Seleção Gaúcha de Futebol

Seleção Gaúcha de Futebol
Rio Grande do Sul
Bandeira do Rio Grande do Sul.svg
Associação FGF
Confederação CBF
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

A Seleção Gaúcha de Futebol é uma seleção de futebol convocada pela Federação Gaúcha de Futebol (FGF). É composta por jogadores que atuam nos clubes de futebol do Rio Grande do Sul.

A seleção não é reconhecida pela FIFA. Seu uniforme era todo branco com três listras na parte frontal da camiseta.

HistóriaEditar

Seleção principalEditar

Em 1936, a Seleção Gaúcha obteve seu melhor resultado no Campeonato Brasileiro de Seleções Estaduais, sendo vice-campeã. Na decisão, a equipe venceu o primeiro jogo por dois a um sobre a Seleção Paulista, mas perdeu o título ao ser derrotada nos dois jogos seguintes.

Em 1956, representou a Seleção Brasileira no Campeonato Pan-Americano, na Cidade do México (México). Para a disputa, o Brasil enviou os seguintes atletas do selecionado gaúcho: Valdir, Sérgio, Paulinho, Oreco, Figueiró, Florindo, Airton, Ênio Rodrigues, Ortunho, Duarte, Odorico, Sarará, Jerônimo, Ênio Andrade, Milton, Luizinho, Hercílio, Bodinho, Larry, Juarez, Chinesinho e Raul Klein. O treinador era Teté. A Seleção conquistou o Pan-Americano de forma invicta, com quatro vitórias (2x1 no Chile, 1x0 no Peru, 2x1 no México e 7x1 na Costa Rica) e um empate (2x2 com a Argentina).

Em 1966, comandada por Carlos Froner, a Seleção Gaúcha representou a Seleção Brasileira na Taça Bernardo O'Higgins, no Chile.[1] No retorno, realizou um jogo-treino[2] com a Seleção Brasileira no dia 1º de maio, no Estádio do Maracanã, Rio de Janeiro, perdendo por 2 a 0.[3] Neste duelo, a Seleção Gaúcha utilizou um uniforme azul, enquanto o selecionado brasileiro atuou com dois times: um branco e outro grená.[4]

Em 1971, no dia 19 de maio, a Seleção do Rio Grande do Sul empatou em 1 a 1 com a Seleção da Argentina, em partida amistosa realizada no estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. A partida era comemorativa ao Dia do Cronista.[5] O árbitro foi o argentino Miguel Comesaña. Bráulio abriu o placar aos 11 minutos do segundo tempo e Fischer empatou aos 23 da etapa final.

Em 17 de junho de 1972, a Seleção Gaúcha enfrentava pela primeira vez a Seleção Brasileira em jogos oficiais. O amistoso foi a forma encontrada para compensar a ausência de jogadores de clubes gaúchos na lista de convocados do selecionado brasileiro que disputaria a Taça Independência.[6] Com 106.554 torcedores, o estádio Beira-Rio registrou o maior público de sua história[7] — quase o dobro da capacidade atual. A partida terminou empatada em 3 a 3.[8] Tovar, Carbone e Claudiomiro marcaram os gols da Seleção Gaúcha, enquanto que Jairzinho, Paulo Cézar Caju e Rivellino anotaram os gols do Brasil.

Em 1974, a Seleção do Rio Grande do Sul conquistou a Taça Atlântico-Sul, torneio que reuniu clubes do Brasil (Avaí), Argentina (Newell's Old Boys e Racing) e Uruguai (Nacional e Peñarol).[9] Para este torneio, a FGF formou uma equipe apenas com jogadores do interior do estado, sem a participação da dupla Grenal.

Categorias de baseEditar

Em julho de 2005, a Seleção Gaúcha Sub-17 ficou em segundo lugar na Copa Internacional Cidade de Canoas.[10]

Em 2009, a Seleção Gaúcha Sub-17 venceu a seleção uruguaia de mesma categoria por 3 a 1.[11][12][13][14][15]

Em 2012, entre os dias 18 e 22 de dezembro, a Seleção Gaúcha Sub-23 disputou o quadrangular internacional “Gobierno de Flores, Capital del Deporte" em Trinidad, no Uruguai, a convite da Asociación Uruguaya de Fútbol (AUF).[16] Além da equipe gaúcha, participaram as seleções sub-20 do Uruguai e do Chile, além do time Sub-23 do Athletico Paranaense.[17] O comando técnico ficou a cargo de Thiago Gomes Pacheco. A Seleção Gaúcha foi vice-campeã do torneio, vencido pelos chilenos.[18]

Em 2017, a Seleção Gaúcha Sub-20 obteve a sua maior conquista: a Copa de Seleções Estaduais da categoria. Na final, superou a Seleção Carioca nos pênaltis por 5 a 4, apos empate em um a um no tempo normal. Caprini fez o gol e Silas converteu a última cobrança, que deu o título à equipe gaúcha.[19]

JogosEditar

Legenda:      Vitórias —      Empates —      Derrotas

AmistososEditar

Data Seleção Placar Adversário Local
27 de setembro de 1923   Rio Grande do Sul 2 – 2   Santos Estádio da Vila Belmiro, Santos, SP
9 de agosto de 1925[20]   Rio Grande do Sul 0 – 1   Vasco da Gama Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ
6 de setembro de 1926   Rio Grande do Sul 7 – 5   Cruzeiro de Porto Alegre Estádio da Chácara das Camélias, Porto Alegre, RS
12 de setembro de 1926   Rio Grande do Sul 6 – 1   Grêmio Estádio da Chácara das Camélias, Porto Alegre, RS
19 de setembro de 1926   Rio Grande do Sul 2 – 0   Brasil de Pelotas Estádio da Chácara das Camélias, Porto Alegre, RS
12 de outubro de 1926   Rio Grande do Sul 0 – 6   Palmeiras Estádio Parque Antarctica, São Paulo, SP
26 de julho de 1931[21]   Rio Grande do Sul 5 – 0   Olimpia Estádio dos Eucaliptos, Porto Alegre, RS
18 de agosto de 1931   Rio Grande do Sul 1 – 1   Atlético Mineiro Estádio Antônio Carlos, Belo Horizonte, MG
8 de agosto de 1936   Rio Grande do Sul 1 – 7   Santos Estádio da Vila Belmiro, Santos, SP
11 de dezembro de 1941[22]   Rio Grande do Sul 4 – 5   Combinado Fluminense/Botafogo Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ
14 de outubro de 1943   Rio Grande do Sul 1 – 3   Grêmio Estádio da Baixada, Porto Alegre, RS
24 de outubro de 1943[23]   Rio Grande do Sul 1 – 6   Bagé Estádio dos Eucaliptos, Porto Alegre, RS
23 de março de 1952   Rio Grande do Sul 3 – 1   Grêmio Estádio dos Eucaliptos, Porto Alegre, RS
29 de março de 1952   Rio Grande do Sul 4 – 1   Flamengo de Caxias Estádio da Baixada Rubra, Caxias do Sul, RS
18 de maio de 1952   Rio Grande do Sul 5 – 1   Pelotas Estádio dos Eucaliptos, Porto Alegre, RS
4 de janeiro de 1957   Rio Grande do Sul 2 – 3   Rosário Central Estádio Tiradentes, Porto Alegre, RS
20 de dezembro de 1959   Rio Grande do Sul 2 – 2   Grêmio Estádio Olímpico, Porto Alegre, RS
18 de novembro de 1962   Rio Grande do Sul 0 – 2   Grêmio Estádio da Baixada Rubra, Caxias do Sul, RS
25 de junho de 1969[24]   Rio Grande do Sul 1 – 1   Argentina Estádio Beira-Rio, Porto Alegre, RS
14 de maio de 1972   Rio Grande do Sul 3 – 2   Uruguai Estádio Beira-Rio, Porto Alegre, RS
17 de junho de 1972[25]   Rio Grande do Sul 3 – 3   Brasil Estádio Beira-Rio, Porto Alegre, RS
31 de outubro de 1973   Rio Grande do Sul 1 – 0   Haiti Estádio Sylvio Cator, Porto Príncipe, Haiti
13 de maio de 1973   Rio Grande do Sul 0 – 0   Uruguai Estádio Waldemar Fetter, Rio Grande, RS
9 de setembro de 1973   Rio Grande do Sul 0 – 5   Chile Estádio Nacional, Santiago, Chile
21 de maio de 1978   Rio Grande do Sul 1 – 1   México Estádio Beira-Rio, Porto Alegre, RS
25 de maio de 1978   Rio Grande do Sul 2 – 2   Brasil Estádio Beira-Rio, Porto Alegre, RS
4 de dezembro de 1980[26]   Rio Grande do Sul 1 – 2   Uruguai Estádio Luis Franzini, Montevidéu, Uruguai
19 de janeiro de 1983   Rio Grande do Sul 1 – 4   Brasil Estádio Beira-Rio, Porto Alegre, RS

Campeonato Brasileiro de SeleçõesEditar

Data Seleção Placar Adversário Local
1 23 de julho de 1922   Rio Grande do Sul 1 – 1   Paraná Estádio da Baixada do Água Verde, Curitiba, PR
2 25 de julho de 1922   Rio Grande do Sul 4 – 2   Paraná Estádio da Baixada do Água Verde, Curitiba, PR
3 2 de agosto de 1922   Rio Grande do Sul 2 – 4   São Paulo Estádio Chácara da Floresta, São Paulo, SP
4 6 de agosto de 1922   Rio Grande do Sul 0 – 2   Distrito Federal Estádio de General Severiano, Rio de Janeiro, RJ
5 10 de agosto de 1922   Rio Grande do Sul 0 – 1   Bahia Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ
6 23 de setembro de 1923   Rio Grande do Sul 1 – 4   São Paulo Estádio Parque Antarctica, São Paulo, SP
7 2 de agosto de 1925   Rio Grande do Sul 0 – 4   São Paulo Estádio Parque Antarctica, São Paulo, SP
8 3 de outubro de 1926   Rio Grande do Sul 5 – 2   Paraná Estádio Parque Antarctica, São Paulo, SP
9 10 de outubro de 1926   Rio Grande do Sul 3 – 5   São Paulo Estádio Parque Antarctica, São Paulo, SP
10 16 de outubro de 1927   Rio Grande do Sul 10 – 1   Pernambuco Estádio São Januário, Rio de Janeiro, RJ
11 23 de outubro de 1927   Rio Grande do Sul 6 – 0   Pará Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ
12 6 de novembro de 1927   Rio Grande do Sul 2 – 6   Distrito Federal Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ
13 11 de novembro de 1928   Rio Grande do Sul 6 – 4   Mato Grosso Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ
14 18 de novembro de 1928   Rio Grande do Sul 0 – 2   Paraná Estádio das Laranjeiras, Rio de Janeiro, RJ
15 24 de outubro de 1929   Rio Grande do Sul 3 – 3   Santa Catarina Estádio da Chácara das Camélias, Porto Alegre, RS
16 26 de outubro de 1929   Rio Grande do Sul 7 – 0   Santa Catarina Estádio da Chácara das Camélias, Porto Alegre, RS
17 15 de novembro de 1929   Rio Grande do Sul 0 – 9   São Paulo Estádio Parque Antarctica, São Paulo, SP
18 9 de agosto de 1931   Rio Grande do Sul 0 – 1   São Paulo Estádio Chácara da Floresta, São Paulo, SP
19 17 de março de 1935   Rio Grande do Sul 5 – 0   Minas Gerais Estádio de General Severiano, Rio de Janeiro, RJ
20 31 de março de 1935   Rio Grande do Sul 1 – 3   São Paulo Estádio Chácara da Floresta, São Paulo, SP
21 7 de junho de 1936   Rio Grande do Sul 3 – 3   Distrito Federal Estádio da Timbaúva, Porto Alegre, RS
22 14 de junho de 1936   Rio Grande do Sul 3 – 2   Distrito Federal Estádio dos Eucaliptos, Porto Alegre, RS
23 21 de junho de 1936   Rio Grande do Sul 2 – 2   Distrito Federal Estádio dos Eucaliptos, Porto Alegre, RS
24 16 de julho de 1936   Rio Grande do Sul 2 – 1   São Paulo Estádio da Timbaúva, Porto Alegre, RS
25 26 de julho de 1936   Rio Grande do Sul 1 – 3   São Paulo Estádio Parque Antarctica, São Paulo, SP
26 2 de agosto de 1936[27]   Rio Grande do Sul 1 – 2   São Paulo Estádio São Januário, Rio de Janeiro, RJ
27 19 de novembro de 1939   Rio Grande do Sul 2 – 2   Paraná Estádio da Timbaúva, Porto Alegre, RS
28 22 de novembro de 1939   Rio Grande do Sul 4 – 1   Paraná Estádio da Baixada, Porto Alegre, RS
29 3 de dezembro de 1939   Rio Grande do Sul 1 – 6   São Paulo Estádio Parque Antarctica, São Paulo, SP
30 22 de dezembro de 1940   Rio Grande do Sul 5 – 0   Paraná Estádio da Timbaúva, Porto Alegre, RS
31 29 de dezembro de 1940   Rio Grande do Sul 1 – 2   São Paulo Estádio do Pacaembu, São Paulo, SP
32 9 de novembro de 1941   Rio Grande do Sul 6 – 4   Santa Catarina Estádio da Montanha, Porto Alegre, RS
33 27 de novembro de 1941   Rio Grande do Sul 3 – 2   Pará Estádio do Pacaembu, São Paulo, SP
34 29 de novembro de 1941   Rio Grande do Sul 5 – 4   Minas Gerais Estádio do Pacaembu, São Paulo, SP
35 3 de dezembro de 1941   Rio Grande do Sul 2 – 7   São Paulo Estádio do Pacaembu, São Paulo, SP

Torneios amistososEditar

Data Seleção Placar Adversário Local Competição
23 de outubro de 1973   Rio Grande do Sul 0 – 0   Deportivo Cali Estádio Sylvio Cator, Porto Príncipe, Haiti Torneio de Porto Príncipe
25 de outubro de 1973   Rio Grande do Sul 0 – 1   Haiti Estádio Sylvio Cator, Porto Príncipe, Haiti Torneio de Porto Príncipe
15 de janeiro de 1974   Rio Grande do Sul 0 – 0   Newell's Old Boys Estádio Colosso da Lagoa, Erechim, RS Taça Atlântico-Sul
19 de janeiro de 1974   Rio Grande do Sul 2 – 1   Peñarol Estádio Paulo Coutinho, Carazinho, RS Taça Atlântico-Sul
22 de janeiro de 1974   Rio Grande do Sul 0 – 0   Nacional Estádio Colosso da Lagoa, Erechim, RS Taça Atlântico-Sul
25 de janeiro de 1974   Rio Grande do Sul 1 – 0   Racing Estádio Paulo Coutinho, Carazinho, RS Taça Atlântico-Sul
1º de fevereiro de 1974   Rio Grande do Sul 1 – 0   Avaí Estádio Paulo Coutinho, Carazinho, RS Taça Atlântico-Sul

TítulosEditar

Torneios amistososEditar

  • Taça Atlântico-Sul: 1974.[28]

Categorias de baseEditar

TreinadoresEditar

Treinador Período
  Telêmaco Frazão de Lima 1941
  Teté 1954-1957
  Ruarinho 1959
  Galego 1962
  Carlos Froner 1966
  Mendes Ribeiro 1971
  Aparício Viana e Silva 1972
  Aparício Viana e Silva 1978
  Milton Kuelle 1980
  Ênio Andrade 1983
  Paulo Sérgio Poletto 1987

Referências

  1. O Sul (2 de setembro de 2016). «Ex-técnico Carlos Froner será homenageado com 14 missas em São Leopoldo». Consultado em 26 de junho de 2020 
  2. Jornal dos Sports (1 de maio de 1966). «Dino e Gérson no meio campo da Seleção». Consultado em 26 de junho de 2020 
  3. Jornal dos Sports (2 de maio de 1966). «Seleção bate retranca com chutes de longe». Consultado em 26 de junho de 2020 
  4. Jornal dos Sports (1 de maio de 2016). «Há 50 anos, Tostão tinha a sua primeira vez pela Seleção no Maracanã». Consultado em 26 de junho de 2020 
  5. Correio da Manhã (19 de maio de 1971). «Amistoso no Sul». Consultado em 26 de junho de 2020 
  6. GloboEsporte.com (5 de agosto de 2012). «Confronto entre seleção brasileira e seleção gaúcha completa 40 anos». Consultado em 26 de junho de 2020 
  7. Correio do Povo (27 de março de 2019). «Especial 50 anos do Beira-Rio: Improvável união, o maior público da história do Beira-Rio». Consultado em 26 de junho de 2020 
  8. R7 (31 de agosto de 2017). «Em 1972, seleção brasileira jogou em Porto Alegre e foi vaiada». Consultado em 26 de junho de 2020 
  9. Diário da Tarde (7 de janeiro de 1974). «Taça Atlântico começa sábado. Sem o Paraná». Consultado em 26 de junho de 2020 
  10. UOL (25 de julho de 2005). «No Grêmio, surge a "Geração Esperança"». Consultado em 26 de junho de 2020 
  11. «Seleção Gaúcha Sub-17 enfrenta Uruguai» (Blog). Sports21. 17 de maio de 2011. Consultado em 20 de dezembro de 2012 
  12. «Comissão Técnica e Atletas Gremistas na Seleção Gaúcha Sub-17». Grêmio - Site Oficial. 15 de maio de 2011. Consultado em 20 de dezembro de 2012 
  13. «Seleção Gaúcha Sub-17 Vence o Uruguai». Grêmio - Site Oficial. 18 de setembro de 2009. Consultado em 20 de dezembro de 2012 
  14. «Juvenis do Grêmio na Seleção Gaúcha». Grêmio - Site Oficial. 9 de agosto de 2009. Consultado em 20 de dezembro de 2012 
  15. «Juniores são Convocados para Seleção Gaúcha». Grêmio - Site Oficial. 11 de dezembro de 2006. Consultado em 20 de dezembro de 2012 
  16. AUF (17 de dezembro de 2012). «Cuadrangular amistoso en Flores». Consultado em 26 de junho de 2020 
  17. GloboEsporte.com (20 de dezembro de 2012). «Segundo teste: Atlético-PR sub-23 encara seleção do Rio Grande do Sul». Consultado em 26 de junho de 2020 
  18. Confraria do Athlético (23 de dezembro de 2012). «Atlético encerra participação em torneio com empate diante da Seleção Sub_20 do Uruguai; 'um bom teste'». Consultado em 26 de junho de 2020 
  19. CBF (17 de dezembro de 2017). «Nos pênaltis, equipe do Rio Grande do Sul superou o Rio de Janeiro por 5 a 4 e levantou o troféu da segunda edição do torneio». Consultado em 26 de junho de 2020 
  20. A Noite (10 de agosto de 1925). «A tarde gaúcha». Consultado em 26 de junho de 2020 
  21. A Federação (27 de julho de 1931). «O selecionado gaúcho derrotou o Olympia por 5 a 0». Consultado em 26 de junho de 2020 
  22. A Noite (12 de dezembro de 1941). «A reação dos gaúchos salvou o espetáculo». Consultado em 10 de julho de 2020 
  23. Jornal Minuano (26 de fevereiro de 2008). «O dia em que o Bagé sacudiu o Estado». Consultado em 23 de dezembro de 2017 
  24. Correio da Manhã (15 de maio de 1969). «Gaúchos e argentinos empatam». Consultado em 23 de dezembro de 2017 
  25. Correio da Manhã (5 de agosto de 2012). «Confronto entre seleção brasileira e seleção gaúcha completa 40 anos». Consultado em 23 de dezembro de 2017 
  26. Asociación Uruguaya de Fútbol. «Uruguay 2-1 Sel. Gaúcha». Consultado em 3 de outubro de 2019 
  27. Correio de S.Paulo (3 de agosto de 1936). «Os paulistas são campeões brasileiros em 1936». Consultado em 2 de julho de 2020 
  28. Taça Atlântico Sul 1974 RSSSF, acessado em 19 de maio de 2017
  Este artigo sobre futebol é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.