Abrir menu principal

Wikipédia β

Copa do Brasil de Futebol de 2009

Copa do Brasil de Futebol de 2009
Copa Kia do Brasil de 2009
Brasil.
Dados
Participantes 64
Organização CBF
Local de disputa  Brasil
Período 18 de fevereiro1 de julho
Gol(o)s 315
Partidas 115
Média 2,74 gol(o)s por partida
Campeão São Paulo Corinthians (3º título)
Vice-campeão Rio Grande do Sul Internacional
Melhor marcador Taison (Internacional) – 7 gols
Maiores goleadas
(diferença)
Itabaiana Sergipe 0 – 5 Minas Gerais Atlético Mineiro
 
Ponte Preta São Paulo 6 – 1 Rondônia Vilhena
 
Bahia Bahia 6 – 1 Rio Grande do Norte Potiguar de Mossoró
 
Internacional Rio Grande do Sul 5 – 0 São Paulo Guarani
Público 1 240 073[i]
Média 10 877,8 pessoas por partida
◄◄ Brasil 2008 Soccerball.svg 2010 Brasil ►►

A Copa do Brasil de 2009 foi a vigésima primeira edição dessa competição brasileira de futebol. Foi disputada por 64 times, classificados através dos campeonatos estaduais (54 vagas) e do Ranking da CBF (10 vagas). Neste ano, a competição teve a nomenclatura oficial de Copa Kia do Brasil.[2]

O regulamento foi semelhante ao de 2008 em que foi invertida a ordem de prioridades entre os campeonatos estaduais e o ranking histórico da CBF. Anteriormente, se uma equipe que estivesse entre os 10 primeiros colocados no ranking se classificasse através do campeonato estadual, a vaga era preenchida por uma equipe do mesmo estado. Nesta edição a vaga foi ocupada pela equipe em 11º lugar no ranking.

Os clubes envolvidos com a Copa Libertadores da América de 2009 (Sport, São Paulo, Grêmio, Cruzeiro e Palmeiras) não participaram deste torneio, devido ao conflito de datas com a competição continental.

A escultura-troféu da Copa do Brasil de 2009 é uma criação do artista plástico brasileiro Holoassy Lins de Albuquerque, também criador da premiação do Campeonato Brasileiro de Futebol.[3]

O título da competição foi conquistado pelo Sport Club Corinthians Paulista após uma vitória por 2 a 0 em casa no jogo de ida, e empate por 2 a 2 na casa do Internacional.[4] Com o título, o terceiro da história do clube na Copa do Brasil, a equipe garantiu a primeira vaga brasileira na Copa Libertadores da América de 2010.[4]

Índice

ParticipantesEditar

Estaduais e seletivasEditar

As 54 vagas destinadas aos clubes mais bem colocados em seus campeonatos estaduais foram divididas entre as 27 federações de acordo com os pontos de seus clubes no ranking da CBF. Os cinco primeiros colocados (São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Minas Gerais e Paraná) tiveram direito a três vagas; os classificados entre o 6º e 22º lugar tiveram direito a duas vagas; e os cinco últimos colocados (Acre, Rondônia, Tocantins, Amapá e Roraima) tiveram direito a apenas uma vaga.

Normalmente, as equipes mais bem classificadas nos campeonatos estaduais ficam com as vagas daquela federação. Porém, algumas federações realizaram torneios especiais, como a Taça Minas Gerais ou a Copa Paulista em São Paulo, Copa Federação Gaucha de Futebol e outras, para classificarem um representante para a Copa do Brasil.

Estado Equipe Como se classificou
  Acre Rio Branco Campeão do Estadual 2008
  Alagoas CSA Campeão do Estadual 2008
ASA Vice-campeão do Estadual 2008
  Amapá Cristal Campeão do Estadual 2008
  Amazonas Holanda Campeão do Estadual 2008
Fast Clube Vice-campeão do Estadual 2008
  Bahia Vitória Campeão do Estadual 2008
Bahia Vice-campeão do Estadual 2008
  Ceará Fortaleza Campeão do Estadual 2008
Icasa Vice-campeão do Estadual 2008
  Distrito Federal Brasiliense Campeão do Estadual 2008
Dom Pedro II Vice-campeão do Estadual 2008
  Espírito Santo Serra Campeão do Estadual 2008
Desportiva Campeão da Copa Espírito Santo 2008
  Goiás Itumbiara Campeão do Estadual 2008
Goiás Vice-campeão do Estadual 2008
  Maranhão Moto Club Campeão do Estadual 2008
Sampaio Corrêa Vice-campeão do Estadual 2008
  Mato Grosso Mixto Campeão do Estadual 2008
União Rondonópolis Vice-campeão do Estadual 2008
  Mato Grosso do Sul Ivinhema Campeão do Estadual 2008
Misto Vice-campeão do Estadual 2008
  Minas Gerais Atlético Mineiro Vice-campeão do Estadual 2008
Tupi (7) 3° colocado do Estadual 2008
América (5) Finalista da Taça Minas Gerais 2008
  Pará Remo Campeão do Estadual 2008
Águia de Marabá Vice-campeão do Estadual 2008
  Paraíba Campinense Campeão do Estadual 2008
Nacional de Patos Campeão da Copa Paraíba 2008
  Paraná Coritiba Campeão do Estadual 2008
Atlético Paranaense Vice-campeão do Estadual 2008
J. Malucelli Campeão da Copa Paraná 2007
  Pernambuco Náutico Vice-campeão do Estadual 2008
Central (1) 3° colocado do Estadual 2008
  Piauí Barras Campeão do Estadual 2008
Flamengo Campeão da Copa Piauí 2008
  Rio de Janeiro Flamengo Campeão do Estadual 2008
Botafogo Vice-campeão do Estadual 2008
Americano (4) Vice-Campeão da Copa Rio 2008
  Rio Grande do Norte ABC Campeão do Estadual 2008
Potiguar de Mossoró Vice-campeão do Estadual 2008
  Rio Grande do Sul Internacional Campeão do Estadual 2008
Juventude Vice-campeão do Estadual 2008
Caxias Campeão da Copa FGF 2007
  Rondônia Vilhena (2) Vice-campeão do Estadual 2008
  Roraima Atlético Roraima Campeão do Estadual 2008
  São Paulo Ponte Preta Vice-Campeão do Estadual 2008
Guaratinguetá (6) 4° colocado do Estadual 2008
Atlético Sorocaba Campeão da Copa Paulista 2008
  Santa Catarina Figueirense Campeão do Estadual de 2008
Criciúma Vice-Campeão do Estadual de 2008
  Sergipe Confiança Campeão do Estadual 2008
Itabaiana (3) Vice-campeão da Copa Governo do Estado de Sergipe 2008
  Tocantins Tocantins Campeão do Estadual 2008

RankingEditar

Com a definição dos 54 representantes das federações estaduais, os 10 clubes classificados pelo Ranking da CBF foram:[6]

Posição Equipe Estado Pontos
Corinthians   SP 1.998
Vasco   RJ 1.981
10º Santos   SP 1.695
11º Fluminense   RJ 1.608
13º Guarani   SP 1.429
17º Portuguesa   SP 1.328
21° Santa Cruz   PE 1.133
23° Paraná   PR 1.011
25º Ceará   CE 965
30° América de Natal   RN 677
Ranking em 7 de dezembro de 2008

Sistema de disputaEditar

A disputa se realizou no sistema eliminatório simples ("mata-mata"), com as 64 equipes divididas em chaves de dois, decidindo em jogos de ida e volta. Aquele que conseguisse mais pontos passava para a fase seguinte, onde o sistema se repetiu até a final. Nas duas primeiras fases, se o time visitante vencesse por diferença maior ou igual a dois gols no jogo de ida estaria automaticamente classificado para a fase seguinte.

Em caso de empate de pontos, os critérios de desempate foram:

  1. Saldo de gols
  2. Número de gols marcados como visitante (não conta para equipes de uma mesma cidade)

Persistindo o empate, a decisão aconteceria atráves da disputa por pênaltis ao final do jogo de volta.

O campeão garantiu uma vaga na Copa Libertadores de 2010.

Direitos televisivosEditar

Há alguns anos, a Rede Globo detém os direitos de transmissão para TV aberta e a cabo da Copa do Brasil. A Globo e suas afiliadas transmitiram apenas os jogos que foram realizados as quartas-feiras as 21h50, por motivos de programação da emissora. O SporTV transmitiu nas duas primeiras fases alguns jogos, enquanto nas fases seguintes, transmitiu todos os jogos para todo o país e para o exterior, através do PFC Internacional.

Desde 2002, a Rede Globo divide os direitos com outras TVs aberta. Pelo terceiro ano seguido, a Rede Bandeirantes transmitiu a competição, com direito a alguns jogos exclusivos para a TV aberta.

Por determinação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE), essa edição da Copa do Brasil também teve dividido os direitos de TV a cabo aos canais ESPN.[7]

Enquanto os direitos de transmissão e comercialização da Copa do Brasil para o exterior estiveram sob o comando da Traffic.

DestaquesEditar

Primeira fase
Segunda fase
Oitavas-de-final
Final

ConfrontosEditar

Na primeira e segunda fases, o time melhor qualificado no ranking nacional joga a primeira partida como visitante. Caso este time vença a partida por 2 ou mais gols de diferença, estará automaticamente classificado para a próxima fase.

A partir das oitavas-de-final, a ordem dos jogos será definida por sorteio e a partida de volta é obrigatória.

Em itálico, os times que possuem o mando de campo no primeiro jogo do confronto.

  1ª fase 2ª fase Oitavas-de-final Quartas-de-final Semifinais Finais
                                                         
   Flamengo-PI 1  
   Vasco da Gama 4  
     Vasco da Gama 3  
     Central 0  
   Central 0 1
   Ceará 0 1  
     Vasco da Gama 1 4  
     Icasa 1 1  
   Icasa 1 1(4)  
   Portuguesa 1 1(3)  
     Icasa 0 2
     Confiança 0 1  
   Confiança 3 0
   América de Natal 2 0  
     Vasco da Gama 4 1  
     Vitória 0 1  
   Itabaiana 0  
   Atlético Mineiro 5  
     Atlético Mineiro 2 2
     Guaratinguetá 2 0  
   Guaratinguetá 2 1
   Caxias 0 2  
     Atlético Mineiro 0 3(4)
     Vitória 3 0(5)  
   ASA 1 1(4)  
   Vitória 1 1(5)  
     Vitória 2 1
     Juventude 1 1  
   Atlético Sorocaba 1 0
   Juventude 0 2  
     Vasco da Gama 1 0  
     Corinthians 1 0  
   Itumbiara 0  
   Corinthians 2  
     Corinthians 2  
     Misto 0  
   Misto 1 1(3)
   Campinense 1 1(2)  
     Corinthians 2 2  
     Atlético Paranaense 3 0  
   Tocantins de Palmas 0  
   Atlético Paranaense 3  
     Atlético Paranaense 2 3
     ABC 2 1  
   Fast Clube 1 0
   ABC 1 4  
     Corinthians 1 2
     Fluminense 0 2  
   Nacional de Patos 0 0  
   Fluminense 1 3  
     Fluminense 1 3
     Águia de Marabá 2 0  
   Águia de Marabá 2 1
   América Mineiro 1 0  
     Fluminense 2 1
     Goiás 2 1  
   Atlético Roraima 1  
   Goiás 3  
     Goiás 1 4
     Brasiliense 0 1  
 Cristal 1 1
   Brasiliense 2 3  
     Corinthians 2 2
       Internacional 0 2
   Dom Pedro 0
   Botafogo 2  
     Botafogo 1 2(4)  
     Americano 2 1(5)  
   Americano 2 4
   Santa Cruz 0 2  
     Americano 0 1  
     Ponte Preta 0 2  
   Vilhena 1 1  
   Ponte Preta 2 6  
     Ponte Preta 2 0
     Figueirense 2 0  
   Sampaio Corrêa 3 1
   Figueirense 2 2  
     Ponte Preta 2 0  
     Coritiba 2 1  
   Rio Branco-AC 1 0  
   Santos 2 4  
     Santos 0 0
     CSA 0 1  
   Serra 2 1
   CSA 3 3  
     CSA 0 0
     Coritiba 4 3  
 Holanda 1 0  
   Coritiba 2 3  
     Coritiba 2 0
     Bahia 2 0  
   Potiguar 2 1
   Bahia 2 6  
     Coritiba 1 1
   Internacional 3 0  
   Ivinhema 0  
   Flamengo 5  
     Flamengo 2  
     Remo 0  
   Barras 0 0
   Remo 1 2  
     Flamengo 0 3  
     Fortaleza 0 0  
   Mixto 1 2(2)  
   Paraná 2 1(4)  
     Paraná 1 1
     Fortaleza 2 1  
   Desportiva Ferroviária 1 0
   Fortaleza 1 3  
     Flamengo 0 1
     Internacional 0 2  
   União Rondonópolis 1 0  
   Internacional 0 2  
     Internacional 2 5
     Guarani 1 0  
   J.Malucelli 0
   Guarani 2  
     Internacional 3 2
     Náutico 0 0  
   Moto Club 1 0  
   Náutico 1 2  
     Náutico 2 3
     Criciúma 2 2  
   Tupi 2 0
   Criciúma 0 3  

FinalEditar

17 de junho Corinthians   2 – 0   Internacional Estádio do Pacaembu, São Paulo (SP)
21:50
Jorge Henrique   26'
Ronaldo   53'
Súmula Público: 36.614
Árbitro:  PR Heber Roberto Lopes (FIFA)

1 de julho Internacional   2 – 2   Corinthians Estádio Beira-Rio, Porto Alegre (RS)
21:50
Alecsandro   69',   74' Súmula Jorge Henrique   23'
André Santos   27'
Público: 50.286
Árbitro:  MG Ricardo Marques Ribeiro (FIFA)

PremiaçãoEditar

Copa do Brasil de Futebol de 2009
 
CORINTHIANS
Campeão
(3° título)

ArtilhariaEditar

Ver tambémEditar

Referências

  1. a b c «ESTATÍSTICAS COPA DO BRASIL/2009». CBF. Consultado em 21 de abril de 2009. 
  2. Máquina do esporte; Gustavo Franceschini (12 de fevereiro de 2009). «Kia terá naming right da Copa do Brasil» (PDF). Consultado em 9 de julho de 2012. 
  3. EsporteSite (4 de maio de 2009). «Copa do Brasil 2009 na reta final» 
  4. a b c GloboEsporte.com (1 de julho de 2009). «O Coringão voltou... para a Libertadores: Timão empata e fatura Copa do Brasil». Consultado em 2 de julho de 2009. 
  5. Federação Sergipana de Futebol (FSF). «Estatística Copa Governo do Estado 2008» 
  6. «Ranking Nacional dos Clubes/CBF» (PDF). Consultado em 19 de junho de 2009. 
  7. Máquina do Esporte (11 de setembro de 2008). «ESPN "cede" Italiano por Copa do Brasil». Consultado em 19 de fevereiro de 2009. 
  8. Futebol Interior (18 de fevereiro de 2009). «J. Malucelli-PR 0 x 2 Guarani - Fim de jejum e vaga garantida». Consultado em 19 de fevereiro de 2009. 
  9. GloboEsporte.com (18 de fevereiro de 2009). «Zebra da rodada, União-MT tira invencibilidade do Internacional». Consultado em 19 de fevereiro de 2009. 
  10. «Inter sofre, mas vence o União-MT por 2 a 0 e segue na Copa BR». UOL. 4 de março de 2009. Consultado em 17 de abril de 2009.  |nome1= sem |sobrenome1= em Authors list (ajuda)
  11. «Bahia massacra o Potiguar e ganha moral para o Ba-Vi». UOL Esporte. 19 de março de 2009. Consultado em 24 de março de 2009. 
  12. «Ponte Preta 6 x 1 Vilhena - Goleada e vaga confirmadas». Futebol Interior. 18 de março de 2009. Consultado em 18 de março de 2009. 
  13. «Portuguesa 1 (3) x 1 (4) Icasa-CE - Vexame e violência!». Futebol do Interior. 4 de março de 2009. Consultado em 7 de março de 2009. 
  14. «Ceará-CE 1 x 1 Central-PE - Zebra do tamanho do Castelão». Futebol do Interior. 18 de março de 2009. Consultado em 7 de março de 2009. 
  15. «América-RN frustra torcida e é desclassificado pelo Confiança». Uol Esporte. 18 de março de 2009. Consultado em 18 de março de 2009. 
  16. «Maicosuel vai de herói a vilão, e Bota está fora da Copa do Brasil». UOL. 16 de abril de 2009. Consultado em 17 de abril de 2009.  |nome1= sem |sobrenome1= em Authors list (ajuda)
  17. Menezes, Leandro (16 de abril de 2009). «Thiago Neves perde a cabeça, e Flu é derrotado pelo Águia no Mangueirão». Globo Esporte.com. Consultado em 16 de abril de 2009. 
  18. Menezes, Leandro (22 de abril de 2009). «Maicon sai do banco, faz dois gols e ajuda o Flu a vencer o Águia». Globoesporte.com. Consultado em 23 de abril de 2009. 
  19. Travaglia, Julyana (22 de abril de 2009). «Perto de decisão no Paulista, Santos dá mole para o CSA e sai da Copa do Brasil». Globoesporte.com. Consultado em 23 de abril de 2009. 
  20. «Vitória supera Atlético-MG nos pênaltis e avança». Abril. 7 de maio de 2009. Consultado em 6 de maio de 2009. 
  21. «Ponte Preta bate Americano e avança na Copa do Brasil». Estadão. 7 de maio de 2009. Consultado em 6 de maio de 2009. 
  22. «Icasa(CE) é passado: Vasco goleia e está nas quartas da Copa do Brasil». Jornal dos Sports. 7 de maio de 2009. Consultado em 6 de maio de 2009. 

Ligações externasEditar

Predefinição:Copa do Brasil de 2009