Copa do Mundo FIFA de 1990

Campeonato Internacional de seleções que ocorreu em 1990, na Itália.
Copa do Mundo FIFA de 1990
Coppa del Mondo FIFA Italia '90
Itália 1990
World Cup logo Italia90.svg.png
Cartaz promocional da Copa de 1990.
Dados
Participantes 24
Organização FIFA
Anfitrião Itália
Período 8 de junho8 de julho
Gol(o)s 115
Partidas 52
Média 2,21 gol(o)s por partida
Campeão Alemanha Ocidental (3º título)
Vice-campeão Argentina
3.º colocado Itália
4.º colocado Inglaterra
Melhor marcador Itália Salvatore Schillaci – 6 gols
Melhor ataque (fase inicial) Alemanha Ocidental – 10 gols
Melhor defesa (fase inicial) Itália – Nenhum gol
Maiores goleadas
(diferença)
Estados Unidos 1–5 Tchecoslováquia
Stadio ComunaleFlorença
10 de junho, Grupo A, 1ª rodada
 
Alemanha Ocidental 5–1 Emirados Árabes Unidos
Stadio Giuseppe MeazzaMilão
15 de junho, Grupo D, 2ª rodada
 
Camarões 0–4 União Soviética
Stadio San NicolaBari
18 de junho, Grupo B, 3ª rodada
Público 2 516 348
Média 48 391,3 pessoas por partida
Premiações
Melhor jogador
Itália Salvatore Schillaci
Melhor jogador jovem Jugoslávia Robert Prosinečki
Fair play Inglaterra
◄◄ México 1986 Soccerball.svg 1994 Estados Unidos ►►

A Copa do Mundo FIFA de 1990 foi a décima quarta edição da Copa do Mundo FIFA de Futebol, que ocorreu de 8 de junho até 8 de julho de 1990. O evento foi sediado na Itália, tendo partidas realizadas nas cidades de Milão, Roma, Nápoles, Turim, Bari, Verona, Florença, Cagliari, Bolonha, Údine, Palermo e Gênova. A Itália foi o segundo país a sediar a competição por duas vezes (o primeiro foi o México, quatro anos antes).

Além da anfitriã Itália e da então campeã mundial de 1986, Argentina (na época a seleção campeã da edição anterior se classificava automaticamente para a edição seguinte), se classificaram para o torneio a Alemanha Ocidental (que viria a se sagrar campeã dessa edição) Bélgica, Inglaterra, Escócia, Áustria, Suécia, Iugoslávia, Espanha, Países Baixos, União Soviética, Tchecoslováquia, Irlanda, Romênia, Camarões, Egito, Emirados Árabes, Coreia do Sul, Uruguai, Colômbia, Brasil, Costa Rica e Estados Unidos.

Grandes estrelas do futebol mundial desfilaram pelos gramados italianos, como Gary Lineker, Paul Gascoigne, David Platt e Ian Wright da Inglaterra, Ronald Koeman, Frank Rijkaard, Marco Van Basten e Ruud Gullit da Holanda e Bodo Illgner, Andreas Brehme, Lothar Matthäus, Rudi Völler e Jürgen Klinsmann da Alemanha, Diego Maradona da Argentina, dentre outros. A Copa de 1990 entrou para a história como uma Copa de equipes defensivas, que jogavam apenas para alcançar o resultado - a média de gols, de apenas 2,21, registrou um recorde negativo que perdura até hoje. Essa situação levou à mudança de regras (mais notadamente a regra do recuo de bola), e à adoção de três pontos por vitória. Apesar disso, também foi uma Copa de grandes goleadas, como EUA 1-5 Tchecoslováquia e Alemanha 5-1 Emirados Árabes Unidos, e de grandes surpresas, como a vitória de Camarões sobre a Argentina logo na 1ª rodada do Mundial.

A final da Copa do Mundo FIFA de 1990 foi disputada pela Argentina, que havia eliminado a Itália, a Iugoslávia e o Brasil; e a Alemanha Ocidental, que havia eliminado a Inglaterra, a Tchecoslováquia e os Países Baixos. A partida foi realizada em 8 de julho às 20h, no Estádio Olímpico de Roma, com um público de 73 603 pessoas. Sob o apito do árbitro mexicano Edgardo Codesal, Andreas Brehme converteu uma penalidade - até hoje muito contestada - aos 40 minutos do segundo tempo, trazendo o terceiro título da Alemanha Ocidental em Copas do Mundo. Foi a última copa disputada pelas seleções da União Soviética e Tchecoslováquia.[1][2]

EliminatóriasEditar

 
  Equipes classificadas
  Equipes que falharam a classificação
  Equipes impedidas de disputar as Eliminatórias
  Equipes não-filiadas à FIFA

Como a anfitriã Itália e a atual campeã Argentina se classificaram automaticamente, as 22 vagas restantes foram disputadas por 114 equipes. Devido a desistências e suspensões, 103 países efetivamente jogaram as Eliminatórias.

As suspensões mais notórias aconteceram com as Eliminatórias já em andamento: a do México, por escalação de um jogador acima da idade permitida em um torneio de seleções de base, e a do Chile, devido ao caso do goleiro Roberto Rojas, que simulou ter sido atingido por fogos de artifício no jogo contra o Brasil.

A divisão por confederações continentais foi feita da seguinte forma: treze vagas para a UEFA (Europa), duas para a CONMEBOL (América do Sul), duas para a CAF (África), duas para a Ásia (AFC) e duas para a CONCACAF (Américas do Norte e Central). A vaga restante foi definida em uma repescagem entre um time da OFC (Oceania) e outro da América do Sul.

Seleções participantesEditar

SorteioEditar

O sorteio foi realizado no Palazzo dello Sport em Roma, no dia 9 de Dezembro de 1989. Itália, a anfitriã, e Argentina, a última campeã, já seriam cabeças de chave por direito. Os cabeças de chave foram: Alemanha Ocidental, Argentina, Bélgica, Brasil, Inglaterra e Itália.

ÁrbitrosEditar

41 árbitros vindos de 34 países apitaram as partidas do Mundial de 1990.

África
Ásia
Europa
América do Norte e Central
Oceania
América do Sul

SedesEditar

Roma Milão Nápoles Turim
Stadio Olimpico Stadio Giuseppe Meazza Stadio San Paolo Stadio delle Alpi
41° 56′ 01,99″ N, 12° 27′ 17,23″ L 45° 28′ 40,89″ N, 9° 07′ 27,14″ L 40° 49′ 40,68″ N, 14° 11′ 34,83″ L 45° 06′ 34,42″ N, 7° 38′ 28,54″ L
Capacidade: 80.258[3] Capacidade: 76.398[3] Capacidade: 74.090[3] Capacidade: 67.411[3]
       
Bari Verona
Stadio San Nicola Stadio Marcantonio Bentegodi
41° 05′ 05,05″ N, 16° 50′ 24,26″ L 45° 26′ 07,28″ N, 10° 58′ 07,13″ L
Capacidade: 56.875[3] Capacidade: 40.976[3]
   
Florença Cagliari
Stadio Comunale Stadio Sant'Elia
43° 46′ 50,96″ N, 11° 16′ 56,13″ L 39° 11′ 57,82″ N, 9° 08′ 05,83″ L
Capacidade: 41.300[3] Capacidade: 40.117[3]
   
Bologna Udine Palermo Gênova
Stadio Renato Dall'Ara Stadio Friuli Stadio La Favorita Stadio Luigi Ferraris
44° 29′ 32,33″ N, 11° 18′ 34,8″ L 46° 04′ 53,77″ N, 13° 12′ 00,49″ L 38° 09′ 09,96″ N, 13° 20′ 32,19″ L 44° 24′ 59,15″ N, 8° 57′ 08,74″ L
Capacidade: 37.825[3] Capacidade: 38.685[3] Capacidade: 36.982[3] Capacidade: 35.921[3]
       

PublicidadeEditar

BolaEditar

A bola oficial do torneio foi a Adidas Etrusco Unico, fabricada pela Adidas. Fabricada com espuma de poliuretano, aumentando a velocidade dos passes e chutes a gol. Os gomos tinham três cabeças de leão, evocando o Império Romano. Essa bola foi utilizada com o mesmo nome na Eurocopa de 1992, no Torneio Olímpico de Futebol Masculino nos Jogos Olímpicos de Barcelona - 1992, e nas decisões do Mundial Interclubes no Japão até 1993.[4]

MascoteEditar

A mascote da Copa de 1990 foi Ciao, um boneco que tinha as cores da bandeira italiana e que podia ser desmontado e remontado para formar a escrita "ITALIA", e fazendo embaixadinha.

Video GamesEditar

Este mundial teve jogos para diversos sistemas: Para computadores PC foi lançado o Italia 90, lançado pela US Gold, que tinha a tabela completa do mundial, os uniformes das seleções, bem como seus principais jogadores. Para os vídeo games caseiros, foi lançado o World Cup Italia 90, da Sega em parceria com a Virgin Mastertronic e a Olivetti, para o Master System e Mega Drive. A versão do Master System tinha 30 times, incluindo os 24 que se classificaram para as finais, mais 6 que não se classificaram (França, México, Polônia, Dinamarca, China e Hungria). Já a versão do Mega Drive continha 24 seleções mas que não eram as que se classificaram, e tinha o nome dos jogadores diferenciados.

TransmissãoEditar

A Copa de 1990 foi transmitida por 4 redes de TV no Brasil: Rede Globo (em conjunto com a sua filial na Itália Tele Monte Carlo), Rede Manchete, Rede Bandeirantes e SBT; foi a primeira vez que a emissora de Silvio Santos exibiu o evento "sozinha" considerando que, na Copa anterior, o SBT havia transmitido o torneio em conjunto com a TV Record de São Paulo.

Foi a primeira Copa do Mundo oficialmente transmitida em HDTV, em uma parceria entre a emissora italiana RAI e a emissora japonesa NHK.[5]

Primeira faseEditar

Grupo AEditar

Pos. Seleção Pts J V E D GP GC SG
1   Itália 6 3 3 0 0 4 0 +4
2   Tchecoslováquia 4 3 2 0 1 6 3 +3
3   Áustria 2 3 1 0 2 2 3 –1
4   Estados Unidos 0 3 0 0 3 2 8 –6
9 de junho Itália   1 – 0   Áustria Stadio Olimpico, Roma
21:00
Schillaci   78' Relatório Público: 73 303
Árbitro:  BRA José Roberto Wright
10 de junho Estados Unidos   1 – 5   Tchecoslováquia Stadio Comunale, Florença
17:00
Caligiuri   61' Relatório Skuhravý   25',   78'
Bílek   39' (pen.)
Hašek   50'
Luhový   90'
Público: 33 266
Árbitro:  SUI Kurt Röthlisberger

14 de junho Itália   1 – 0   Estados Unidos Stadio Olimpico, Roma
21:00
Giannini   11' Relatório Público: 73 423
Árbitro:  MEX Edgardo Codesal
15 de junho Áustria   0 – 1   Tchecoslováquia Stadio Comunale, Florença
17:00
Relatório Bílek   30' (pen.) Público: 38 962
Árbitro:  SCO George Smith

19 de junho Áustria   2 – 1   Estados Unidos Stadio Comunale, Florença
21:00
Ogris   49'
Rodax   63'
Relatório Murray   83' Público: 34 857
Árbitro:  SYR Jamal Al-Sharif
19 de junho Itália   2 – 0   Tchecoslováquia Stadio Olimpico, Roma
21:00
Schillaci   9'
Baggio   78'
Relatório Público: 73 303
Árbitro:  FRA Joel Quiniol

Grupo BEditar

Pos. Seleção Pts J V E D GP GC SG
1   Camarões 4 3 2 0 1 3 5 -2
2   Romênia 3 3 1 1 1 4 3 +1
3   Argentina 3 3 1 1 1 3 2 +1
4   União Soviética 2 3 1 0 2 4 4 0
8 de junho Argentina   0 – 1   Camarões Stadio Giuseppe Meazza, Milão
18:00
Relatório Omam-Biyik   67' Público: 73 780
Árbitro:  FRA Michel Vautrot
9 de junho União Soviética   0 – 2   Romênia Stadio San Nicola, Bari
17:00
Relatório Lăcătuş   42',   57' (pen.) Público: 42 907
Árbitro:  URU Juan Cardellino Vicente

13 de junho Argentina   2 – 0   União Soviética Stadio San Paolo, Nápoles
21:00
Troglio   27'
Burruchaga   79'
Relatório Público: 55 759
Árbitro:  SWE Eric Fredriksson
14 de junho Camarões   2 – 1   Romênia Stadio San Nicola, Bari
17:00
Milla   76',   86' Relatório Balint   88' Público: 38 687
Árbitro:  CHI Hernan Silva Arce

18 de junho Camarões   0 – 4   União Soviética Stadio San Nicola, Bari
21:00
Relatório Protasov   20'
Zygmantovich   29'
Zavarov   55'
Dobrovolsky   63'
Público: 37 307
Árbitro:  BRA José Roberto Wright
18 de junho Argentina   1 – 1   Romênia Stadio San Paolo, Nápoles
21:00
Monzón   62' Relatório Balint   68' Público: 52 733
Árbitro:  POR Carlos Alberto Valente

Grupo CEditar

Time Pts J V E D GF GC SG
  Brasil 6 3 3 0 0 4 1 3
  Costa Rica 4 3 2 0 1 3 2 1
  Escócia 2 3 1 0 2 2 3 -1
  Suécia 0 3 0 0 3 3 6 -3
10 de junho Brasil   2 – 1   Suécia Stadio Delle Alpi, Turim
21:00
Careca   40',   63' Relatório Brolin   79' Público: 62 628
Árbitro:  ITA Tullio Lanese
11 de junho Costa Rica   1 – 0   Escócia Stadio Luigi Ferraris, Gênova
17:00
Cayasso   49' Relatório Público: 30 867
Árbitro:  ARG Juan Loustau

16 de junho Brasil   1 – 0   Costa Rica Stadio Delle Alpi, Turim
17:00
Müller   33' Relatório Público: 58 007
Árbitro:  TUR Neji Jouini
16 de junho Suécia   1 – 2   Escócia Stadio Luigi Ferraris, Gênova
21:00
Strömberg   86' Relatório McCall   11'
Johnston   81' (pen.)
Público: 31 823
Árbitro:  PAR Carlos Maciel

20 de junho Brasil   1 – 0   Escócia Stadio Delle Alpi, Turim
21:00
Müller   82' Relatório Público: 62 502
Árbitro:  AUT Helmut Kohl
20 de junho Suécia   1 – 2   Costa Rica Stadio Luigi Ferraris, Gênova
21:00
Ekström   32' Relatório Flores   75'
Medford   87'
Público: 30 223
Árbitro:  YUG Zoran Petrović

Grupo DEditar

Time Pts J V E D GF GC SG
  Alemanha Ocidental 5 3 2 1 0 10 3 7
  Iugoslávia 4 3 2 0 1 6 5 1
  Colômbia 3 3 1 1 1 3 2 1
  Emirados Árabes Unidos 0 3 0 0 3 2 11 -9
9 de junho Emirados Árabes Unidos   0 – 2   Colômbia Stadio Renato Dall'Ara, Bolonha
17:00
Relatório Redín   50'
Valderrama   86'
Público: 30 791
Árbitro:  ENG George Courtney
10 de junho Alemanha Ocidental   4 – 1   Iugoslávia Stadio Giuseppe Meazza, Milão
21:00
Matthäus   28',   64'
Klinsmann   39'
Völler   70'
Relatório Jozić   55' Público: 74 765
Árbitro:  DEN Peter Mikkelsen

14 de junho Iugoslávia   1 – 0   Colômbia Stadio Renato Dall'Ara, Bolonha
17:00
Jozić   75' Relatório Público: 32 257
Árbitro:  ITA Luigi Agnolin
15 de junho Alemanha Ocidental   5 – 1   Emirados Árabes Unidos Stadio Giuseppe Meazza, Milão
21:00
Völler   35',   75'
Klinsmann   37'
Matthäus   47'
Bein   58'
Relatório Ismaïl   46' Público: 71 169
Árbitro:  URS Alexey Spirin

19 de junho Iugoslávia   4 – 1   Emirados Árabes Unidos Stadio Renato Dall'Ara, Bolonha
17:00
Sušić   5'
Pančev   9',   46'
Prosinečki   90'
Relatório Jumaa   22' Público: 27 833
Árbitro:  JAP Shizuo Takada
19 de junho Alemanha Ocidental   1 – 1   Colômbia Stadio Giuseppe Meazza, Milão
17:00
Littbarski   88' Relatório Rincón   90' Público: 72 510
Árbitro:  NIR Alan Snoddy

Grupo EEditar

Time Pts J V E D GF GC SG
  Espanha 5 3 2 1 0 5 2 3
  Bélgica 4 3 2 0 1 6 3 3
  Uruguai 3 3 1 1 1 2 3 -1
  Coreia do Sul 0 3 0 0 3 1 6 -5
12 de junho Bélgica   2 – 0   Coreia do Sul Stadio Marcantonio Bentegodi, Verona
17:00
Degryse   53'
De Wolf   64'
Relatório Público: 32 790
Árbitro:  USA Vincent Mauro
13 de junho Uruguai   0 – 0   Espanha Stadio Friuli, Udine
17:00
Relatório Público: 35 713
Árbitro:  AUT Helmut Kohl

17 de junho Coreia do Sul   1 – 3   Espanha Stadio Friuli, Udine
21:00
Hwangbo Kwan   42' Relatório Míchel   23',   61',   81' Público: 32 733
Árbitro:  ECU Elías Jácome
17 de junho Bélgica   3 – 1   Uruguai Stadio Marcantonio Bentegodi, Verona
21:00
Clijsters   15'
Scifo   24'
Ceulemans   47'
Relatório Bengoechea   73' Público: 33 759
Árbitro:  GDR Siegfried Kirschen

21 de junho Coreia do Sul   0 – 1   Uruguai Stadio Friuli, Udine
17:00
Relatório Fonseca   90' Público: 29 039
Árbitro:  ITA Tullio Lanese
21 de junho Bélgica   1 – 2   Espanha Stadio Marcantonio Bentegodi, Verona
17:00
Vervoort   29' Relatório Míchel   26' (pen.)
Górriz   38'
Público: 35 950
Árbitro:  ARG Juan Loustau

Grupo FEditar

Time Pts J V E D GF GC SG
  Inglaterra 4 3 1 2 0 2 1 1
  Irlanda 3 3 0 3 0 2 2 0
  Países Baixos 3 3 0 3 0 2 2 0
  Egito 2 3 0 2 1 1 2 -1

Nota: A Irlanda ficou na segunda colocação por sorteio

11 de junho Inglaterra   1 – 1   Irlanda Stadio Sant'Elia, Cagliari
21:00
Lineker   9' Relatório Sheedy   73' Público: 35 238
Árbitro:  FRG Aron Schmidhuber
12 de junho Países Baixos   1 – 1   Egito Stadio La Favorita, Palermo
21:00
Kieft   58' Relatório Abdelghani   83' (pen.) Público: 33 421
Árbitro:  ESP Emilio Aladrén

16 de junho Inglaterra   0 – 0   Países Baixos Stadio Sant'Elia, Cagliari
21:00
Relatório Público: 35 267
Árbitro:  IUG Zorán Petrović
17 de junho Irlanda   0 – 0   Egito Stadio La Favorita, Palermo
17:00
Relatório Público: 33 288
Árbitro:  BEL Marcel van Langenhove

21 de junho Inglaterra   1 – 0   Egito Stadio Sant'Elia, Cagliari
21:00
Wright   58' Relatório Público: 34 959
Árbitro:  SUI Kurt Röthlisberger
21 de junho Irlanda   1 – 1   Países Baixos Stadio La Favorita, Palermo
21:00
Quinn   71' Relatório Gullit   11' Público: 33 288
Árbitro:  FRA Michael Vautrot

Fase finalEditar

Oitavas de final Quartas de final Semifinais Final
                           
24 de junhoTurim            
   Brasil  0
30 de junhoFlorença
   Argentina  1  
   Argentina (pen)  0 (3)
26 de junhoVerona
     Iugoslávia  0 (2)  
   Espanha  1
3 de julhoNápoles
   Iugoslávia (pro)  2  
   Argentina (pen)  1 (4)
25 de junhoGênova
     Itália  1 (3)  
   Irlanda (pen)  0 (5)
30 de junhoRoma
   Romênia  0 (4)  
   Irlanda  0
25 de junhoRoma
     Itália  1  
   Itália  2
8 de julhoRoma
   Uruguai  0  
   Argentina  0
23 de junhoBari
     Alemanha Ocidental  1
   Tchecoslováquia  4
1 de julhoMilão
   Costa Rica  1  
   Tchecoslováquia  0
24 de junhoMilão
     Alemanha Ocidental  1  
   Alemanha Ocidental  2
4 de julhoTurim
   Países Baixos  1  
   Alemanha Ocidental (pen)  1 (4)
23 de junhoNápoles
     Inglaterra  1 (3)   Terceiro lugar
   Camarões (pro)  2
1 de julhoNápoles 7 de julhoBari
   Colômbia  1  
   Camarões  2    Itália  2
26 de junhoBolonha
     Inglaterra (pro)  3      Inglaterra  1
   Inglaterra (pro)  1
   Bélgica  0  

Oitavas-de-finalEditar

23 de junho de 1990
17:00
Camarões   2 – 1 (pro.)   Colômbia Stadio San Paolo, Nápoles

Árbitro: Lanese (Itália)
Público: 50,026


Milla   106',   109' Redín   115'

23 de junho de 1990
21:00
Tchecoslováquia   4 – 1   Costa Rica Stadio San Nicola, Bari

Árbitro: Kirschen (Alemanha Oriental)
Público: 47,673


Skuhravý   12',   63',   82'
Kubík   75'
González   54'

24 de junho de 1990
17:00
Brasil   0 – 1   Argentina Stadio Delle Alpi, Turim

Árbitro: Quiniou (França)
Público: 61,381


Caniggia   80'

24 de junho de 1990
21:00
Alemanha Ocidental   2 – 1   Países Baixos Stadio Giuseppe Meazza, Milão

Árbitro: Loustau (Argentina)
Público: 74,559


Klinsmann   51'
Brehme   85'
Koeman   89' (pen.)

25 de junho de 1990
17:00
Irlanda   0 – 0 (pro.)   Romênia Stadio Luigi Ferraris, Gênova

Árbitro: Wright (Brasil)
Público: 31,818


   
    Penalidades  
Sheedy  
Houghton  
Townsend  
Cascarino  
O'Leary  
5–4   Hagi
  Lupu
  Rotariu
  Lupescu
  Timofte
 

25 de junho de 1990
21:00
Itália   2 – 0   Uruguai Stadio Olimpico, Roma

Árbitro: Courtney (Inglaterra)
Público: 73,303


Schillaci   65'
Serena   83'
 

26 de junho de 1990
17:00
Espanha   1 – 2 (pro.)   Iugoslávia Stadio Marcantonio Bentegodi, Verona

Árbitro: Schmidhuber (Alemanha Ocidental)
Público: 35,500


Julio Salinas   83' Stojković   78',   92'

26 de junho de 1990
21:00
Inglaterra   1 – 0 (pro.)   Bélgica Stadio Renato Dall'Ara, Bolonha

Árbitro: Mikkelsen (Dinamarca)
Público: 34,520


Platt   119'  

Quartas-de-FinalEditar

30 de junho de 1990
17:00
Argentina   0 – 0 (pro.)   Iugoslávia Stadio Comunale, Florença

Árbitro: Röthlisberger (Suíça)
Público: 38,971


   
    Penalidades  
Serrizuela  
Burruchaga  
Maradona  
Troglio  
Dezotti  
3–2   Stojković
  Prosinečki
  Savićević
  Brnović
  Hadžibegić
 

30 de junho de 1990
21:00
Irlanda   0 – 1   Itália Stadio Olimpico, Roma

Árbitro: Silva Valente (Portugal)
Público: 73,303


Schillaci   38'

1 de julho de 1990
17:00
Tchecoslováquia   0 – 1   Alemanha Ocidental Stadio Giuseppe Meazza, Milão

Árbitro: Kohl (Áustria)
Público: 73,347


Matthäus   25' (pen.)

1 de julho de 1990
21:00
Camarões   2 – 3 (pro.)   Inglaterra Stadio San Paolo, Nápoles

Árbitro: Codesal (México)
Público: 55,205


Kundé   61' (pen.)
Ekéké   65'
Platt   25'
Lineker   83' (pen.),   105' (pen.)

SemifinaisEditar

3 de julho de 1990

20:00

  Argentina 1 – 1 (Prorrogação)
(4–3 Disputa por pênaltis)
  Itália Stadio San Paolo, Nápoles

Árbitro: Vautrot (França)
Público:59,978


Claudio Caniggia   67' Schillaci   17'
    Penalidades  
José Serrizuela:  
Jorge Burruchaga:  
Julio Olarticoechea:  
Diego Maradona:  
4–3   Franco Baresi:
  Roberto Baggio:
  Luigi de Agostini:
  Roberto Donadoni:
  Serena:
 
Curiosidades -
  • Durante este jogo, o árbitro francês Michel Vautrot distraiu-se. O tempo normal terminou empatado em 1 a 1, o que levou a decisão da vaga para a prorrogação. Na primeira etapa do tempo extra, Vautrot acrescentou oito minutos além do tempo regulamentar, deixando equipes e torcedores sem entender nada. Mais tarde, o árbitro admitiu ter esquecido de olhar o seu relógio.[6]
  • O time de casa se viu em maus lençóis: o adversário dos italianos tinha como líder um dos jogadores mais importantes da história do Nápoles, que naquela temporada ainda defendia a camisa da equipe napolitana: Diego Armando Maradona. O que se viu nas arquibancadas foi uma disputa das duas torcidas, tendo a festa "ítalo-argentina" a favor do país latino-americano invariavelmente mais intensa durante a partida, que fez diferença na disputa de pênaltis, que tem o fator emocional costumeiramente mais exigido: cobranças da Argentina convertidas e a vaga assegurada na decisão.

4 de julho de 1990

20:00

  Alemanha Ocidental 1 – 1 (Prorrogação)
(4–3 Disputa por pênaltis)
  Inglaterra Stadio Delle Alpi, Turim

Árbitro: Wright (Brasil)
Público: 62,628


Andreas Brehme   60' Gary Lineker   80'
    Penalidades  
Andreas Brehme:  
Lothar Matthäus:  
Karl-Heinz Riedle:  
Olaf Thon:  
4–3   Gary Lineker:
  Peter Beardsley:
  David Platt:
  Stuart Pearce:
  Chris Waddle:
 

Decisão do terceiro lugarEditar

7 de julho de 1990   Itália 2 – 1   Inglaterra Stadio San Nicola, Bari
20:00
Roberto Baggio   71'
Schillaci   86' (pen.)
Relatório David Platt   81' Público: 51 426
Árbitro:  FRA Quiniou

FinalEditar

 Ver artigo principal: Final da Copa do Mundo FIFA de 1990
8 de julho de 1990 Alemanha Ocidental   1 – 0   Argentina Stadio Olimpico, Roma
20:00
Andreas Brehme   85' (pen.) Relatório Público: 73 603
Árbitro:  MEX Codesal
     
 
 
Alemanha Ocidental
     
 
 
Argentina

Classificação finalEditar

FinalistasEditar

PremiaçõesEditar

Campeão da Copa do Mundo FIFA de 1990
 
Alemanha Ocidental
Terceiro Título

IndividuaisEditar

Chuteira de Ouro Bola de Ouro FIFA Premio Fair Play
  Salvatore Schillaci   Salvatore Schillaci   Inglaterra

All-star teamEditar

Goleiros/Guarda-Redes Defensores/Defesas Meias/Médios Atacantes/Avançados

  Sergio Goycochea

  Andreas Brehme

  Paolo Maldini

  Franco Baresi

  Diego Maradona

  Lothar Matthäus

  Paul Gascoigne

  Roberto Donadoni

  Salvatore Schillaci

  Roger Milla

  Jurgen Klinsmann

  Claudio Caniggia

ArtilhariaEditar

EstatísticasEditar

Abaixo as estatísticas da Copa do Mundo de 1990.

Referências

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Copa do Mundo FIFA de 1990