Lista de ministros do Comércio de Portugal

artigo de lista da Wikimedia

Esta é uma lista de ministros detentores da pasta do Comércio em Portugal, entre a criação do Ministério do Comércio a 25 de abril de 1917 e a extinção do Ministério do Comércio e Turismo a 25 de outubro de 1995, com a tomada de posse do XIII Governo Constitucional. Para os ministros das das Obras Públicas, Comércio e Indústria (1852–1910) e do Fomento (1910–1917), que efetivamente detiveram a pasta do Comércio integrada nos seus ministérios, veja-se a lista de ministros das Obras Públicas de Portugal.

Bandeira de ministro de Portugal.
António Barreto, primeiro ministro do Comércio do regime democrático enquanto ministro do Comércio e Turismo do I Governo Constitucional.

A lista cobre a Primeira República (1910–1926), o período ditatorial da Ditadura Militar, Ditadura Nacional e Estado Novo (1926–1974) e o atual período democrático (1974–atualidade)

DesignaçãoEditar

Entre 1852 e 1917, a pasta do Comércio esteve integrada nos seguintes ministérios:

Entre 1917 e 2011, o cargo de ministro do Comércio teve as seguintes designações:

  • Ministro do Comércio — designação usada entre 5 de novembro de 1917 e 9 de maio de 1919;
  • Ministro do Comércio e Comunicações — designação usada entre 9 de maio de 1919 e 5 de julho de 1932;
  • Ministro do Comércio, Indústria e Agricultura — designação usada entre 5 de julho de 1932 e 24 de julho de 1933;
  • Ministro do Comércio e Indústria — designação usada entre 24 de julho de 1933 e 28 de agosto de 1940;
  • integrado no Ministério da Economia — entre 28 de agosto de 1940 e 15 de março de 1974;
  • integrado no Ministério das Finanças e da Coordenação Económica — entre 15 de março de 1974 e 25 de abril de 1974;
  • integrado no Ministério da Coordenação Económica — entre 16 de maio de 1974 e 17 de julho de 1974;
  • integrado no Ministério da Economia — entre 17 de julho de 1974 e 26 de março de 1975;
  • Período de separação entre o Comércio Externo e o Comércio Interno (26 de março de 1975 a 23 de julho de 1976)
    • Comércio Externo
      • Ministro do Comércio Externo — designação usada entre 26 de março de 1975 e 23 de julho de 1976
    • Comércio Interno
  • Ministro do Comércio e Turismo — designação usada entre 23 de julho de 1976 e 4 de setembro de 1981;
  • Segundo período de separação entre o Comércio Externo e o Comércio Interno (4 de setembro de 1981 e 9 de junho de 1983)
    • Comércio Interno
      • Ministro da Agricultura, Comércio e Pescas — designação usada entre 4 de setembro de 1981 e 9 de junho de 1983
    • Comércio Externo
  • Ministro do Comércio e Turismo — designação usada entre 9 de junho de 1983 e 6 de novembro de 1985;
  • Ministro da Indústria e Comércio — designação usada entre 6 de novembro de 1985 e 17 de agosto de 1987;
  • Ministro do Comércio e Turismo — designação usada entre 17 de agosto de 1987 e 28 de outubro de 1995;
  • integrado no Ministério da Economia — entre 28 de outubro de 1995 e 17 de julho de 2004;
  • integrado no Ministério das Atividades Económicas e do Trabalho — entre 17 de julho de 2004 e 12 de março de 2005;
  • integrado no Ministério da Economia e da Inovação — entre 12 de março de 2005 e 26 de outubro de 2009;
  • integrado no Ministério da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento — entre 26 de outubro de 2009 e 21 de junho de 2011;
  • integrado no Ministério da Economia e do Emprego — entre 21 de junho de 2011 e 24 de julho de 2013;
  • integrado no Ministério da Economia — entre 24 de julho de 2013 e a atualidade.

NumeraçãoEditar

Para efeitos de contagem, regra geral, não contam os ministros interinos em substituição de um ministro vivo e em funções. Já nos casos em que o cargo é ocupado interinamente, mas não havendo um ministro efetivamente em funções, o ministro interino conta para a numeração. Os casos em que o ministro não chega a tomar posse não são contabilizados. Os períodos em que o cargo foi ocupado por órgãos coletivos também não contam na numeração desta lista.

São contabilizados os períodos em que o ministro esteve no cargo ininterruptamente, não contando se este serve mais do que um mandato consecutivo, e não contando ministros provisórios durante os respetivos mandatos. Ministros que sirvam em períodos distintos são, obviamente, distinguidos numericamente. No caso de Ernesto Navarro, cujo mandato é interrompido pelo do não empossado Jorge de Vasconcelos Nunes, sendo reconduzido no cargo no próprio dia, conta apenas como uma passagem pelo ministério.

ListaEditar

Monarquia Constitucional (1830–1834)Editar

# Pasta do Comércio Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
Serviços integrados no Ministério das Obras Públicas, Comércio e Indústria
(ver: Lista de ministros das Obras Públicas de Portugal)
  30 de agosto de 1852 5 de outubro de 1910 ——

Primeira República (1911–1926)Editar

# Pasta do Comércio Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
Governo Provisório (1910–1911)
Serviços integrados no Ministério das Obras Públicas, Comércio e Indústria
(ver: Lista de ministros das Obras Públicas de Portugal)
  5 de outubro de 1910 10 de outubro de 1910 ——
Serviços integrados no Ministério do Fomento
(ver: Lista de ministros das Obras Públicas de Portugal)
  10 de outubro de 1910 3 de setembro de 1911
Governos Constitucionais (1911–1917)
Serviços integrados no Ministério do Fomento
(ver: Lista de ministros das Obras Públicas de Portugal)
  4 de setembro de 1911 5 de novembro de 1917 ——
# Ministro do Comércio
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
1 Herculano Jorge Galhardo
(1868–1944)
  5 de novembro de 1917 8 de dezembro de 1917  
XIV
Costa
República Nova (1917–1918)
Junta Revolucionária
composta por:
Sidónio Bernardino Cardoso da Silva Pais (Presidente)
António Maria de Azevedo Machado Santos (Vogal)
José Feliciano da Costa Júnior (Vogal)
  8 de dezembro de 1917 11 de dezembro de 1917  
——
2 Francisco Xavier Esteves
(1864–1944)
  11 de dezembro de 1917 7 de março de 1918  
XV
Pais
3 Manuel José Pinto Osório
(1870–1963)
  7 de março de 1918 3 de maio de 1918  
Francisco Xavier Esteves
(interino)
(1864–1944)
  3 de maio de 1918 15 de maio de 1918[nota 2]
# Secretário de Estado do Comércio
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
4 Joaquim Mendes do Amaral
(1889–1961)
  15 de maio de 1918 8 de outubro de 1918  
XVI
Pais
5 João Alberto Pereira de Azevedo Neves
(1877–1955)
  8 de outubro de 1918 16 de dezembro de 1918
# Ministro do Comércio
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
João Alberto Pereira de Azevedo Neves
(continuação)
(1877–1955)
  16 de dezembro de 1918 23 de dezembro de 1918  
XVI
Pais
(até 14 dez. 1918)
Canto e Castro
(desde 15 dez. 1918)
Governos Constitucionais (1918–1926)
João Alberto Pereira de Azevedo Neves
(continuação)
(1877–1955)
  23 de dezembro de 1918 27 de janeiro de 1919  
XVII
Tamagnini Barbosa
 
XVIII
Tamagnini Barbosa
6 Manuel José Pinto Osório
(2.ª vez)
(1870–1963)
  27 de janeiro de 1919 15 de fevereiro de 1919  
XIX
Relvas
João Henriques Pinheiro
(interino)
(1881–1946)
  15 de fevereiro de 1919 data indeterminada
(antes de 22 de fevereiro de 1919)
Manuel José Pinto Osório
(2.ª vez continuação)
(1870–1963)
  data indeterminada
(antes de 22 de fevereiro de 1919)
25 de fevereiro de 1919
7 Júlio Augusto do Patrocínio Martins
(1878–1922)
  25 de fevereiro de 1919 9 de maio de 1919  
XIX
Relvas
 
XX
Pereira
# Ministro do Comércio e Comunicações
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato
Júlio Augusto do Patrocínio Martins
(continuação)
(1878–1922)
  9 de maio de 1919 29 de junho de 1919
8 Ernesto Júlio Navarro
(1876–1938)
  29 de junho de 1919 15 de janeiro de 1920  
XXI
Sá Cardoso
Jorge de Vasconcelos Nunes
(não empossado)
(1878–1936)
  15 de janeiro de 1920  
XXII
Fernandes Costa
(não empossado)
Ernesto Júlio Navarro
(reconduzido)
(1876–1938)
  15 de janeiro de 1920 21 de janeiro de 1920  
XXI
Sá Cardoso
9 Jorge de Vasconcelos Nunes
(1878–1936)
  21 de janeiro de 1920 8 de março de 1920  
XXIII
Pereira
10 Aníbal Lúcio de Azevedo
(1876–1952)
  8 de março de 1920 26 de junho de 1920  
XXIV
Baptista
(até 6 jun. 1920)
Ramos Preto
(desde 6 jun. 1920)
11 José Domingues dos Santos
(1887–1958)
  26 de junho de 1920 19 de julho de 1920  
XXV
Silva
12 Francisco Gonçalves Velhinho Correia
(1882–1943)
  19 de julho de 1920 20 de novembro de 1920  
XXVI
Granjo
13 António Joaquim Ferreira da Fonseca
(1887–1937)
  20 de novembro de 1920 23 de maio de 1921  
XXVII
A. Castro
 
XXVIII
Pinto
 
XXIX
Machado
14 António Joaquim Granjo
(1881–1921)
  23 de maio de 1921 24 de maio de 1921  
XXX
Barros Queirós
15 Francisco José de Meneses Fernandes Costa
(1857–1925)
  24 de maio de 1921 12 de outubro de 1921  
XXX
Barros Queirós
 
XXXI
Granjo
16 António Augusto Curson
(1873–1956)
  12 de outubro de 1921 19 de outubro de 1921
17 António Augusto Pires de Carvalho
(1864–1947)
  19 de outubro de 1921 5 de novembro de 1921  
XXXII
Coelho
18 Vasco Borges
(1882–1942)
  5 de novembro de 1921 16 de dezembro de 1921  
XXXIII
Maia Pinto
19 Vitorino Máximo de Carvalho Guimarães
(interino)
(1876–1957)
  16 de dezembro de 1921 22 de dezembro de 1921  
XXXIV
Cunha Leal
20 Nuno Simões
(1894–1976)
  22 de dezembro de 1921 6 de fevereiro de 1922
21 Eduardo Alberto Lima Basto
(1875–1942)
  6 de fevereiro de 1922 26 de setembro de 1922  
XXXV
Silva
22 Vasco Borges
(2.ª vez; interino até 30 de novembro[nota 3])
(1882–1942)
  26 de setembro de 1922 7 de dezembro de 1922  
XXXV
Silva
 
XXXVI
Silva
23 Fernando Teixeira Homem de Brederode
(1867–1939)
  7 de dezembro de 1922 9 de janeiro de 1923  
XXXVII
Silva
24 João Teixeira de Queirós Vaz Guedes
(1871–1926)
  9 de janeiro de 1923 15 de novembro de 1923
25 Pedro Góis Pita
(1891–1974)
  15 de novembro de 1923 18 de dezembro de 1923  
XXXVIII
Ginestal Machado
26 António Joaquim Ferreira da Fonseca
(2.ª vez)
(1887–1937)
  18 de dezembro de 1923 28 de fevereiro de 1924  
XXXIX
A. Castro
27 Nuno Simões
(2.ª vez)
(1894–1976)
  28 de fevereiro de 1924 23 de junho de 1924
28 Hélder Armando dos Santos Ribeiro
(interino)
(1883–1973)
  23 de junho de 1924 6 de julho de 1924
29 Henrique Sátiro Lopes Pires Monteiro
(1882–1958)
  6 de julho de 1924 22 de novembro de 1924  
XL
Rodrigues Gaspar
30 Plínio Octávio de Santana e Silva
(1890–1948)
  22 de novembro de 1924 15 de fevereiro de 1925  
XLI
Domingues dos Santos
31 Frederico António Ferreira de Simas
(1872–1945)
  15 de fevereiro de 1925 1 de julho de 1925  
XLII
Guimarães
32 Manuel Gaspar de Lemos
(1887–1967)
  1 de julho de 1925 1 de agosto de 1925  
XLIII
Silva
33 Nuno Simões
(3.ª vez)
(1894–1976)
  1 de agosto de 1925 10 de dezembro de 1925  
XLIV
Pereira
34 Manuel Gaspar de Lemos
(2.ª vez; interino)
(1887–1967)
  10 de dezembro de 1925 29 de maio de 1926  
XLIV
Pereira
 
XLV
Silva

Segunda República (1926–1974)Editar

# Ministro do Comércio e Comunicações
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
Ditadura Militar (1926–1928)
Junta de Salvação Pública
composta por:
José Mendes Cabeçadas Júnior
(Presidente)
Armando Humberto da Gama Ochôa
Jaime Pereira Rodrigues Baptista
Carlos de Jesus Vilhena
  29 de maio de 1926 30 de maio de 1926  
——
35 José Mendes Cabeçadas Júnior
(interino até 1 de junho)
(1883–1965)
  30 de maio de 1926 3 de junho de 1926  
I
Mendes Cabeçadas
Ezequiel Pereira de Campos
(interino; não empossado)
(1874–1965)
  3 de junho de 1926 5 de junho de 1926
Adolfo César de Pina
(não empossado)
(1865–1943)
  5 de junho de 1926 11 de junho de 1926
36 Abílio Augusto Valdez de Passos e Sousa
(1881–1966)
  11 de junho de 1926 29 de novembro de 1926  
I
Mendes Cabeçadas
 
II
Gomes da Costa
 
III
Carmona
37 Júlio César de Carvalho Teixeira
(1884–1959)
  29 de novembro de 1926 26 de agosto de 1927
38 Artur Ivens Ferraz
(1870–1933)
  26 de agosto de 1927 9 de setembro de 1927
Abílio Augusto Valdez de Passos e Sousa
(interino)
(1881–1966)
  9 de setembro de 1927 13 de setembro de 1927
Artur Ivens Ferraz
(continuação)
(1870–1933)
  13 de setembro de 1927 5 de janeiro de 1928
39 Alfredo Augusto de Oliveira Machado e Costa
(1870–1952)
  5 de janeiro de 1928 18 de abril de 1928
Ditadura Nacional (1928–1933)
40 José Bacelar Bebiano
(1894–1967)
  18 de abril de 1928 11 de junho de 1928  
IV
Freitas
41 José Dias de Araújo Correia
(1894–1978)
  11 de junho de 1928 10 de novembro de 1928
42 José Bacelar Bebiano
(2.ª vez; interino)
(1894–1967)
  10 de novembro de 1928 19 de novembro de 1928  
V
Freitas
43 Eduardo Aguiar de Bragança
(1888–1963)
  19 de novembro de 1928 11 de janeiro de 1929
44 José Vicente de Freitas
(interino)
(1869–1952)
  11 de janeiro de 1929 8 de julho de 1929
45 João Antunes Guimarães
(1877–1951)
  8 de julho de 1929 5 de julho de 1932  
VI
Ivens Ferraz
 
VII
Oliveira
# Ministro do Comércio, Indústria e Agricultura
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
46 Sebastião Garcia Ramires
(1898–1972)
  5 de julho de 1932 11 de abril de 1933  
VIII
Oliveira Salazar
Estado Novo (1933–1974)
Sebastião Garcia Ramires
(continuação)
(1898–1972)
  11 de abril de 1933 24 de julho de 1933  
I
Oliveira Salazar
# Ministro do Comércio e Indústria
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato
Sebastião Garcia Ramires
(continuação)
(1898–1972)
  24 de julho de 1933 4 de agosto de 1934
Leovigildo Queimado Franco de Sousa
(interino)
(1892–1968)
  4 de agosto de 1934 20 de agosto de 1934
Sebastião Garcia Ramires
(continuação)
(1898–1972)
  20 de agosto de 1934 1 de agosto de 1935
Rafael da Silva Neves Duque
(interino)
(1893–1969)
  1 de agosto de 1935 9 de setembro de 1935
Sebastião Garcia Ramires
(continuação)
(1898–1972)
  9 de setembro de 1935 18 de janeiro de 1936
47 Pedro Teotónio Pereira
(1902–1972)
  18 de janeiro de 1936 13 de dezembro de 1937  
II
Oliveira Salazar
48 João Pinto da Costa Leite "Lumbrales"
(1905–1975)
  13 de dezembro de 1937 28 de agosto de 1940
# Pasta do Comércio Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
Serviços integrados no Ministério da Economia
(ver: Lista de ministros da Economia de Portugal)
  28 de agosto de 1940 15 de março de 1974 ——
# Ministro da Agricultura e Comércio
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
49 João Mota Pereira de Campos
(1927–2021)
  15 de março de 1974 25 de abril de 1974  
III
Caetano

Terceira República (1974–presente)Editar

# Ministério da Agricultura e Comércio
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
Junta de Salvação Nacional (1974)
Junta de Salvação Nacional
composta por:
António Sebastião Ribeiro de Spínola (Presidente)
Francisco da Costa Gomes
Jaime Silvério Marques
Manuel Diogo Neto
Carlos Galvão de Melo
José Baptista Pinheiro de Azevedo
António Alva Rosa Coutinho
  25 de abril de 1974 16 de maio de 1974  
——
# Pasta do Comércio
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
Governos Provisórios (1974–1976)
Serviços integrados no Ministério da Coordenação Económica
(ver: Lista de ministros da Economia de Portugal)
  16 de maio de 1974 17 de julho de 1974 ——
Serviços integrados no Ministério da Economia
(ver: Lista de ministros da Economia de Portugal)
  17 de julho de 1974 26 de março de 1975
Serviços separados entre o Ministério do Comércio Externo e
o Ministério do Planeamento e Coordenação Económica

(ver abaixo: Lista de ministros do Comércio Externo)
(ver também: Lista de ministros do Planeamento de Portugal e
Lista de ministros da Economia de Portugal)
  26 de março de 1975 8 de agosto de 1975
Serviços separados entre o Ministério do Comércio Externo
e o Ministério do Comércio Interno

(ver abaixo: Lista de ministros do Comércio Externo e
Lista de ministros do Comércio Interno)
  8 de agosto de 1975 23 de julho de 1976
# Ministro do Comércio e Turismo
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
Governos Constitucionais (1976-Presente)
50 António Miguel de Morais Barreto
(1942–)
  23 de julho de 1976 25 de março de 1977  
I
Soares
51 Carlos Alberto da Mota Pinto
(1936–1985)
  25 de março de 1977 30 de janeiro de 1978
52 Basílio Adolfo Mendonça Horta da França
(1943–)
  30 de janeiro de 1978 29 de agosto de 1978  
II
Soares
53 Pedro José Rodrigues Pires de Miranda
(1928–2015)
  29 de agosto de 1978 22 de novembro de 1978  
III
Nobre da Costa
54 Abel Pinto Repolho Correia
(1926–)
  22 de novembro de 1978 1 de agosto de 1979  
IV
Mota Pinto
55 Acácio Manuel Pereira Magro
(1932–2018)
  1 de agosto de 1979 3 de janeiro de 1980  
V
Pintasilgo
56 Basílio Adolfo Mendonça Horta da França
(2.ª vez)
(1943–)
  3 de janeiro de 1980 9 de janeiro de 1981  
VI
Sá Carneiro
(até 4 dez. 1980)
Freitas do Amaral
(desde 4 dez. 1980)
(interino)
57 Alexandre de Azeredo Vaz Pinto
(1939–)
  9 de janeiro de 1981 4 de setembro de 1981  
VII
Pinto Balsemão
# Ministro da Agricultura, Comércio e Pescas[nota 4]
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
58 Basílio Adolfo Mendonça Horta da França
(3.ª vez)
(1943–)
  4 de setembro de 1981 9 de junho de 1983  
VIII
Pinto Balsemão
# Ministro do Comércio e Turismo
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
59 Álvaro Roque de Pinho de Bissaia Barreto
(1936–2020)
  9 de junho de 1983 17 de outubro de 1984  
IX
Soares
60 Joaquim Martins Ferreira do Amaral
(1945–)
  17 de outubro de 1984 6 de novembro de 1985
# Ministro da Indústria e Comércio
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
61 Fernando Augusto dos Santos Martins
(1930–2006)
  6 de novembro de 1985 17 de agosto de 1987  
X
Cavaco Silva
# Ministro do Comércio e Turismo
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
62 Joaquim Martins Ferreira do Amaral
(2.ª vez)
(1945–)
  17 de agosto de 1987 24 de abril de 1990  
XI
Cavaco Silva
63 Fernando Manuel Barbosa Faria de Oliveira
(1941–)
  24 de abril de 1990 28 de outubro de 1995  
XI
Cavaco Silva
 
XII
Cavaco Silva
# Pasta do Comércio Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
Serviços integrados no Ministério da Economia
(ver: Lista de ministros da Economia de Portugal)
  28 de outubro de 1995 17 de julho de 2004 ——
Serviços integrados no Ministério das Atividades Económicas e do Trabalho
(ver: Lista de ministros da Economia de Portugal)
  17 de julho de 2004 12 de março de 2005
Serviços integrados no Ministério da Economia e da Inovação
(ver: Lista de ministros da Economia de Portugal)
  12 de março de 2005 26 de outubro de 2009
Serviços integrados no Ministério da Economia, da Inovação e do Desenvolvimento
(ver: Lista de ministros da Economia de Portugal)
  26 de outubro de 2009 21 de junho de 2011
Serviços integrados no Ministério da Economia e do Emprego
(ver: Lista de ministros da Economia de Portugal)
  21 de junho de 2011 24 de julho de 2013
Serviços integrados no Ministério da Economia
(ver: Lista de ministros da Economia de Portugal)
  24 de julho de 2013 presente

Ministros do Comércio ExternoEditar

# Ministro do Comércio Externo
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
1 José da Silva Lopes
(1932–2015)
  26 de março de 1975 8 de agosto de 1975  
IV Prov.
Gonçalves
2 Domingos Lopes
(n/d–)
  8 de agosto de 1975 19 de setembro de 1975  
V Prov.
Gonçalves
3 Joaquim Jorge de Pinho Campinos
(1937–1993)
  19 de setembro de 1975 23 de julho de 1976  
VI Prov.
Pinheiro de Azevedo
# Pasta do Comércio Externo Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
Serviços integrados no Ministério do Comércio e Turismo
(ver: Lista de ministros do Comércio de Portugal)
  23 de julho de 1976 4 de setembro de 1981 ——
# Ministro da Indústria, Energia e Exportação
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
4 Ricardo Manuel Simões Bayão Horta
(1936–)
  4 de setembro de 1981 9 de junho de 1983  
VIII
Pinto Balsemão

Ministros do Comércio InternoEditar

# Pasta do Comércio Interno Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
Serviços integrados no Ministério do Planeamento e Coordenação Económica
(ver: Lista de ministros do Planeamento de Portugal e
Lista de ministros da Economia de Portugal)
  26 de março de 1975 8 de agosto de 1975 ——
# Ministro do Comércio Interno
(Nascimento–Morte)
Retrato Início do mandato Fim do mandato Governo
(Chefe de governo)
1 Manuel Luís Macaísta Malheiros
(1940–)
  8 de agosto de 1975 19 de setembro de 1975  
V Prov.
Gonçalves
2 Joaquim Jorge Magalhães Saraiva da Mota
(1935–2007)
  19 de setembro de 1975 22 de julho de 1976  
VI Prov.
Pinheiro de Azevedo

Notas

  1. Na atribuição das cores tenta-se, neste anexo, respeitar as cores predominantes na simbologia dos partidos políticos do pós-25 de abril, bem como da União Nacional/Ação Nacional Popular e do Partido Republicano Português nos regimes anteriores. Para os restantes partidos, organizações e correntes políticas da Primeira República opta-se por apresentar os considerados do espectro mais conservador em tons de azul, e os do espectro mais liberal em tons quentes (vermelhos, laranjas, rosas). Em caso de governos de fusão de conservadores e liberais, opta-se pelos tons de roxo.
  2. O diploma de exoneração não foi lavrado. Data baseada na assinatura de diplomas publicados em Diário do Governo. A última vez que Francisco Xavier Esteves assina enquanto ministro interino do Comércio é a 13 de maio de 1918, e Pinto Osório não assina nenhum outro diploma até ser exonerado do cargo a 15 de maio, subentendendo-se que Xavier Esteves o substituiu interinamente até à exoneração do governo.
  3. Entre 26 de setembro e 18 de outubro de 1922, interinamente e em substituição de Eduardo Alberto Lima Basto. Desde essa data até 30 de novembro, interinamente sem haver um ministro efetivo. A partir desta última foi ministro efetivo.
  4. A pasta do Comércio Externo esteve separada do ministério, e incluída no ministério da Indústria, Energia e Exportação. Ver neste artigo: Lista de ministros do Comércio Externo. Ver também: Lista de ministros da Indústria de Portugal.

Ver tambémEditar