Abrir menu principal

Seleção Escocesa de Futebol

Escócia
Flag of Scotland.svg
Alcunhas?  Exército de Tartan
Associação Associação Escocesa de Futebol
Confederação UEFA (Europa)
Material desportivo?  Alemanha Adidas
Treinador Escócia Steve Clarke
Capitão Escócia Andrew Robertson
Mais participações Kenny Dalglish (102)
Melhor artilheiro Kenny Dalglish e Denis Law (30)
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

A Seleção Escocesa de Futebol representa a Escócia nas competições de futebol da FIFA.

HistóriaEditar

Em 30 de novembro de 1872 disputou com a Inglaterra o primeiro jogo amistoso entre seleções da história[1]. O jogo aconteceu no campo do West of Scotland Cricket Ground, em Partick, perto de Glasgow, e terminou empatado em 0 a 0. Ambas as seleções são, portanto, as mais antigas do mundo.

A Selecção já teve 8 presenças na Copa do Mundo sendo a primeira a 1954 e a última em 1998. Classificara-se para a de 1950, mas abriu mão da vaga: duas foram oferecidas às seleções britânicas, que as decidiriam pelo seu tradicional Home Championship, torneio anual entre elas existente desde 1884. Os escoceses avisaram de antemão que só iriam ao Brasil se vencessem o torneio, mas ficaram com o vice, que ainda assim lhes classificaria, mas eles mantiveram a palavra e apenas a campeã Inglaterra veio disputar a Copa. Curiosamente, a Escócia sempre foi eliminada na primeira fase em mundiais, embora tenha tido elencos respeitáveis nos anos 70 e anos 80. Na colocação geral, seu melhor resultado foi o 9º lugar obtido na 1974, quando tornou-se a primeira seleção eliminada na primeira fase que terminou invicta.

Disputa apenas torneios FIFA, não existindo para as competições olímpicas. Nelas, os escoceses competem juntamente com ingleses, galeses e norte-irlandeses pelo Reino Unido, Grã-Bretanha obteve (como Grã-Bretanha) as medalhas de ouro nos Jogos Olímpicos de 1900, nos Jogos Olímpicos de 1908 e nos Jogos Olímpicos de 1912, apesar de formada basicamente por amadores ingleses. Com a eleição de Londres como sede dos Jogos Olímpicos de 2012, surgiu a cogitação de que a Seleção Britânica voltasse para disputar a competição (não disputa as qualificações desde 1971). As federações de futebol da Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte recusaram ceder seus jogadores, e decidiu-se amigavelmente que a seleção do Reino Unido competirá apenas com ingleses.

Foi campeã mundial, oficiosa, desde 24 de Março de 2007, após ter ganho à Geórgia por 2-1, num jogo a contar para o grupo B da qualificação do Europeu de 2008, durante 4 dias até ao jogo, em Bari, Itália, contra a Itália.

Participou da Liga das Nações da UEFA em sua primeira edição no biênio de 2018-19 na divisão C tendo sido a vencedora da mesma.

UniformesEditar

Uniformes atuaisEditar

  • 1º - Camisa azul, calção branco e meias vermelhas;
  • 2º - Camisa amarela, calção azul e meias amarelas.
     
 
 
'
     
 
 
'
     
 
 
'

Uniformes dos goleirosEditar

     
 
 
'
     
 
 
'

Uniformes anterioresEditar

  • 2016
     
 
 
'
     
 
 
'
     
 
 
'
  • 2014
     
 
 
'
     
 
 
'
  • 2012
     
 
 
'
     
 
 
'
  • 2010
     
 
 
'
     
 
 
'
  • 2008
     
 
 
'
     
 
 
'
  • 2007
     
 
 
'
     
 
 
'
  • 2006
     
 
 
'
     
 
 
'

Referências

  1. Futebol 150 anos Folha de SP

TítulosEditar

CONTINENTAIS
Competição Títulos Temporadas
Liga das Nações da UEFA C 1 2018-19

Campanhas de destaqueEditar

Elenco atualEditar

Treinadores notáveisEditar

Maiores goleadoresEditar

Ver tambémEditar

Notas

Referências

  Este artigo sobre futebol escocês é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.