Abrir menu principal

Wikipédia β

Copa do Brasil de Futebol de 2012

A Copa do Brasil de 2012 foi a 24ª edição dessa competição brasileira de futebol organizada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Disputada entre 7 de março e 11 de julho de 2012.[3]

Copa do Brasil de Futebol de 2012
Copa do Brasil de 2012
Logomarca oficial da Copa do Brasil utilizada desde 2009.
Logomarca oficial da Copa do Brasil utilizada desde 2009.
Dados
Participantes 64
Organização CBF
Local de disputa  Brasil
Período 7 de março11 de julho
Gol(o)s 319
Partidas 112
Média 2,85 gol(o)s por partida
Campeão São Paulo Palmeiras (2º título)
Vice-campeão Paraná Coritiba
Melhor marcador Luís Fabiano (São Paulo) – 8 gols
Maior goleada
(diferença)
Rio Branco-AC Acre 0 – 6 Minas Gerais Cruzeiro
Arena da FlorestaRio Branco
7 de março, Primeira fase
Público 944 677
Média 8 588 pessoas por partida
Premiações
Melhor jogador
(CBF)
BrasilBRA Marcos Assunção (Palmeiras)[1]
Melhor goleiro Bruno (Palmeiras)[2]
Melhor treinador Felipão (Palmeiras)
◄◄ Brasil 2011 Soccerball.svg 2013 Brasil ►►

Havia a possibilidade de uma mudança nessa edição com a participação dos clubes classificados para a Libertadores a partir de fases mais avançadas,[4] porém, o até então presidente da CBF, Ricardo Teixeira, anunciou que as modificações só aconteceriam na edição de 2013.[5] Assim, essa edição ainda contou com 64 participantes.[6]

O clube campeão foi o Palmeiras, que conquistou o título dessa competição pela segunda vez e a vaga para Libertadores 2013. Superou o Coritiba após derrotá-lo por 2 a 0 em Barueri e empatar a partida decisiva no Couto Pereira por 1 a 1. O título foi conquistado de forma invicta,[7] tendo também o melhor ataque da competição (23 gols) e a melhor defesa com uma média de apenas 0,54 gols sofridos por jogo[i].

  • i. ^ Entende-se como melhor defesa a equipe que teve a menor média de gols sofridos por jogo.

Índice

ParticipantesEditar

Estaduais e seletivasEditar

UF Clube Forma de Classificação
  Acre Rio Branco Campeão do Estadual 2011
  Alagoas ASA Campeão do Estadual 2011
Coruripe Vice-campeão do Estadual 2011
  Amapá Trem Campeão do Estadual 2011
  Amazonas Penarol Campeão do Estadual 2011
Nacional Vice-campeão do Estadual 2011
  Bahia Bahia de Feira Campeão do Estadual 2011
Vitória Vice-campeão do Estadual 2011
  Ceará Ceará Campeão do Estadual 2011
Horizonte Campeão da Copa Fares Lopes de 2011
  Distrito Federal Brasiliense Campeão do Metropolitano 2011
Gama Vice-campeão do Metropolitano 2011
  Espírito Santo São Mateus Campeão do Estadual 2011
Real Noroeste Campeão da Copa Espírito Santo 2011
  Goiás Atlético Goianiense Campeão do Estadual 2011
Goiás Vice-campeão do Estadual 2011
  Maranhão Sampaio Corrêa Campeão do Estadual 2011
Santa Quitéria Vice-campeão da Copa União 2011
  Mato Grosso Cuiabá Campeão do Estadual 2011
Luverdense Campeão da Copa Governador de Mato Grosso de 2011
  Mato Grosso do Sul CENE Campeão do Estadual 2011
Aquidauanense Vice-campeão do Estadual 2011
  Minas Gerais Cruzeiro Campeão do Estadual 2011
Atlético Mineiro Vice-campeão do Estadual 2011
Ipatinga Campeão da Taça Minas Gerais 2011
  Pará Independente Campeão do Estadual 2011
Paysandu Vice-campeão do Estadual 2011
  Paraíba Treze Campeão do Estadual 2011
Auto Esporte Campeão da Copa Paraíba 2011
  Paraná Coritiba Campeão do Estadual 2011
Atlético Paranaense Vice-campeão do Estadual 2011
Operário 3º colocado do Estadual 2011
  Pernambuco Santa Cruz Campeão do Estadual 2011
Sport Vice-campeão do Estadual 2011
  Piauí 4 de Julho Campeão do Estadual 2011
Comercial Vice-campeão do Estadual 2011
  Rio de Janeiro Botafogo 3º colocado do Estadual 2011
Boavista 4º colocado do Estadual 2011
Madureira Campeão da Copa Rio 2011
  Rio Grande do Norte ABC Campeão do Estadual 2011
Santa Cruz Vice-campeão do Estadual 2011
  Rio Grande do Sul Grêmio Vice-campeão do Estadual 2011
Juventude 3º colocado do Estadual 2011
Sapucaiense 3º colocado da Copa FGF de 2010
  Rondônia Espigão Campeão do Estadual 2011
  Roraima Real Campeão do Estadual 2011
  São Paulo Palmeiras 3º colocado do Estadual 2011
São Paulo 4º colocado do Estadual 2011
Paulista Campeão da Copa Paulista 2011
  Santa Catarina Chapecoense Campeão do Estadual 2011
Criciúma Vice-campeão do Estadual 2011
  Sergipe River Plate Campeão do Estadual 2011
São Domingos Vice-campeão do Estadual 2011
  Tocantins Gurupi Campeão do Estadual 2011

RankingEditar

Com a definição dos 54 representantes das federações estaduais, 10 clubes são apurados pelo Ranking da CBF

Ranking atualizado em 13 de dezembro de 2011[8]

Pos. Clube UF Pontos
14º Bahia   BA 1.586
16º Guarani   SP 1.547
18º Portuguesa   SP 1.446
21º Náutico   PE 1.308
23º Paraná   PR 1.110
25º Ponte Preta   SP 1.087
27º Remo   PA 855
28º Fortaleza   CE 845
29º América de Natal   RN 742
32º América Mineiro   MG 656

ConfrontosEditar

Na primeira e segunda fases, o time melhor qualificado no ranking nacional joga a primeira partida como visitante. Caso este time vença a partida por 2 ou mais gols de diferença, estará automaticamente classificado para a próxima fase.

A partir das oitavas-de-final, a ordem dos jogos será definida por sorteio e a partida de volta é obrigatória.

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto.

  1ª fase 2ª fase Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Finais
                                                         
   Palmeiras 1 3  
   Coruripe 0 0  
     Palmeiras 3  
     Horizonte 1  
   América de Natal 0 2 (2)
   Horizonte (pen) 2 0 (4)  
     Palmeiras 2 4  
     Paraná 1 0  
   Ceará 2  
   Gama 0  
     Ceará 2 1
     Paraná (gf) 2 1  
   Paraná 2 2
   Luverdense 2 0  
     Palmeiras 2 2  
     Atlético Paranaense 2 0  
   Cruzeiro 6  
   Rio Branco-AC 0  
     Cruzeiro 1 4
     Chapecoense 1 1  
   Chapecoense 1 3
   São Mateus 2 1  
     Cruzeiro 0 1
     Atlético Paranaense 1 2  
   Atlético Paranaense (gf) 1 1  
   Sampaio Corrêa 2 0  
     Atlético Paranaense 2 5
     Criciúma 1 1  
   Criciúma 2
   Madureira 0  
     Palmeiras 2 1  
     Grêmio 0 1  
   Grêmio 3 3  
   River Plate-SE 2 1  
     Grêmio 1 3  
     Ipatinga 0 0  
   Ipatinga 2
   Real Noroeste 0  
     Grêmio 2 2  
     Fortaleza 0 0  
   Náutico 3  
   Santa Cruz-RN 1  
     Náutico 0 2
     Fortaleza 4 1  
   Fortaleza 3 3
   Comercial-PI 2 0  
     Grêmio 2 2
     Bahia 1 0  
   Bahia 3  
   Auto Esporte-PB 0  
     Bahia 1 4
     Remo 2 0  
   Remo 0 3
   Real 0 0  
     Bahia 0 2
     Portuguesa 0 0  
   Portuguesa 1 4  
   Cuiabá 1 0  
     Portuguesa 0 4
     Juventude 2 0  
   Juventude 4
   Operário-PR 0  
     Palmeiras 2 1
       Coritiba 0 1
   São Paulo 1 4
   Independente 0 0  
     São Paulo 5  
     Bahia de Feira 2  
   Bahia de Feira 0 2
   Aquidauanense 1 0  
     São Paulo 0 3  
     Ponte Preta 1 1  
   Atlético Goianiense 1 4  
   Gurupi 0 2  
     Atlético Goianiense 2 1 (3)
     Ponte Preta (pen) 1 2 (4)  
   Ponte Preta 0 5
   Sapucaiense 0 2  
     São Paulo 2 2  
     Goiás 0 2  
   Atlético Mineiro 3  
   CENE 1  
     Atlético Mineiro 5
     Penarol 0  
   Santa Cruz 2 2
   Penarol (gf) 1 3  
     Atlético Mineiro 0 2
     Goiás 2 1  
   América Mineiro 0 2  
   Boavista 0 1  
     América Mineiro 0 3
     Goiás 0 4  
   Goiás 3 3
   Paulista 2 0  
     São Paulo 1 0
   Coritiba 0 2  
   Coritiba 0 2  
   Nacional-AM 0 0  
     Coritiba 0 3  
     ASA 1 0  
   ASA 3 2
   Santa Quitéria 2 1  
     Coritiba 4 1  
     Paysandu 1 0  
   Sport 2  
   4 de Julho 0  
     Sport 1 1
     Paysandu 2 4  
   Paysandu 3
   Espigão 1  
     Coritiba 0 4
     Vitória 0 1  
   Botafogo (pen) 1 1 (3)  
   Treze 1 1 (2)  
     Botafogo 2 0
     Guarani 1 0  
   Guarani 0 3
   Brasiliense 2 0  
     Botafogo 1 1
     Vitória 1 2  
   Vitória 0 2  
   São Domingos 0 0  
     Vitória 1 3
     ABC 1 2  
   ABC 5
   Trem 0  

PremiaçãoEditar

Copa do Brasil de 2012
 
PALMEIRAS
Campeão
(2º título)

Maiores públicosEditar

Esses são os dez maiores públicos da Copa do Brasil 2012:[9]

Público[i] Mandante Placar Visitante Estádio Data Rodada
1 43.508   Grêmio 0–2   Palmeiras Olímpico 13 de junho Semifinais
2 40.448   São Paulo 1–0   Coritiba Morumbi 14 de junho Semifinais
3 37.482   Grêmio 2–0   Bahia Olímpico 24 de maio Quartas-de-final
4 36.515   Paysandu 0–1   Coritiba Mangueirão 3 de maio Oitavas-de-final
5 31.382   Coritiba 1–1   Palmeiras Couto Pereira 11 de julho Finais
6 28.557   Palmeiras 2–0   Coritiba Arena Barueri 5 de julho Finais
7 26.255   Palmeiras 1–1   Grêmio Arena Barueri 21 de junho Semifinais
8 26.238   São Paulo 3–1   Ponte Preta Morumbi 10 de maio Oitavas-de-final
9 25.485   Coritiba 2–0   São Paulo Couto Pereira 20 de junho Semifinais
10 23.449   Remo 2–1   Bahia Mangueirão 11 de abril 2ª fase
  • i. ^ Considera-se apenas o público pagante

ArtilheirosEditar