Circuito de Zandvoort

(Redirecionado de Circuit Park Zandvoort)
Circuito de Zandvoort
Mapa do circuito.
Informação geral
Localização Zandvoort, Países Baixos
Fuso horário UTC+1
Capacidade 105 000
Licença FIA Grau 1
Proprietário Chapman Andretti Partners
Abertura 1939
Nome(s) anterior(es) Circuito de Park Zandvoort
Eventos principais Fórmula 1
GP dos Países Baixos
(1952–53, 1955, 1958–71, 1973–85, 2021–presente)

DTM
(2001–2018)

Circuito Grand Prix (2020–presente)
Superfície Asfalto
Comprimento do circuito 4,259 km (2,646 mi)
Curvas 14
Circuito Grand Prix (1999–2019)
Superfície Asfalto
Comprimento do circuito 4,307 km (2,676 mi)
Curvas 14
Volta mais rápida 1:22.849 (Klaas Zwart, Jaguar R5 F1, 2014, BOSS GP Series)
Circuito original (1948–1989)
Superfície Asfalto
Comprimento do circuito 4,252 km (2,642 mi)
Curvas 19
Volta mais rápida 1:16.538 (Alain Prost, McLaren-TAG, 1985, Fórmula 1)

O Circuito de Zandvoort (conhecido como Circuito de Park Zandvoort até 2017) é um autódromo localizado em Zandvoort, província da Holanda do Norte, nos Países Baixos.

HistóriaEditar

 
Traçado atual do circuito junto com o antigo.

O circuito, cujo traçado da pista foi desenhado por John Hugenholtz, foi inaugurado em 7 de agosto de 1948. No ano seguinte, foi realizado no circuito o Grande Prêmio de Zandvoort e em 1952 o primeiro Grande Prêmio dos Países Baixos de Fórmula 1. Apenas em: 1954, 1956, 1957 e 1972 não houve corridas no circuito.

O piloto que mais venceu foi o britânico Jim Clark com 4 vitórias e a equipe Ferrari com 8 vitórias.

O brasileiro Nelson Piquet fez a última pole para a equipe Brabham na categoria.

Em 25 de agosto de 1985 foi realizado o último Grande Prêmio dos Países Baixos, que teve como vencedor o austríaco Niki Lauda, que venceu pela última vez na categoria.

Atualmente, o circuito abriga provas da Fórmula 3, do Campeonato Mundial de Carros de Turismo e da DTM, entre outras competições. Em maio de 2019, foi oficialmente anunciado o retorno do Grande Prêmio dos Países Baixos a partir da temporada da Fórmula 1 de 2020.[1]

Vencedores de GPs de Fórmula 1 em ZandvoortEditar

O fundo rosa indica que a prova não fez parte do Campeonato Mundial de Fórmula 1.

Ano Vencedor Chassi/Motor Resumo
1985   Niki Lauda McLaren-TAG/Porsche Detalhes
1984   Alain Prost McLaren-TAG/Porsche Detalhes
1983   René Arnoux Ferrari Detalhes
1982   Didier Pironi Ferrari Detalhes
1981   Alain Prost Renault Detalhes
1980   Nelson Piquet Brabham-Ford Detalhes
1979   Alan Jones Williams Detalhes
1978   Mario Andretti Lotus-Ford Detalhes
1977   Niki Lauda Ferrari Detalhes
1976   James Hunt McLaren-Ford Detalhes
1975   James Hunt Hesketh-Ford Detalhes
1974   Niki Lauda Ferrari Detalhes
1973   Jackie Stewart Tyrrell-Ford Detalhes
Não houve em 1972
1971   Jacky Ickx Ferrari Detalhes
1970   Jochen Rindt Lotus-Ford Detalhes
1969   Jackie Stewart Matra-Ford Detalhes
1968   Jackie Stewart Matra-Ford Detalhes
1967   Jim Clark Lotus-Ford Detalhes
1966   Jack Brabham Brabham-Repco Detalhes
1965   Jim Clark Lotus-Climax Detalhes
1964   Jim Clark Lotus-Climax Detalhes
1963   Jim Clark Lotus-Climax Detalhes
1962   Graham Hill BRM Detalhes
1961   Wolfgang Von Trips Ferrari Detalhes
1960   Jack Brabham Cooper-Climax Detalhes
1959   Jo Bonnier BRM Detalhes
1958   Stirling Moss Vanwall Detalhes
Não houve em 1956 e 1957
1955   Juan Manuel Fangio Mercedes Detalhes
Não houve em 1954
1953   Alberto Ascari Ferrari Detalhes
1952   Alberto Ascari Ferrari Detalhes
1951   Louis Rosier Talbot-Lago Detalhes
1950   Louis Rosier Talbot-Lago Detalhes
1949   Luigi Villoresi Ferrari Detalhes
1948   Príncipe Bira Maserati Detalhes

Por pilotos que mais venceramEditar

Por equipes que mais venceramEditar

Por países que mais venceramEditar

↑1 Contabilizados somente os resultados válidos pelo mundial de F1.

Recordes em ZandvoortEditar

Ver tambémEditar

Ligações externasEditar

 
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Circuito de Zandvoort
  Este artigo sobre Automobilismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. «Holanda tem retorno confirmado ao calendário da Fórmula 1 em 2020». motorsport.uol.com.br. Motorsport Network. 14 de maio de 2019. Consultado em 14 de maio de 2019