Lista de números dos pilotos de Fórmula 1

Desde o início da temporada de 2014, os pilotos têm que escolher um número inicial disponível antes de entrar no seu primeiro Grande Prêmio.[1] Os pilotos carregam esse número ao longo de sua carreira na Fórmula 1.

Um número permanente só pode ser realocado se o piloto associado a esse número não tiver participado de uma corrida por duas temporadas consecutivas completas,[2] por exemplo, números que foram usados ​​mais recentemente na temporada de 2016 podem ser realocados no início de 2019, desde que o piloto que usou o número em 2016 não retornasse à Fórmula 1 em 2017. Por exemplo, o número 22 de Jenson Button estaria disponível para realocação em 2019 após sua saída das corridas em tempo integral em 2016, Mas sua participação no Grande Prêmio de Mônaco de 2017, substituindo Fernando Alonso, que estava competindo as 500 Milhas de Indianápolis de 2017 naquele fim de semana, significou que seu número pode não ser reatribuído até 2020, no mínimo.

A FIA também emitiu números temporários para os pilotos que são exceções a esta regra, por exemplo, se um piloto se retira de uma corrida e um piloto reserva toma o seu lugar e recebe um número atribuído à equipe, este também é o caso de treino livre, apenas pilotos. Alguns exemplos desses números são 36 (usado por Antonio Giovinazzi em duas corridas), 40 (usado por Paul di Resta em uma corrida e por Liam Lawson em quatro corridas) , 45 (usado por André Lotterer e Nyck de Vries em uma corrida), 46 (usado por Will Stevens em uma corrida) , 47 (usado por Stoffel Vandoorne em uma corrida), 51 (usado por Pietro Fittipaldi em duas corrida) e o 89 (usado por Jack Aitken em uma corrida).

O piloto campeão mundial de Fórmula 1 pode escolher usar seu número permanente ou carro número 1 durante o ano seguinte ao seu título. O número 1 havia sido usado pela última vez por Sebastian Vettel em 2014. Porém, ele voltou a ser usado por Max Verstappen em 2022.[3]

O número 17 foi usado por Jules Bianchi em 2014, antes de seu acidente no Grande Prêmio do Japão. Após sua morte, o número foi retirado como uma ato de respeito.[4]

Números dos pilotos da Fórmula 1 editar

A lista a seguir mostra todos os números de pilotos da Fórmula 1 que foram declarados como números permanentes desde a temporada de 2014:

No. Piloto Equipe atual Usado pela
primeira vez
Usado pela
última vez
1 Reservado ao campeão[nota 1]   Red Bull Racing 2014 2024
2   Stoffel Vandoorne [nota 2] 2017 2018
  Logan Sargeant   Williams 2023 2024
3   Daniel Ricciardo   RB 2014 2024
4   Max Chilton 2014 2014
  Lando Norris   McLaren 2019 2024
5   Sebastian Vettel [nota 3] 2015 2022
6   Nico Rosberg 2014 2016
  Nicholas Latifi 2020 2022
7   Kimi Räikkönen 2014 2021
8   Romain Grosjean 2014 2020
9   Marcus Ericsson 2014 2018
  Nikita Mazepin [nota 4] 2021 2021
10   Kamui Kobayashi 2014 2014
  Pierre Gasly   Alpine 2017 2024
11   Sergio Pérez   Red Bull Racing 2014 2024
12   Felipe Nasr 2015 2016
13   Pastor Maldonado 2014 2015
14   Fernando Alonso   Aston Martin 2014 2024
16   Charles Leclerc   Ferrari 2018 2024
17   Jules Bianchi [nota 5] 2014 2014
18   Lance Stroll   Aston Martin 2017 2024
19   Felipe Massa 2014 2017
20   Kevin Magnussen   Haas 2014 2024
21   Esteban Gutiérrez 2014 2016
  Nyck de Vries 2023 2023
22   Jenson Button 2014 2017
  Yuki Tsunoda   RB 2021 2023
23   Alexander Albon   Williams 2019 2024
24   Guanyu Zhou   Kick Sauber 2022 2024
25   Jean-Éric Vergne 2014 2014
26   Daniil Kvyat 2014 2020
27   Nico Hülkenberg   Haas 2014 2024
28   Will Stevens [nota 6] 2015 2015
  Brendon Hartley[nota 7] 2017 2018
30   Jolyon Palmer 2016 2017
31   Esteban Ocon   Alpine 2016 2024
33   Max Verstappen   Red Bull Racing 2015 2021
35   Sergey Sirotkin 2018 2018
44   Lewis Hamilton   Mercedes 2014 2024
47   Mick Schumacher 2021 2022
53   Alexander Rossi [nota 8] 2015 2015
55   Carlos Sainz Jr.   Ferrari 2015 2024
63   George Russell   Mercedes 2019 2024
77   Valtteri Bottas   Kick Sauber 2014 2024
81   Oscar Piastri   McLaren 2023 2024
88   Rio Haryanto 2016 2016
  Robert Kubica 2019 2021
94   Pascal Wehrlein 2016 2017
98   Roberto Merhi 2015 2015
99   Adrian Sutil 2014 2014
  Antonio Giovinazzi [nota 9] 2019 2021
Fontes:[6][7][8]

Notas e referências

Notas

  1. Max Verstappen exercerá seu direito de usar o número 1 como o campeão mundial em 2022
  2. Vandoorne usou o número 47 enquanto substituía outro piloto.
  3. Vettel usou o número 1 quando ele era o então atual campeão mundial em 2014.
  4. Nikita Mazepin é um piloto com nacionalidade e licença russa, mas competiu sob bandeira neutra depois que o Tribunal Arbitral do Esporte estendeu a proibição da Agência Mundial Antidoping para atletas que competiam sob a bandeira russa, devido aos escândalos de doping envolvendo atletas russos. O tribunal também decidiu que a proibição se aplicava a todos os Campeonatos Mundiais sancionados pela Federação Internacional de Automobilismo.[5]
  5. O número 17 foi retirado pela FIA após a morte de Bianchi em 2015.
  6. Stevens usou o número 46 enquanto substituía outro piloto.
  7. Hartley usou o número 39 enquanto substituía outro piloto.
  8. Rossi usou o número 42 ao substituir outros pilotos.
  9. Giovinazzi usou o número 36 enquanto substituía outro piloto.

Referências

  1. Sam Tremayne. «Formula 1 drivers to get permanent numbers from 2014». Autosport.com. Consultado em 21 de junho de 2018 
  2. https://www.fia.com/file/61679/download/20079?token=EmWuXJe1
  3. «Verstappen will use #1 for 2022 F1 title defence». www.motorsport.com (em inglês). Consultado em 14 de dezembro de 2021 
  4. Parkes, Ian (20 de julho de 2015). «The FIA will retire Jules Bianchi's number 17 from Formula 1». Autosport. Consultado em 21 de junho de 2018 
  5. «Russian F1 racer Nikita Mazepin to race under neutral flag». Motorsport (em inglês). Consultado em 6 de fevereiro de 2021 
  6. «F1 2014: The reasons behind the numbers». GP Update. GP Update. 8 de fevereiro de 2014. Consultado em 21 de junho de 2018 
  7. Tremayne, Sam (9 de dezembro de 2013). «Formula 1 drivers to get permanent numbers from 2014». Motorsport. Motorsport.com. Consultado em 21 de junho de 2018 
  8. «2015 F1 driver numbers». Crash.net. Crash.net. 12 de janeiro de 2015. Consultado em 21 de junho de 2018