Pro Evolution Soccer 2011

vídeojogo de 2010
Pro Evolution Soccer 2011
Capa oficial mostrando Lionel Messi
Desenvolvedora(s) Konami Computer Entertainment Tokyo
Publicadora(s) Konami
Produtor(es) Shingo 'Seabass' Takatsuka (executivo)
Série Pro Evolution Soccer
Plataforma(s) Nintendo Wii, Nintendo 3DS, PlayStation 2, PlayStation 3, PSP, Xbox 360, Microsoft Windows, Celulares Inteligentes
Lançamento
  • EU 30 de Setembro de 2010
  • AN 5 de Outubro de 2010
      Gênero(s) Esportes
      Modos de jogo Single-player, Multiplayer
      Vídeo 16:9
      Pro Evolution Soccer 2010
      Pro Evolution Soccer 2012

      Pro Evolution Soccer 2011 (oficialmente abreviado como PES 2011 e conhecido na Ásia como World Soccer: Winning Eleven 2011) é um jogo eletrônico de futebol da série Pro Evolution Soccer desenvolvido e publicado pela Konami com assistência do Blue Sky Team.[1][2] O jogo foi anunciado em 9 de fevereiro de 2010 e foi lançado em 8 de outubro do mesmo ano na Europa nas plataformas PlayStation 3 e Xbox 360 e no dia 02 de novembro para Nintendo Wii, PC, PlayStation 2 e PSP. Na América Latina, o jogo foi lançado em 19 de outubro de 2010 para PlayStation 3, Xbox 360 e PC, chegando ao Brasil 5 dias depois, no dia 02 de novembro para PlayStation 2 e PSP e no dia 30 de novembro para Nintendo Wii.[3]

      A Liga dos Campeões da UEFA e a Liga Europa da UEFA são os destaques do game, que conta pela primeira vez com a presença da Supercopa Europeia e da Copa Libertadores da América, totalmente licenciadas.[4][5] O primeiro trailer oficial foi divulgado em 4 de maio de 2010,[6] que foi sucedido por um trailer da E3 de junho de 2010 mostrando as novas funcionalidades do PES. O jogo marca o retorno de Lionel Messi na capa cover.

      Uma versão demo do PES 2011 tornou-se disponível para download em 15 de setembro de 2010 para PC e PS3, sendo que os assinantes do serviço PlayStation Plus já puderam utilizá-lo em 8 de setembro. Na versão demo, os jogadores poderão disputar partidas de 10 minutos com 4 times: FC Barcelona (time do cover Messi), Bayern Munich (finalista da Liga dos Campeões), S.C. Internacional e C.D. Guadalajara (ambos finalistas da Libertadores).[7]

      Para incentivar a compra do jogo original, a Konami lançou também um cartão, denominado Konami Gamers Club, que foi distribuído a todos que comprarem o jogo e permitiu o acesso exclusivo a diversos extras, como vídeos, papéis de parede e jogos.[3]

      NovidadesEditar

      • Controle total: a Konami reforçou em 360° a relação dos passes, oferecendo um nível sem precedentes de controle para cada passe, chute, arremesso de lateral, tiro de meta e passes em profundidade. Isto permite aos usuários passar a bola no espaço e mover-se com total liberdade. Os jogadores poderão fazer uma pressão aos adversários para forçá-los a perder a bola.
      • Chute e indicador de stamina: além do indicador genérico da força na hora do chute, o PES 2011 traz detalhes exatos da oportunidade. Correr constantemente afetará aos movimentos do jogador e resultará em um efeito adverso em suas estatísticas, com grande probabilidade de erros de passes e perda de ritmo. Os jogadores recomporão a energia perdida durante o intervalo.
      • Nova posição dos defensores: agora os defensores mantém suas posições e não saem ao encontro de qualquer bola, ficando na marcação para forçar o atacante a um erro.
      • Goleiros melhorados: de acordo com a base da liberdade total dos movimentos, os jogadores agora podem controlar mais seguidamente o goleiro. Isto permite uma rápida reposição de bola, defesas com reflexo, precisão nos tiros de meta, e distribuição da bola para gastar o tempo ou acelerar o ritmo.
      • Animação e física dos jogadores: a produção do PES remodelou completamente os elementos da animação do jogo. Isto pode ser observado antes do pontapé inicial de cada jogo, com movimentos mais naturais e uma aceleração mais rápida do que nos outros jogos da saga. O físico dos jogadores também foi melhorado, fato que foi solicitado veementemente nos fóruns de discussão do PES, sendo que empurrões e bloqueios agora parecem mais com a realidade. O ambiente do estádio fará parte também da atmosfera do jogo. Os jogadores irão se comportar de forma realista quando a bola é jogada para fora ou acontece uma falta, e andarão e correrão de forma natural e individual.
      • Editor de estádio: o editor de estádio lhe permitirá criar seu próprio estádio. Você poderá escolher entre a capacidade (de 1.000 a 100.000), as cores do banco, editar os painéis de publicidade, o estilo do gramado, as redes, a arquitetura e as coberturas, intensidade da luz, chão liso e grama ao redor do campo. Além disso, você pode optar por deixar as arquibancadas mais próximas ou distantes do gramado e túneis na hora da entrada. Depois de feito isso, você deverá configurar o seu estádio. Pode escolher o plano de fundo, com uma variedade de imagens urbanas e rurais, e também com imagens próprias ou cordilheiras semelhantes a que apareciam na inicialização de Pro Evolution Soccer 3. Com esta ferramenta, é possível criar muitos estádios e ampliar o atual número, que é de 25 (nem todos são licenciados). O número máximo de estádios que podes criar é 25, totalizando 50.
      • Velocidade do jogo: o novo nível de controle total do PES 2011 faz um ritmo mais ponderado do jogo, que varia em algumas situações. Os jogadores correrão muito em contra-ataques, mas em contrapartida, é muito difícil percorrer todo o meio de campo com um único jogador. Para isto, deve haver uma rápida troca de passes.
      • Estética: O PES 2010 apresentou o melhor gráfico de todas as edições da saga e no PES 2011 está melhor ainda. A animação facial foi aprimorada, com cerca de 1000 novas opções que foram resultado de um trabalho de 100 horas de captura e edição de fotos. Todos os aspectos dos movimentos dos jogadores foram reformulados, com uma corrida mais natural, arremessos de laterais sem padrões default (dois jogadores marcando e dois para receberem), entre outros fatos. A aceleração e desaceleração são mais naturais ainda. A seleção brasileira não é licenciada e possui a camisa branca ou resto do uniforme todo alterado, visto que o tempo do lançamento da CBF ainda não havia liberado o uniforme oficial.
      • Táticas e estratégias: o grande número de opções disponíveis na série PES tem proporcionado uma simulação extremamente flexível, permitindo aos jogadores imporem seu modo individual de jogar em cada partida. A equipe de produção do PES implantou um novo método chamado "Drag and Drop", onde é possível configurar todos os dados de uma equipe, e não somente a formação e os jogadores.
      • Master Liga online: A Master Liga irá trazer uma novidade muito esperada pelos fãs, que é a de poder jogar online com os seus jogadores da Master Liga. O PES 2011 marcou a estréia do modo na forma online, onde os jogadores competem com os adversários e é feito um ranking dos melhores do mundo.
      • Editar outras características: O PES 2011 não traz um editor de chuteiras. As chuteiras e as bolas são adicionadas automaticamente através de patchs, como aconteceu na edição anterior, mas de forma ainda mais reforçada. Você será capaz de criar jogadores, times, estádios e até ligas completas(para serem utilizadas em modo offline no Rumo ao Estrelato, Liga/Copa, Master Liga e UEFA Champions League, e criar um novo escudo para liga). Além do mais, você poderá editar os escudos de cada time, o que mostra a superioridade em relação ao PES 2010.

      CompetiçõesEditar

      Ligas InternacionaisEditar

      Ligas NacionaisEditar

      CopasEditar

      TimesEditar

      ClubesEditar

      Os clubes e ligas que seguem são apresentados na ordem em que estão dispostos no jogo.

       Liga Inglesa

        Ligue 1

        Liga Italiana (Serie A)

        Eredivisie

        Liga Espanhola (Liga BBVA Primera División de España)

      Liga PES

      Liga 2ª Div.

      Outros Times (Europa) (194)

      Outros (América Latina)(14)

        UEFA Champions League

        Copa Santander Libertadores[10][11]

      Notas
      Negrito – Equipes totalmente licenciadas
      Novo – Equipes novas na série
      Fict. – Equipes com jogares fictícios
      (Número) – Numero de jogadores na equipe com face real

      Observações:

      • Os times da Copa Libertadores são "isolados" na versão para Xbox 360/PS3/PC do jogo. Esses times só podem ser jogados no modo "Copa Santander Libertadores"(na a versão para PC foram lançados patches não-oficiais em que libera os times da Libertadores). Nas versões para PS2/PSP, além de não poder jogar com eles no modo "Amistoso" e "Master Liga", esses times não são editáveis (ou seja, não aparecem no modo "Edit"). Só se pode fazer amistoso entre eles, ou seja, só entre times da Libertadores.
      • Na Eredivisie (liga da Holanda), um time holandês veio com um uniforme verde igual ao da seleção da República da Irlanda. A Konami corrigiu o erro em 15 de outubro.
      • Como nas versões anteriores, existem duas ligas com 18 times vazios (Liga PES e Liga 2ª Div.), que podem ser editadas completamente. Vem se tornando muito popular nas comunidades de PES, como resultado, a utilização deste espaço para se criar ligas que não se encontram no jogo por meio de patchs.

      Seleções NacionaisEditar

      As seguintes seleções nacionais são listadas na ordem em que aparecem no jogo.

      Notas
      Negrito – Equipes totalmente licenciadas
      Novo – Equipes novas na série
      Fict. – Equipes com jogares fictícios

      EstádiosEditar

      • Segue a lista dos estádios (licenciados e não licenciados) presentes no PES 2011.[12]
      • Existe ainda a opção "Criação de Estádio", onde se pode criar e armazenar 25 novos estádios, contudo, esta opção não está presente para PS2.
      #1~30 Estádio Nome Verdadeiro Localização Mandante Outras Possibilidades
      1 Old Trafford Licenciado   Inglaterra / Manchester   Manchester United -
      2 Wembley Stadium Licenciado   Inglaterra / Wembley   Seleção Inglesa de Futebol -
      3 Rose Park Stadium Villa Park   Inglaterra / Birmingham   Aston Villa Råsunda  

      Ashton Gate Stadium   Anfield  

      4 Bristol Mary Stadium[13] Veltins-Arena   Alemanha / Gelsenkirchen   Schalke 04 Ibrox Stadium  

      Estadio Carlos Tartiere  

      5 Blautraum Stadion Bielefelder Alm   Alemanha / Bielefeld   Arminia Bielefeld -
      6 Camp Nou Licenciado   Espanha / Barcelona    Barcelona -
      7 Santiago Bernabeu Licenciado   Espanha / Madri   Real Madrid -
      8 Estadio del Nuevo Triunfo Estadio Cornellá-El Prat   Espanha / Barcelona    Espanyol -
      9 Stade Louis II Licenciado   França / Mônaco    Mônaco -
      10 Stade de Sagittaire Stade de Gerland   França / Lyon   Olympique Lyonnais -
      11 San Siro[14] Licenciado   Itália / Milão   Milan -
      12 Giuseppe Meazza[14] Licenciado   Itália / Milão   Internazionale -
      13 Stadio Olimpico Licenciado   Itália / Roma   Lazio   Roma -
      14 Stadio Orione Stadio Angelo Massimino   Itália / Catania   Calcio Catania Estádio Nacional  

      Stadio Artemio Franchi (Siena)  

      15 Estádio do Dragão Licenciado   Portugal / Porto   F.C. Porto -
      16 Estádio José Alvalade Licenciado   Portugal / Lisboa   Sporting CP -
      17 Estádio da Luz Licenciado   Portugal / Lisboa   Benfica -
      18 Amsterdam ArenA Licenciado   Países Baixos / Amsterdã   Ajax -
      19 Ville Marie Stadium[15] Estadio Azteca   México / Cidade do México   Club América

        Seleção Mexicana de Futebol

      Estádio do Morumbi  

      Ernst-Happel-Stadion  

      20 Estadio de Escorpião Estádio do Maracanã   Brasil / Rio de Janeiro   Flamengo   Fluminense Azteca   Jalisco  
      21 Estádio Amazonas[16] Estadio Defensores del Chaco[17]   Paraguai / Assunção   Seleção Paraguaia de Futebol -
      22 Amerigo Atlantis Estádio Nacional de Chile   Chile / Santiago   Club Universidad de Chile

        Seleção Chilena de Futebol

      -
      23 El Monumental Licenciado   Argentina / Buenos Aires   River Plate -
      24 Estadio Gran Chaco La Bombonera   Argentina / Buenos Aires   Boca Juniors -
      25 Estadio de Palenque[18] Toyota Stadium   Japão / Toyota   Nagoya Grampus Jeonju World Cup Stadium  
      26 Saitama Stadium 2002 Licenciado   Japão / Saitama   Urawa Red Diamonds -
      27 Konami Stadium Munsu World Cup Stadium

      ("Big Crown" Stadium)

        Coreia do Sul / Ulsan   Ulsan Hyundai FC Stade de France  

      Estádio Omnilife  

      28 Nakhon Ratchasima Busan Asiad Stadium   Coreia do Sul / Busan   Busan I'Park -
      29 Mohamed Lewis Stadium Stade Mohamed V   Marrocos / Casablanca   Raja Club Athletic

        Wydad Athletic Club

        Seleção Marroquina de Futebol

      Stade des Martyrs  

      Estádio La Casa Blanca  

      Columbus Crew  

      30 Cuito Cuanavale Vodacom Park

      (Free State Stadium)

        África do Sul / Bloemfontein   Free State Cheetahs

        Bloemfontein Celtic

      Pacaembu  

      Narração e ComentáriosEditar

      MúsicasEditar

      São 24 músicas licenciadas e 17 da Konami e as playlists podem ser totalmente editadas.

      Artista Música País
      Apples Theo   Inglaterra
      Azymuth Roda Pião   Brasil
      Babasónicos Microdancing   Argentina
      Balkan Beat Box Marcha de la Vida   Israel
      Black Blood A.I.E. A Mwana   Bélgica
      Coldrain Die Tomorrow   Japão
      Crystal Castles Celestica   Canadá
      datA Aerius Light   França
      Democustico Pêra   Brasil
      Destine In Your Arms   Países Baixos
      Elite Force Law of Life   Inglaterra
      Fever Ray When I Grow Up   Suécia
      Jabberlop vs Soft Lipa Dental Driller   Japão
      Keane ft. K'naan Stop for a Minute   Inglaterra/  Canadá
      Konono Nº 1 Wumbanzanga   República Democrática do Congo
      Nina Zilli e Giuliano Palma 50mila   Itália
      Nina Zilli L'Inferno   Itália
      Passion Pit The Reeling   Estados Unidos
      Phoenix Armistice   França
      Shihad Sleepeater   Nova Zelândia
      The Temper Trap Sweet Disposition   Austrália
      Vampire Weekend Cousins   Estados Unidos
      Whitley Head, First, Down   Austrália
      The xx Crystalised (Rory Phillips Mix)   Inglaterra

      AtualizaçõesEditar

      Pacote de Dados 1.01Editar

      Em 12 de Outubro de 2010, a atualização incluiu mudanças no uniforme da Inglaterra e atualizou várias listas. Além disso, os clubes que se classificaram para o estágio de grupos da Champions League foram adicionados ao modo dedicado ao jogo. Uma série de uniformes de equipes também foram atualizadas de acordo com a sua utilização actual, e mais quatro chuteiras licenciadas foram incorporadas. A notícia de botas é o seguinte:[19]

      Chuteiras
      • Nike CTR360 "Control"
      • Nike Mercurial Vapor Superfly II "Speed"
      • Nike T90 Laser III "Accuracy"
      • Nike Tiempo "Touch"

      Nota: Um problema que surgiu foi que o uniforme da Irlanda foi alterado para De Graafschap de Holanda. A Konami, em seguida, lançou outra atualização em 15 de outubro para corrigir esse erro.

      Pacote de Dados 2.00Editar

      Em 21 de dezembro de 2010, o download acrescenta uma série de novos itens ao jogo. 12 uniformes foram atualizados dentro do jogo, incluindo os uniformes da Irlanda, um clube holandês e cerca de 10 clubes franceses. As atualizações de clubes e de chuteiras são as seguintes:

      • Maior pressão IA em determinadas situações (especialmente na passagem);
      • Mudança de cursor melhorou, inclusive quando a bola é cruzada;
      • Dificuldade e taxa de sucesso de Rainbow Flicks foi alterada (mais difícil);
      • As taxas de transferência na Master Liga foram reformuladas;
      • Você pode desativar os nomes de jogadores CPU(que localizam-se acima deles);
      • Chutes foram ajustados;
      • Cantos foram refinados ou alterados.

      Pacote de Dados 7.00Editar

      Em 15 de março de 2011, foi liberado um novo pacote de dados com mudanças nos times e alguns novos conteúdos. Foram incluidos novas chuteiras e dois novos uniformes. Alguns novos itens são:

      • Nova camisa de casa da Espanha;
      • Nova camisa de visitante da Suécia;
      • 10 novas chuteiras (Adidas, Nike, Puma e Umbro);
      • Transferências de inverno dos clubes.

      Nota:

      Referências

      1. «Famitsu Reveal First PES 2011 Details». Winning Eleven Blog. 9 de fevereiro de 2010. Consultado em 6 de agosto de 2010 
      2. «Podcast 089 – For The Blue Skies – Winning Eleven Next-Gen Blog». Winningelevenblog.com. 6 de abril de 2010. Consultado em 6 de agosto de 2010 
      3. a b Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome g1
      4. «Konami Acquire Copa Libertadores License! – Winning Eleven Next-Gen Blog». Winningelevenblog.com. 8 de abril de 2010. Consultado em 6 de agosto de 2010 
      5. «South America's No.1 Soccer Tournament First Time Ever Copa Libertadores Makes Video Game Debut Winning Eleven Doubles the Fun with Europe and S.A.'s Crowning Events». Konami-digital-entertainment.co.jp. 8 de abril de 2010. Consultado em 6 de agosto de 2010. Arquivado do original em 29 de abril de 2012 
      6. Gross, Marisa (4 de maio de 2010). «Pro Evolution Soccer 2011». Games Press. Konami Digital Entertainment. Bender/Helper Impact. Consultado em 8 de maio de 2010. Videos: Trailer (May 4, 2010) 
      7. «PES 2011 Demo now out on PSN+». PESFAN. 8 de setembro de 2010. Consultado em 8 de setembro de 2010. Arquivado do original em 10 de setembro de 2010 
      8. «Beta-Test Review der Meisterliga-Online von MAD». ProrevoBlog. Consultado em 17 de agosto de 2010 
      9. «Spurs licensed in PES 2011». Pesfan. Consultado em 19 de agosto de 2010. Arquivado do original em 21 de agosto de 2010 
      10. «The Coup that is the Libertadores – Winning Eleven Next-Gen Blog». Winningelevenblog.com. 20 de julho de 2010. Consultado em 6 de agosto de 2010 
      11. «Copa Libertadores Line-Up – Winning Eleven Next-Gen Blog». Winningelevenblog.com. 25 de agosto de 2008. Consultado em 6 de agosto de 2010 
      12. A lista de estádios foi feita com uma exímia pesquisa, e retirada do site http://www.pesbrasil.org/comunidade/topico-tutorial-nomes-reais-para-os-est%C3%A1dios-n%C3%A3o-licenciados-fi
      13. pes.neoseeker.com, ed. (2010). «Bristol Mary Stadium» (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2010 
      14. a b O "San Siro" e o "Giuseppe Meazza" são o mesmo estádio, mudando apenas as propagandas do mandante (Milan e Internazionale).
      15. pes.neoseeker.com, ed. (2010). «Ville Marie Stadium» (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2010. Arquivado do original em 30 de junho de 2012 
      16. pes.neoseeker.com, ed. (2010). «Estadio do Amazonas» (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2010. Arquivado do original em 30 de junho de 2012 
      17. albirroja.com.py, ed. (2010). «Defensores del Chaco» (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2010 [ligação inativa]
      18. pes.neoseeker.com, ed. (2010). «Estadio de Palenque» (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2010 
      19. «First PES 2011 DLC 1.02 Version». pesfan.com. 8 de outubro de 2010. Consultado em 8 de outubro de 2010. Arquivado do original em 9 de outubro de 2010