Abrir menu principal

A Temporada de Fórmula 1 de 2004 foi a 55° realizada pela FIA. Teve como campeão o alemão Michael Schumacher, da Ferrari, sendo vice-campeão o brasileiro Rubens Barrichello, também da Ferrari.

Com o modelo Ferrari F2004, a Scuderia conquistou 15 vitórias no ano (13 com Michael Schumacher, 2 com Rubens Barrichello), sendo que 8 dessas vitórias foram dobradinhas, sendo 7 com Schumacher na frente. A surpresa foi a equipe BAR, que mostrou grande evolução se comparada às temporadas anteriores com o equilibrado motor Honda no modelo BAR 006, dando a Jenson Button o terceiro lugar no mundial de pilotos, seguido da equipe Renault, que obteve uma vitória com Jarno Trulli, em Mônaco.

As decepções foram o desempenho da Williams, que teve inúmeros problemas com a reformulação aerodinâmica radical do FW26, conseguindo apenas uma vitória com Juan Pablo Montoya no GP do Brasil e a McLaren, que obteve vários abandonos com a baixa eficiência dos motores Mercedes que equipavam o McLaren MP4-19 obtendo uma única vitória com Kimi Räikkönen no GP da Bélgica. Outra surpresa foi Zsolt Baumgartner, que ao chegar em 8º lugar no GP dos Estados Unidos, tornou-se o primeiro piloto húngaro a pontuar na categoria. Schumacher dominou completamente os 5 primeiros GPS (Austrália, Malásia, Bahrein, San Marino e Espanha), não dando chances aos adversários, perdendo sua série invicta apenas em Mônaco, quando uma batida com Montoya dentro do túnel fez os dois abandonarem. A vitória ficou com Jarno Trulli, que no final resistiu á pressão de Jenson Button, vencendo pela primeira e única vez na F1. Depois disso, o alemão venceu todas as 7 corridas seguintes, com destaque para o GP da França, em Magny Cours, onde fez incríveis 4 pit stops, mas mesmo assim conseguiu superar Fernando Alonso, que havia largado na pole.

Nesse meio tempo, cabe destacar o GP dos EUA, em Indianápolis, onde Ralf Schumacher sofreu um grave acidente, ficando fora das seis corridas seguintes. Nesse GP, Takuma Sato foi ao pódio, num feito histórico para o Japão na Fórmula 1. Em Silverstone, no GP da Inglaterra, a McLaren renasceu com a pole de Kimi Raikkonen, mas ele foi superado por Schumacher, chegando em segundo. Porém, na Bélgica, corrida em que Schummy conquistou o hepta, Kimi venceu, jogando "água no chope" do alemão. Nas corridas seguintes, na Itália e na China, Rubens Barrichello venceu, para confirmar seu vice campeonato, com Schumacher voltando a vencer em Suzuka, no Japão. Por fim, no GP do Brasil, quando era a grande a expectativa pela vitória de Rubens Barrichello, Juan Pablo Montoya frustrou os brasileiros e salvou a honra de uma temporada decepcionante em sua despedida da Williams. Ao brasileiro, restou o consolo de chegar em terceiro, seu melhor resultado na pista paulistana.

Além de Rubinho, outros 4 brasileiros disputaram a temporada: Felipe Massa pilotou a equipe Sauber, conseguindo 12 pontos, 10 a menos que seu companheiro de equipe, o italiano Giancarlo Fisichella. Seu melhor resultado foi um quarto lugar na Bélgica. Antônio Pizzonia disputou 4 GPs, substituindo o lesionado Ralf Schumacher na equipe Williams. Conquistou 6 pontos, oriundos de 3 sétimos lugares, nos GPs da Alemanha, Hungria e Itália. Cristiano da Matta iniciou mais um ano na equipe Toyota. Porém, um desentendimento com a equipe devido aos diversos problemas que faziam o carro ter um péssimo rendimento, culminou na demissão do brasileiro, que marcou 3 pontos, graças a um sexto lugar em Mônaco. No seu lugar, no GP da Hungria, entrou justamente outro brasileiro, Ricardo Zonta, que não pontuou, mas esteve perto de conseguir um quarto lugar, que seria o melhor resultado do time até o momento, no GP da Bélgica. Porém, o motor quebrou no final.

Índice

Equipes e pilotosEditar

Campeão Vice-campeão 3º Lugar
     
  Michael Schumacher   Rubens Barrichello   Jenson Button
  Ferrari   Ferrari   BAR-Honda
Equipe Construtor Chassis Motor Pneus Piloto Piloto de Testes
  Scuderia Ferrari Marlboro Ferrari F2004 Ferrari 053 B 1   Michael Schumacher
2   Rubens Barrichello
  BMW Williams F1 Team Williams FW26 BMW P84 M 3   Juan Pablo Montoya   Olivier Beretta
4   Ralf Schumacher
  Marc Gené
  Antônio Pizzonia
  West McLaren Mercedes McLaren MP4-19
MP4-19B
Mercedes FO 110Q M 5   David Coulthard
6   Kimi Räikkönen
  Mild Seven Renault F1 Team Renault R24 Renault RS24 M 7   Jarno Trulli
  Jacques Villeneuve
8   Fernando Alonso
  Lucky Strike BAR Honda BAR 006 Honda RA004E M 9   Jenson Button 35   Anthony Davidson
10   Takuma Sato
  Sauber Petronas Sauber C23 Petronas 04A (Ferrari 053 rebatizados) B 11   Giancarlo Fisichella 36   Neel Jani
12   Felipe Massa
  Jaguar Racing Jaguar R5 Cosworth CR-6 M 14   Mark Webber 37   Björn Wirdheim
15   Christian Klien
  Panasonic Toyota Racing Toyota TF104 Toyota RVX-04 M 16   Cristiano da Matta 38   Ricardo Zonta
  Ryan Briscoe
17   Olivier Panis
TF104B 16   Cristiano da Matta
  Ricardo Zonta
  Jarno Trulli
17   Olivier Panis
  Ricardo Zonta
  Jarno Trulli
  Jordan Ford Jordan EJ14 Ford RS2 B 18   Nick Heidfeld 39   Timo Glock
  Robert Doornbos
19   Giorgio Pantano
  Timo Glock
  Minardi Cosworth Minardi PS04B Cosworth CR-3 L B 20   Gianmaria Bruni 40   Bas Leinders
21   Zsolt Baumgartner

↑1 Motor Ferrari renomeado de Petronas.[1]

Trocas de Pilotos
Começo do campeonato Durante o campeonato
Piloto Antes Depois
Equipe Posição Equipe Posição Equipe Posição
  Antônio Pizzonia   Williams Piloto de Testes   Williams Piloto de Testes   Williams Piloto de Corrida
  Jacques Villeneuve - Afastamento da Formula 1 - Afastamento da Formula 1   Renault Piloto de Corrida
  Jarno Trulli   Renault Piloto de Corrida   Renault Piloto de Corrida   Toyota Piloto de Corrida
  Giancarlo Fisichella   Jordan Piloto de Corrida   Sauber Piloto de Corrida
  Felipe Massa   Ferrari Piloto de Testes   Sauber Piloto de Corrida
  Nick Heidfield   Sauber Piloto de Corrida   Jordan Piloto de Corrida
  Heinz-Harald Frentzen   Sauber Piloto de Corrida - DTM
  Giorgio Pantano - Champ Car   Jordan Piloto de Corrida
  Ralph Firman   Jordan Piloto de Corrida - WEC
  Christien Klien - Formula BMW   Jaguar Piloto de Corrida
  Justin Wilson   Jaguar Piloto de Corrida - Champ Car
  Gianmaria Bruni   Minardi Piloto de Testes   Minardi Piloto de Corrida
  Zsolt Baumgartner   Jordan Piloto de Testes   Minardi Piloto de Corrida
  Nicolas Kiesa   Minardi Piloto de Corrida - -
  Jos Verstappen   Minardi Piloto de Corrida - Aposentoria
  Ricardo Zonta   Toyota Piloto de Testes   Toyota Piloto de Testes   Toyota Piloto de Corrida
  Olivier Panis   Toyota Piloto de Corrida   Toyota Piloto de Corrida - Afastamento da Formula 1
  Cristiano da Matta   Toyota Piloto de Corrida   Toyota Piloto de Corrida - CART

Ferrari: mais uma vez como equipe a ser batida, a Ferrari manteve sua dupla de pilotos, formada por Michael Schumacher e Rubens Barrichello para a temporada de 2004, indo em busca do quinto título consecutivo de pilotos com Schumacher e o sexto de construtores.

Williams: novamente equipada pelos motores BMW, a equipe chegou em 2004 almejando acabar com o domínio da Ferrari, após chegar perto disso em 2003. A dupla de pilotos, formada por Juan Pablo Montoya e Ralf Schumacher, foi mantida, agora com o colombiano como segundo piloto.

McLaren: A equipe equipada pelo motor Mercedes empolgou no começo de 2003, mas no fim decepcionou e perdeu espaço para a Williams. A equipe manteve sua dupla de pilotos: David Coulthard, em sua nona temporada pela equipe e Kimi Raikkonen, a grande aposta para acabar com o domínio da Ferrari.

Renault: Depois de um começo decepcionante em 2002, a Renault foi muito bem em 2003, e para 2004 manteve a sua dupla de pilotos: Jarno Trulli e Fernando Alonso.

BAR: A equipe foi a quinta força em 2003, mas ainda aquém do que se espera dela. Para 2004, Jenson Button foi mantido como piloto principal, tendo a companhia de Takuma Sato, efetivado como titular após a demissão do canadense Jacques Villeneuve.

Sauber: Equipada pelo motor Ferrari, foi uma das poucas a apresentar novidades, trocando sua dupla de pilotos. Giancarlo Fisichella veio da Jordan para ser o piloto principal, tendo a companhia de Felipe Massa, que após ficar fora do grid em 2003, estava de volta como piloto titular.

Jaguar: A equipe inglesa manteve o australiano Mark Webber, que surpreendeu em 2003, tendo como novo parceiro o austríaco Christian Klein, sensação das categorias de base.

Toyota: A equipe evoluiu em 2003, e para essa temporada, manteve Cristiano da Matta e Olivier Panis.

Jordan: A decadente equipe irlandesa passou a contar com o alemão Nick Heidfeldt,vindo da Sauber e com o italiano Giorgio Pantano, estreante na categoria.

Minardi: Lanterna do grid, a equipe contou com uma nova dupla de pilotos: o italiano Gianmaria Bruni e o húngaro Zsolt Baumgartner.

Todos motores configurados em 3.0L e motor V10.

CalendárioEditar

Prova Corrida Local Data
1   GP da Austrália Melbourne 7 de Março
2   GP da Malásia Sepang 21 de Março
3   GP do Bahrain Sakhir 4 de Abril
4   GP de San Marino Ímola 25 de Abril
5   GP da Espanha Montmeló 9 de Maio
6   GP de Mônaco Monte Carlo 23 de Maio
7   GP da Europa Nürburgring 30 de Maio
8   GP do Canadá Montreal 13 de Junho
9   GP dos EUA Indianápolis 20 de Junho
10   GP da França Nevers 4 de Julho
11   GP da Grã-Bretanha Silverstone 11 de Julho
12   GP da Alemanha Hockenheimring 25 de Julho
13   GP da Hungria Hungaroring 1 de Agosto
14   GP da Itália Monza 5 de Setembro
15   GP da Bélgica Spa-Francorchamps 12 de Setembro
16   GP do Brasil Interlagos 26 de Setembro
17   GP do Japão Suzuka 10 de Outubro
18   GP da China Shanghai 17 de Outubro

A temporada teve duas corridas a mais em relação á anterior: O GP da Bélgica retornou ao calendário depois de estar ausente em 2003. Além disso, pela primeira vez, a fórmula 1 esteve no Bahrein e na China. Por sua vez, o GP da Áustria foi excluído do calendário, voltando apenas em 2014, após as reformas no circuito.

ResultadosEditar

Grandes PrêmiosEditar

GP Grande Prêmio Pole Position Volta mais rápida Vencedor Equipe Descrição
1   GP da Austrália   Michael Schumacher   Rubens Barrichello   Michael Schumacher   Ferrari descrição
2   GP da Malásia   Michael Schumacher   Juan Pablo Montoya   Michael Schumacher   Ferrari descrição
3   GP da Bahrain   Michael Schumacher   Rubens Barrichello   Michael Schumacher   Ferrari descrição
4   GP de San Marino Jenson Button
  Jenson Button   Michael Schumacher   Ferrari descrição
5   GP da Espanha   Michael Schumacher   Rubens Barrichello   Michael Schumacher   Ferrari descrição
6   GP de Mônaco   Jarno Trulli   Jenson Button   Jarno Trulli   Renault descrição
7   GP da Europa   Michael Schumacher   Rubens Barrichello   Michael Schumacher   Ferrari descrição
8   GP do Canadá   Michael Schumacher   Rubens Barrichello   Michael Schumacher   Ferrari descrição
9   GP dos EUA   Michael Schumacher   Rubens Barrichello   Michael Schumacher   Ferrari descrição
10   GP da França   Michael Schumacher   Fernando Alonso   Michael Schumacher   Ferrari descrição
11   GP da Grã-Bretanha   Kimi Räikkönen   Michael Schumacher   Michael Schumacher   Ferrari descrição
12   GP da Alemanha   Michael Schumacher   Kimi Räikkönen   Michael Schumacher   Ferrari descrição
13   GP da Hungria   Michael Schumacher   Michael Schumacher   Michael Schumacher   Ferrari descrição
14   GP da Bélgica   Jarno Trulli   Kimi Räikkönen   Kimi Räikkönen   McLaren-Mercedes descrição
15   GP da Itália   Rubens Barrichello   Rubens Barrichello   Rubens Barrichello   Ferrari descrição
16   GP da China   Rubens Barrichello   Michael Schumacher   Rubens Barrichello   Ferrari descrição
17   GP do Japão   Michael Schumacher   Rubens Barrichello   Michael Schumacher   Ferrari descrição
18   GP do Brasil   Rubens Barrichello   Juan Pablo Montoya   Juan Pablo Montoya   Williams-BMW descrição

PilotosEditar

Pos Piloto AUS   MAS   BHR   SMR   ESP   MON   EUR   CAN   EUA   FRA   GBR   ALE   HUN   BEL   ITA   CHN   JAP   BRA   Pts
1   Michael Schumacher 1 1 1 1 1 Ret 1 1 1 1 1 1 1 2 2 12 1 7 148
2   Rubens Barrichello 2 4 2 6 2 3 2 2 2 3 3 12 2 3 1 1 Ret 3 114
3   Jenson Button 6 3 3 2 8 2 3 3 Ret 5 4 2 5 Ret 3 2 3 Ret 85
4   Fernando Alonso 3 7 6 4 4 Ret 5 Ret Ret 2 10 3 3 Ret Ret 4 5 4 59
5   Juan Pablo Montoya 5 2 13 3 Ret 4 8 DSQ DSQ 8 5 5 4 Ret 5 5 7 1 58
6   Jarno Trulli 7 5 4 5 3 1 4 Ret 4 4 Ret 11 Ret 9 10 11 12 46
7   Kimi Räikkönen Ret Ret Ret 8 11 Ret Ret 5 6 7 2 Ret Ret 1 Ret 3 6 2 45
8   Takuma Sato 9 15 5 16 5 Ret Ret Ret 3 Ret 11 8 6 Ret 4 6 4 6 34
9   Ralf Schumacher 4 Ret 7 7 6 10 Ret DSQ Ret INJ INJ INJ INJ INJ INJ Ret 2 5 24
10   David Coulthard 8 6 Ret 12 10 Ret Ret 6 7 6 7 4 9 7 6 9 Ret 11 24
11   Giancarlo Fisichella 10 11 11 9 7 Ret 6 4 9 12 6 9 8 5 8 7 8 9 22
12   Felipe Massa Ret 8 12 10 9 5 9 Ret Ret 13 9 13 Ret 4 12 8 9 8 12
13   Mark Webber Ret Ret 8 13 12 Ret 7 Ret Ret 9 8 6 10 Ret 9 10 Ret Ret 7
14   Olivier Panis 13 12 9 11 Ret 8 11 DSQ 5 15 Ret 14 11 8 Ret 14 14 6
15   Antônio Pizzonia 7 7 Ret 7 6
16   Christian Klien 11 10 14 14 Ret Ret 12 9 Ret 11 14 10 13 6 13 Ret 12 14 3
17   Cristiano da Matta 12 9 10 Ret 13 6 Ret DSQ Ret 14 13 Ret 3
18   Nick Heidfeld Ret Ret 15 Ret Ret 7 10 8 Ret 16 15 Ret 12 11 14 13 13 Ret 3
19   Timo Glock 7 15 15 15 2
20   Zsolt Baumgartner Ret 16 Ret 15 Ret 9 15 10 8 Ret Ret 16 15 Ret 15 16 Ret 16 1
21   Jacques Villeneuve 11 10 10 0
22   Ricardo Zonta Ret 10 11 Ret 13 0
23   Marc Gené 10 12 0
24   Giorgio Pantano 14 13 16 Ret Ret Ret 13 Ret 17 Ret 15 Ret Ret Ret 0
25   Gianmaria Bruni NC 14 17 Ret Ret Ret 14 Ret Ret 18 16 17 14 Ret Ret Ret 16 17 0
Pos Piloto AUS   MAS   BHR   SMR   ESP   MON   EUR   CAN   EUA   FRA   GBR   ALE   HUN   BEL   ITA   CHN   JAP   BRA   Pts
Cor Resultado
Ouro Vencedor
Prata 2.º lugar
Bronze 3.º lugar
Verde Terminou, nos pontos
Azul Terminou, sem pontos
Púrpura Retirou-se
(Ret)
Vermelho Não qualificado
(NQ)
Preto Desqualificado
(DSQ)
Branco Não largou
(NL)
Azul claro Apenas Treino (AT)
Sem cor Não participou
(NP)
Lesionado
(Les)
Excluído
(EX)

Negrito – Pole position
Itálico – Volta mais rápida

  • Em negrito indica pole position e itálico volta mais rápida.

Classificação de construtoresEditar

Pos Construtor Chassis Motor Pneu GPs Vitórias Pódios Poles V. rápidas Subtotal
de
Pontos
Total
de
Pontos
1   Ferrari F2004 Ferrari 053 B 18 15 18 12 14 262 262
2   BAR 006 Honda RA004E M 18 0 11 1 0 119 119
3   Renault R24 Renault RS24 M 18 1 6 3 0 105 105
4   Williams FW26 BMW P84 M 18 1 4 1 2 82 82
5   McLaren MP4-19 Mercedes F0110Q M 9 0 0 0 0 17 69
MP4-19B 9 1 4 1 2 52
6   Sauber C23 Petronas 04A (Ferrari 053 rebatizado) B 18 0 0 0 0 34 34
7   Jaguar R5 Cosworth CR-6 M 18 0 0 0 0 10 10
8   Toyota TF104
TF104B
Toyota RVX-04 M 18 0 0 0 0 9 9
9   Jordan EJ14 Ford RS2 B 18 0 0 0 0 5 5
10   Minardi PS04B Cosworth CR-3 B 18 0 0 0 0 1 1

Referências

  1. «Petronas». STATS F1