Abrir menu principal

Tamires Cássia Dias Gomes (Caeté, 10 de outubro de 1987)[1] é uma futebolista profissional brasileira que atua como lateral-esquerda. Ela atua como lateral-esquerda do Corinthians[2][3] e da Seleção Brasileira de Futebol Feminino.[4]

Tamires
Tamires
Tamires na semifinal olímpica, em agosto de 2016, no Maracanã
Informações pessoais
Nome completo Tamires Cássia Dias Gomes
Data de nasc. 10 de outubro de 1987 (32 anos)[1]
Local de nasc. Caeté (MG), Brasil
Altura 1,61 m
Informações profissionais
Clube atual Corinthians
Posição Lateral-esquerda
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2004-2005
2006-2007
2008
2008
2011
2013-2015
2015-2019
2019-
Juventus
Santos
Charlotte Eagles
Ferroviária
Atlético Mineiro
Centro Olímpico
Fortuna Hjørring
Corinthians
Seleção nacional
2013- Brasil 0035 0000(1)
Medalhas
Jogos Pan-Americanos
Ouro Toronto 2015 Equipe

A jogadora foi uma das 23 convocadas para a Copa do Mundo de Futebol Feminino de 2019 pelo técnico Vadão.[5] Ela foi integrante da Seleção Permanente[6] e se transferiu para o clube dinamarquês em 2015. Seu primeiro jogo pela Seleção foi em 2006 e, após o nascimento do filho Bernardo,[7] voltou a ser convocada em 2013.[6]

BiografiaEditar

InfânciaEditar

Tamires sempre gostou de jogar futebol,[8] esperando o pai policial voltar para casa ou aproveitando a companhia de tios e primos para jogar bola. Aos 11 anos, ela decidiu que queria ser atleta profissional após assistir a um jogo da seleção feminina na TV.[8]

Início da carreiraEditar

Aos 15 anos, ela se mudou para São Paulo para morar com uma tia e tentar seguir a carreira no futebol. A carreira de Tamires começou no futsal, com passagens por equipes de Guarulhos, como Tiger e Estrela.[8]

Em 2003, o Tiger levou as jogadoras para um teste de futebol de campo do Juventus, da Mooca, e Tamires foi uma das selecionadas.[8] Foi onde ela conheceu o marido, César, que também era jogador.[8]

ProfissionalEditar

Em 2006, Tamires deixou o Juventus e foi jogar no Santos.[8] Em seguida, ela defendeu o Charlotte Eagles, dos Estados Unidos,[8] e voltou ao Brasil em 2008 para jogar pela Ferroviária, de Araraquara (SP).[8]

Em 2009, Tamires descobriu que estava grávida aos 21 anos[8] e acreditou que teria que deixar o futebol. No entanto, com o apoio da família e do marido, conseguiu enfrentar a nova etapa da vida.[8] Tamires passou dois anos parada, cuidando do filho e acompanhando o marido, até receber um convite do Atlético-MG.[8] No entanto, a distância do filho e do marido, ela optou por voltar a deixar os gramados.[8]

Retorno à seleçãoEditar

Em 2013, Tamires voltou ao futebol para defender o São Bernardo e treinou no Centro Olímpico.[8] Foi nessa época que ela voltou à seleção, convocada para retornar ao time nacional no duelo contra a Nova Zelândia pela Valais Women's Cup.[9] Em 2014, ela conquistou a Copa América Feminina pela primeira vez com a camisa da seleção.[10]

Tamires foi ouro com a seleção brasileira nos Jogos Pan-Americanos de 2015 em Toronto, no Canadá.[6] Depois disso, a jogadora recebeu um convite para se transferir para o Fortuna Hjørring, da Dinamarca.[6] No mesmo ano, também no Canadá, Tamires disputou a Copa do Mundo de Futebol Feminino de 2015,[10] sua primeira participação em um Mundial.[5]

Em 2017, Tamires foi eleita a melhor jogadora do Fortuna Hjørring e a nona melhor da Escandinávia.[8]

Tamires também foi titular no elenco da Seleção Brasileira de Futebol Feminino, nas Olimpíadas de 2016[11] e na Copa América Feminina de 2018.[10] A brasileira conquistou o título da Copa América de Futebol Feminino em 2018 com a Seleção, participando de sete jogos.[10] Ela foi convocada pelo técnico Vadão em maio de 2019 para a disputa da Copa do Mundo Feminina de 2019.[12]

Títulos e destaquesEditar

Referências

  1. a b CBF - Ficha técnica: Tamires, lateral, consulta em 2019-06-05
  2. «Corinthians anuncia a contratação de Tamires, lateral da seleção». Terra. Consultado em 29 de junho de 2019 
  3. «Tamires :: Tamires Cássia Dias Gomes :: Corinthians». www.ogol.com.br (em bretão). Consultado em 29 de junho de 2019 
  4. «Seleção Feminina é convocada para a Copa do Mundo da França». Confederação Brasileira de Futebol. Consultado em 29 de junho de 2019 
  5. a b «Faltam 10 dias para Brasil estrear na Copa Feminina 2019. Conheça nossas atletas». Terra. Consultado em 1 de junho de 2019 
  6. a b c d «Ficha técnica: Tamires, lateral, Fortuna Hjorring». Confederação Brasileira de Futebol. Consultado em 1 de junho de 2019 
  7. «Tamires, lateral da Seleção, é a mãe do Bernardo». Confederação Brasileira de Futebol. Consultado em 1 de junho de 2019 
  8. a b c d e f g h i j k l m n «Titular da seleção concilia a vida materna com a de jogadora». Folha de S.Paulo. 20 de fevereiro de 2018. Consultado em 1 de junho de 2019 
  9. «Seleção Brasileira Feminina 2011-2013». www.rsssfbrasil.com. Consultado em 1 de junho de 2019 
  10. a b c d e f «Tamires :: Tamires Cássia Dias Gomes :: Fortuna Hjørring». www.ogol.com.br (em bretão). Consultado em 1 de junho de 2019 
  11. «Perfil na Soccerway». Consultado em 13 de fevereiro de 2016 
  12. «Vadão convoca Marta e veteranas para a Copa do Mundo feminina, na França - Esportes». Estadão. Consultado em 1 de junho de 2019 
  13. «Fortuna Hjørring slog Brøndby i kvindernes pokalfinale». jyllands-posten.dk. 18 de maio de 2019. Consultado em 1 de junho de 2019 

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Tamires Cássia Dias Gomes