Portal:Estados Unidos

(Redirecionado de Portal:EUA)
Logo do Portal dos Estados Unidos

O Portal dos Estados Unidos

Os Estados Unidos da América (em inglês: United States of America; pronunciado: [juːˈnaɪ.təd ˈsteɪʦ əv əˈmɛ.ɻɪ.kə]), ou simplesmente Estados Unidos (Loudspeaker.svg? United States), são uma república constitucional federal composta por 50 estados e um distrito federal. A maior parte do país situa-se na região central da América do Norte, formada por 48 estados e o Distrito de Colúmbia, o distrito federal da capital. Banhado pelos oceanos Pacífico e Atlântico, faz fronteira com o Canadá ao norte e com o México ao sul. O estado do Alasca está no noroeste do continente, fazendo fronteira com o Canadá no leste e com a Rússia a oeste, através do estreito de Bering. O estado do Havaí é um arquipélago no Pacífico Central. O país também possui vários outros territórios no Caribe e no Oceano Pacífico. Com 9,37 milhões de km² de área e uma população de mais de 300 milhões de habitantes, o país é o quarto maior em área total, o quinto maior em área contígua e o terceiro em população. Os Estados Unidos são uma das nações mais multiculturais e etnicamente diversas do mundo, produto da forte imigração vinda de muitos países. Sua geografia e sistemas climáticos também são extremamente diversificados, com desertos, planícies, florestas e montanhas que abrigam uma grande variedade de espécies.

Artigo destacado

Insígnia oficial do programa conjunto Mir-Shuttle.

Programa Shuttle-Mir ou Programa Mir-Shuttle (em inglês: Shuttle-Mir Program ou International Space Station Phase One; em russo: Программа Мир — Шаттл) foi um programa espacial conjunto entre a Rússia e os Estados Unidos que teve o objetivo de realizar missões do ônibus espacial à estação orbital russa Mir e transportar cosmonautas russos nos ônibus espaciais e astronautas norte-americanos nas naves Soyuz, para participarem de temporadas de longa duração em órbita terrestre.

O Programa, também chamado por vezes de 'Fase Um', pretendia permitir aos Estados Unidos aprender com os russos sobre voos de longa duração e aumentar o espírito de cooperação entre as agências espaciais das duas superpotências, a NASA e a Roscosmos. Ele prepararia o caminho para a 'Fase Dois', especificamente, a futura construção da Estação Espacial Internacional (ISS).

Anunciado em 1993 e com sua primeira missão realizada em 1994, o Programa teve a duração de quatro anos, até 1998, início da construção da ISS. Nele foram realizados onze missões dos ônibus espaciais, um voo conjunto com uma nave Soyuz e cerca de mil dias passados no espaço por astronautas norte-americanos na Mir. Em seus quatro anos de existência, muitos primeiros foram conquistados no espaço pelas duas nações, entre eles o primeiro astronauta a fazer 'caminhadas espaciais' em trajes russos e o primeiro norte-americano a subir ao espaço numa nave Soyuz.

Houve, entretanto, alguns percalços, causados particularmente pela segurança na estação Mir após um incêndio e uma colisão a bordo, por problemas financeiros no programa espacial russo e receio dos astronautas com relação a atitudes dos administradores do Programa. De qualquer maneira, uma grande quantidade de conhecimento científico, de experiência para a construção de estações e de conhecimento para trabalhar conjuntamente no espaço em objetivos futuros foi assimilado durante as operações combinadas, permitindo que a construção da ISS fosse realizada de maneira bem mais tranquila e eficiente do que se imaginava anteriormente.

Você sabia que?


Biografia social selecionada

Monroe em 1953.

Marilyn Monroe (nascida Norma Jeane Mortenson; Los Angeles, — Brentwood, ) foi uma atriz, modelo e cantora norte-americana. Como estrela de cinema de Hollywood, é um dos maiores símbolos sexuais do século XX, imortalizada pelos cabelos loiros e as suas formas voluptuosas. Inicialmente, ficou famosa por interpretar personagens cômicos, tornando-se sucesso no cinema. Apesar de sua carreira ter durado apenas uma década, seus filmes arrecadaram mais de duzentos milhões de dólares até sua morte inesperada em 1962. Mais de cinquenta anos após sua morte, continua sendo considerada um dos maiores ícones da cultura popular.

Nascida e criada em Los Angeles, Marilyn passou a maior parte de sua infância em lares adotivos e em um orfanato, além de ter casado pela primeira vez com apenas dezesseis anos. Em 1944, trabalhava numa companhia de aviação que fabricava drones para uso na Segunda Guerra Mundial, quando conheceu um fotógrafo da First Motion Picture Unit e iniciou uma carreira notável como modelo pin-up, o que a ajudou a fechar contratos para filmes de curta-metragem promovidos pela 20th Century Fox (1946–1947) e a Columbia Pictures (1948). Após uma série de papéis em filmes pequenos, assinou um novo contrato com a Fox. Rapidamente se tornou uma atriz popular com papéis em diversas comédias, incluindo Sempre Jovem (1951) e O Inventor da Mocidade (1952), além dos dramas Só a Mulher Peca (1952) e Almas Desesperadas (1952). Nesta época, Marilyn causou escândalo quando descobriram que posara para fotos nuas antes de se tornar atriz, mas isso acabou aumentando ainda mais o interesse do público por seus filmes.

Em 1953, Marilyn era uma das estrelas mais bem-sucedidas de Hollywood, sendo a protagonista em três filmes; o noir Torrentes de Paixão, que destacou seu apelo sexual, e as comédias Os Homens Preferem as Loiras e Como Agarrar um Milionário. Embora tenha desempenhado um papel importante na criação e gestão de sua própria imagem pública, estava decepcionada por seu trabalho não ter sido valorizado pelo estúdio. Foi brevemente suspensa no início de 1954 por recusar um projeto de filme, mas voltou a estrelar num dos maiores sucessos de bilheteria de sua carreira, O Pecado Mora ao Lado (1955). Quando o estúdio ainda estava relutante em modificar os termos de seu contrato, Marilyn fundou sua própria empresa de produção cinematográfica, a Marilyn Monroe Productions (MMP). Buscando aprimorar seu desempenho como atriz, começou a estudar método de interpretação no Actors Studio. Logo em seguida, a Fox assinou um novo contrato, que lhe trouxe mais controle sobre a sua carreira, e um aumento de salário. Depois de seu desempenho ser aclamado pela crítica em Nunca fui santa (1956), e atuando na primeira produção independente de MMP, The Prince and the Showgirl (1957), ganhou o Globo de Ouro de Melhor Atriz por Some Like It Hot (1959). Seu último filme completo foi o drama The Misfits (1961).

A conturbada vida particular de Marilyn Monroe sempre despertou muito interesse; durante a carreira, lutou contra o vício, a depressão e a ansiedade. Além disso, teve dois casamentos altamente midiáticos: com o jogador de beisebol Joe DiMaggio e com o dramaturgo Arthur Miller, ambos terminados em divórcio. A atriz também provocou controvérsia por ter sido cogitada como amante do então presidente dos Estados Unidos, John F. Kennedy, apesar de nada ter sido provado. Morreu aos 36 anos de uma overdose de barbitúricos na sua casa, em Los Angeles, no dia 5 de agosto de 1962. Embora a morte seja considerada como um provável suicídio, surgiram várias teorias da conspiração sobre um possível homicídio.

Citação selecionada

Aniversários para fevereiro 25

Imagem selecionada

Local selecionado

Minnesota ou Minesota[1] é um dos 50 Estados dos Estados Unidos, localizado na região norte do país. É o maior estado da região centro-oeste dos Estados Unidos em extensão territorial. É o maior centro financeiro, imobiliário e industrial da região. As cidades de Saint Paul - a capital do Minnesota - e Minneapolis - a mais populosa cidade do estado - são os núcleos de uma região metropolitana que abriga mais de 60% da população de Minnesota, e é o maior pólo financeiro, industrial, comercial e de transportes da região centro-oeste.

Minnesota é também um grande produtor de produtos agropecuários. O solo da região sul de Minnesota é um dos mais férteis do mundo, e é uma das líderes nacionais na produção de trigo e soja. O estado também possui um dos maiores rebanhos de gado bovino do país, e é um dos líderes nacionais na produção de leite dos Estados Unidos. Muito deste leite é utilizado para a fabricação de queijo e manteiga, dos quais Minnesota é o maior produtor nacional.

Minnesota fez inicialmente parte da colônia francesa de Nova França, embora os franceses pouco se esforçaram em povoar a região. Em 1763, a região do atual Minnesota passou sob os termos do Tratado de Paris para controle britânico. Após a independência dos Estados Unidos, em 1783, a região sul de Minnesota passou a controle norte-americano, enquanto a região norte passou a controle espanhol. Esta última região passaria novamente a controle francês em 1800, e anexada pelos Estados Unidos em 1803, na Compra da Luisiana. Em 3 de março de 1849, o Território de Minnesota foi fundado. Em 11 de maio de 1858, Minnesota tornou-se o 32° estado norte-americano.

O estado é conhecido relativamente por suas contrastantes orientações sociais e políticas, e tem uma alta taxa de participação cívica e participação dos eleitores. Minnesota está entre os mais saudáveis ​​estados, e tem uma população altamente alfabetizada. A grande maioria dos moradores são descendentes de escandinavos e alemães. É conhecido ainda como um centro da cultura americana escandinava. A diversidade étnica tem aumentado nas últimas décadas. Influxos substanciais dos imigrantes africanos, asiáticos e dos latino-americanos uniram-se aos dos descendentes de imigrantes europeus e os habitantes nativos americanos.

A palavra Minnesota vem de duas palavras sioux, mine, que significa "água", e sota, que significa "cor do céu". A expressão mine-sota ("águas cor de céu") era usada pelos sioux para descrever o rio Minnesota. O cognome mais conhecido do Minnesota é The Gopher State. Gopher é o nome em inglês de um roedor da família Geomyidae, comuns na região, que podem causar grandes prejuízos para colheitas em geral. O cognome popularizou-se em 1857, em uma caricatura que mostrava tais roedores representando magnatas ferroviários desonestos e inescrupulosos. Outro cognome conhecido do Minnesota é Bread-and-Butter State (estado do pão e manteiga), em razão de o estado ser um dos maiores produtores de trigo e o maior produtor de manteiga do país. Um dos mais famosos cognomes, no entanto, é A terra dos dez mil lagos.

Biografia cultural selecionada

Miller James Huggins (27 de março de 1878 - 25 de setembro de 1929) foi um jogador e gerente profissional de beisebol americano. Huggins jogou na segunda base do Cincinnati Reds (1904–1909) e do St. Louis Cardinals (1910–1916). Ele gerenciou o Cardinals (1913–1917) e o New York Yankees (1918–1929), incluindo os times Murderers 'Row da década de 1920 que ganharam seis flâmulas da American League (AL) e três campeonatos da World Series.

Huggins nasceu em Cincinnati. Ele formou-se em direito pela Universidade de Cincinnati, onde também foi capitão do time de beisebol. Em vez de servir como advogado, Huggins escolheu seguir uma carreira profissional no beisebol. Ele jogou beisebol semiprofissional e da liga secundária de 1898 a 1903, quando assinou com os Reds .

Como jogador, Huggins era adepto de chegar à base. Ele também foi um excelente jogador de segunda base, ganhando os apelidos de "Rabbit", "Little Everywhere" e "Mighty Mite" por suas proezas defensivas e mais tarde foi considerado um treinador inteligente que entendia os fundamentos do jogo. Apesar de colocar equipes bem-sucedidas no Yankees na década de 1920, ele continuou a fazer mudanças de pessoal para manter a superioridade de suas equipes na AL. Ele foi eleito para o Hall da Fama do Beisebol Nacional pelo Comitê de Veteranos em 1964.

Notícias

Categorias

Panorama selecionado

Conteúdo em destaque

Tópicos

História CronologiaEra pré-colombianaPeriodo colonialTreze ColôniasDeclaração da IndependênciaRevolução AmericanaExpansão estadounidenseGuerra CivilReconstrução dos Estados UnidosPrimeira Guerra MundialGrande DepressãoSegunda Guerra MundialGuerra da CoreiaGuerra FriaGuerra do VietnãMovimento do direitos civisGuerra ao TerrorRelações estrangeirasMilitarDemográficaIndustrialInvenções e descobertasPostal

Governo Lei (ConstituiçãoDeclaração dos Direitos dos Estados UnidosSeparação de poderes) • Poder legislativo (CâmaraSenado) • Poder executivo (GabineteAgências federais) • Poder judiciário (Suprema CorteApelação) • Aplicação da lei (DoJFBI) • Inteligência (CIADIANSA) • Forças armadas (ExércitoMarinhaFuzileiros navaisForça aéreaGuarda costeira) • Bandeira

Política Partidos políticos (DemocratasRepublicanos) • Eleições (Colégio Eleitoral) • Ideologias políticasEscândalos políticosEstados vermelhos e estados azuisTio SamMovimento de independência porto-riquenha

Geografia (book) Divisões políticasTerritóriosEstadosCidadesCondadosRegiões (Nova InglaterraMédio-AtlânticoThe SouthCentro-OesteGrandes PlaníciesNoroesteSudoeste) • Montanhas (ApalachesRochosas) • Rios (MississippiColorado) • IlhasPontos extremosSistema Nacional de ParquesAbastecimento de água e saneamento

Sino da Liberdade

Economia DólarCompaniesWall StreetFederal ReserveBancosStandard of living (Personal & Household incomeIncome inequalityHomeownership) • ComunicaçõesTransportes (CarsTrucksHighwaysAeroportosRailroads) • Turismo

Sociedade Demografias (book A, B) • Línguas (Inglês americanoEspanhol) • ReligiãoSocial class (Sonho AmericanoAffluenceMiddle classPovertyEducational attainmentProfessional and working class conflict) • MediaEducaçãoHolidaysCrimePrisonsHealth careEsporte

Cultura Música (ClassicalFolkPopularJazz) • TeatroCinema & TV (Hollywood) • Literatura (American FolklorePoetryTranscendentalismoHarlem RenaissanceGeração Beat) • FilosofiaArtes visuais • (Expressionismo abstrato) • CulináriaDanceArchitectureFashion

Questões sociais Ação afirmativaExcepcionalismo americanoAntiamericanismoPena de mortePolítica de drogas & Lei secaAmbientalismoDireitos humanosImigraçãoBarreira México–Estados UnidosObesityPornografiaPerfilamento racialSame-sex marriageAbortionAdolescent sexualityRacismo

Wikipédia Livros Estados Unidos

Listas

Listas dos Estados Unidos

Cultura

Educação

Economia

Geografia

Governo

História

Lei

Mídia

História natural

Statue of Liberty

Pessoas

Áreas protegidas

Religião

Transporte

Portais relacionados





Territórios fronteiriços

Aqueles listados em negrito itálico são Portais em destaque.

Wikimedia

Fontes

Notas

  1. Correia, Paulo (Direção-Geral da Tradução – Comissão Europeia) (Verão de 2015). «Os estados dos Estados Unidos da América» (PDF). «a folha» – Boletim da língua portuguesa nas instituições europeias (n.º 48). ISSN 1830-7809. Consultado em 24 de setembro de 2015 

Purgar cache do servidor