UTC)
Já argumentei em vários momentos que discordo dos critérios aqui mencionados pois se um evento futuro é relevante e outro não são critérios subjetivos, é ingenuidade tratar, por exemplo, todos os filmes da mesma forma apenas porque "são filmes". Deixe as fontes fiáveis definirem o que é relevante ou não, não façam pesquisa inédita. O que não for terá pouca ou nenhuma cobertura de fontes fiáveis, e portanto a quantidade de informação será insuficiente para criar um artigo. Apenas o uso da pré-definição para eventos futuros sem fontes fiáveis ou redirect para um artigo genérico é suficiente. Keep It Simple.--pédiBoi (discussão) 13h39min de 10 de fevereiro de 2009 (UTC)
  • Ainda acho a proposta do Pediboi subjetiva demais. Mas concordo que ela comece a ser implemtentada a partid e agora enquanto não se resolve um texto melhor pra essa regra, de modo que se possa excluir os filmes como o Chatô. Ainda assim acho que o texto é quse perfeito, e discordo de se basear unicamente na verificabilidade. Leandro Rocha (discussão) 03h45min de 12 de fevereiro de 2009 (UTC)

Retomada da discussãoEditar

Já faz um mês e meio que essa discussão parou e não se chegou a um texto final. Passei o olho rapidamente pela discussão e fiz uma alteração no texto da proposta, no item 5 (retirando o texto sobre ER e colocando link para Wikipedia:Artigo sobre evento futuro. Será que ainda há possibilidade de chegarmos a um consenso ou devemos partir para uma votação? Filipe RibeiroMsg 19h39min de 28 de março de 2009 (UTC)

Como foi construída esta proposta? Tradução de um política de outro projeto, análise estatísticas de PEs anteriores ou estudo de casos? Faz falta não existir uma introdução com um explicação simples da ideia geral da recomendação. Também não achei claro o que quer dizer "Que tipo de evento futuro será aceito na Wikipédia lusófona", o que se entende por aceito aí? Ter artigo próprio, ser citado em um artigo sobre outro assunto, ser objeto de uma seção em um artigo mais genérico. Lechatjaune msg 11h57min de 4 de abril de 2009 (UTC)
Discussões sobre eventos futuros surgiram na Esplanada por volta de novembro do ano passado. Elas culminariam com uma votação organizada por Ana bsb D​ C​ E​ F, posteriormente descoberta(o) como sock do Bizuim (os links estão no topo desta página). A votação acabou sendo substituída por esta tentativa de consenso, conforme rege nossos princípios (discutir à exaustão antes de votar). E assim vem sendo desde então. Como pode ser visto nesta página, os temas foram surgindo de acordo com a lembrança dos usuários, e o que se fazer com eles foi sendo discutido paulatinamente. O ineditismo dessa política (não conheço outra wiki que tenha uma política sobre eventos futuros) faz com que o processo se torne mais lento, já que não temos experiências anteriores nas quais nos apoiar. Uma introdução (esta, sim, baseada num ensaio da en-wiki) pode ser vista em Wikipedia:Eventos futuros. A introdução da proposta serviu apenas para guiar o início da discussão, não está previsto que entre no texto da política. Filipe RibeiroMsg 13h44min de 4 de abril de 2009 (UTC)
Novamente a discussão para. Como não foi manifestada oposição, posso considerar o texto como aprovado? Filipe RibeiroMsg 09h49min de 7 de abril de 2009 (UTC)
Esse é o grande mal do consenso. É só pararem a discussão para acharem que houve consenso. Depois negam que o consenso aqui da Wikipedia é um método para aprovar coisas à base da força... Robertogilnei (discussão) 12h34min de 7 de abril de 2009 (UTC)

GuerrasEditar

Acrescentei uma introdução à proposta, que é baseado em outras polítivas como verificabilidade e nada de pesquisa inédita. Depois, existe uma lista de ítens, cujo valor não me está claro. Eu havia perguntado como ela tinha sido gerada e parece que é apenas um compilado de opiniões pessoais. Pessoalmente, gostaria de ver um estudo de caso, mostrando qual será o efeito delas. Por exemplo, o que significa que o item 4.2 "não são aceitos artigos sobre guerras". O artigo Terceira Guerra Mundial deve ser eliminado? Lechatjaune msg 12h43min de 7 de abril de 2009 (UTC)

Provavelmente não, Lechat. Mas me diga como um artigo sobre uma guerra poderá ser feito pautado em fontes fiáveis e sem fazer pesquisa inédita sem que um dos lados tenha declarado guerra? De qualquer forma, acrescentei uma nota ao item: "Poderá ser admitido o artigo em casos de conflito iminente, desde que pautado em fontes fiáveis". Filipe RibeiroMsg 15h31min de 7 de abril de 2009 (UTC)

A Wikipédia não deve produzir pesquisa inétida e nem publicar materia especulativo, mas nada impede de escrever sobre teorias especulativas. Na física, por exemplo, a teoria do tudo e a teoria das cordas são ainda especulações, no entanto, certamente enciclopédicas. Até hoje, não há evidências de existência de vida fora da Terra, mas nada impede que exista a exobiologia. De forma geral, toda pesquisa científica é especulação, é tentativa e pretende produzir pesquisa inédita. Depois de publicado em jornais científicos, deixa de ser inédita. Na ciência política, a coisa não é diferente e os cientistas políicos especulam sobre a Nova Guerra Fria, sobre a Terceira Guerra Mundial entre outros. Há quem fale até em apocalipse. Mas acho que chegamos num ponto interessante:

Citação: FilRB escreveu: «como um artigo sobre uma guerra poderá ser feito pautado em fontes fiáveis e sem fazer pesquisa inédita sem que um dos lados tenha declarado guerra?»

Não precisamos responder esse questão. Bastaria dizer, artigos sobre guerras (futuras, presentes ou passadas, fictícias ou especulativas) só devem ser escritas com base em fontes fiáveis e não é admitido pesquisa inédita. Uma pergunta para reflexão, o que você chamaria de fonte fiável para Guerra de Troia? Lechatjaune msg 17h22min de 7 de abril de 2009 (UTC)
Lechat, isso foge ao escopo da proposta, já que Guerra de Troia não é nem um pouco evento futuro. Se o artigo sobre evento futuro é pautado em fontes fiáveis e não faz pesquisa inédita (como o caso das teorias que você citou), o artigo poderá ser admitido. Esclareci? Filipe RibeiroMsg 18h07min de 7 de abril de 2009 (UTC)
Eu sei que Guerra de Tróia não é futuro e talvez nem seja passado, mas era um experimento mental para chegar nesse ponto: o que importanta é poder escrever sobre o evento pautado em fontes fiáveis e sem pesquisa inédita. Lechatjaune msg 13h04min de 8 de abril de 2009 (UTC)

Anos, décadas, séculos e milênioEditar

A proposta atual prevês que só se possa escrever sobre uma década depois de ter escrito sobre os anos. Só se pode escrever sobre o século depois de ter escrito sobre as décadas e assim por diante. Isso não vai na contramão do costume por aqui? Quero dizer, não seria mais natural primeiro escrever sobre a década e quando ficasse muito grande, desdobrá-lo em menores? Lechatjaune msg 13h04min de 8 de abril de 2009 (UTC)

Faz todo o sentido, Lechat. A discussão desse tópico foi tão rápida que esse aspecto passou batido. Boa lembrança. Substituí o item 3.2.3 por "Períodos, datas e épocas: os artigos serão aceitos do maior período para o menor, ou seja, primeiro serão aceitos artigos sobre milênios, que se ficarem muito extensos, poderão ser subdivididos em artigos sobre séculos, e assim sucessivamente, até artigos sobre anos." Filipe RibeiroMsg 16h58min de 8 de abril de 2009 (UTC)

Construções (2)Editar

Antes de mais, agradeço ao Filipe a chamada de atenção para esta TC. No geral   Concordo com a proposta, no particular   Discordo com a secção que diz Construções: quando a obra for iniciada. Grandes projectos podem fazer parte do programa de um governo, como é o caso do Aeroporto da Ota, ou antes de 1974 o Aeroporto que seria construído em Rio Frio, o projecto da central nuclear em Portugal, etc., e nunca serem concretizados, não existindo, no entanto, qualquer dúvida quanto à sua relevância. O projecto do Aeroporto da Ota, por exemplo, que já foi cancelado, tem feito correr rios de tinta e inúmeras horas de debates televisivos, tendo relevância indiscutível no nosso panorama nacional. A frase que se segue, Casos de grandes projetos que demoram a ser postos em prática devem passar por votação. parece abranger apenas projectos que são depois postos em práctica. Penso que deveria estar previsto na proposta estes casos de relevância indiscutível, e apoiada em fonte fiável, mas que nunca forma postos em práctica, nem se prevê que alguma vez o sejam. Darwin (discussão) 16h47min de 23 de abril de 2009 (UTC)

No meu entendimento, "demoram a ser postos em prática" não quer necessariamente dizer que os projetos são de fato postos em prática. De qualquer forma, podemos pensar numa redação mais neutra para o item, a fim de evitar confusões de interpretação. Filipe RibeiroMsg 16h51min de 23 de abril de 2009 (UTC)
Pois, a leitura desse texto é ambígua e causa confusão. Filipe, nota que o Luan está em total desacordo com o que eu digo na secção acima do mesmo nome - Citação: Luan escreveu: «Discordo muito disso. Mais um motivo para a construção não ser segura, não vingar. Prefiro que fique só até o primeiro ponto, sem esse caso de grandes projetos. E analisando assim, as construções futuras estão proibidas, não é? São permitidas só as relevantes já em andamento, atuais.». No entanto, os princípios da wikipedia orientam-se pela verificabilidade, e uma vez que algo é verificável e manifestamente relevante, seja evento futuro ou não, deve constar aqui, pelo menos é a leitura que eu faço do assunto. E digo mesmo que acho inconcebível que o Novo Aeroporto de Lisboa tenha ido a PE, isso é um dos assuntos mais falados por aqui no momento, teve até edições temáticas do Prós e Contras da Fátima Campos Ferreira, e foi o resultado da maior inversão de marcha da história do actual governo em Portugal. Darwin (discussão) 17h01min de 23 de abril de 2009 (UTC)
O que acha da seguinte redação:
"3.2.6. Construções: quando a obra for iniciada ou antes disso, caso o projeto seja de repercussão no mínimo nacional, desde que haja fontes suficientes"
O "desde que haja fontes suficientes" é para evitar a pesquisa inédita - pode ser lido como "desde que haja fontes para todas as informações [relevantes]" (admitindo, claro, que as irrelevantes nem estejam no artigo; só incluí essa palavra para reforçar a ideia). Filipe RibeiroMsg 19h28min de 23 de abril de 2009 (UTC)
  Concordo que seja assim, Filipe. Darwin (discussão) 18h35min de 24 de abril de 2009 (UTC)
De qualquer modo, vê o que achas desta versão, acho que fica menos ambígua:
"3.2.6. Construções: quando a obra for iniciada; ou existindo projeto confirmado por fonte fiável, caso o mesmo seja de repercussão no mínimo nacional, e tenha relevância verificável".Darwin (discussão) 18h38min de 24 de abril de 2009 (UTC)

Estudo de casosEditar

Eu acho que deveria ser feito um estudo de casos para analisar as consequências dessa proposta. Dado que ela não foi baseada em uma recomendação estável de outro projeto, não vejo como aprová-la sem antes analisar as vantagens e desvantagens. Alguns tópicos que levantei logo acima deixaram-me com a impressão de que o texto foi construído sem um estudo adequado. Sinceramente, acho que estamos longe de poder concluir esta discussão. Lechatjaune msg 15h59min de 24 de abril de 2009 (UTC)

Eu penso exatamente o oposto. Como não há uma proposta dessas em outra wiki, esta proposta foi construída baseada unicamente em estudo de caso. Sempre que encontramos um caso que alguém ache importante fazemos um estudo de caso e alteramos a proposta quando for necessário. Fale um tema da proposta que não teve discussão, pq toda discussão envolveu estudo de caso.
Ver por exemplo #Publicações, a proposta foi toda baseada no estudo do caso de um livro da série Harry Potter.
A maioria dos artigos futuros de que lembramos estão contemplados nesta proposta. Se encontrar algum que não esteja nós fazemos um estudo de caso e melhoramos ela.
=> Rjclaudio msg 16h24min de 24 de abril de 2009 (UTC)
Quando, você pega um caso e encontra uma solução, você está construindo uma solução ad hoc. Estudo de caso é quando você seleciona uma amostra para testa a solução encontrada. Lechatjaune msg 18h11min de 24 de abril de 2009 (UTC)
Então o que você sugere, Lechat? Por a política em prática em "fase de testes", digamos, por 3 meses, e só depois ratificar ou não sua aplicabilidade? Filipe RibeiroMsg 18h16min de 24 de abril de 2009 (UTC)
Eu acho que não viria muito mal ao mundo com essa fase de testes... Afinal de contas, isto é um consenso, e se surgirem objecções justificadas à proposta, o consenso (ou melhor, a parte contestada) pode ser suspenso até que seja obtido novo consenso. Darwin (discussão) 18h41min de 24 de abril de 2009 (UTC)

  Concordo com o FilRB, ponham em testes por um período e depois apliquem em definitivo. Vamos desinchar a Predefinição:MRDebates. Dbc2004 (discussão) 05h50min de 25 de abril de 2009 (UTC)

Acho melhor que por em testes, é prever as consequências. Que páginas seriam eliminadas ou mantidas? Lechatjaune msg 09h22min de 25 de abril de 2009 (UTC)
Seriam eliminados os conteúdos das páginas sobre jornais, revistas, (alguns) livros, guerras e empresas em processo de criação ou fusão, novelas e álbuns musicais sem confirmação dos autores, enfim. Tudo futurologia. Os títulos seriam transformados em redirecionamento para Wikipedia:Artigo sobre evento futuro. Nenhum título seria eliminado. Filipe RibeiroMsg 10h51min de 25 de abril de 2009 (UTC)
Que artigos seriam esses? Cuidado com esse salto de domínio. Lechatjaune msg 11h30min de 25 de abril de 2009 (UTC)
Você quer exemplos de artigos que já existam, Lechat? Se for, sinto muito, mas não vou ficar procurando por aí até encontrar um (nem sei se tem). E quanto ao salto de domínio, foi uma ideia copiada da es-wiki. Se não concorda, pode sugerir uma solução melhor. Esta, na verdade, já é a segunda solução encontrada (a primeira era a tal regra 22 de ER). Filipe RibeiroMsg 12h06min de 25 de abril de 2009 (UTC)
Eu estou procurando casos para analisar, mas também tenho dificuldade. Quanto ao salto de domínio, não é que eu não goste, é que isso foi extinto há um tempo. Lechatjaune msg 12h22min de 25 de abril de 2009 (UTC)
Na verdade, basta ir em Categoria:Eventos futuros. Fundamental avaliar esta categoria. Lechatjaune msg 12h29min de 25 de abril de 2009 (UTC)
A votação que criou essa regra de ER terminou em 6x0, ainda nos idos de 2005. De lá pra cá, passamos a aceitar saltos do domínio principal para o Anexo, por exemplo. Não acho que haverá resistência da comunidade em aceitar este outro tipo de salto, visto que essa solução foi sugerida para evitar a eliminação de artigos, esta sim, bastante questionada. Filipe RibeiroMsg 12h39min de 25 de abril de 2009 (UTC)

Sugestão de votaçãoEditar

Em virtude do impasse existente em relação à aplicabilidade da política, proponho uma votação para definir a forma com que isso será feito. O texto-base se encontra aqui e está aberto a comentários. No link em vermelho, seria colocado o texto que hoje está na página principal da TC. O que acham? Filipe RibeiroMsg 13h06min de 28 de abril de 2009 (UTC)

Nada tenho a me opor, só uma sugestão: "Os artigos sobre os tipos de evento futuro aceitos por esta política que não atenderem aos seus critérios[6], bem como artigos sobre tipos proibidos por esta política". Não é meio redundante essa frase? ou seja, se não atende aos critérios da proposta, é pq são proibidos. Dbc2004 (discussão) 20h38min de 28 de abril de 2009 (UTC)

Não necessariamente. Conforme explica a nota 6, apesar de, por exemplo, artigos sobre eventos esportivos futuros serem permitidos, só o são nos termos do item 3.2.2. Ou seja, apesar de ser permitidos artigos sobre eventos esportivos futuros, um artigo para os Jogos Olímpicos de 2044 criado em 2009 teria o mesmo tratamento de um artigo sobre um jornal futuro, por exemplo. Filipe RibeiroMsg 20h46min de 28 de abril de 2009 (UTC)

Então é pq não são aceitos, nem atende aos critérios. Que isso FilRB, será que não consegue ver que (não)"aceitos por esta política", "que não atenderem aos seus critérios" e "proibidos por esta política" são três formas diferentes de dizer a mesma coisa. Vamos ser menos prolixos. Dbc2004 (discussão) 21h05min de 28 de abril de 2009 (UTC)

Você está descontextualizando os termos. A expressão "que não atenderem aos seus critérios" vem logo depois de "os tipos de evento futuro aceitos por esta política". Juntando as duas, dizer "os tipos de evento futuro aceitos por esta política que não atenderem aos seus critérios" é bem diferente de dizer "tipos proibidos por esta política". O que você sugeriria para diminuir o texto, deixando claro que há dois tipos de artigos que devem ser redirecionados? Filipe RibeiroMsg 21h18min de 28 de abril de 2009 (UTC)

Sugiro o óbvio: "Os artigos sobre os tipos de evento futuro que não atenderem aos seus critérios desta política". Se um artigo fala sobre um evento futuro sobre um tema que a política não englona, é pq ele tb não atende aos critérios dela. Dbc2004 (discussão) 23h00min de 28 de abril de 2009 (UTC)

Nops. Se tiver algum assunto que nos esquecemos (como aconteceu várias vezes durante o debate) isso não significa que não pode ter artigo, apenas que não falamos dele.
Imagina se tivéssemos nos esquecido de falar sobre música/CDs, mas sabemos que alguns CDs podem ter artigo, só esquecemos, não é por isso que vamos apagar todos os CDs futuros.
Deve ter vários assuntos não abordados aqui, mas com o tempo vamos lembrando e completando.
=> Rjclaudio msg 00h55min de 29 de abril de 2009 (UTC)
Filipe, nunca chegaste a dizer o que achavas da sugestão de alteração da 3.2.6 para:
"3.2.6. Construções: quando a obra for iniciada; ou existindo projeto confirmado por fonte fiável, caso o mesmo seja de repercussão no mínimo nacional, e tenha relevância verificável"
Gostava de saber se isso pode ser alterado antes de se levar a votação. Darwin (discussão) 04h38min de 29 de abril de 2009 (UTC)
Perdão, Darwin. As edições posteriores esconderam esse seu comentário para mim. Posso sugerir pequenas mudanças?
"3.2.6. Construções: quando a obra for iniciada ou existir projeto confirmado por fontes fiáveis, caso tenha repercussão no mínimo nacional e relevância verificável"
Filipe RibeiroMsg 18h19min de 29 de abril de 2009 (UTC)
Ficou óptima assim a proposta, Filipe. Desculpe não ter respondido antes, por alguma razão não vi que a página tinha sido alterada. - Darwin Alô? 21h43min de 3 de maio de 2009 (UTC)

Citação: Nops. Se tiver algum assunto que nos esquecemos (como aconteceu várias vezes durante o debate) isso não significa que não pode ter artigo, apenas que não falamos dele.

Então Claudio, por isso mais uma vez insisto: "Os artigos sobre os tipos de evento futuro que não atenderem aos seus critérios desta política deverão ser redirecionados para a página "Wikipedia:Artigo sobre evento futuro"." (este é o primeiro caso)

"6. Os artigos sobre tipos de eventos futuros não citados nesta política serão avaliados pelos meios tradicionais (Ver Wikipedia:Política de eliminação)." (est é o que vc se refere). Dbc2004 (discussão) 00h49min de 30 de abril de 2009 (UTC)

Votação aberta aqui. Filipe RibeiroMsg 21h15min de 3 de maio de 2009 (UTC)

Perfeito, falta só arquivar a tentativa de cnsenso, na categoria das discussões encerradas, e mudar a Predefinição:MRDebates. Dbc2004 (discussão) 22h35min de 3 de maio de 2009 (UTC)

Voltar à página de projeto "Tentativa de Consenso/Eventos Futuros".