Abrir menu principal

A1 (autoestrada)

autoestrada de Portugal
Disambig grey.svg Nota: Se procura outro significado de A1, veja A1.

A1-PT.svg

A1 - Autoestradas de Portugal
Nome: Autoestrada do Norte
Traçado actual: Lisboa - Porto
Traçado previsto: Lisboa - Porto
Tráfego médio diário: 36 958[1] Ano: 2017 (Dez.)
A1
303
Cruza com: Concessionário: Regime:
 A 8 ,  A 9 ,  A 10 ,  A 13-1 ,  A 14 ,  A 15 ,
 A 20 ,  A 23 ,  A 25 ,
 A 28 ,  A 29 ,  A 30 ,  A 34 ,  A 35 *,  A 36 ,  A 41 ,  A 44 ,  IP 3 ,
 IC 2 ,  IC 8 , N 1, N 3, N 10, N 109, N 113,
N 114, N 116, N 223, N 224, N 234, N 235, N 243, N 341, N 356, N 360, N 366
Brisa Portagens (274 km)
Gratuito (29 km)
Mapa da autoestrada A1.

A A 1  - Autoestrada do Norte - é a maior e mais importante autoestrada de Portugal. Liga as duas maiores cidades do país, Lisboa e Porto, atravessando também algumas capitais de distrito e zonas industriais. Sendo a principal via de ligação entre as duas mais importantes cidades, foi desenhada com um percurso paralelo a outras vias de ligação mais antigas, como a EN1 e a Linha do Norte (ferroviária).

Com uma extensão de 303 km, esta autoestrada inicia-se em Lisboa, na confluência com a CRIL e a Ponte Vasco da Gama. A partir daí desenvolve-se, durante algumas dezenas de quilómetros, numa malha urbana quase contínua, que engloba, entre outras localidades, Alverca, Vila Franca de Xira e o Carregado. A partir do Carregado a  A 1  entra numa zona de cariz essencialmente rural, ainda que se desenvolva próximo de sedes de concelho como o Cartaxo e passe mesmo ao lado de Santarém, por poente. Já junto a Torres Novas entronca com a  A 23 , que liga a Castelo Branco e à fronteira espanhola em Vilar Formoso, tratando-se por isso de uma ligação importante e de divergência de tráfego. Esta interligação coincide com o final do perfil transversal tipo de 2x3 vias existente desde Lisboa, e com o início de uma inclinada subida em plenas Serras de Aire e Candeeiros. É neste troço da A 1 , entre Torres Novas e Fátima, que se podem observar as mais belas paisagens existentes nesta autoestrada. Daí até Coimbra, a A 1  passa junto a Leiria e a Pombal. Aí, o traçado volta a alargar devido às recentes obras entre Condeixa e o nó sul da cidade; aí também entronca com a A 13-1  que faz a ligação à A 13 . No final desse troço, entronca com a  A 14  e com o  IP 3 , que ligam, respetivamente, às praias da Figueira da Foz e a Viseu e ao interior norte. Até Aveiro, onde junto a Albergaria-a-Velha intercepta a  A 25  (que leva a Vilar Formoso e constitui o principal acesso do centro e de parte do norte do país ao resto da Europa), a  A 1  desenvolve-se na região da Bairrada. A partir de Estarreja, o traçado volta a alargar e a paisagem volta a alterar: entra-se numa zona novamente mais urbana, traços que se vão acentuando cada vez mais até ao fim da autoestrada, no final do tabuleiro da Ponte da Arrábida, já dentro da cidade do Porto.

É concessionada pela Brisa e é portajada (excepto nos troços junto a Lisboa e ao Porto). Um trajeto entre Lisboa e o Porto para um veículo Classe 1 custa €21,60.

Faz integralmente parte da Estrada Europeia  E 01  e parcialmente da Estrada Europeia  E 80  e é identificada no Plano Rodoviário Nacional 2000 como parte integrante do  IP 1  até ao nó dos Carvalhos, em Pedroso, a partir daí integra os últimos quilómetros do  IC 2 , juntando-se-lhe o  IC 1 , a partir do nó com a  A 29 .

Traçado da A 1 no Google Maps

Índice

HistóriaEditar

O primeiro troço desta auto-estrada remonta a 1961, altura em que foi aberta a ligação LisboaVila Franca da então nova N 1. Dois anos depois, em 1963, foi a vez de ficar completa a atual extremidade norte da autoestrada, o troço contínuo entre o Porto e Pedroso (Carvalhos). Assim sendo, e durante anos a fio, a ligação em auto-estrada entre Lisboa e Porto resumiu-se a dois pequenos troços junto às duas cidades. Em 1977, acrescentou-se o troço entre Vila Franca e o Carregado e, em 1980, a ligação Carregado – Aveiras de Cima. O ritmo de construção acelera em 1982, com a abertura ao tráfego do troço CondeixaMealhada (que retirou o trânsito do centro de Coimbra, por onde passava a N 1), e 1983, com a abertura do troço Albergaria-a-VelhaSanta Maria da Feira. Outros troços importantes foram construídos em 1987 e 1990, até que em 1991 a  A 1  ficou enfim concluída, com a abertura do último troço, de 85 km, entre Torres Novas e Condeixa.

Troço Situação km
Lisboa - Vila Franca de Xira Em serviço (1961)
25,0
Vila Franca de Xira - Carregado Em serviço (1977)
6,1
Carregado - Aveiras de Cima Em serviço (1980)
15,5
Aveiras - Torres Novas Em serviço (1990)
47,6
Torres Novas - Condeixa Em serviço (1991)
87,4
Condeixa - Mealhada Em serviço (1982)
27,6
Mealhada - Albergaria-a-Velha Em serviço (1987)
38,5
Albergaria-a-Velha - Santa Maria da Feira Em serviço (1983)
27,2
Santa Maria da Feira - Pedroso (Carvalhos) Em serviço (1980)
17,1
Pedroso (Carvalhos) - Gaia (Coimbrões) Em serviço (1963)
6,8
Gaia (Coimbrões) - Gaia (Afurada) Em serviço (1960)
3,6
Ponte da Arrábida Em serviço (1963)
0,6

CapacidadeEditar

 
Viaduto sobre o Rio Trancão, em Sacavém.

Trânsito [2]Editar

Troço Tráfego Médio Diário Mensal - março de 2014
Sacavém - São João da Talha 86.843
São João da Talha - Santa Iria da Azóia 79.901
Santa Iria da Azóia - Alverca (A9) 74.831
Alverca - Vila Franca de Xira Sul 55.853
Vila Franca de Xira Sul - Vila Franca de Xira Norte 56.830
Vila Franca de Xira Norte - Castanheira do Ribatejo 44.894
Castanheira do Ribatejo - A10 44.585
A10 - Carregado 50.028
Carregado - Aveiras de Cima 35.757
Aveiras de Cima - Cartaxo 26.421
Cartaxo - Santarém 26.877
Santarém - A15 27.724
A15 - Torres Novas (A23) 25.833
Torres Novas (A23) - Fátima 18.194
Fátima - Leiria (A8) 18.443
Leiria (A8) - Pombal 18.010
Pombal - Condeixa (A13-1) 18.144
Condeixa (A13-1) - Coimbra Sul 19.566
Coimbra Sul - Coimbra Norte (IP3/A14) 18.159
Coimbra Norte (IP3/A14) - Mealhada 19.614
Mealhada - Aveiro Sul 19.457
Aveiro Sul - Albergaria (A25) 17.649
Albergaria (A25) - Estarreja 29.120
Estarreja - Feira 26.752
Feira - Espinho (A41 CREP) 30.810
Espinho (A41 CREP) - Feiteira 32.898
Feiteira - Carvalhos (A20/IC2) 56.014
Ponte da Arrábida [3] 91.857

PerfilEditar

Secção Perfil Extensão
Lisboa - Torres Novas
 
94 km
Torres Novas - Condeixa-a-Nova
 
87 km
Condeixa - Coimbra (Sul)
 
9 km
Coimbra (Sul) - Estarreja
 
68 km
Estarreja - Grijó
 
26 km
Chamusca - Raposa
  
8 km
Pedroso (Carvalhos) - Gaia (Santo Ovídio)
 
5 km
Gaia (Santo Ovídio) - Gaia (Coimbrões)
 
1 km
Gaia (Coimbrões) - Porto
 
5 km

SaídasEditar

 
Nó da A1 com a IC17-CRIL, onde começa esta autoestrada.
 
Vista da Ponte da Arrábida para o Porto, onde acaba a A1.

Lisboa - PortoEditar

 
Vista da Serra de Aire e Candeeiros a partir da A1.
 
Praça de Portagem de Alverca.
Intersecção km Saída Direcções Estrada que liga
  km 0   Lisboa
2ª Circular


  km 0   1 Algés / Odivelas
Setúbal / Montijo
 A 36 (CRIL) 
 A 12 


  km 5   São João da Talha
(apenas entrada no sentido Lisboa)
N 10


  km 8   1A Póvoa de Santa Iria / Vialonga
Sacavém / Moscavide
N 115-5
 IC 2 


  km 14   2 Alverca / Vialonga
N 10


 
  Praça de Portagem de Alverca (km 14)


  km 14   2 Cascais
Loures
 A 9 (CREL) 


  km 20   2A Vila Franca de Xira (sul)
Alhandra
N 10


  km 25   3 Vila Franca de Xira (norte)
Porto Alto
N 1


  km 29   3A Plataforma Logística de Lisboa Norte N 1


  km 30   4 Carregado / Alenquer
Arruda dos Vinhos
ALGARVE / Benavente
N 3
 A 10 


  km 47   5 Aveiras
Alcoentre
Azambuja
N 366


  km 57   5A Cartaxo N 114-2


  km 65   6 Santarém
(  A 13  )
N 114


  km 67   6A Caldas da Rainha
Rio Maior
 A 15 


  km 94   7 Torres Novas
Abrantes
Castelo Branco
 A 23 


  km 114   8 Fátima  
Ourém / Batalha
N 356


  km 129   9 Leiria
Marinha Grande
 A 8 


  km 153   10 Pombal / Castelo Branco
Figueira da Foz
 IC 8 


  km 169   10A Soure
N 348


  km 181   11 Condeixa
Lousã
 IC 2 
 A 13-1 


  km 189   12 Coimbra (sul)
Taveiro / Alfarelos
N 341


  km 197   13 Coimbra (norte) / Viseu
Fig. da Foz / Montemor-o-Velho / Cantanhede
 IP 3 
 A 14 


  km 209   14 Mealhada / Luso-Buçaco
Curia
Cantanhede
N 234


  km 232   15 Aveiro (sul) / Ílhavo
Águeda / Oliveira do Bairro
N 235


  km 247   16 Aveiro (norte)
Albergaria / Viseu
 A 25 


  km 258   17 Vale de Cambra
Oliveira de Azeméis
N 224


  km 274   18 Sta. Maria da Feira
São João da Madeira
Ovar
N 223


  km 284   18A Espinho (Este)
A41
Picoto
 A 41 


 
  Praça de Portagem de Grijó (km 285)


  km 288   18B Carvalhos / Grijó
(sentido Lisboa)


  km 291   19 Carvalhos
Gaia por N 1
N 1


  km 292   20 Porto por Ponte do Freixo
Gondomar
Braga
(sentido Porto)
 A 20 


  km 294   21 Porto por Ponte do Freixo
Espinho
Canelas
(sentido Lisboa)
 A 29 


  km 296   22
Gaia (Santo Ovídio)


  km 298   23 Gaia (Coimbrões)
Espinho / Valadares
 A 44 - VCI 
 A 44 


  km 298 Início do troço comum à VCI


  km 300   24 Gaia (Devesas)
Canidelo


  km 302   25 Gaia (Afurada)
centro comercial


  km 302 Ponte da Arrábida


  km 303 direcção
Ponte do Freixo
 A 28 


 
Praça de Portagem de Grijó.

Áreas de ServiçoEditar

  •   Área de Serviço de Aveiras (km 44)  
  •   Área de Serviço de Santarém (km 84)  
  •   Área de Serviço de Leiria (km 125)  
  •   Área de Serviço de Pombal (km 164)  
  •   Área de Serviço Mealhada-Cantanhede (km 204)  
  •   Área de Serviço Antuã-Estarreja (km 255)  
  •   Área de Serviço de Vila Nova de Gaia (km 295)  

Áreas de RepousoEditar

  •   Área de Repouso de Fátima (km 105)
  •   Área de Repouso de Oiã (km 230)

Referências

  1. Relatório de Tráfego na Rede Nacional de Autoestradas – 4.º trimestre de 2017 (PDF) (Relatório). Instituto de Mobilidade e dos Transportes. Fevereiro de 2018. p. 6. Consultado em 18 de Maio de 2018. 
  2. tráfego, Informação. «Informação de tráfego» (PDF) 
  3. Group, Global Media (1 de julho de 2011). «Bases para definir Trânsito na Ponte da Arrábida» (PDF) 

Ligações externasEditar