Gabriela (2012)

telenovela brasileira produzida e exibida pela Rede Globo
Gabriela
Informação geral
Formato Telenovela
Gênero romance
Duração 55 minutos
Criador(es) Walcyr Carrasco
Baseado em Gabriela, Cravo e Canela, de Jorge Amado
País de origem Brasil
Idioma original português
Produção
Diretor(es) Mauro Mendonça Filho
Roberto Talma
Elenco
Tema de abertura "Modinha para Gabriela", Gal Costa[2]
Tema de encerramento "Modinha para Gabriela", Gal Costa, entre outras.
Exibição
Emissora original Rede Globo
Formato de exibição 1080i (HDTV)
Transmissão original 18 de junho – 26 de outubro de 2012
Episódios 77
Cronologia
Programas relacionados Gabriela (1975)

Gabriela é uma telenovela brasileira produzida pela Rede Globo e exibida de 18 de junho a 26 de outubro de 2012, em 77 capítulos.[3][4] Foi a segunda telenovela das onze exibida pela emissora. Escrita por Walcyr Carrasco, com a colaboração de André Ryoki e Daniel Berlinsky, livremente inspirada no romance homônimo de Jorge Amado. Contou com a direção de André Felipe Binder, Marcelo Travesso, Noa Bressane e André Barros, direção geral de Mauro Mendonça Filho e direção de núcleo de Roberto Talma,[5] sendo a segunda "novela das onze" a ser exibida pela emissora.

Conta com as participações de Juliana Paes, Humberto Martins, Mateus Solano, Vanessa Giácomo, José Wilker, Ivete Sangalo, Antônio Fagundes e Maitê Proença.[1]

ProduçãoEditar

Após o sucesso de O Astro, a Globo decidiu continuar apostando no horário das 23 horas, com releituras de tramas antigas.[6] Para comemorar o centenário de Jorge Amado, a emissora pretendia fazer um remake de Dona Flor e seus dois maridos.[7] Porém a emissora não conseguiu os direitos necessários para realizar a obra. Em contrapartida, conseguiu os direitos de Gabriela, cravo e canela. Walcyr Carrasco, que mal havia terminado de escrever Morde & Assopra ficou encarregado da adaptação. O autor viajou para Ilhéus em busca de locações para a novela.[8]

Escolha do elencoEditar

Camila Pitanga foi o primeiro nome pensado para viver a protagonista, porém foi descartada por ser considerada "muito velha" para o papel, uma vez que a atriz já tinha 35 anos, enquanto a personagem tinha em torno de 20 e poucos.[9] Juliana Paes inicialmente também foi descartada pelo mesmo motivo.[9] Mariana Rios fez testes para a personagem, porém foi considerada inexperiente ainda para uma protagonista.[10] Juliana Paes ficou com a personagem, apesar da discordância da produção, devido a um pedido pessoal de Walcyr Carrasco.[11] Regina Duarte recusou interpretar Maria Machadão alegando compromissos no teatro e o papel passou para Elizabeth Savalla.[12] Elizabeth, no entanto, foi dispensada por Roberto Talma, que não achou que ela se adequava ao perfil, o que gerou um atrito entre o diretor e o autor, que trabalhava com a atriz ininterruptamente desde 2001.[13] Lucélia Santos também recusou o convite para a personagem e a direção chegou então aos nomes de Susana Vieira e Betty Faria.[14]

Nenhuma das duas, todavia, ficou com o papel, que foi parar nas mãos de Ivete Sangalo, que havia sido convidada por Mauro Mendonça Filho para fazer apenas uma participação.[15] Walcyr gostou do teste de Ivete e decidiu convida-la para o papel de destaque.[16] Alessandra Negrini, Flávia Alessandra e Cláudia Raia recusaram o papel de Zarolha e Leona Cavalli ficou com ela.[17][18] O personagem Mundinho Falcão seria vivido pelo ator Max Fercondini, porém ele foi substituído por Mateus Solano sem maiores explicações.[19]

GravaçõesEditar

As gravações da trama começaram em março de 2012. As primeiras cenas foram gravadas nas cidades de São Raimundo Nonato e Caracol, no estado do Piauí.[20] Depois foram gravadas cenas na cidade de Canavieiras, na Bahia.[21] Antes de começar a gravar as cenas, a atriz Juliana Paes passava por um processo de maquiagem, que durava algumas horas. A maquiagem que dava cor de canela à pele foi escolhida pela própria atriz e foi trazida dos Estados Unidos. Além disso, a atriz foi aconselhada a passar um tempo sem cuidar do cabelo e deixar as pontas duplas, pois isso ajudava a dar mais realidade à caracterização da personagem[22].

EnredoEditar

Ilhéus, 1925. Gabriela (Juliana Paes) é uma moça alegre, ingênua e muito bonita, que foge da seca do sertão nordestino com um grupo de retirantes rumo à capital cacaueira, onde é encontrada suja e desmazelada num mercado de pessoas pelo árabe Nacib (Humberto Martins), que a emprega em seu bar como cozinheira, local onde também trabalham Chico Moleza (Renan Ribeiro) e Bico-Fino (Vanderson Caires). Inocente e ao mesmo tempo sensual, Gabriela conquista aos poucos o coração de Nacib e os dois acabam vivendo um caloroso romance. A princípio sem sérias intenções, o árabe acaba desenvolvendo um forte sentimento pela bela morena, que além de se mostrar talentosa na cozinha e nos serviços domésticos, acaba encantando os homens de Ilhéus com sua presença no Bar Vesúvio, cuja freguesia vai dos mais simples homens do povo até os mais ricos e influentes figurões da cidade. Ofertas de luxos e riquezas são feitas à humilde Gabriela, que sempre se contenta com a liberdade que vem vivendo com Nacib. No entanto, este acaba decidindo se casar com a cozinheira, e tenta transformá-la numa verdadeira dama da sociedade, o que será quase impossível para Gabriela, que não vê razão nos recatados costumes civis de Ilhéus. Além disso, para atrapalhar o romance dos dois, ainda existe Zarolha (Leona Cavalli), antigo caso amoroso de Nacib, de quando o árabe frequentava o Bataclã, famoso cabaré da cidade.

O Bataclã, administrado pela elegante cafetina Maria Machadão (Ivete Sangalo), acolhe os homens da cidade num ambiente festivo e erótico, apresentando atrações como shows de música e dança e jogos de azar. Um de seus mais assíduos frequentadores é o mulherengo Tonico Bastos (Marcelo Serrado), o tabelião de notas da cidade, casado com a ciumenta Olga (Fabiana Karla), que não sabe que o marido vive se envolvendo com raparigas e moças solteiras pela cidade, como a vigarista Anabela (Bruna Linzmeyer). Tonico é um dos melhores amigos de Nacib, e acaba também se interessando por Gabriela.

A trama retrata também os conflitos entre o Coronel Ramiro Bastos (Antônio Fagundes), poderoso líder político de Ilhéus e patriarca da tradicional família Bastos, e Mundinho Falcão (Mateus Solano), exportador de cacau vindo do Rio de Janeiro com planos para modernizar a cidade de Ilhéus e disputar os votos dos ilheenses com o autoritário coronel para prefeito. Tudo se complica ainda quando Mundinho se apaixona por Gerusa (Luiza Valdetaro), neta de Ramiro.

Dentre as tramas paralelas da novela, há a história da jovem Malvina Tavares (Vanessa Giácomo), moça à frente de seu tempo, que não suporta a ideia de se casar para ser submissa a um marido grosseiro. Desiludida de sua paixão frustrada com o professor Josué (Anderson Di Rizzi), Malvina se envolve com um homem casado, o engenheiro Rômulo Vieira (Henri Castelli). O namoro é malfalado na cidade e reprovado pelo violento Coronel Melk Tavares (Chico Diaz), pai de Malvina.

A tragédia de Dona Sinhazinha (Maitê Proença), respeitada dama da sociedade ilheense, e esposa do bronco e sombrio Coronel Jesuíno Mendonça (José Wilker). Sinhazinha se envolve num fervoroso caso extraconjugal com o dentista Osmundo Pimentel (Érik Marmo), e é brutalmente assassinada pelo marido ao flagrá-la na cama com o amante. Esperando sair impune do crime em nome da honra matrimonial, o Coronel Jesuíno acaba sendo processado pela família de Osmundo.

O drama da jovem Lindinalva (Giovanna Lancelotti), órfã e noiva do bruto Berto Leal (Rodrigo Andrade), que a expulsa de casa por desobediência. Lindinalva acaba se prostituindo no Bataclã sob o apelido Linda e sofre com a frieza e maledicência da sociedade ilheense. Mas vai encontrar o amor verdadeiro no sensato Juvenal Leal (Marco Pigossi), até então noivo arranjado de Gerusa, que vai lutar para ficar com Linda, batendo de frente com seu irmão, Berto.

ElencoEditar

 Ver artigo principal: Elenco de Gabriela (2012)

Recepção da críticaEditar

Mauricio Stycer, crítico especializado em televisão, declarou: " (…) o primeiro capítulo (…) não foi inspirador. (…) 'Gabriela' chamou a atenção do público com seus efeitos de luz, mas não exibiu nenhum momento memorável, realmente de impacto. Ao contrário, em diferentes momentos pareceu uma novela velha, apenas com roupa nova, providenciada pela tecnologia."[23]

Patrícia Kogut elogiou a atuação de Juliana Paes: "sua entrada em cena (…) foi triunfal. A atriz tem carisma e o physique du rôle." Ela ainda elogiou outros atores: "Chico Diaz, grande ator numa rápida aparição, garantiu bons momentos. Como ele, Leona Cavalli, e, surpresa das surpresas, Ivete Sangalo. Claro, a baiana até cantou, mas não fez feio atuando como Maria Machadão. Tem voz e presença. Gero Camilo apareceu rapidamente, e promete."[24]

AudiênciaEditar

Horário # Eps. Estreia Final Posição Temporada Classificação geral
Data Primeiro
capítulo
Data Último
capítulo
Terça—Sexta
23:00
77
18 de junho de 2012
30[25]
26 de outubro de 2012
30[26] #1 2012 19[27]

Gabriela conseguiu em seu primeiro capítulo 30 pontos, cada ponto equivale a 60 mil domicílios na Grande São Paulo.[25] Sua antecessora, O Astro conquistou 28 pontos de média no primeiro capítulo. No entanto, o seu segundo capítulo, exibido mais tarde na faixa das 23h, teve uma queda de 9 pontos, fechando com uma média de 21 pontos.[28] Em seu último capítulo, registrou 30 pontos de média, com pico de 32 e 64% de share. O Astro, havia alcançado 26 pontos em seu último capítulo.[26]

ExibiçãoEditar

Em razão do apagão que afetou os nove estados do Nordeste do Brasil em 25 de outubro de 2012, a Rede Globo reapresentou o penúltimo capítulo somente para a região em 26 de outubro, onde era para ser transmitido o último. Excepcionalmente no mesmo dia, não foi exibido o Globo Repórter.[29]

E o último capítulo foi exibido no dia seguinte em 27 de outubro, um sábado, para os outros estados nos quais não houve debate eleitoral.[30][31]

Exibição internacionalEditar

Exibição pelo mundo
País Canal Título local Estreia Final Horário semanal Hora
  Rede Globo Gabriela 18 de junho de 2012 26 de outubro de 2012 Terça a Sexta9 23:0010
  SIC Gabriela 10 de setembro de 2012 20 de janeiro de 2013 Segunda a Sexta 22:30
  WAPA-TV Gabriela 5 de agosto de 2013 22 de outubro de 2013 Segunda a Sexta 14:00
  Ecuavisa Gabriela 5 de agosto de 2013 1 de novembro de 2013 Segunda a Sexta 22:45
  Televen Gabriela 24 de setembro de 2013 4 de fevereiro de 2014 Segunda a Sábado 23:001
  Antena Latina Gabriela 7 de outubro de 2013 10 de janeiro de 2014 Segunda a Sexta 22:00
  Unitel Gabriela 14 de outubro de 2013 11 de dezembro de 2014 Segunda a Sexta 23:00
  Teledoce Gabriela 11 de novembro de 2013 28 de julho de 2014 Segunda 00:002
  ATV Gabriela 6 de janeiro de 2014 20 de março de 2014 Segunda a Sexta 22:00
  SNT Gabriela 23 de janeiro de 2014 9 de abril de 2014 Segunda a Sexta 22:00
  CityTv Gabriela 3 de março de 2014 16 de maio de 2014 Segunda a Sexta 22:10
  Televicentro Gabriela 28 de abril de 2014 11 de julho de 2014 Segunda a Sexta 21:00
  Teletica Gabriela 6 de janeiro de 2015 10 de abril de 2015 Terça a Sexta 00:00
  Mediaset Extra Gabriela 30 de março de 2015 12 de junho de 2015 Segunda a Sexta 12:45
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 17:003
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 17:003
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 17:003
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 17:003
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 18:003
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 18:004
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 18:004
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 18:004
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 18:305
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 19:006
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 19:007
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 20:008
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 20:008
  Pasiones Gabriela 11 de agosto de 2015 27 de outubro de 2015 Segunda a Sexta 20:008
  Pasiones Gabriela 22 de agosto de 2016 4 de novembro de 2016 Segunda a Sexta 22:00
  Pasiones Gabriela 22 de agosto de 2016 4 de novembro de 2016 Segunda a Sexta 22:00
  Globo Portugal Gabriela 15 de maio de 2017 presente Segunda a Sexta 23:00
  SIC Gabriela 8 de outubro de 2018 11 de janeiro de 2019 Segunda a Sexta 18:15 ou 18:45
  Divinity Gabriela
Brevemente

↑1 Exibida em capítulos de 30 minutos.

↑2 Foi exibida alguns dias às 23:00 e outros às 23:30, os Domingos.

↑3 Transferida para as 17:30 a partir do dia 26 de outubro de 2015 e exibida em capítulos de 30 minutos.

↑4 Transferida para as 18:30 a partir do dia 26 de outubro de 2015 e exibida em capítulos de 30 minutos.

↑5 Transferida para as 19:00 a partir do dia 26 de outubro de 2015 e exibida em capítulos de 30 minutos.

↑6 Transferida para as 19:30 a partir do dia 26 de outubro de 2015 e exibida em capítulos de 30 minutos.

↑7 Transferida para as 20:00 a partir do dia 5 de outubro de 2015. Transferida para as 20:30 a partir do dia 26 de outubro de 2015 e exibida em capítulos de 30 minutos.

↑8 Transferida para as 20:30 a partir do dia 26 de outubro de 2015 e exibida em capítulos de 30 minutos.

↑9 O primeiro capítulo foi exibido em uma Segunda.

↑10 O primeiro capítulo foi exibido às 22:15.

Trilha SonoraEditar

A trilha sonora da novela conta com regravações da versão original, novas canções e ainda com poemas musicados de Jorge Amado, o autor do romance que inspira a trama[32][33] e também conta com uma trilha sonora adicional com as músicas cantadas por Maria Machadão (Ivete Sangalo), no cabaré Bataclan.[34]

NacionalEditar

  1. "Alegre Menina" - Djavan [32][35]
  2. "Caravana" - Geraldo Azevedo [36]
  3. "Coração Ateu" - Maria Bethânia [37]
  4. "Filho da Bahia" - Fafá de Belém [37]
  5. "Guitarra Bahiana" - Moraes Moreira [37]
  6. "Modinha Para Gabriela" - Gal Costa [38]
  7. "Porto" - MPB4 [37]
  8. "São Jorge dos Ilhéus" - Alceu Valença [37]
  9. "Me Leva Embora" - Ivete Sangalo [32]
  10. "Lindinalva" - Babado Novo [32]
  11. "Aura de Glória" - João Bosco [32][37]
  12. "Depois Cura" - Mart'nália [37]
  13. "Lamento Sertanejo" - Elba Ramalho e Dominguinhos [39]
  14. "Você não me ensinou a te esquecer" - Caetano Veloso e Fernando Mendes [37]
  15. "Flor da Noite" - Celso Fonseca, Ronaldo Bastos e Nana Caymmi [37]
  16. "Tema de Amor de Gabriela" - Tom Jobim e Banda Nova [37]
  17. "A Morena" - Luiza Casé e Mu Chebabi [37]
  18. "Retirada" - Elomar [37]

Prêmios e indicaçõesEditar

Ano Prêmio Categoria Indicação Resultado Ref
2012 Prêmio Extra de Televisão Melhor Novela Walcyr Carrasco Indicado [40]
Melhor Ator Antônio Fagundes Indicado [40]
Melhor Ator Coadjuvante José Wilker Indicado [40]
Melhor Figurino Gabriela Indicado [40]
Melhor Maquiagem Gabriela Indicado [40]
Prêmio Quem de Televisão Melhor Ator Antônio Fagundes Indicado [41]
Humberto Martins Indicado [41]
Marcelo Serrado Indicado [41]
Melhor Atriz Juliana Paes Indicado [41]
Melhor Ator Coadjuvante Marco Pigossi Indicado [41]
Rodrigo Andrade Indicado [41]
Melhor Atriz Coadjuvante Giovanna Lancellotti Venceu [41]
Laura Cardoso Indicado [41]
Leona Cavalli Indicado [41]
Luiza Valdetaro Indicado [41]
Melhor Autor Walcyr Carrasco Indicado [41]
2013
Prêmio Contigo! de TV
Melhor Ator Coadjuvante Rodrigo Andrade Indicado
Melhor Atriz Coadjuvante Giovanna Lancellotti Indicado
Laura Cardoso Indicado
Revelação da TV Ivete Sangalo Venceu

Referências

  1. a b «Gabriela – Atores ordenados por personagem». GShow. Consultado em 24 de outubro de 2015. Cópia arquivada em 21 de julho de 2015 
  2. Redação Rede Globo (22 de maio de 2012). «Tema de Gabriela eternizado na voz de Gal Costa está na nova versão da trama». Globo.com. Consultado em 27 de outubro de 2012 
  3. Memória Globo. «Gabriela - 2ª versão - Ficha Técnica». Consultado em 26 de outubro de 2012 
  4. a b Nilson Xavier. «Gabriela (2012) - Teledramaturgia». Teledramaturgia. Consultado em 17 de março de 2014 
  5. «Gabriela - Créditos». Globo.com. Rede Globo. Consultado em 26 de fevereiro de 2014 
  6. Keila Jimenez (11 de setembro de 2011). «Sucesso de "O Astro" faz Globo pensar em faixa de novela às 23h». F5. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  7. «Globo quer remake de 'Dona Flor e seus dois maridos' em 2012». Jornal do Brasil. 22 de agosto de 2011. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  8. «Walcyr Carrasco viaja para Ilhéus para preparar Gabriela». R7. 4 de novembro de 2011. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  9. a b «Jornal: Juliana Paes e Camila Pitanga estariam 'velhas' para viver Gabriela». Ego. 28 de outubro de 2011. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  10. «Mariana Rios pode ser a nova Gabriela em remake, diz jornal». Folha Vitória. 5 de outubro de 2011. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  11. Patrícia Kogut (23 de novembro de 2011). «Juliana Paes será Gabriela no remake da novela». O Globo. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  12. «Regina Duarte ainda não aceitou o papel no remake "Gabriela"». UOL. 18 de novembro de 2011. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  13. «Jornal: Elizabeth Savalla é cortada do elenco de 'Gabriela'». Terra. 14 de fevereiro de 2012. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  14. «Susana Vieira e Betty Faria estão na disputa para papel em "Gabriela"». Quem. 14 de fevereiro de 2012. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  15. «Ivete Sangalo pode participar do remake de Gabriela». R7. 25 de fevereiro de 2012. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  16. «Walcyr Carrasco confirma a musa Ivete Sangalo no remake de Gabriela». G1. 16 de março de 2012. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  17. «Jornal: Claudia Raia substitui Flávia Alessandra em 'Gabriela'». Ego. 10 de fevereiro de 2012. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  18. «Gabriela e Guerra dos Sexos dão trabalho à Globo». R7. 7 de maio de 2012. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  19. «Jornal: diretor dispensa Max Fercondini de 'Gabriela'». Terra. 28 de fevereiro de 2012. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  20. «Durante gravações de Gabriela, Juliana Paes comemora seus 33 anos no Piauí». R7. 28 de março de 2012. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  21. «Gravações de Gabriela em Canavieiras». O Tempo Jornalismo. 9 de abril de 2012. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  22. «Pó de maquiagem é usado para deixar Juliana Paes com a pele suja em 'Gabriela'». Caras. 4 de junho de 2012. Consultado em 20 de janeiro de 2018 
  23. Mauricio Stycer (19 de junho de 2012). «"Gabriela" não deixa claro por que voltou». Portal UOL. Consultado em 27 de outubro de 2012 
  24. Patrícia Kogut (27 de outubro de 2012). «CRÍTICA: 'Gabriela' faz uma estreia morna». O Globo. Consultado em 27 de outubro de 2012 
  25. a b de Redação (19 de junho de 2012). «"Gabriela" estreia em alta na Globo; Ibope é superior ao de "O Astro"». Universo Online. Na Telinha. Consultado em 27 de outubro de 2012. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  26. a b Esther Rocha (26 de outubro de 2012). «Último capítulo de Gabriela supera O Astro em audiência com média de 29 pontos». Terra Networks. Ofuxico. Consultado em 28 de outubro de 2012 
  27. http://otvfoco.com.br/exibida-as-23h-verdades-secretas-ja-tem-media-geral-igual-a-de-gabriela/
  28. «"Gabriela" perde audiência com exibição na faixa das 23h da Globo». Universo Online. Na Telinha. 20 de junho de 2012. Consultado em 27 de outubro de 2012 
  29. «Rede Globo reapresenta Gabriela nos estados atingidos pelo apagão». Rede Globo. Consultado em 26 de outubro de 2012 
  30. «Por conta de apagão, Globo reprisará penúltimo capítulo de 'Gabriela' nesta sexta». Tribuna Hoje. Consultado em 26 de outubro de 2012. Arquivado do original em 16 de abril de 2014 
  31. Tatiane Accioly. «"Gabriela" terá reprise de penúltimo capítulo por causa do apagão». Blog da Folha. Consultado em 26 de outubro de 2012 
  32. a b c d e «Trilha sonora de Gabriela terá poemas musicados de Jorge Amado». Terra Networks. Ofuxico.terra.com.br 
  33. «Ivete grava poema de Jorge Amado para trilha de Gabriela». Época 
  34. «Ivete vai gravar CD com músicas da trilha do cabaré da novela Gabriela». Saraivaconteudo.com.br 
  35. «'Ajudou a projetar meu nome', revela Djavan sobre música na trilha de Gabriela». Globo.com. gshow.globo.com 
  36. «De Geraldo Azevedo e Alceu Valença, 'Caravana' está de volta em Gabriela». Globo.com. gshow.globo.com 
  37. a b c d e f g h i j k l «Ouça as canções da trilha sonora de 'Gabriela' na rádio online». Globo.com. gshow.globo.com 
  38. «Tema de Gabriela eternizado na voz de Gal Costa está na nova versão da trama». Globo.com. gshow.globo.com 
  39. «Elba Ramalho festeja canção em Gabriela». Globo.com. gshow.globo.com 
  40. a b c d e «Prêmio Extra de TV 2012». Globo.com. Extra.globo.com. 2 de novembro de 2012 
  41. a b c d e f g h i j k «Veja a lista completa dos ganhadores do Prêmio QUEM 2012». 19 de março de 2013 

Ligações externasEditar