Brigadas Revolucionárias

antiga organização arnmada portuguesa

As Brigadas Revolucionárias (BR)[1], organização portuguesa de extrema esquerda criada no início dos anos 70 por dissidentes do PCP, defendiam a luta armada como forma de derrubar o regime fascista e de conseguir a autonomia das colónias. Eram dirigidas por Isabel do Carmo e Carlos Antunes [2].

O primeiro alvo das BR foram as instalações da OTAN, em Setúbal, em 7 de Novembro de 1971. Após dois anos de propaganda política, as BR conseguiram criar pequenos grupos partidários dentro dos sindicatos, associações de trabalhadores e organizações católicas, que dariam origem ao Partido Revolucionário do Proletariado, em 1973. As suas ações bombistas terminaram em 25 de Abril de 1974 com a Revolução dos Cravos.

Ligações externasEditar

Referências