Discografia de Marisa Monte

Discografia de Marisa Monte
Marisa durante um concerto da turnê Universo Particular em 2007.
Álbuns de estúdio 9
Álbuns ao vivo 3
Álbuns de compilação 1
Álbuns de vídeo 8
Extended plays (EP) 1
Singles 31
Produções 4
Participações 18

A discografia de Marisa Monte, cantora, compositora, multi-instrumentista e produtora brasileira de MPB, consiste em nove álbuns de estúdio (incluindo dois em colaboração), três ao vivo, uma compilação, um extended play e trinta e um singles (incluindo sete em colaboração).[1] A videografia relacionada da artista é formada por oito álbuns de vídeo (incluindo dois em colaboração). O seu primeiro álbum, MM, foi gravado ao vivo e lançado em 1989. Teve apenas uma canção de trabalho, "Bem Que Se Quis", versão brasileira de uma música do italiano Pino Daniele.[2] O trabalho vendeu mais de 700 mil exemplares[3] e recebeu o certificado de platina dupla pela ABPD.[4] O segundo disco da artista, primeiro de estúdio, Mais foi lançado em 1991 e contou com quatro faixas de promoção: "Beija Eu", "Eu Sei (Na Mira)", "Ainda Lembro" e "Rosa". Destacou-se a composição "Beija Eu" que ajudou o projeto a vender mais que o anterior,[2][3] porém, terminou com a mesma certificação que o antecessor.[4] Verde, Anil, Amarelo, Cor-de-Rosa e Carvão lançado em 1994, o seu segundo álbum de estúdio, gerou os singles "Segue o Seco" e "Dança da Solidão" e acabou por ser autenticado como três vezes platina pela ABPD[4] com vendas superiores a um milhão de unidades.[3][5]

O trabalho seguinte, Barulhinho Bom - Uma Viagem Musical de 1996, foi um disco duplo sendo um de estúdio e um ao vivo. "Panis Et Circenses" foi a canção de divulgação da obra que obteve menos repercussão que o projeto anterior, vendendo 750 mil cópias[3] e recebendo a certificação de disco de platina pela ABPD.[4] Em 2000, Marisa lançou o seu quarto álbum de estúdio, Memórias, Crônicas e Declarações de Amor que teve como músicas de promoção "Amor I Love You", "O Que Me Importa" e "Não é Fácil". O disco vendeu mais de um milhão de exemplares,[2] foi certificado como diamante pela ABPD[4] e rendeu o seu primeiro Latin Grammy na categoria "Best Brazilian Contemporary Pop Album".[6] Foi ainda o quinto álbum mais vendido no Brasil em 2000.[7] O disco seguinte, o quinto de estúdio, foi em colaboração com os músicos Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown: Tribalistas, lançado em 2002, vendeu mais de um milhão e meio de unidades[8] e recebeu o certificado de diamante pela ABPD.[9] Permaneceu entre os trabalhos mais vendidos no Brasil por dois anos consecutivos, sendo o quinto em 2002[10] e o décimo segundo em 2003.[11] Em Portugal, o álbum ocupou o topo por quinze semanas,[12] convertendo-se no disco com mais semanas na primeira posição em 2003 e recebeu o disco de platina quádruplo pela AFP.[13] Deste foram retirados os singles "Já Sei Namorar", "Velha Infância" e "É Você".

Em 2006, Marisa lançou simultaneamente dois trabalhos de estúdio, Infinito Particular e Universo ao Meu Redor, este último significativamente influenciado pelo samba.[2] Ambos venderam mais de 300 mil cópias,[14][15] foram certificados como duas vezes platina pela ABPD[4] e ouro pela AFP[16] e finalizaram o ano de 2006 como o décimo segundo e o décimo terceiro discos mais vendidos no Brasil, respectivamente.[17] A partir destes álbuns foi gerado o álbum de vídeo Infinito ao Meu Redor em 2008. Teve como faixas de promoção "Não é Proibido" e "Mais Uma Vez" e recebeu a certificação de platina dupla pela ABPD,[4] sendo o quarto lançamento mais vendido no Brasil em 2008.[18] O Que Você Quer Saber de Verdade, o seu oitavo disco de estúdio, foi lançado em 2011 e tornou-se o décimo quarto projeto mais comercializado no Brasil naquele ano[19] e o décimo quinto em 2012.[20] Teve como canções de trabalho "Ainda Bem", "O Que Você Quer Saber de Verdade", "Depois" e "Seja Feliz". Marisa Monte vendeu mais de 10 milhões de álbuns, fazendo dela uma recordista de vendas no Brasil.[21][22] Ganhou quatro prêmios Latin Grammy[6] e é considerada por muitos críticos como uma das melhores cantoras brasileiras de todos os tempos.[2][21][22][23] Os discos MM e Verde, Anil, Amarelo, Cor-de-Rosa e Carvão estão nas 62ª[24] e 87ª posições,[25] respectivamente, na lista dos 100 maiores discos da música brasileira da revista Rolling Stone.[26][27]

Álbuns de estúdioEditar

Detalhes Melhores posições atingidas[28][29][30][31] Vendas Certificações
BRA
[32]
FRA
[33][34]
ITA
[35]
POR
[36][37]
SUI
[38]
Mais
Verde, Anil, Amarelo, Cor-de-Rosa e Carvão
  • Lançamento: 1994
  • Gravadora: EMI
  • Formatos: LP, CD
Barulhinho Bom - Uma Viagem Musical
  • Lançamento: 1996
  • Gravadora: EMI
  • Formatos: CD
Memórias, Crônicas e Declarações de Amor
Tribalistas
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)
39 2 1 90
Infinito Particular 7
Universo ao Meu Redor
  • Lançamento: 10 de março de 2006
  • Gravadora: EMI
  • Formatos: CD
161 9
O Que Você Quer Saber de Verdade 2 8
Tribalistas
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)
  •  : 50.000
"—" indica uma obra que não entrou na tabela musical correspondente.

Álbuns ao vivoEditar

Detalhes Melhores posições atingidas[28][29][30][31] Vendas Certificações
BRA
[32]
POR
[36]
MM
  • Lançamento: 1989
  • Gravadora: EMI
  • Formatos: LP, CD
Barulhinho Bom - Uma Viagem Musical
  • Lançamento: 1996
  • Gravadora: EMI
  • Formatos: CD
Conferir Barulhinho Bom - Uma Viagem Musical
Verdade, Uma Ilusão 1 18
Tribalistas Ao Vivo
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)
"—" indica uma obra que não entrou na tabela musical correspondente.

Álbuns de compilaçãoEditar

Detalhes Melhores posições atingidas[28][29][30][31]
BRA
[32]
POR
[36]
Coleção 1 10

Extended plays (EP)Editar

Detalhes
iTunes Live from São Paulo

SinglesEditar

Como artista principalEditar

Ano Canção Melhores posições atingidas[28][30][49][50] Álbum
FRA
[34]
PB
[51]
SUI
[38]
1989 "Bem Que Se Quis" MM
1991 "Beija Eu" Mais
"Eu Sei (Na Mira)"
1992 "Ainda Lembro"
1993 "Rosa"
1994 "Segue o Seco" Verde, Anil, Amarelo, Cor-de-Rosa e Carvão
"Dança da Solidão"
1996 "Panis Et Circenses" Barulhinho Bom - Uma Viagem Musical
1997 Magamalabares
2000 "Amor I Love You" Memórias, Crônicas e Declarações de Amor
"O Que Me Importa"
"Não é Fácil"
2001 "A Sua" Obra sem álbum
2002 "Já Sei Namorar"
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)
84 15 75 Tribalistas
2003 "Velha Infância"
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)
2004 "É Você"
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)
2006 "Infinito Particular" Infinito Particular
"Vilarejo"
"Pra Ser Sincero"
"Universo ao Meu Redor" Universo ao Meu Redor
"O Bonde do Dom"
2008 "Não é Proibido" Infinito ao Meu Redor
2009 "Mais Uma Vez"
2011 "Ainda Bem" O Que Você Quer Saber de Verdade
"O Que Você Quer Saber de Verdade"
2012 "Depois"
2013 "Seja Feliz"
2016 "Nu com a minha música"[52] Coleção
2017 "Aliança"
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)[53]
Tribalistas
"Diáspora"
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)[54]
"Fora da Memória"
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)[55]
"Um Só"
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)[56]
"—" indica uma obra que não entrou na tabela musical correspondente.

ParticipaçõesEditar

Ano Artista Canção Álbum
1991 Cassiano "Cedo ou Tarde" Cedo ou Tarde[57]
1993 Arnaldo Antunes "Alta Noite" Nome[58]
"Carnaval"
"Cultura"
"Direitinho"
1996 Compilação "Águas de Março" Red Hot + Rio[59]
Carlinhos Brown "Seu Zé" Alfagamabetizado[60]
1997 Titãs "Flores" Acústico MTV[61]
1998 Timbalada "Toneladas de Desejo" Vamos dar a Volta no Getho[62]
Os Paralamas do Sucesso "O Amor Não Sabe Esperar" Hey Na Na[63]
Compilação "Mulemba Xangola" Red Hot + Lisbon[64]
2001 Arnaldo Antunes "Paradeiro" Paradeiro[65]
Compilação "Onde Andarás" Café Brasil[66]
Erasmo Carlos "Mais um na Multidão" Pra Falar de Amor[67]
2002 João Donato "Nunca Mais" Managarroba[68]
2003 Paulinho da Viola "Carinhoso" Meu Tempo é Hoje
2004 Arnaldo Antunes "Grão de Amor" Saiba[69][70]
2005 F.U.R.T.O "Desterro" Sangueaudiência[71]
2007 Erasmo Carlos "Tema de Não Quero Ver Você Triste" Erasmo Convida, Volume II[72]
2008 Julieta Venegas "Ilusión" MTV Unplugged[73]
2010 Teresa Cristina "Beijo Sem" Melhor Assim[74]
Renato Russo "Celeste" Duetos[75]
2013 Zeca Pagodinho "Preciso Me Encontrar" Multishow Ao Vivo: 30 Anos - Vida Que Segue[76]
Compilação "As Abelhas" A Arca de Noé
2014 Monarco "Estação Primaveril" Passado de Glória — Monarco 80 Anos
Compilação "Nós e o Tempo" Nelson 70
Carminho "Chuva no Mar" Canto
2015 Arnaldo Antunes "Peraí, Repara" Já É
2016 Carminho "Estrada do Sol" Carminho Canta Tom Jobim[77]
2017 Silva "Noturna (Nada de Novo na Noite)" Silva Canta Marisa
2018 Cézar Mendes "Flor do Ipê" Depois Enfim[78]

Trilhas sonorasEditar

Ano Canção Obra
1985 "Sábado à Noite" Tropclip[79]
1995 "De Mais Ninguém" Blue in the Face[80]
1997 "Life Gods - Momilê" Navalha na Carne[81]
"Bem Leve" Lápide[82]
2001 "Carnaval" Bicho de Sete Cabeças[83]
2003 "Esqueça" Casseta & Planeta: A Taça do Mundo É Nossa[84]
"Carinhoso" Paulinho da Viola - Meu Tempo é Hoje[85]
"Músico" El Milagro de Candeal[86]
2008 "Uma Palavra" Era uma Vez...[87]
"Uma Palavra (Instrumental)"
"Minha Rainha"

ProduçõesEditar

Ano Artista Álbum
1998 Carlinhos Brown Omelete Man[88]
1999 Cesária Évora Café Atlantico[89]
2000 Velha Guarda da Portela Tudo Azul[90]
2002 Argemiro Patrocínio Argemiro Patrocínio[91]

VideografiaEditar

Álbuns de vídeoEditar

Detalhes Melhores posições atingidas[28][29][30][31] Certificações
BRA
[92]
POR
[93][94]
MM Ao Vivo
  • Lançamento: 1989[95]
  • Gravadora: EMI
  • Formatos: VHS, DVD
15
Mais
  • Lançamento: 1991[96]
  • Gravadora: EMI
  • Formatos: VHS, DVD[97]
Barulhinho Bom - Uma Viagem Musical
Memórias, Crônicas e Declarações de Amor
  • Lançamento: 2001[100]
  • Gravadora: EMI
  • Formatos: VHS, DVD
Tribalistas
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)
  • Lançamento: 22 de novembro de 2002[101]
  • Gravadora: EMI
  • Formatos: VHS, DVD
29
Infinito ao Meu Redor
Verdade, Uma Ilusão
  • Lançamento: 16 de maio de 2014[46]
  • Gravadora: Universal
  • Formatos: DVD, Blu-ray,[103] download digital[104]
2
Tribalistas
(com Arnaldo Antunes e Carlinhos Brown)
  • Lançamento: 25 de agosto de 2017[105]
  • Gravadora: Phonomotor
  • Formatos: DVD,[106] download digital[107]
"—" indica uma obra que não entrou na tabela musical correspondente.

Referências

  1. «Discografia». Marisamonte.com.br. Consultado em 15 de maio de 2012 
  2. a b c d e f Motta, Nelson. «Biografia». Marisamonte.com.br. Consultado em 19 de abril de 2015. Cópia arquivada em 1 de abril de 2015 
  3. a b c d e f g h i Rocha, Daniel (julho de 2000). «Páginas negras». Brasil: Trip Editora e Propaganda. Trip. 13 (80): 16. ISSN 1414-350X. Consultado em 16 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015 
  4. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u «Certificados». Pro-Música Brasil. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  5. a b Araújo, Luís Edmundo; Rosângela Honor. «A Marisa Monte que o público não vê». Istoé Gente. Terra. Consultado em 19 de abril de 2015. Cópia arquivada em 10 de fevereiro de 2015 
  6. a b «Past Winners Search» (em inglês). Grammy Award. Consultado em 15 de maio de 2012 
  7. «10 CDs mais vendidos - 2000». Pro-Música Brasil. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015 
  8. a b Rocha Lima, Irlam (4 de novembro de 2011). «Novo CD de Marisa Monte retoma a parceria com os Tribalistas». Correio Braziliense. Correiobraziliense.com.br. Consultado em 19 de abril de 2015. Cópia arquivada em 23 de dezembro de 2014 
  9. a b c «Certificados». Pro-Música Brasil. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  10. «20 CDs mais vendidos - 2002». Pro-Música Brasil. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015 
  11. «20 CDs mais vendidos - 2003». Pro-Música Brasil. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015 
  12. «TRIBALISTAS - TRIBALISTAS (ALBUM)». Hung Medien (em inglês). Portuguesecharts.com. Consultado em 15 de maio de 2012 
  13. a b «TOP 30 ARTISTAS - SEMANA 51 DE 2003». AFP. Consultado em 15 de maio de 2012 [ligação inativa]
  14. a b c «Marisa Monte já ganha dois duplos de platina». O Dia. Terra. 14 de maio de 2006. Consultado em 19 de abril de 2015. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015 
  15. a b c «Novos álbuns de Marisa Monte recebem CDs duplos de Platina». Virgula. UOL. 15 de maio de 2006. Consultado em 19 de abril de 2015. Arquivado do original em 11 de novembro de 2014  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  16. a b c «TOP 30 ARTISTAS - SEMANA 14 DE 2006». AFP. Consultado em 15 de maio de 2012 [ligação inativa]
  17. «20 CDs mais vendidos - 2006». Pro-Música Brasil. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015 
  18. «20 DVDs mais vendidos - 2008». Pro-Música Brasil. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015 
  19. «20 CDs Mais Vendidos no Brasil». Pro-Música Brasil. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 11 de julho de 2015 
  20. «20 CDs Mais Vendidos no Brasil». Pro-Música Brasil. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 11 de julho de 2015 
  21. a b Felitti, Chico (30 de outubro de 2011). «Marisa Monte lança 8º CD e quebra o sossego dos últimos anos». Folha.com. UOL. Consultado em 19 de abril de 2015. Cópia arquivada em 11 de novembro de 2014 
  22. a b Lerina, Roger (4 de junho de 2012). «Marisa Monte fala do novo disco». Donna. Zero Hora. Consultado em 19 de abril de 2015. Cópia arquivada em 29 de junho de 2012 
  23. Correa, Ademir (agosto de 2008). «Marisa Monte - Na busca pela verdadeira alma do samba, ela transforma nosso passado, e nosso futuro musical, em sétima arte». Rolling Stone. UOL. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 1 de janeiro de 2013 
  24. Correa, Ademir (outubro de 2007). «62 - MM - Marisa Monte (1989, EMI)». Rolling Stone. UOL. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  25. Correa, Ademir (outubro de 2007). «87 - Verde Anil, Amarelo Cor de Rosa e Carvão - Marisa Monte (1994, EMI)». Rolling Stone. UOL. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  26. «Os 100 Maiores Discos da Música Brasileira». Rolling Stone. UOL. Outubro de 2007. Consultado em 12 de outubro de 2017. Arquivado do original em 12 de outubro de 2017 
  27. «Os 100 maiores discos da música brasileira». Spring. Rolling Stone (13): 109. Outubro de 2007. ISSN 0035-791X 
  28. a b c d e «Marisa Monte» (em inglês). Acharts.co. Consultado em 22 de dezembro de 2015 
  29. a b c d «Marisa Monte». Macrovision (em inglês). Allmusic. Consultado em 14 de julho de 2014 
  30. a b c d e «Tribalistas» (em inglês). Acharts.co. Consultado em 22 de dezembro de 2015 
  31. a b c d «Tribalistas». Macrovision (em inglês). Allmusic. Consultado em 14 de julho de 2014 
  32. a b c Desempenho no Brasil:
  33. «MARISA MONTE». Hung Medien (em francês). Lescharts.com. Consultado em 16 de maio de 2012 
  34. a b «TRIBALISTAS». Hung Medien (em francês). Lescharts.com. Consultado em 16 de maio de 2012 
  35. «MARISA MONTE - TRIBALISTAS (ALBUM)». Hung Medien (em inglês). Italiancharts.com. Consultado em 16 de maio de 2012 
  36. a b c «MARISA MONTE». Hung Medien (em inglês). Portuguesecharts.com. Consultado em 16 de maio de 2012 
  37. «TRIBALISTAS». Hung Medien (em inglês). Portuguesecharts.com. Consultado em 12 de outubro de 2017 
  38. a b «TRIBALISTAS». Hung Medien (em alemão). Hitparade.ch. Consultado em 16 de maio de 2012 
  39. «Marisa Monte». HSBC Brasil. Consultado em 19 de abril de 2015. Arquivado do original em 15 de outubro de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  40. «Depois de cinco anos, Marisa Monte faz turnê pelo País e divulga novo disco». E+. Estadão.com.br. 7 de maio de 2012. Consultado em 19 de abril de 2015. Arquivado do original em 10 de maio de 2012  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  41. Bernardo, André (13 de novembro de 2011). «Depois de cinco anos sem entrar em estúdio,Marisa Monte volta a lançar um CD de músicas inéditas». Saraiva Conteúdo. Consultado em 19 de abril de 2015. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015 
  42. «Conversa com Marcos Augusto Gonçalves» (pdf). Marisamonte.com.br. Outubro de 2011. p. 16. Consultado em 19 de abril de 2015. Cópia arquivada (PDF) em 19 de abril de 2015 
  43. a b «Discos de Oro y Platino» (em espanhol). CAPIF. Consultado em 16 de novembro de 2012. Arquivado do original em 31 de maio de 2011  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  44. Camargo, Paulo (8 de junho de 2014). «O brilho multimídia de Marisa Monte». Jornal de Londrina. Consultado em 16 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 19 de abril de 2015 
  45. «Tribalistas». iTunes. iTunes Store. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  46. a b «Verdade, uma Ilusão». iTunes. iTunes Store. Consultado em 25 de maio de 2014 
  47. «Coleção». iTunes. iTunes Store. Consultado em 27 de maio de 2016. Cópia arquivada em 27 de maio de 2016 
  48. «iTunes Live from São Paulo - EP». iTunes. iTunes Store. Consultado em 7 de junho de 2012 
  49. Birchmeier, Jason. «Marisa Monte». Macrovision (em inglês). Allmusic. Consultado em 14 de julho de 2014 
  50. Kellman, Andy. «Tribalistas». Macrovision (em inglês). Allmusic. Consultado em 14 de julho de 2014 
  51. «TRIBALISTAS». Hung Medien (em neerlandês). Dutchcharts.nl. Consultado em 17 de maio de 2012 
  52. «Nu Com a Minha Música - Single». iTunes. iTunes Store. Consultado em 27 de maio de 2016. Cópia arquivada em 27 de maio de 2016 
  53. «Aliança - Single». iTunes. iTunes Store. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  54. «Diáspora - Single». iTunes. iTunes Store. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  55. «Fora da Memória - Single». iTunes. iTunes Store. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  56. «Um Só - Single». iTunes. iTunes Store. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  57. «Cedo ou tarde - Cassiano». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  58. «Nome - Arnaldo Antunes». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  59. «Red Hot + Rio - Vários Artistas». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  60. «Alfagamabetizado - Carlinhos Brown». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  61. «Acústico - Titãs». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  62. «Vamos dar a Volta no Getho - Timbalada». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  63. «Hey Na Na - Paralamas do Sucesso». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  64. «Red Hot + Lisbon - Vários Artistas». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  65. «Paradeiro - Arnaldo Antues». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  66. «Café Brasil - Vários Interpretes». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  67. «Pra falar de Amor - Erasmo Carlos». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  68. «Managarroba - João Donato». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  69. «Saiba - Arnaldo Antunes». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  70. «Saiba». Arnaldoantunes.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  71. «Sangue Audiência - F.U.R.T.O». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  72. «Erasmo Carlos Convida II (2007)». Erasmocarlos.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  73. «Julieta Venegas - MTV Unplugged». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  74. «melhor assim». Teresacristina.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  75. «Duetos». Renatorusso.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  76. ‎Multishow Ao Vivo: 30 Anos - Vida Que Segue (Ao Vivo) por Zeca Pagodinho, consultado em 10 de janeiro de 2019 
  77. ‎Carminho Canta Tom Jobim de Carminho, consultado em 10 de janeiro de 2019 
  78. ‎Depois Enfim por Cézar Mendes, consultado em 10 de janeiro de 2019 
  79. «Marisa Monte». Enciclopédia Itaú Cultural. Consultado em 27 de julho de 2018 
  80. «Sem Fôlego - Blue in the Face». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  81. «Navalha na Carne». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  82. «Lápide». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  83. «Bicho de Sete Cabeças». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  84. «Casseta e Planeta - A Taça do Mundo é Nossa». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  85. «Paulinho da Viola - Meu Tempo é Hoje». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  86. «El Milagro de Candeal». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  87. «Era Uma Vez». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de maio de 2012 
  88. «Carlinhos Brown - Omelete Man». Marisamonte.com.br. Consultado em 17 de maio de 2012 
  89. «Cesaria Evora - Café Atlantico». Marisamonte.com.br. Consultado em 17 de maio de 2012 
  90. «Velha Guarda da Portela - Tudo Azul». Marisamonte.com.br. Consultado em 20 de abril de 2015 
  91. «Argemiro Patrocínio». Marisamonte.com.br. Consultado em 17 de maio de 2012 
  92. «Top CD e DVD». Pro-Música Brasil. Portal Sucesso!. 19 de maio de 2014. Consultado em 16 de fevereiro de 2016. Arquivado do original em 17 de junho de 2014 
  93. «TOP 30 DVD'S MUSICAIS - SEMANA 18 DE 2005». AFP. Consultado em 7 de junho de 2012. Arquivado do original em 4 de março de 2012 
  94. «TOP 30 DVD'S MUSICAIS - SEMANA 6 DE 2007». AFP. Consultado em 7 de junho de 2012. Arquivado do original em 2 de março de 2012 
  95. «MM ao vivo». Marisamonte.com.br. Consultado em 6 de maio de 2015 
  96. «Mais {1991}». UOL. Consultado em 10 de maio de 2017. Arquivado do original em 5 de agosto de 2003  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  97. «Mais». Marisamonte.com.br. Consultado em 6 de maio de 2015 
  98. «Barulhinho Bom - uma viagem musical {1997}». UOL. Consultado em 10 de maio de 2017. Arquivado do original em 5 de agosto de 2003  |urlmorta= e |ligação inativa= redundantes (ajuda)
  99. «Barulhinho Bom». Marisamonte.com.br. Consultado em 6 de maio de 2015 
  100. «Memórias, Crônicas e Declarações de Amor». Marisamonte.com.br. Consultado em 6 de maio de 2015 
  101. «Tribalistas». Marisamonte.com.br. Consultado em 6 de maio de 2015 
  102. «Marisa Monte Infinito ao Meu Redor». Marisamonte.com.br. Consultado em 6 de maio de 2015 
  103. «Verdade Uma Ilusão - Blu-Ray». Livraria Saraiva. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  104. «Marisa Monte: Verdade, uma Ilusão». iTunes. iTunes Store. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  105. «Tribalistas». Marisamonte.com.br. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  106. «Tribalistas - DVD - Digipack». Livraria Saraiva. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 
  107. «Tribalistas». iTunes. iTunes Store. Consultado em 12 de outubro de 2017. Cópia arquivada em 12 de outubro de 2017 

Ligações externasEditar