Abrir menu principal

Wikipédia:Esplanada/Arquivo/2015/Agosto

Nuvola apps ark.png
Arquivos da Esplanada

Índice

AnúnciosEditar

Wikipédia:Encontros/WikiSampa/WikiSampa 29Editar

Convido a todos para mais um WikiSampa no feriado de 7 de setembro. Todos estão bem-vindos para participar. Abraços. Vitor MazucoMsg 19h31min de 2 de agosto de 2015 (UTC)

Revalidação do mandato de verificadorEditar

Abri o pedido de revalidação do meu mandato de verificador aqui. Opinem! José Luiz disc 01h06min de 5 de agosto de 2015 (UTC)

Remoção local de estatutosEditar

Olá Pessoal. Comunico que em razão da proposta de implementação local, a remoção dos estatutos de administrador e burocrata agora pode ser realizada nesta própria Wikipédia; sem necessidade de recorrer ao meta-wiki. A configuração de permissão dos burocratas já foi devidamente alterada para possibilitar esta ação localmente. Parabéns a toda comunidade por conquistar mais um nível de independência! Holdfz  Disc. 01h27min de 12 de agosto de 2015 (UTC)

Atualizei no nosso histórico de configurações. Helder 02h17min de 15 de agosto de 2015 (UTC)

Relato sobre a participação na Wikimania 2015Editar

Olá pessoal, compartilho aqui o relato que o Vini 175 publicou no link sobre sua participação na Wikimania 2015. O relato ficou bem interessante e creio que isso deveria ser uma obrigação de todos que participam de eventos organizados/fomentados pela Wikimedia Foundation e viajam com bolsas pagas pela fundação. Muitos não sao aprovados e não tem a mesma oportunidade de participar, relatos do tipo permitem que os que não foram tenham uma visão (mesmo que pessoal) do que rolou por lá. Parabéns ao Vini 175 pela iniciativa e comprometimento em compartilhar o que viu por lá, seria bacana que os demais seguissem o mesmo bom exemplo. Rodrigo Padula (discussão) 18h13min de 13 de agosto de 2015 (UTC)

Painel líder do programa de concursos de redação: 19 AgostoEditar

Olá a todos, a equipe de Aprendizagem e Avaliação da Wikimedia Foundation organizará um painel de líderes de programas para a discussão de Concursos de Redação em projetos da Wikimedia diferentes. Os membros de comunidades do Kosovo, da Ucrânia e da Austrália compartilharão suas experiências organizando este tipo de programa da Wikimedia. Por favor, junte-se a nós para discutir os últimos recursos:

Junte-se a nós no Google Hangouts! O evento será gravado e posteriormente disponível no nosso canal do YouTube.

Visite a página do evento e inscreva-se.

Atenciosamente, María (WMF) (discussão) 12h25min de 14 de agosto de 2015 (UTC)

Destaques da Wikimedia, Julho de 2015Editar

Estes foram os destaques do blog da Wikimedia em Julho de 2015.
About · Subscribe · Distributed via MassMessage (wrong page? Correct it here), 15h52min de 17 de agosto de 2015 (UTC)

Wikificação?Editar

Olá. Anuncio que abri uma discussão em Discussão:New Horizons#Wikificação e gostaria da participação de mais editores. A situação é que quero etiquetar o artigo para wikificação, mas o MachoCarioca não permite e diz que é vandalismo.--Mister Sanderson (discussão) 15h16min de 18 de agosto de 2015 (UTC)

Como podemos melhorar as subvenções da Wikimedia para prestar um melhor apoio a você?Editar

Olá,

A Wikimedia Foundation gostaria de receber opiniões suas sobre como podemos repensar as subvenções da Wikimedia Foundation para melhor apoiar as pessoas e ideias no seu projeto Wikimedia. Formas de participação:

Aceitamos feedback em qualquer idioma.

Atenciosamente,

I JethroBT (WMF), Recursos Comunitários, Wikimedia Foundation. 05h04min de 19 de agosto de 2015 (UTC)

Wikipédia:Wikipédia na Universidade/Oficina/MackenzieEditar

Olá, estou anunciando que esse semestre irei fazer mais uma oficina do projeto WP:Wikipédia na Universidade na Universidade Presbiteriana Mackenzie com o Prof Irandy Marcos da Cruz e com aproximadamente 30 alunos no curso Comportamento Humano nas Organizações. Minha primeira oficina será na sexta-feira dia 28 as 20h, na unidade de Alphaville, SP. Quem quiser participar como embaixador online pode se inscrever aqui. Abraços. Vitor MazucoMsg 00h38min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

As fotos podem ser vistos aqui. Vitor MazucoMsg 18h02min de 29 de agosto de 2015 (UTC)

Wikipédia:Votações/Extinguir o grupo dos burocratasEditar

Foi criada uma votação, com base nessa proposta da esplanada, a mesma se encontra aqui, mas, por favor não votem ainda, pois ela está em fase de discussão, que durará, no mínimo, 2 semanas. Portanto, dêem sua opinião a respeito dessa votação aqui. Grato pela atenção e aguardo a participação de todos nessa discussão. Saudações!--Leon saudanha (discussão) 01h40min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Maior concurso fotográfico do mundo finalmente terá etapa brasileiraEditar

É isso aí pessoal, depois de deixar passar 2 edições do Wiki Loves Monuments em branco em 2013 e 2014 devido a falta de apoio e interesse da galera, esse ano batemos o martelo com a equipe do Grupo Wikimedia Brasileiro de Educação e Pesquisa na reunião que tivemos aqui em Niterói este semana. Finalmente consegui retorno do IPHAN com uma lista completa e estruturada dos bens tombados, então voilá! Agora estamos acertando alguns detalhes do UploadWizzard, completando algumas informações e definindo estratégia de comunicação com apoio de professores, pesquisadores e estudantes da área como apoio institucional de alguns parceiros que apoiaram o grupo nas ultimas edições do Wiki Loves Earth. Espero que consigamos boa cobertura da mídia e que esse concurso seja ainda mais exitoso que as duas últimas edições do Wiki Loves Earth Brasil 2014 e 2015 - Abrimos uma proposta de pedido de grant para custear o concurso, comentários e sugestões também são bem-vindasRodrigo Padula (discussão) 03h38min de 29 de agosto de 2015 (UTC)

GeralEditar

Login

Até 12 minutos atrás, conseguia visualizar a Wikipédia do Google Chrome. Pronto, bastou fazer login e simplesmente fica resultando que a página saiu do ar. No Mozilla (o meu está configurado para modo de segurança e portanto não registra mais cookies nem histórico algum, por isso evito ao máximo fazer login em algum site por ele) e consegui visualizar perfeitamente. Voltando ao Chrome, recarreguei minha página de discussão da Wikipédia e de novo deu "fora do ar". Arrisquei fazer o login do Mozilla para saber se o problema era com minha conta. Consegui ver perfeitamente. Não era para ser o contrário? Meu Chrome registra os cookies de localização,meu Mozilla não (uso Mozilla em conjunto com o Tor Browser, então nem era para concluir login por ele; no mínimo estranho). Se alguém souber me explicar o que está ocorrendo, agradeceria.

Atenciosamente, JohnnyMsg 18h33min de 3 de agosto de 2015 (UTC)

  • Estranhamente, acabou de voltar pelo Chrome. Porém, ainda estou atrás de uma resposta plausível para o problema. Uma página visível por um navegador que funciona em modo de segurança (anônimo) mas invisível em outro que registra os cookies de localização somente após login feito é no mínimo estranho. JohnnyMsg 18h41min de 3 de agosto de 2015 (UTC)
Acho que seria melhor perguntar isso no Café dos programadores. Apesar de que alguns membros de lá também verão este tópico, de qualquer forma. Victão Lopes Diga! 19h07min de 3 de agosto de 2015 (UTC)
@Johnny: está aparecendo algum erro no console do seu navegador? Alguma requisição HTTP está falhando? Helder 22h30min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

Não, :@Helder. JohnnyMsg 19h10min de 7 de agosto de 2015 (UTC)

Mandato de checkuser

Atualmente os verificadores da Wikipédia lusófona têm um mandato de apenas um ano, o que obriga a que, em cada ano, tenham que se recandidatar novamente. Isto apresenta uma série de inconvenientes e nenhuma vantagem. O inconveniente não é apenas para os candidatos: é também para a comunidade, que se vê obrigada a gerir e a participar em várias votações anuais que não servem nenhum propósito.

Seria de esperar que esta burocracia existisse por um bom motivo adjacente. No entanto, não parece ser o caso. Isto não é uma forma eficaz de lidar com o absentismo: basta existirem regras que permitam a remoção em caso de inatividade no uso da ferramenta que, por envolver privacidade dos editores, podem ser mais rígidas que as dos restantes estatutos. Também pode ser alegado que isto permite lidar melhor com abusos ao haver "avaliações periódicas"; no entanto, isto é falso: basta propor uma remoção do estatuto como acontece de forma generalizada (aliás, sem sentido é ter que esperar um ano para lidar com alegados abusos).

Assim, pede-se à comunidade que manifeste opiniões em relação a se é ou não justificável que haja mandatos, em particular mandatos tão curtos. Quintal 01h34min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

não vejo necessidade de estabelecer prazos quaisquer. se o usuário deixa de comparecer, ou se usa as ferramentas irregularmente, abrem-se os procedimentos costumeiros de desnomeação. se ele está fazendo um bom trabalho, isso será auto-evidente, e não seria preciso colocá-lo à prova a cada ano. quanto menos burocracia, melhor. Tetraktys (discussão) 03h09min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo que o mandato de CheckUser seja como o de sysop, ou seja, o usuário perde o estatuo caso se não desejar mais tê-lo ou se fizer uso indevido ou absenteísmo, ou que o mandato seja prolongado para 2 ou 3 anos. UsuárioAmericano (discussão) 03h13min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo Propor remoção de estatuto é fantasia hoje em dia na Wiki, seja o estatuto q for, a menos que vc seja um Maddox, um tipo de persona non grata de certa parte do eleitorado. Estes perdem facil. Mas os candidatos a verificadores são de outra turma. Serão feitas checagens como eles quiserem e vai ficar por isso mesmo, um checker da Wiki-pt será jamais destituído a menos que deseje, cometa a impropriedade que for, e cometem várias num ano de mandato. A maioria dos pedidos atendidos o são por achismo dos pedintes. Leio aquela seção várias vezes e me admiro com tudo. Pouquissimos são recusados. Já que não se consegue impedir no voto a eleição de nenhum, creio que o periodo de um ano para avaliação deles continua sendo adequado. MachoCarioca oi 03h41min de 6 de agosto de 2015 (UTC)
Estou surpreso por considerar que existem abusos nas verificações. O vi poucas vezes nas páginas de pedidos e suas opiniões todas as vezes não estavam de acordo com a política de verificação. O usuário MachoCarioca, como faz em grande parte das opiniões, tenta transformar suas opiniões próprias em políticas oficiais do projeto. Garanto que a situação relatada acima não é verdadeira, uma vez que as verificações são feitas seguindo o que manda a política oficial da Wikimedia. Infelizmente, o usuário não consegue perceber a importância de termos verificadores locais. Uma pena. Ainda bem que é uma opinião isolada, mas que mesmo assim continua não tendo nexo. Érico Wouters (msg) 04h32min de 6 de agosto de 2015 (UTC)


  Discordo Todos os mandatos, seja administrador, borucrata, etc., etc., devem ser renovados ou não pela comunidade ! --João Carvalho deixar mensagem 11h13min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

As pessoas estão a "concordar" e a "discordar" com o quê?! Quintal 11h15min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

Com a sua proposta, como é evidente ! Estaríamos a discordar de quê ? de alguma resolução da ONU ? A sua pergunta não tem o mínimo sentido ! --João Carvalho deixar mensagem 13h11min de 6 de agosto de 2015 (UTC)
Qual proposta? Você leu o texto antes de comentar? Só pedi opiniões em relação à situação. Quintal 13h13min de 6 de agosto de 2015 (UTC)
Ok ! Então eu reformulo a minha resposta. Acho necessidade de que todos os cargos sejam renovados ou revogados por consulta à comunidade. No caso em questão, os verificadores ao fim de um ano a comunidade deve dizer se concorda ou não que mantenham o usuário mantenha cargo. Acho também que isto devia ser feito para qualquer estatuto. --João Carvalho deixar mensagem 13h23min de 6 de agosto de 2015 (UTC)
Ok, e qual é a vantagem em fazer uma reavaliação obrigatória anual em vez de fazer apenas quando é necessária por haver um motivo que a justifique? Quintal 13h29min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

Não há maneira da comunidade avaliar convenientemente a actuação dos CheckUsers pois não tem acesso por razões de privacidade aos logs. Mesmo no tempo do WP:Conselho de arbitragem não havia essa possibilidade (estivemos dependentes do envio desses logs por terceiros). Não vejo grande vantagem de mandatos sem termo e não podemos saber de inactividade no uso de ferramentas porque os logs não são públicos. GoEThe (discussão) 13h51min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

Nunca me aconteceu desconfiar da imparcialidade de nenhum verificador mas, isso não quer dizer que não possa acontecer. Como desnomear alguns todo poderosos aqui na wiki é quase impossível, prefiro que a comunidade tenha o direito de renomear ou revogar estatutos regularmente. É a minha opinião. --João Carvalho deixar mensagem 13h57min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

Qual é a diferença entre desnomear e revogar/renomear? Quintal 13h59min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

  Comentário Creio que continuar com a regra para poder avaliar os atuais CheckUsers é desnecessário, pois até agora, apenas um pedido de aprovação foi malsucedido e nenhuma renomeação foi malsucedida. UsuárioAmericano (discussão) 14h04min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo com o que foi inicialmente exposto. Penso que poderia ser aberto um pedido de avaliação caso necessário, nos moldes de WP:A/PR, ou no momento em que o usuário desejar ser avaliado. --HVL disc. 16h20min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

@Antero de Quintal a diferença é bem grande ! Você para desnomear, tem que abrir um pedido desnomeação que pode ser travado facilmente pelos donos da wikipédia. Para ser renomeado tem que ter o aval da comunidade e ninguém pode ser bloqueado por dizer que é contra. Isto, na minha opinião, devia ser feito para todos os cargos, inclusive para administradores como eu, porque aqui não há cargos vitalícios. Mas isto é a minha opinião. Se todos os outros tiverem opinião diferente (oposta da minha), já cá não está quem falou, porque eu acato as decisões da comunidade. --João Carvalho deixar mensagem 18h00min de 6 de agosto de 2015 (UTC)

Quem são os donos da Wikipédia que travam pedidos de desnomeação legítimos? Quintal 18h02min de 6 de agosto de 2015 (UTC)
Os "donos" da Wikipédia, teoricamente, são editores que pensam estar acima das regras. Pelo menos é o que o dicionário cita. Evidentemente que o colega João não está se referindo ao sentido de propriedade, seja intelectual ou física. DARIO SEVERI (discussão) 02h19min de 7 de agosto de 2015 (UTC)
Sim, entendemos isso. Interessante saber é quem são esses editores que "pensam estar acima das regras".... Quem são, Dario? José Luiz disc 02h31min de 7 de agosto de 2015 (UTC)
Eu respondi "teoricamente", como descrito em dicionários. Deixei isso bem claro. DARIO SEVERI (discussão) 02h41min de 7 de agosto de 2015 (UTC)
Pois é. Esses donos só existem "teoricamente", como nos dicionários. Na prática, não existem... Típico WP:CABAL.... José Luiz disc 02h47min de 7 de agosto de 2015 (UTC)
Como os burocratas são aqueles que podem cancelar pedidos de desnomeação que não tenham evidências, suponho que seja a eles que se estejam aqui a referir como os "donos da wikipédia". Quintal 02h50min de 7 de agosto de 2015 (UTC)
José, "donos da wikipédia" está no sentido figurativo, como exemplo podemos citar editores que mesmo tendo sido avisados por administradores de seus erros continuam sem se importar com a solicitação ... e desses casos existem muitos por aqui, não é? Nesta pagina mesmo você pode comprovar prováveis abusos e prováveis "tag team", e não estou me referindo nem a mim e nem ao João. DARIO SEVERI (discussão) 03h01min de 7 de agosto de 2015 (UTC)
DARIO SEVERI, entendi. E você, como administrador, não deveria atuar nesses casos se os considera tão óbvios? Se "eles foram avisados e continuam sem se importar", estou certo que a comunidade vai te apoiar, não? Você tem os mesmos botões que seus colegas! Por que não pára de exigir deles algo que você mesmo não quer fazer? Agora, se você não acha isso, é pra meditar se aqui não estamos no raciocínio do "Não sou teimoso. Teimoso é quem teima comigo...", que é o tema de WP:CABAL. José Luiz disc 11h24min de 7 de agosto de 2015 (UTC)

José, eu atuei nos casos, e algum editor e sysop atuou mas o abuso continuou e o que você quer que eu faça, reverta e seja bloqueado de novo? Vou dar alguns exemplos:

  • Eu fui advertido que não podia me defender aqui [1], alertei um dos sysop envolvidos e que o Antero estava fazendo o mesmo neste pedido [2], o sysop muito corretamente avisou o Antero da irregularidade (ver [3]) citando ... "Antero não vejo como você possa comentar nesta seção já que a revisão pedida é de uma ação sua." . O Antero se importou com isso? Não nem ligou.
  • Nesta pagina que estamos editando, duas vezes o Antero cancelou edições minhas aqui [4] e aqui[5], você acha que não estão se achando mais importante que os demais?
  • Você quer que eu detalhes caso de prováveis "tag team" ? Eu sou persiste fazendo as coisas certas, tem gente que é persistente fazendo as coisas erradas. ......DARIO SEVERI (discussão) 13h02min de 7 de agosto de 2015 (UTC)
E por que vc conclui que o fato de ele não ter sido bloqueado por nenhum dos 50 administradores deriva de "medo" e não do simples fato de que nenhum deles concorda com vc? Alias, vc foi bloqueado e ninguém discordou (pelo contrário). Será que não é a sua opinião que é minoritária e é uma ilusão sua achar que "você fala pela comunidade oprimida"? Criamos 100 artigos por dia e pouca gente se interessa por esse assunto que tornou-se a sua prioridade, mas nunca foi da comunidade. José Luiz disc 13h37min de 7 de agosto de 2015 (UTC)
Eu nunca citei nos meu texto a palavra "medo", e diversos administradores concordam comigo, é só ver nas infinitas discussões. Eu também nunca citei que falo pela comunidade, por favor não desvirtue o dialogo. Eu te citei exemplos reais e o que você fez, nem os mencionou. E minha prioridade é outra é só ver todos os outros artigos que edito, nas ultimas 20 horas editei outras 60 edições em outros lugares, sem contar as ER. DARIO SEVERI (discussão) 13h43min de 7 de agosto de 2015 (UTC)
Dario, estamos novamente com problema de língua. Você não citou medo, claro, o que eu quis dizer é que, por algum motivo, os cinquenta administradores que lêem as continuadas reclamações que você faz nada fazem. Para isso, há de haver um motivo! Pode ser medo das consequências, pode ser indiferença, pode ser preguiça, covardia ou simplesmente por que eles não concordam com você. José Luiz disc 22h00min de 7 de agosto de 2015 (UTC)

Muito pertinente essa proposta ora feita justamente no mesmo período do pedido de recondução de CU pelo Senhor Zé Luís. Como sabemos, o senhor Zé se recusa a por seu cargo de administrador à nova avaliação, mesmo tendo alugns pedidos feitos por mim principalmente, com base nos tumultos provocados por socks e acusados de o serem ocorridos na sua eleição original, alguns votos riscados de forma atabalhoada até pelo próprio e outros misturando-se socks com meats mas enfim...Provavelmente não suporta alguns comentários contrários a sua atuação mesmo que mínimos e só se expõe em relação ao CU por imposição das regras. Não tenho opinião formada sobre o assunto, pois para mim tanto que me importa um editor ter cargo ou não porque quem deve decidir tudo no final será mesmo a comunidade. Mas fico decepcionado como as pessoas agem em determinado sentido por "obrigação" e não para melhorarem a "transparência" e medir a aceitabilidade da sua atuação em determinado cargo, se expondo por iniciativa própria, cabendo às regras forçarem essa condição. Diante disso, posso mudar de idéia e discordar da proposta, mas por ora fico   Neutro.--Arthemius x (discussão) 14h14min de 7 de agosto de 2015 (UTC)

Amigo, eu não tenho absolutamente nada a ver com esta proposta. Não misture os assuntos. Depois disso já renunciei, fui reeleito, fui eleito burocrata. Enfim, me esquece, brother. Vai meditar sobre teus próprios fracassos ou sobre o pouco ou nada do que você faz aqui além de fofocar. Me erra, colega. Se acha que eu preciso ser reavaliado, peça minha desnomeação, que é teu direito. Pare de chorar que nem criança, peloamordedeus.... José Luiz disc 21h57min de 7 de agosto de 2015 (UTC)
Já perguntou ao proponente se vc não tem nada a ver com essa proposta? Na verdade nem precisa, basta saber quem é ele e quem é você aqui no projeto. Se vcs dois são o retrato do sucesso por aqui, pretendo continuar rindo chorando mesmo enquanto vcs continuam trabalhando para se manterem nos cargos pelo projeto (nossa, eu não sabia que eram tantos cargos...agora tenho que chorar mesmo).--Arthemius x (discussão) 01h09min de 8 de agosto de 2015 (UTC)
PS - Ah, e em meio as lágrimas digo que mudei de ideia e agora sou   Contra a proposta.

Parece que o meu comentário gerou alguma polémica mas, não vou retirar nem uma única palavra à frase que coloquei. "Você para desnomear, tem que abrir um pedido desnomeação que pode ser travado facilmente pelos donos da wikipédia". Quem quiser que enfie a carapuça. --João Carvalho deixar mensagem 14h56min de 7 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo em tornar indefinido o mandato de verificador, bem como supervisor. Burocracia desnecessária. E. Feld fala 03h58min de 8 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo. Muitas vezes, motivos para não reeleger checks, não são motivos que possa desnomear um. JMGM (discussão) 19h14min de 11 de agosto de 2015 (UTC)

Discorda do quê? Quintal 00h22min de 12 de agosto de 2015 (UTC)
Da sua proposta é lógico, ou já esqueceu o que propôs? JMGM (discussão) 00h35min de 12 de agosto de 2015 (UTC)
O que é que eu propus? Quintal 00h39min de 12 de agosto de 2015 (UTC)
Em vez de mandar boquinhas como "reformula que ele assim já percebe" deveria era ter lido a introdução da discussão. Não há ali qualquer "proposta". Há um pedido de análise da situação atual, No futuro, eventualmente, poderia levar a uma proposta. Quanto muito, podiam concordar com a análise ou fornecer dados diferentes. Mas a obsessão em fazer stonewalling é tanta que há quem aqui venha "discordar da proposta" de forma completamente descontextualizada. É assim que se apanham os que nem sabem aquilo comentam e/ou que comentam a pedido. Quintal 01h06min de 12 de agosto de 2015 (UTC)
Antero de Quintal não são boquinhas. Se você ler com olhos de ver o que escreveu nos dois primeiros parágrafos, você faz a apologia de não haver a necessidade de recandidatura de verificadores, e é com isso que nós não concordamos. Entendeu agora ? --João Carvalho deixar mensagem 11h00min de 12 de agosto de 2015 (UTC)
Antero de Quintal, aproveito para lhe fazer uma pergunta. Porque motivo você só levanta essa questão de Citação: «Discorda do quê?» nos meus comentários e da JMGM ? Todos os outros editores escreveram   Concordo ou   Discordo ! Será que isso não é implicância da sua parte com alguns editores ? Se não é, pelo menos parece ! --João Carvalho deixar mensagem 11h00min de 12 de agosto de 2015 (UTC)
Em qualquer tipo de questão em que a comunidade deva ser chamada para tomar alguma decisão, primeiro descreve-se o problema ou questão de forma imparcial e só depois é que se deve dar a nossa opinião e não o inverso como você fez. Você defende um ponto de vista e depois é que pede à comunidade que se manifeste dando opiniões. A isso eu chamo de parcialidade. Felizmente a questão aqui colocada não é grave para o funcionamento da wikipédia. --João Carvalho deixar mensagem 11h00min de 12 de agosto de 2015 (UTC)
Que infantilidade. Quintal 11h12min de 12 de agosto de 2015 (UTC)
Antero de Quintal também o informo que se volta a disseminar a desconfiança com frases como Citação: Antero de Quintal escreveu: «comentam e/ou que comentam a pedido», eu abro um pedido de bloqueio contra si, porque não lhe admito desconfianças dessas. Certo ? Nota: Não precisa de comentar ! --João Carvalho deixar mensagem 11h00min de 12 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo em não mais forçar os verificadores a pedirem pra continuar o trabalho, que é voluntário da mesma forma que outros. Entendo a necessidade de avaliar a presença do verificador no projeto e sou fortemente contra que um verificador permaneça enquanto estiver inativo. Entretanto, existem formas de notar a falta de presença e podemos elaborar critérios mais rígidos de absenteísmo para verificadores. Além das edições, os registros de verificação podem ser usados de alguma forma e não é difícil perceber se um verificador é ativo ou não. Ferramentas de baixa atividade, como a de supressão, podem gerar dúvidas sobre inatividade, mas não é o caso da verificação.
O fato de que todos os pedidos de renovação foram aprovados é fortemente sugestivo de que esse é um processo desnecessário, que, inclusive, só existe na Wikipédia em português (IIRC). Abusos, má conduta, incompetência, que não têm a ver com absenteísmo, podem ser alvo de um pedido remoção, como em qualquer outro grupo. Apenas gostaria que o uso do termo "mandato" fosse repensado.—Teles«fale comigo» 01h55min de 12 de agosto de 2015 (UTC)


  Comentário Creio que, em tese, o fato de os CheckUsers tenham mandato é uma forma de se evitar que muitos usuários possuam ao mesmo tempo acesso a informações que permitam a identificação de usuários, conforme a política de privacidade, já que embora a política de verificação afirme que poucos usuarios devem possuir essa permissão, não estabelece um número máximo de usuários que possam possui-la--Leon saudanha (discussão) 14h30min de 26 de agosto de 2015 (UTC)

Discordo de propostas que possam perpectuar pessoas num cargo tão delicado como este, sem pelo menos tenham um aval periódico da comunidade. Neste cago, defendo a maior rotatividade possível. Abs. Lijealso (discussão) 11h34min de 31 de agosto de 2015 (UTC)

Padrão para temporadas de séries

O Jgpestana levantou uma dúvida que ainda não tinha pensado ao mover o artigo Doctor Who (1ª temporada) para Doctor Who (1.ª temporada): qual é o padrão das temporadas de séries por aqui? Pelo que eu pude notar, essa questão não está no livro de estilo e discussões anteriores na Esplanada não conseguiram propor uma solução. Não seria bom adotar um padrão ao invés de termos 1001 formas diferentes para escrever esses títulos? Pedrohoneto D C 04h06min de 9 de agosto de 2015 (UTC)


Se a questão é apenas relativa ao ponto abreviativo em numerais ordinais, isso não é uma questão de estilo nem de esplanada. É uma questão de escrever corretamente português. O que é que a gramática define? Tanto quanto saiba, todas as gramáticas definem que é obrigatória a existência do ponto. Quintal 04h28min de 9 de agosto de 2015 (UTC)


Obrigado por puxar do assunto, Pedrohoneto! Tal como o Antero de Quintal disse, é norma a utilização de um ponto final em todas as abreviaturas ou abreviações (eng.º, prof., sr. etc.), incluindo as de números ordinais (1.º, 2.º...); neste último caso, o ponto deve ficar sempre entre o número propriamente dito e a letra em índice superior. Tal pode ser confirmado nestes artigos e explicações do Ciberdúvidas da Língua Portuguesa:

--007 (discussão) 04h42min de 9 de agosto de 2015 (UTC)

Compreendo a norma do português, mas a questão é que por aqui encontra-se:

Lost (temporada 1)
The Simpsons (primeira temporada)
30 Rock (1ª temporada)
Já a forma correta não possui uma única página

Enquanto não houver estipulado em algum lugar a forma certa, os títulos sempre serão escritos sem qualquer tipo de padrão. Pedrohoneto D C 17h24min de 10 de agosto de 2015 (UTC)

?! Não chega estar estipulado nas gramáticas de língua portuguesa? Quintal 17h29min de 10 de agosto de 2015 (UTC)

Na pt-wiki, não. Pedrohoneto D C 18h42min de 10 de agosto de 2015 (UTC)
lol... Quintal 18h51min de 10 de agosto de 2015 (UTC)

Me parece que essa questão vai além das séries televisivas para qualquer verbete que tenha ordinal em seu título. Não me vem à mente qualquer excessão. Precisaremos de apoio robótico. --Usien6 msg • his 00h59min de 11 de agosto de 2015 (UTC)

Aos brasileiros, é estranho esse pontinho antes da desinência do ordinal. Usamos, simplesmente, , e não "1.º". Se for para estabelecer um padrão (e não se chegou a consenso algum aqui), é preciso levar em conta as diferenças linguísticas. Yanguas diz!-fiz 19h22min de 13 de outubro de 2015 (UTC)
Quais diferenças? Isto não tem nada que saber: qualquer abreviatura incluindo a dos números ordinais leva o ponto; no caso dos símbolos e unidades de medida, o ponto não existe. Sem ponto, é erro. Shgür Datsügen (discussão) 19h30min de 13 de outubro de 2015 (UTC)
Enquanto isso, cada vez mais bizarrices na hora de escrever os títulos vão surgindo... Pedrohoneto D C 19h35min de 13 de outubro de 2015 (UTC)
Citação: Aos brasileiros, é estranho esse pontinho antes da desinência do ordinal. Usamos, simplesmente, 1º, e não "1.º". Se for para estabelecer um padrão (e não se chegou a consenso algum aqui), é preciso levar em conta as diferenças linguísticas. Quais diferenças? Pode demonstrar através de uma gramática que no Brasil é diferente? Quintal 19h50min de 13 de outubro de 2015 (UTC)
Aliás, adianto-me à resposta e indico já fontes brasileiras:
Obviamente, isto é um caso menor e de pouca importância. Por exemplo, os textos legislativos nem sequer usam o ponto e a maior parte das pessoas negligencia isto. Mas se é para adotar uma norma, então que seja por aquilo que é correto, e não pelo que é errado. Eu não perderia tempo com isto. Mas isto sou eu. Se alguém se quiser dar ao trabalho de perder tempo a corrigir, então deixem-no em paz e fazer uso do tempo como quiser. A pt.wiki deve ser a única wiki onde existe agressividade e resistência em relação à norma culta da língua. Quintal 20h20min de 13 de outubro de 2015 (UTC)

Topônimos e fontes

Tenho notado nos últimos tempos um hábito no minimo estranho: inserir trocentas mil fontes apenas para referenciar as diversas variantes de topônimos, logo na introdução dos artigos, o que acaba por criar uma poluição visual. (vejam por exemplo: Abecásia, Uzbequistão, Bangladesh, etc )

Tenho ciência de que esta questão das variantes de topônimos seja um assunto muito sensível na comunidade, mas é mesmo necessária tal extravagância? É compreensível citar várias fontes se for algo polêmico que precisa de mais validação e portanto mais fontes, mas é mesmo necessário colocar diversas fontes apenas para referenciar uma variante? Não é necessário três ou quatro fontes quando uma já é suficiente. Sem mencionar que muitas vezes as fontes são totalmente desnecessárias e não cobrem exatamente aquilo que é colocado para cobrir (vejam as fontes citadas Waziristão e Abecásia, por exemplo). Lord MotaFala 20h21min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Também notei esta poluição desnecessária. Não sei como resolver, ou classificar as fontes ou criar uma seção de notas e transferir o excesso, mas que é desnecessário logo no cabeçalho, o colega tem rezão. O "R" Aliado 20h27min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Os casos citados são da responsabilidade do Usuário:MissionFix, editor recentemente bloqueado infinitamente por utilização de fantoches. Mas é também um problema geral complicado, especialmente porque está no epicentro das discussões sobre grafias que (infelizmente) continuam por aí. A utilização de uma grande profusão de fontes é um método simples para tentar granjear a maior credibilidade possível de uma determinada grafia. Ao invés de se procurar uma fonte académica ou linguística, procura-se simples ocorrências dos vocábulos por essa internet fora e vai-se colocando infinitamente para tentar comprovar que "aquela é que é a grafia correta". Comprovar o uso de uma determinada grafia é obra complicada neste projeto, já que uma fonte que use essa forma não comprova automaticamente que o seu uso é generalizado ou maioritário, daí as discussões escalarem rapidamente em "guerras de fontes", que num instante se transformam em "guerras de quem consegue encontrar mais resultados no Google". Isto é um absurdo. Os topónimos têm uma convenção neste projeto, acordado no ano passado (Wikipédia:Convenção de nomenclatura/Nomes próprios#Traduções e transliterações), e que diz claramente nas notas finais: Citação: 1. Em existindo várias formas possíveis (endónimos e/ou exónimos), estas deverão estar explanados na introdução do artigo, com a devida fonte lexicográfica e de uso; 2. Em casos em que a explicação das várias formas possíveis se torne longa demais para o texto introdutório ou caso haja formas gráficas em elevado número, deverão apresentar-se na introdução apenas as mais representativas, ficando a totalidade das possibilidades gráficas reservada para uma secção "Etimologia". O problema é que ninguém se dá ao trabalho de escrever uma boa secção de "Etimologia"/"Nome", local onde é mais fácil construir um texto, com descrição detalhada das fontes académicas que prescrevem ou não determinada grafia, com explicação do seu uso por determinado órgão ou media, etc.
Proponho o seguinte
  1. que se passe a optar por escrever uma secção "Etimologia"/"Nome" e que se coloque ao lado (ver etimologia), como se pode ver em Catar. Outros bons exemplos deste tipo de secções podem ser vistos em Tbilisi, Liechtenstein ou Transnístria;
  2. que se transformem os grandes conjuntos de referências numa única "Nota" com as várias referências agrupadas. Gameiroestá lá? 21h43min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Como citei acima e a complementação do Gameiro, a seção "Etimologia"/"Nome" seria uma ótima opção para resolver o problema. Se aprovado, deveria ser complementado ou adicionado no WP:Livro de estilo. O "R" Aliado 22h40min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Concordo. Mas também é necessário exigir que as fontes inseridas sejam acadêmicas e especializadas. Pois percebo que muitos pegam sites aleatoriamente na internet, que apenas citem a variante, e jogam no artigo como se fosse fonte, talvez como uma tentativa de "provar" que aquela variante é a "mais correta", é o caso de Astana por exemplo. Lord MotaFala 21h43min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

Se não houvesse tantas tentativas de mudança dos títulos, não haveria tanta discussão. Concordo com a sugestão do Gameiro sobre a seção "Etimologia"/"Nome"

Informando que todos os links para Infopédia como referência ficarão quebrados em virtude da mudança que houve no site [6] JMGM (discussão) 13h20min de 3 de setembro de 2015 (UTC)

Workshop de edição para professores e encontro do Grupo WIkimedia Brasileiro de Educação e Pesquisa

Olá pessoal, realizaremos em Niterói-RJ na próxima quinta-feira dia 27/08/2015 um workshop para professores e reunião geral do grupo com apresentação dos resultados do concurso Wiki Loves Earth Brasil 2015 além de outros projetos e idéias que estão sendo trabalhadas pelo grupo. Maiores informações estão publicadas aqui.25960525960-8 Rodrigo Padula (discussão) 04h35min de 26 de agosto de 2015 (UTC)

Bom trabalho! Desejo sucesso. Lechatjaune msg 12h30min de 27 de agosto de 2015 (UTC)
Valeu, o papo foi bem produtivo! Conseguimos traçar algumas metas e avançar com alguns projetos, em breve devemos publicar um relatório sobre o encontro e oficina. Rodrigo Padula (discussão) 22h37min de 27 de agosto de 2015 (UTC)

PropostasEditar

Criar estatuto Super Protegido

Proponho criar um estatuto super protegido aqui na Wiki-pt, para evitar guerras de administradores. Já era de esperar isso tdo, devido em grande parte pelo aumento de sysop. Foi bom por um lado, mas também estamos vendo esse lado não tão agradável assim. Isso é útil pois ajuda a acalmar os ânimos e também a não ficar perdendo tempo com pedidos de bloqueios, discussões entre outros. O que acham? Vitor MazucoMsg 00h40min de 2 de agosto de 2015 (UTC)

Você sabe o que é a superproteção e a quem se destina? Quintal 00h42min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
Na tua ideia, que teria o botão? Ou você está propondo criar um estatuto especificamente para ter esse botão? José Luiz disc 00h42min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
Algum usuário que não seria revertido pelos sysops pelo menos. Criar um ou criar esse botão para por exemplo aos burocratas. Vitor MazucoMsg 00h46min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
  • Desnecessário, usuários a quem a comunidade confiou o zelo do projeto é que devem se comportar de forma responsável. E quando os usuários que tiveram o botão da "super proteção" se comportarem de forma inadequada se criará o botão de "super super proteção"? Fabiano msg 00h46min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
Será um número restrito de usuários a terem esse recurso, talvez nem sejam administradores, e sim um usuário de confia nossa. Vitor MazucoMsg 00h49min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
Eu discordo. Mais um estatuto para criar uma falsa impressão de superioridade ou que temos uma hierarquia. Também não vejo necessidade para isso, uma vez que são pouquíssimos os casos entre guerras administrativas. Os administradores envolvidos na última GE, que foram bloqueados, não eram novatos. Além de tudo isso, devemos remover as ferramentas de quem não sabe as utilizar, e não criar outro estatuto. E também nada garante que as pessoas com esse estatuto super protegido também não se envolvam em guerras entre si. Se isso ocorrer, precisaríamos então criar o estatuto "Deus Supremo"? Érico Wouters (msg) 00h48min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
É, se continuar assim. Vitor MazucoMsg 00h51min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
  • Entendo que é desnecessário e os episódios descritos nada têm a ver com o aumento recente de sysops. Existem outras medidas como filtros de edição localizados, por exemplo. Vanthorn® 00h52min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
Uma alternativa, eu prefiro que seja feitos filtros nesses sysops, do que perder eles. Já que o problema é pontual e não houve esses tipos de comportamento antes. Vitor MazucoMsg 00h55min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
Volto a perguntar: quem faz a proposta informou-se sequer sobre o que é a superproteção? A superproteção é um privilégio atribuído a um grupo restrito de funcionários da Fundação Wikimedia e é usado muito raramente e em circunstâncias excecionais para cumprir diretivas da Fundação, o que geralmente resultou em acesa polémica. Quintal 00h59min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
LOL.   Contra. Helder 01h32min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
gostei da ideia do deus supremo rsrsrs valeu a boa vontade, Vitor, mas lidando com humanos sempre vai dar problema uma hora ou outra Tetraktys (discussão) 02h24min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
  • Apenas membros do grupo Staff possuem acesso nativo a esta permissão, a qual pode ser adicionada ou removida pelos membros do grupo Steward. Não se trata de uma emenda para compensar a falta de decoro de administradores locais. Ruy Pugliesi 02h41min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
  • Este estatuto não é necessário. Necessário é o bom senso de qualquer tipo de usuário antes de se envolver em uma guerra de edições. Fronteira diga - veja 03h03min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
  • Eu particularmente gosto do nome "Ultra Proteção": Ninguém pode se quer tocar na página, mas a ideia do "Deus supremo" é 100% original, rs.   Contra pessoal, contra... rs --Zoldyick (Discussão) 05h35min de 2 de agosto de 2015 (UTC)
  • Apesar das boas intenções do Vitor em procurar encontrar alguma solução para o problema, eu concordo com o Tetraktys que somos humanos e sempre iriamos encontrar um modo de favorecer uma parte em prol da outra. DARIO SEVERI (discussão) 05h48min de 2 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo, ridículo criar um estatuto só pra isso.--Mister Sanderson (discussão) 23h20min de 2 de agosto de 2015 (UTC)

Eu tenho a esperança de que esse grupo nunca mais seja usado em qualquer projeto da WMF.—Teles«fale comigo» 01h58min de 12 de agosto de 2015 (UTC)

Ver também mailarchive:wikimedia-l/2015-August/078824.html e mensagens seguintes. Helder 00h50min de 13 de agosto de 2015 (UTC)
  •   Discordo Um abuso de poder utilizado pela fundação em outros projetos e que espero jamais ver utilizado aqui (ou, como deseja o Teles, em lugar nenhum). José Luiz disc 01h51min de 13 de agosto de 2015 (UTC)

Suspensão temporária de direito ao voto a usuários bloqueados

Objetivo da propostaEditar

Proteger a Wikipédia da ação de usuários mal-intencionados que tentam manipular ou afetar negativamente as decisões da comunidade, mais especificamente, as votações.

JustificativaEditar

De tempos em tempos surgem usuários que tentam prejudicar o bom funcionamento das decisões da comunidade. Pessoas que utilizam sockpuppets ou que foram bloqueadas por não cumprirem as políticas e recomendações da comunidade, algumas com longo histórico de bloqueios, podem afetar o resultado de propostas e votações da mesma forma que pessoas que contribuíram por meses (ou anos) na construção do projeto e nunca foram bloqueadas porque respeitaram as regras da comunidade e os outros editores. O problema da interferência dos sockpuppets já tem solução especificada nas regras, mas e como ficam os votos daqueles que foram bloqueados por não respeitarem políticas e recomendações? Terminado o tempo de bloqueio eles podem agir livremente manipulando propostas e votações para danificar o projeto, beneficiar a si próprios, se vingar de outros usuários ou apoiar uma agenda qualquer. Se faz necessária uma regra que dificulte a ação desse tipo de usuário em votações.

Meio sugerido para atingir o objetivo da propostaEditar

Atualmente para possuir direito ao voto é necessário cumprir as seguintes regras:

São regras gerais para qualquer votação na Wikipédia lusófona:

1. Ser um usuário registrado e efetuar o login antes de votar (votos de anónimos são considerados inválidos);

2. Ter a sua primeira contribuição válida há mais de 90 dias como registrado antes do início da votação;

3. Ter um número de edições válidas no domínio principal da Wikipédia superior a 300 antes do início da votação.

4. Bots e sockpuppets não podem votar.

4.1. Em caso de um usuário votar com duas ou mais contas diferentes numa mesma votação, os votos, tanto o da conta principal quanto os das contas alternativas, devem ser anulados.

4.2. Finalizado o bloqueio pela ação ilícita, a conta principal estará impedida de votar durante X dias e deverá realizar ao menos Y edições válidas no domínio principal para recuperar o direito ao voto. O número de dias e edições deverão ser decididos pela comunidade à época do caso em questão.

Minha sugestão para desestimular, coibir e minimizar a ação desses usuários mal-intencionados é que seja acrescentada a regra adicional:

5. Não ter sido bloqueado nos XX dias anteriores ao início da votação.

O número de dias pode ser o que a comunidade julgar como razoável para que o usuário reestabeleça a confiança da comunidade com edições produtivas que respeitem as políticas e recomendações.

Valores sugeridos: 30, 60, 90, 180 dias ou mais após terminado o último bloqueio válido ("válido" = bloqueio não anulado). Pode ser um valor fixo de dias, ou variável de acordo com a gravidade do último bloqueio. Fica a critério da comunidade decidir.

Essa regra, além de proteger a Wikipédia, ajudará no funcionamento normal das decisões da comunidade e incentivará o cumprimento das políticas e recomendações, beneficiando aqueles que são genuinamente bem-intencionados e a comunidade como um todo. Abaixo, algumas opções possíveis para concordar ou apoiar(sinta-se livre para adicionar outras possibilidades):

30 dias de suspensão dos direitos ao votoEditar

60 diasEditar

90 diasEditar

180 diasEditar

VariávelEditar

Número de dias de suspensão ficam a critério de quem efetua o bloqueio


Variável com limitesEditar

Número de dias de suspensão ficam a critério de quem efetua o bloqueio dentro de faixas estabelecidas (por exemplo entre 1 e 15 dias, 30 e 180 dias, 60 e 120 dias, etc.)


Nenhuma mudançaEditar

ComentáriosEditar

  Discordo da proposta. Existem usuários registrados ativos que geralmente são bloqueados de maneira incorreta, e com este tipo de proposta, só prejudicaria a liberdade de poder participar das votações do projeto. Usuários que possuem socks possuem seus fantoches bloqueados de maneira infinita, e a conta atual pode receber um bloqueio por alguns dias ou até meses (em caso de reincidência). Só esta questão do bloqueio já o impede de editar em artigos do domínio principal, e consequentemente, participar das decisões da comunidade (debates e votações). Imagina só aqueles que foram bloqueados só por recusar a citar fontes em artigos, ou por um certa falta de capacidade de não lidar com o projeto (geralmente os novatos), eles poderiam ser prejudicados com esta nova proposta! Por este motivo eu não acredito que uma suspensão resolveria esta questão de evitar que socks participem das votações. Atualmente já existe uma regra que, em caso descoberta de uso de contas múltiplas participando de votações, os votos serão totalmente anulados e a votação teria que ser corrigida/modificada (talvez até anulada). WikiFer msg 20h43min de 3 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo - Proposta sem sentido ! Concordo com as palavras do colega WikiFer. --João Carvalho deixar mensagem 21h03min de 3 de agosto de 2015 (UTC)

A proposta não tem nem autor? Caiu aqui? rs MachoCarioca oi 00h16min de 4 de agosto de 2015 (UTC)
Tem. É o IP 189.121.104.250. Sigh... E tem gente que leva a sério. José Luiz disc 01h29min de 4 de agosto de 2015 (UTC)
Eu deixei a página nas minhas vigiadas pra ver qual noob comentaria, mas meus planos foram frustrados.--Mister Sanderson (discussão) 01h48min de 4 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo - Proposta com o objetivo de eliminar o direito básico de todo ser humano o de Votar, se não me engano no Brasil até preso vota. Mas vamos analisar a proposta: Quer dizer que eu como sysop vou poder Proteger e desproteger páginas - Eliminar páginas uma a uma (delete) ou em massa (nuke) - Restaurar páginas e imagens eliminadas - Bloquear endereços IP, intervalos de IP e contas de utilizador - Desbloquear contas - Ocultação de vandalismos em páginas - Gerir privilégios com o poder de atribuir/remover estes estatutos ... mas não vou poder votar por XX dias. Se já não bastasse a campanha de difamação movida contra mim ainda vou ter que ler uma proposta tão absurda. DARIO SEVERI (discussão) 01h54min de 4 de agosto de 2015 (UTC)

WTF??? Pare de usar esses negritos, caro "Raimundo redivivo"... Já te disse que isso enfraquece teu argumento.... José Luiz disc 02h31min de 4 de agosto de 2015 (UTC)
Por que você os colocou em grande quantidade na justificativa da proposta? Tentar me conectar ao esquema Quentinense e realmente ridículo. DARIO SEVERI (discussão) 02h35min de 4 de agosto de 2015 (UTC)
Não foi o jbribeiro1 que escreveu a proposta.--Mister Sanderson (discussão) 15h48min de 4 de agosto de 2015 (UTC)

Que tal arquivar esta bobagem aqui de uma vez para matar logo mais um nascente foco de discussão estéril? MachoCarioca oi 02h46min de 4 de agosto de 2015 (UTC)


Sinceramente essa proposta é absurda e ridícula, não entendo como alguém leva essa vergonha a sério. "Wikipédia livre sem liberdade"?. Mais constrangedor ainda é que vem usuário tentar conectar outros a sock puppets até aqui, quanto desespero! Jonny DC 02h50min de 4 de agosto de 2015 (UTC)

Ok pra mim. Desde que não tenha negritos... José Luiz disc 02h52min de 4 de agosto de 2015 (UTC)
Não é proibido usar negritos nas discussões. Jonny DC 02h55min de 4 de agosto de 2015 (UTC)
Esta proposta assim como outra aberta recentemente [7] são claros exemplos de como desviar a atenção de editores, incluindo sysops, de discussões realmente importantes e que precisam de soluções como a Wikipédia:Pedidos/Revisão de ações administrativas/Proteção/Revisão de ação administrativa (1ago2015) e a Wikipédia Discussão:Votações/Alterações nos critérios de notoriedade. O mais curioso é que o José reclama tanto de socks e se preocupa em defender justamente o pedido de um deles ... tudo muito "curioso" por aqui. DARIO SEVERI (discussão) 04h37min de 4 de agosto de 2015 (UTC)
Acuma? Eu sou contra a proposta (veja meu comentário acima: "E tem gente que leva a sério..."). E contra os negritos. José Luiz disc 11h45min de 4 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo Desnecessário: promove o risco de abuso sem trazer qualquer vantagem como contrapartida --Usien6 msg • his 13h02min de 4 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo - da Proposta com o objetivo de eliminar o direito de voto. Dr. LooFale comigo 17h08min de 4 de agosto de 2015 (UTC)

Requisitos mínimos para a obtenção do estatuto de administrador

Os atuais critérios definidos para a aprovação de usuários registados no grupo de administradores favorece o número de usuários candidatos ao estatuto mas não explora apropriadamente a salvaguarda da qualidade e eficiência de edição e desempenho dos usuários que se candidatam ao estatuto. O nível de tolerância é demasiado, e pode favorecer casos em que contas dormentes e/ou com alguns meses de registo facilmente recebam aprovação da comunidade por votação. Os atuais requisitos mínimos são pouco esclarecedores sobre aquilo que se pretende de um usuário que se candidata ao estatuto de administrador, haja vista a expectativa de que a atuação dos usuários candidatos deverá ser a melhor. O número de administradores deixou de ser um problema maior e o nível de competência que deve ser alcançado tornou-se preponderante à medida que o projeto se avoluma.

Assim, propõe-se algumas alterações relativamente aos critérios mínimos estabelecidos com o propósito de melhorar os referenciais comuns a ter em conta na avaliação dos conhecimentos e das capacidades daqueles que pretendem fazer uso das ferramentas administrativas e intervir e resolver nos mais delicados problemas da comunidade:

Os usuários da Wikipédia lusófona que cumpram os requisitos abaixo discriminados poderão candidatar-se ao estatuto ou solicitar a um terceiro a abertura de uma página para o pedido de aprovação:

  • Ter realizado pelo menos 3.000 edições no domínio principal e um ano de significativa actividade;
  • Não possuir qualquer registo de bloqueio (parcial ou total) no último ano e meio, exceto se os bloqueios corresponderem a um engano ou tiverem sido considerados incorretos e completamente anulados em sequência;
  • Mostrar conhecimento das regras e funcionamento da Wikipédia lusófona;
  • Ter participado, pelo menos, nos trabalhos do projeto Manutenção;
  • Não ter desenvolvido artigos eliminados mediante o processo de consenso pela eliminação por vanglória, propaganda ou violação de direitos autoriais;

Os usuários que não cumprirem os requisitos supracitados poderão ter seus pedidos cancelados a qualquer momento por um burocrata antes do prazo de encerramento.

Nota: Torna-se óbvio que o não cumprimento destes requisitos de atribuição poderia justificar também a remoção dos privilégios de administradores de quem faz parte do grupo, no entanto, a perda do acesso tende a ser mais complexa e não é isso aquilo que esta proposta pretende deliberar. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 03h09min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Não entendi nada. Administradores técnicos não valem nada? Eles jamais participarão da "melhoria de artigos", mas estão presentes na coordenação robótica ou no café dos programadores. Editam a interface e acompanham o phabricator... Isso não vale nada? Pode explicar? A frase polêmica é "Ter, no mínimo, contribuído para o trabalho de melhoria de artigos do projeto Manutenção;". Fora isso, tendo a concordar. José Luiz disc 03h26min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
O mínimo estipulado de 2.000 edições no domínio principal actualmente não pressupõe a contribuição pela manutenção de artigos? Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 03h58min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Jbribeiro1, modifiquei a frase; veja se concorda? Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 04h47min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Shgür Datsügen, quase. No projeto manutenção há uma declaração de objetivos? Ou seja, é possível ser inequívoco ao descrever quais são os "trabalhos" do projeto? Criar artigos é trabalho, por exemplo? Vigiar páginas novas? Trabalhar exclusivamente em destacamento de artigos? Ou apenas mantendo a seção de "notícias" da PP? Conheço vários usuários especialistas e poderia citá-los se ajudar. José Luiz disc 14h52min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Vejo conflito entre os critérios: 1° - ...3.000 edições no domínio principal e um ano... e 2° ...registo de bloqueio (parcial ou total) no último ano e meio.... Não é possível equalizar o tempo nos dois itens? O "R" Aliado 03h33min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Porquê? Uma coisa não justifica a outra. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 04h11min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
  Discordo do 2º item. O que o editor faz na vida pessoal dele que justifique bloqueio não tem nada a ver com a capacidade dele ser administrador. --Mister Sanderson (discussão) 04h56min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Não entendi. É-lhe indiferente se administradores ou candidatos ao estatuto violam sistematicamente políticas oficiais e incorrem em bloqueio da sua conta? Se Fulano viola menores é porque apoia a violação de menores, se Sicrano é traficante de drogas, apoia o comércio de substâncias ilícitas. Desculpe, mas isso não faz sentido. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 05h21min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Os exemplos que você deu é da pessoa violar a própria regra que se propõe a fazer cumprir. Mas as pessoas não são definidas por apenas uma característica. O administrador pode ter quebrado a R3R, mas ser ótimo em bloquear IPs vândalos. Se ele tiver o bom-senso de não meter as ferramentas do estatuto dele em guerras de edição, em nada afeta o estatuto ele ter sido bloqueado antes. Se meter, vai perder, as regras atuais já definem isso. O que você propõe é suspeitar antes, mas eu acho que a regra de punir depois já é o bastante.--Mister Sanderson (discussão) 18h11min de 22 de setembro de 2015 (UTC)
Isso é completamente falso. Pode dar um exemplo recente em que um administrador tenha feito mau uso da ferramenta de reversão ou, pior, da ferramenta de bloqueio e que lhe tenham consequentemente removido os estatutos? Não há! Do contrário, quantos exemplos quer que lhe mostre de admins que violaram as regras e continuam por ai a envaidecer-se de que são isto ou aquilo quando não têm a mais pequena ideia de como intervir nas disputas e ainda por cima, quando o fazem, violam frequentemente as normas? Caia na realidade. Quanto a esta discussão, já a dei por terminada. Shgür Datsügen (discussão) 18h41min de 22 de setembro de 2015 (UTC)
O segundo item é irreal já que administradores no exercicio das funções são bloqueados e não perdem mais o estatuto aqui. É mais que obvio que se vc nao pode ter sido bloqueado para ser adm, não tem cabimento ser bloqueado e continuar sendo. Acho q uma coisa nada tem a ver com outra. Isto deve ficar a cargo da análise pessoal dos votantes e não ser regra.MachoCarioca oi 05h35min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
E continuará a haver administradores bloqueados exercendo as funções se editores com histórico recente de bloqueio receberem aprovação, ou não? Uma coisa não justifica a outra. Aliás, é precisamente por isso que o segundo item se faz necessário. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 05h40min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Pelo contrario, se continuarão a existir "administradores bloqueados exercendo as funções "não há o minimo nexo que editores com bloqueios recentes não possam ter aprovação por regra. Para haver uma não pode existir outra. Isso é de entendimento pessoal e não "regra". MachoCarioca oi 05h49min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Não complique, por favor. Para resolver esse absurdo começa-se por estabelecer os requisitos para a atribuição do estatuto a usuários capazes. Mas opor-se ao item 2 é ser favorável à existência de "administradores bloqueados exercendo as funções", e nem sequer existe regra que permita isso. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 05h56min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Shgur, justamente a minha colocação é por ser contra isso, mas se isso é a atual realidade do projeto, porque querer impedir quem foi bloqueado de também poder ser eleito? Não há nexo nenhum. A não ser que vc inclua na sua proposta o adendo no item 2 que adms bloqueados devem perder automaticamente o seu estatuto (era assim aqui, hj não mais ocorre.) MachoCarioca oi 07h01min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Para que a margem de acesso ao estatuto por usuários bloqueados recentemente diminua e, por conseguinte, diminuir também a probabilidade da eventual existência de administradores que violam e desconhecem recomendações e políticas oficiais. Entendo o seu ponto e por um lado concordo com ele, contudo, a "atual realidade do projeto" permite a perda do estatuto de usuários bloqueados, mas não de forma automática e sem discussão prévia. Coisa que, no meu entender, deveria estar em conformidade com o determinado pela política de burocratas em remoção imediata. Mas isso é tema para outra proposta, não confundamos. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 07h21min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Essa perda imediata das ferramentas por um sysop ter sido bloqueado não ocorre nas outras principais Wikipédias. Muito menos a de burocrata ... coisa da wiki (pt). DARIO SEVERI (discussão) 07h36min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Interessante porém a nota do texto acima (...) "Nota: Torna-se óbvio que o não cumprimento destes requisitos de atribuição poderia justificar também a remoção dos privilégios de administradores" (...) ... Isso quer dizer que eu com + de 10.000 ações administrativas, sem grandes erros, posso perder as minhas ferramentas por ter sido bloqueado uma vez como editor? DARIO SEVERI (discussão) 06h44min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Sim, as regras atuais confirmam que você ainda está sujeito a perder as ferramentas por ter violado políticas oficiais do projecto, no entanto, isso ainda depende de um pedido de remoção do estatuto. Mas esta proposta não objectiva instituir a remoção automática das ferramentas de administrador a usuários que tenha sido bloqueados. O que se está a discutir são os requisitos mínimos para a sua atribuição. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 06h53min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Eu acho muito válida e útil esta tua proposta mas creio que o último item dela deveria ter uma data, explicando melhor, suponha que a três anos atrás, quando tinha pouca experiência, eu desenvolvi um artigo que foi eliminado por consenso, se eu entendi bem não poderia atualmente me candidatar a administrador por isso. Não te parece um longo tempo? DARIO SEVERI (discussão) 07h02min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Citação: «Não ter desenvolvido artigos eliminados mediante o processo de consenso pela eliminação» - quer dizer que se tiver artigos eliminados por ER, já se pode candidatar a administrador ?? Discordo da proposta. --João Carvalho deixar mensagem 12h06min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
O consenso determina a exactidão pela qual se deu a eliminação do artigoe normalmente implica casos graves de violação dessas directrizes. Casos em que artigos que ferem a política de conteúdo restrito e utilizados para qualquer finalidade, por qualquer meio e que foram eliminados por ER serão considerados igualmente prejudiciais, como é evidente. No entanto, na ER existe sempre a possibilidade de caracterizar vandalismo leve, por desconhecimento das regras. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 14h01min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

João Carvalho, Citação: proposta escreveu: «Não ter desenvolvido artigos eliminados mediante o processo de consenso pela eliminação por vanglória, propaganda ou violação de direitos autoriais». Ainda assim, nesse ponto poderia ser acrescentado um tempo mínimo que o usuário tenha sem cometer tal infração, assim como ocorre com a exigência de nenhum bloqueio no último ano e meio. --HVL disc. 13h55min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo Até um ano atrás parecia haver um consenso no sentido contrário: Wikipédia:Esplanada/propostas/Acabar com exigência de número de edições nas candidaturas de estatutos (24set2014). Chegou a ser implementado (por um sock, é verdade, mas era quase consenso) que o número de 2000 edições seria apenas um referencial, mas não uma obrigatoriedade (na edição seguinte ele desfez). Logo em seguida, a discussão foi esquecida, a página tornou-se um arquivo histórico, sendo substitúida por Wikipédia:Política de administradores após essa discussão Wikipédia:Esplanada/propostas/Política de administradores (13mar2015) onde o fim das 2000 edições como requisito foi esquecido. Agora, do nada, querem aumentar de 2 mil para 3 mil edições? Pra que? O Helder já deixou de ser eleito administrador apenas por causa dessas 3000 edições. Um outro exemplo é em relação ao usuário Danilo.mac, que possui um número de edições em artigos muito abaixo de sua real importância e conhecimento do projeto.

Os outros requisitos são todos só pra trazer mais burocracia também. Não ter sido bloqueado no último um ano e meio, que é isso?! Um ano e meio é uma eternidade em termos de Wikipédia, em muito menos tempo que isso o usuário que não entendia o projeto pode tornar-se muito dedicado e conhecedor, por que ser impedido de se eleger? Há uns meses todos concordávamos que precisávamos facilitar o acesso ao estatuto, e agora querem andar pra trás novamente? As regras atuais ainda são suficientes para a candidatura de novos usuários que querem ser sysop e contribuir com o projeto. WikiFer msg 19h34min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

O Helder e o Danilo são exceções que não podem servir de parâmetro para se definir um sistema de seleção que se estenda a todos os editores. Não me recordava dessa discussão mas nada foi feito relativamente a isso. Não é preciso possuir estatutos para se contribuir no projeto, e neste sentido pergunto se concordaria substituir a frase por outra que enfatize a qualidade de edições em vez do número:
  • Ter histórico significativo de edições de qualidade na Wikipédia lusófona e um ano de significativa atividade.
Com isto uma eventual candidatura a administrador do Helder ou do Danilo não seria dificultada e a importância do seu contributo para projeto teria sido levada em consideração.
Relativamente ao "ano e meio" entendo e concordaria consigo se esse facilitismo fosse benéfico para o projeto, mas não é. Na grande maioria dos casos eleger um usuário que foi bloqueado após seis meses, metade dos quais esteve inativo é um contra-senso. Não se confia em usuários para zelar pela manutenção e cumprimento das normas internas do projeto a quem desrespeita e/ou desconhece a significância dos regulamentos do projeto. O nível de tolerância é demasiado, e pode favorecer casos em que contas dormentes e/ou com alguns meses de registo facilmente recebam aprovação da comunidade por votação apenas com algumas marcações de tags ou reversões. Jamais se concordou com o facilitar o acesso ao estatuto, mas sim aumentar o número de candidatos a administrador. Qualquer editor dedicado reconhece que não precisa dos estatutos para contribuir, e qualquer editor dedicado num estalar de dedos atinge os requisitos mínimos propostos sem o mínimo de dificuldade e até teria todo o gosto em fazê-lo. Cabe lembrar que a ptwiki é uma enciclopédia e, portanto, espera-se que qualquer candidato a administrador que pretende desempenhar funções administrativas apresente uma colaboração mínima no domínio principal, mas é evidente que não podemos deixar de parte usuários que possuam vasta contribuição noutros projetos e experiência suficiente para serem eleitos para a manutenção e cumprimento do regimento interno desta enciclopédia. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 23h16min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

  Comentário Ao meu ver a proposta é válida. No entanto, assim como outros editores,   Discordo do 2º item e proponho uma pequena alteração: o candidato ao cargo administrativo não pode ter sido bloqueado nos últimos 6 meses. Explico: como estamos em um ambiente virtual, estabelecer um prazo de um ano e meio é algo completamente despropositado, visto que, como bem disse o WikiFer, trata-se de uma "eternidade". Eu também não entendi o item do projeto Manutenção. Se vamos obrigar o cara a contribuir com pelo menos 3 mil edições para poder se candidatar, porque também vamos obrigá-lo a participar deste projeto moribundo? Muitos editores realizam tarefas de manutenção diariamente sem nunca ter visitado a página deste projeto. Por fim, também não concordo com a destituição automática de administradores bloqueado. De fato, esta era a política oficial da pt.wiki tempos atrás, mas não é um processo padrão em outras versões da Wikipédia e não me parece ser algo justo de ser aplicado em todos os casos. Nos últimos tempos, só vi sysops sendo bloqueados por disputas com outros sysops ou por conta de bloqueios invalidados pela própria comunidade. Vamos dar uma resumida nisso aí. Ficaria algo mais ou menos assim:

Os usuários da Wikipédia lusófona que cumpram os requisitos abaixo discriminados poderão candidatar-se ao estatuto ou solicitar a um terceiro a abertura de uma página para o pedido de aprovação:

  • Ter realizado pelo menos 3.000 edições no domínio principal e um ano de significativa atividade;
  • Não possuir qualquer registro de bloqueio (parcial ou total) nos últimos seis meses, exceto se os bloqueios corresponderem a um engano ou tiverem sido considerados incorretos e completamente anulados em sequência;
  • Mostrar conhecimento das regras e funcionamento da Wikipédia lusófona;
  • Não ter desenvolvido artigos eliminados mediante o processo de consenso pela eliminação por vanglória, propaganda ou violação de direitos autoriais;

Os usuários que não cumprirem os requisitos supracitados poderão ter seus pedidos cancelados a qualquer momento por um burocrata antes do prazo de encerramento.

Chronus (discussão) 23h22min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Por favor, atente a frase proposta no comentário anterior. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 23h30min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

Esta frase (...) "Não ter desenvolvido artigos eliminados mediante o processo de consenso pela eliminação por vanglória, propaganda ou violação de direitos autorais." (...) Me parece ser algo desproporcional, principalmente não tendo nenhum limite de tempo. Isto quer dizer que se alguém criou alguns anos atrás, no inicio que começou a editar, um artigo que foi eliminado em uma PE não pode se candidatar atualmente a administrador. É completamente sem lógica. DARIO SEVERI (discussão) 00h06min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

Não, quer dizer que alguém que criou artigos para divulgação ou violação de direitos autoriais não poderá ser administrador. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 00h25min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
"Vanglória" incluído ... sem data de prescrição não me parece o certo. DARIO SEVERI (discussão) 00h31min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
Muito bem observado, DARIO SEVERI. Sem data de prescrição este item também me parece problemático. @Shgür Datsügen: Qual frase foi proposta no comentário anterior? Chronus (discussão) 00h37min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
Não me oponho a uma data de prescrição, mas isso não elimina o erro cometido. @Chronus:, lendo a discussão indicada pelo WikiFer, julgo que a fixação de um número de edições é despropositada, e por isso sugiro substituir o item 1 por: "Ter histórico significativo de edições de qualidade na Wikipédia lusófona e um ano de significativa atividade." Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 00h53min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
  • Acredito que poderíamos manter a exigência de 2 mil edições no domínio principal, para não dificultar o acesso de muitos usuários dedicados e competentes. Devemos nos lembrar de que a Wikipédia é mantida e administrada por voluntários e, quanto maior forem as dificuldades, menor será a aderência destes nas questões administrativas. Ter 2 mil edições no domínio principal também está entre os requisitos mínimos para os burocratas, portanto, podemos adotar o mesmo número aqui. No mais, concordo com a última versão da proposta, logo acima (à exceção do número mínimo de edições, como apontei). Ruy Pugliesi 00h59min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
Se não me engano no Brasil e em Portugal existe a prescrição por algum crime cometido. Não prescrever uma data pelo "crime" de alguém ter criado um artigo elogiando a si próprio (Vanglória) é um pouco de exagero. DARIO SEVERI (discussão) 01h03min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo. São muitas regras. A comunidade deve ser livre para julgar se um candidato é apto ou não para ser administrador. É claro que devemos ter requisitos mínimos, ainda mais porque os burocratas não podem encerrar um pedido usando o argumento da bola de neve, mas considero os requisitos propostos exagerados. Três mil edições no domínio principal como requisito mínimo é muito. Um usuário pode contribuir em outras áreas além do domínio principal. Também discordo de exigir como requisito que um candidato tenha participado do projeto Manutenção. Se alguns usuários consideram relevante, que votem contra, mas isto não pode ser motivo para cancelar um pedido. Até porque é essa regra é vaga e permitiria interpretações diferentes. Também discordo do terceiro item. Em um ano e meio um novato pode se tornar um usuário muito experiente. Érico Wouters (msg) 02h03min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

Érico Júnior Wouters, porque é que não leu a discussão primeiro? Cedo quanto ao número mínimo de 3 mil edições e discordo inclusive das atuais 2 mil. O ano e meio já foi alterado para seis meses passando a estar em conformidade com o estipulado pela política de burocratas. Um usuário abdica do estatuto de administrador só porque "são muitas regras"? Não, pois não? Sabemos que discorda da proposta inicial, mas e desta que ainda está a ser discutida? Não seria preferível tentar perceber primeiro antes cair no erro de simplesmente discordar daquilo que desconhece? Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 03h03min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
Eu li as duas propostas e discordo de ambas. Se isso não ficou claro, agora está. A única proposta deste tema que eu concordaria era a de diminuir o número de edições no domínio principal para 1.000 ou 1.500. Discordo de criar outras regras. Eu concordaria se os requisitos mínimos propostos fossem recomendações. A comunidade deve ser soberana para valiar cada caso individualmente. Érico Wouters (msg) 03h08min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
Não se trata de criar outras regras, mas de assegurar que o desempenho e actuação do candidato corresponde aos critérios estabelecidos pelas normas basilares do projeto. Agora discordar só porque sim, sinceramente, só mesmo vindo de alguns. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 03h22min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
Você abriu uma proposta na esplanada e todos podem comentar o que querem. Apresentei os motivos pelos quais discordo e ainda tenho que ler que "discordo só porque sim". Da próxima vez crie uma proposta e especifique em seu início quem poderá participar. Érico Wouters (msg) 03h28min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
Os motivos que apresentou não se aplicam à segunda versão da proposta, e o item 1 será alterado. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 03h33min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

Nova propostaEditar

Os usuários da Wikipédia lusófona que cumpram os requisitos abaixo discriminados poderão candidatar-se ao estatuto ou solicitar a um terceiro a abertura de uma página para o pedido de aprovação:

  • Ter realizado pelo menos 2.000 edições no domínio principal e um ano de significativa actividade;
  • Não possuir qualquer registro de bloqueio (parcial ou total) nos últimos seis meses, exceto se os bloqueios corresponderem a um engano ou tiverem sido considerados incorretos e completamente anulados em sequência;
  • Mostrar conhecimento das regras e funcionamento da Wikipédia lusófona;
  • Não ter desenvolvido artigos eliminados nos últimos dois anos mediante o processo de consenso pela eliminação por vanglória, propaganda ou violação de direitos autoriais;
    • Casos anteriores a dois anos deverão ser objeto de análise durante o processo de sufrágio.

Os usuários que não cumprirem os requisitos supracitados poderão ter os seus pedidos cancelados a qualquer momento por um burocrata antes do prazo de encerramento.

Esta versão parece corresponder àquilo que até ao momento foi discutido. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 04h02min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

Requisitos fixos têm-se revelado restritivos quando a comunidade vê um candidato claramente adequado. Seria mais produtivo, na minha opinião, ter alguns critérios que por experiência prévia são os mínimos ou os esperados pela comunidade na maior parte dos casos, e possibilitar quer a aprovação de candidatos adequados que não cumpram algum dos critérios, quer o encerramento rápido de candidaturas em que seja óbvio que não há hipótese de aprovação en:WP:SNOWBALL. GoEThe (discussão) 09h13min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
Discordo destas propostas ! Parece que existe agora uma mania de querer alterar tudo, mesmo aquilo que não há necessidade de alterar. Qual a razão para se alterar os "Requisitos mínimos para a obtenção do estatuto de administrador" ? Houve algum problema com a eleição administradores que não deviam ter sido eleitos ? --João Carvalho deixar mensagem 09h22min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo das propostas acima. Ficaram muito em aberto. Não faz sentido definir "edições de qualidade" num projeto onde alguns usuários chamam outras edições de lixo, por exemplo, ou onde rola birra em pedidos de administração de usuários que tem sim, edições de qualidade, mas que são completamente ignoradas pelos seus adversários que votam por intimidade. Sobre artigos eliminados, se isso é tão importante, que se coloque nos requisitos mínimos para obter o estatuto de eliminador, então. Jonny DC 09h28min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo de qualquer proposta para aumentar os pré-requisitos mínimos dos candidatos a administrador. Como disse o Érico acima "Eu concordaria se os requisitos mínimos propostos fossem recomendações. A comunidade deve ser soberana para avaliar cada caso individualmente." [2] WikiFer msg 16h43min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

De novo, parece-me este um projecto em que a ignorância e o desconhecimento são desculpa compartilhada, quase que virtudes. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 20h05min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
Ah, então funciona assim?! Quando a comunidade discorda de uma proposta sua é classificada como "ignorante"? Estamos todos argumentando aqui, Shgür Datsügen. Este tipo de comentário não é nada construtivo para a discussão. Chronus (discussão) 20h51min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
Não é quando a comunidade discorda de uma proposta minha. Tive várias propostas recusadas e outras aprovadas. Mas quando se discorda de tudo só porque sim, enquanto outros estão efectivamente argumentando e discutindo ponto por ponto as indecisões, torna-se óbvia a desproporção relativa ao entendimento das normas e competência na execução das tarefas. Estes são inclusive contrários à existência dos actuais requisitos mínimos quando a aprovação se dá por votação, enfim, dá para acreditar? Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 21h16min de 24 de agosto de 2015 (UTC)


Caro Chronus, tens de te habituar a isto. Há uns que são os possuidores da verdade e os outros (nós) somos uns coitados.... --João Carvalho deixar mensagem 21h15min de 24 de agosto de 2015 (UTC)
  •   Concordo com a última proposta apresentada, com exceção do primeiro item, por se tratar de tema bastante subjetivo. Ruy Pugliesi 01h55min de 26 de agosto de 2015 (UTC)
Mantém-se então a exigência das 2 mil edições. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 02h28min de 26 de agosto de 2015 (UTC)
  • Discordo do último item, pois pode acontecer de alguém criar um artigo nessas condições por ainda ser muito novo e desconhecer as regras da Wikipédia. Isso não necessariamente o tornaria inapto a ser administrador depois de algum tempo de experiência na Wiki. Robertogilnei (discussão) 15h51min de 4 de setembro de 2015 (UTC)
@Robertogilnei: Como assim? Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 11h10min de 6 de setembro de 2015 (UTC)
Creio que dois anos é exagero para que alguém que criou artigo eliminado por VDA ou propaganda tenha de esperar para lançar candidatura a administrador. As pessoas podem ter artigos apagados por essa via por puro desconhecimento das regras da Wikipédia, mas podem aprendê-las em menos de dois anos. Ter artigo apagado nessas condições não significa que elas não serão capazes de administrar. Robertogilnei (discussão) 11h14min de 8 de setembro de 2015 (UTC)

Alteração nas regras de remoção de estatutos

Como é de conhecimento de todos pelas regras atuais quando autorrevisores, reversores e burocratas cometem infrações e sofrem bloqueios devem perder as ferramentas automaticamente por "quebra de decoro". Entretanto, o mesmo não ocorre com os editores com estatuto de administrador e eliminador. Então eu questiono: porque os dois últimos possuem este tratamento diferenciado? Não faz o menor sentido.

Em suma, proponho que administradores e eliminadores também percam as ferramentas automaticamente após um bloqueio considerado correto via DB. Se este usuário quiser ser reconduzido ao estatuto, basta abrir um pedido para a comunidade avaliar o caso (assim como os autorrevisores e reversores, por exemplo). Defendi isto aqui, parece que o Efeld pensa o mesmo, além de muitos editores que estão opinando nessa discussão; então estou abrindo uma discussão sobre o assunto. Lord MotaFala 14h00min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo, qualquer ocorrência que resulte no bloqueio do usuário, sendo ele parcial ou total, deve conduzir à remoção imediata das ferramentas administrativas. O estatuto só será removido se em revisão de bloqueio a aplicação for considerada correcta. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 14h14min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
  Concordo com a proposta inicial. --HVL disc. 14h17min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo. Pensei em propor que esse procedimento fosse retirado de outros grupos também e não incluído. Concordo apenas que isso seja procedimento pra certos tipos de violações mais graves ou se as menos graves forem persistentes, mas não vejo necessidade nem melhora desta enciclopédia com a aprovação de algo assim. Gostaria de ver os problemas reais que aconteceram e que serão resolvidos com a proposta, especialmente nos casos em que há bloqueio e não há abuso de ferramentas. Para todos os casos, a comunidade pode votar pela remoção quando achar necessário. Os casos de bloqueio de administrador são pontuais e podem ser discutidos individualmente, com julgamento específico para o caso.—Teles«fale comigo» 14h23min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

  • Lembrando que Dario e João Carvalho tiveram bloqueios recentes considerados corretos. Se apoiarem aqui, entendo que acham que a manutenção de seus próprios estatutos é algo questionável... Ligado a isto, presumo que o Teles resumiu bem em Citação: Gostaria de ver os problemas reais que aconteceram e que serão resolvidos com a proposta, especialmente nos casos em que há bloqueio e não há abuso de ferramentas. Até lá,   Discordo. José Luiz disc 14h46min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Guerra administrativa é uma delas e impedir o consenso, outra. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 14h53min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Citar que eu e o João impedimos o consenso me parece um pouco de exagero. DARIO SEVERI (discussão) 14h59min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Não acho que um administrador bloqueado esteja apto a encerrar pedidos de bloqueio, quando eles mesmo incorrem em infracções de disciplina, designadamente a violações das normas de conduta e guerra de edições. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 15h02min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Tenho mais de 11.000 ações administrativas em menos de um ano, segundo você então não estava apto para realiza-las e nem estou apto para realiza-las agora. Respeito teu ponto de vista porém discordo dele. DARIO SEVERI (discussão) 15h09min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Mas estará também apto para incorrer em bloqueio novamente ou negar a intervenção em situações razoáveis a ações administrativas solicitadas pela comunidade, uma vez que o julgamento do usuário bloqueado é geralmente afectado e tende a ser influenciado por um ponto de vista pessoal em disputas sobre temas ou conflitos com outros editores. Segundo a política de administradores, a "quebra do decoro" é neste caso, gravíssima. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 15h23min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Insinuar que a minha capacidade de julgamento foi afetada pelo bloqueio que me foi imposto é simplesmente ridícula. Eu não guardo rancor de quem quer que seja, pois o rancor é uma qualidade negativa que diminui o ser humano. Como um dos exemplo cito que eu fui um dos primeiros a votar para AD o artigo Gravidez (ver [8]), colocado pelo Antero para votação. DARIO SEVERI (discussão) 15h37min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Isso não tem nada a ver com a análise de ações administrativas e quebra das políticas de administradores e bloqueio. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 15h40min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Tem alguém que já vandalizou o artigo Eça de Queirós sei vezes nos últimos minutos, segundo você então eu não tenho a capacidade de avaliar se deve ser bloqueado???? (ver [9]) ... Curioso!!! DARIO SEVERI (discussão) 15h49min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
Não entendeu. Abuso reiterado das normas que constituem e representam o próprio estatuto legitima a imediata perda das ferramentas. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 16h30min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
  • Sinceramente não compreendi a opinião dos discordantes. Porque manter esse tratamento diferenciado para administradores e eliminadores? Não seria contraditório exigir que um usuário que deseja obter determinado estatuto não possuir um histórico de bloqueio recente e ao mesmo tempo manter usuários recém-bloqueados com estatutos? Usuários aos quais foi confiado zelar pela manutenção e cumprimento do regimento interno e que obrigatoriamente devem conhecer as regras do projeto, porém desrespeitam as mesmas, tem moral para cobrar dos demais o cumprimento das normas? Na minha opinião estes usuários devem passar por uma reavaliação da comunidade, uma espécie de moção de confiança. É o que a proposta destina. Lord MotaFala 17h29min de 23 de agosto de 2015 (UTC)
A reavaliação da comunidade pode ser feita através de um pedido da remoção do estatuto, e qualquer editor pode pedi-lo e por isso não vejo a necessidade da remoção automática das ferramentas. DARIO SEVERI (discussão) 23h46min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo da proposta. Dr. LooFale comigo 18h38min de 23 de agosto de 2015 (UTC)  Concordo com a proposta do Teles.Dr. LooFale comigo 20h04min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo da proposta !   Concordo com a contraproposta do Teles que diz que o que acontece com os administradores e eliminadores deve passar a acontecer com os outros ditos "estatutos". --João Carvalho deixar mensagem 22h26min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo com a proposta inicial do LordMota e discordo ca colocação do Teles. Os administradores não estão sujeitos a esse tratamento específico simplesmente porque as políticas de burocratas e eliminadores são mais modernas e foram criadas com tais situações possíveis em mente. Se um advanced right holder (seja ele um burocrata, administrador etc) cometeu um infração a ponto de lhe ser cominado um bloqueio, então ele não deve continuar a ter acesso a qualquer privilégio de usuário. Administradores não têm direito a foro privilegiado. Ruy Pugliesi 22h36min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo, conforme já expliquei acima, na proposta sobre os critérios para candidatos a administradores. Ademais, também   Concordo com a contraproposta do Teles. Chronus (discussão) 23h25min de 23 de agosto de 2015 (UTC)

@Ruy Pugliesi: A questão aqui não é "tratamento específico" ou "foro privilegiado". Administradores são passíveis de bloqueio assim como qualquer outro editor. A questão é que não é qualquer tipo de bloqueio que pode ser usado como um motivo válido o suficiente para destituir um sysop útil à comunidade do cargo. Outras versões da Wikipédia não têm regras parecidas e não destituem os seus administradores por conta disso. Chronus (discussão) 05h39min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo, da proposta como citei acima. Porem   Concordo com a contraproposta do Teles. DARIO SEVERI (discussão) 09h28min de 24 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo dessa proposta que só visa flamewars futuros.   Concordo com a proposta do Teles. Jonny DC 09h44min de 24 de agosto de 2015 (UTC)


  Discordo da proposta e concordo com o que foi dito pelo Teles, por tudo o que já disseram acima. Se não há abuso no uso das ferramentas, não deve haver desnomeação Leon saudanha (discussão) 15h26min de 25 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo com a sub-proposta do Teles: Citação: Teles escreveu: «Concordo apenas que isso seja procedimento pra certos tipos de violações mais graves ou se as menos graves forem persistentes» Quintal 15h30min de 25 de agosto de 2015 (UTC)

Quais? Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 18h42min de 25 de agosto de 2015 (UTC)

Discordo da contraproposta do Teles por se generalista e não prever as questões relativas a diferentes estatutos. Exemplo: burocratas avaliam pedido de privilégios e aferem consenso; a partir do momento que cometem violações graves que conduzem ao seu bloqueio, é suposto perderam a confiança e a neutralidade esperada em seus atos, motivo pelo qual a política de burocratas prevê remoção automática em caso de bloqueio. O mesmo deveria ser válido a administradores, haja vista que possuem acesso a um número até maior de ferramentas. E, não: não é "normal" o fato de administradores serem bloqueados - ao menos no contexto de uma wiki "normal". Sendo usuários escolhidos pela zelar pelo cumprimento das regras e pela manutenção do site, é esperado que observem e cumpram as regras vigentes enquanto forem administradores. Ou seja: os critérios de 'manutenção' de uma permissão devem espelhar-se nos critérios de aprovação. Termos administradores que são bloqueados (especialmente se mais de uma vez) não é uma situação que deve ser encarada com naturalidade. Ruy Pugliesi 02h15min de 26 de agosto de 2015 (UTC)

Sim, fui bloqueado uma vez e cumpri a minha punição. O que tem que ver isso com a minha capacidade de utilizar as ferramentas administrativas? Pelo que me consta outras Wikis normais aceitam que se um burocrata/administrador for bloqueado possa continuar com as ferramentas, por que a "normal" wiki (pt) não pode? Você está preocupado com o cumprimento das regras e pela manutenção do site? Pois bem, nos últimos 12 meses executei quase 11.000 ações administrativas e você pouco mais de 1.000 [10], se eu não sei cumprir as regras agora eu também não deveria sabe-las antes, você vai reverter todas as minhas 11.000 ações administrativas? Depois que terminou o meu bloqueio em 2 de agosto, 25 dias atrás, eu já executei 545 ações administrativas, incluindo mais de 50 bloqueios e 40 proteções de artigos, no mesmo período você executou apenas 1 (uma) ação administrativa [11], por isso não se lamente e deixe trabalhar quem está disposto a fazer com que sejam cumpridas as regras da WP. DARIO SEVERI (discussão) 03h06min de 26 de agosto de 2015 (UTC)

Uma coisa é um usuário utilizar o estatuto indevidamente por inexperiência, erro casual ou incompetência. Se esse problema for persistente ou algo de maior gravidade, a comunidade pode abrir um pedido de reavaliação. Outra coisa é esse mesmo usuário ser bloqueado por infringir regras que supostamente deveria conhecer e respeitar. Considero a segunda situação mais gravosa.

Ademais subscrevo a opinião do Ruy Pugliesi acima. Soma-se a isso também a questão da incoerência supracitada e que ninguém refutou: se um usuário recém-bloqueado solicitar um estatuto qualquer, certamente seu pedido será negado porque este editor está incapacitado de possuir o estatuto pretendido devido ao seu registro de bloqueio; mas um administrador, burocrata, etc. pode ser bloqueado a vontade porque isso supostamente não interfere no exercício de suas funções ... dois pesos, duas medidas? Agora, se a comunidade acha "normal" administradores e burocratas tomar bloqueio não irei mais insistir aqui... Lord MotaFala 01h01min de 27 de agosto de 2015 (UTC)

Eu diria que, se alguém for bloqueado e solicitar ser administrador logo depois, provavelmente será recusado por decisão da comunidade, mas de forma alguma posso afirmar isso com certeza. A certeza é de que ele vai criar o pedido e vai ser avaliado. Portanto, ele não sofre um impedimento automático. O impedimento da abertura do pedido não é automático e, em coerência com isso, a remoção também não deve ser.
O que está sem resposta de verdade é a minha pergunta inicial. Podemos abrir um pedido para remoção de ferramenta do Dario, já que ele foi recentemente bloqueado. Seria curioso se uma decisão da comunidade não fosse favorável à remoção, mas uma regra que joga todos no mesmo bolo automaticamente removeria sem avaliar qualquer particularidade do caso. Não há coerência a meu ver.—Teles«fale comigo» 01h45min de 27 de agosto de 2015 (UTC)

Evidentemente que nenhum um administrador, burocrata, etc. pode ser bloqueado a vontade, mas está proposta e também para o caso dele ter somente sido bloqueado uma única vez, está proposta não faz distinção entre ter sido bloqueado uma única vez e "bloqueado" a vontade. A comunidade não acha normal administradores e burocratas tomar bloqueio, tanto é que existe a punição do bloqueio e o administrador deve cumpri-la como qualquer outro editor.

O que se discute aqui é a automática remoção das ferramentas do administrador mesmo no caso dele ter sido bloqueado uma única vez. Sempre lembrando que atualmente a remoção das ferramentas já pode ser feita através de um pedido da remoção do estatuto, e qualquer editor pode faze-lo.

Nas outras principais wikis a remoção das ferramentas é feita também através de pedidos e não automaticamente por ele ter sido bloqueado.

  • A wiki espanhola na parte "Remoción del permiso de bibliotecário" [12] cita:

(...) "La revalidación de un bibliotecario es un asunto muy serio que no debe proponerse a la ligera: deben existir motivos sólidos que sustenten la petición, y un sector importante de la comunidad debe estar de acuerdo con ellos. Por este motivo, y para prevenir un uso irresponsable o malintencionado de este proceso, sólo podrá ser iniciado por un usuario que tenga al menos 6 meses de antigüedad y 1000 ediciones, y tendrá que estar avalado por al menos otros 12 usuarios con derecho a voto." (...)

  • A wiki inglesa cita em WP:TOOLMISUSE:

(...) "Misusing the administrative tools is considered a serious issue. Serious misuse may result in sanction or even their removal." (...) ... ( note que cita sérios mal uso, e não somente uma única vez, e nem são removidas as ferramentas automaticamente como proposto aqui). DARIO SEVERI (discussão) 02h03min de 27 de agosto de 2015 (UTC)

  • A Wiki italiana cite em Wikipédia:Quando sono revogate le funcioni di amministratore:

(...) "Um utente, accertandosi che l'ammistratore abbia abusato dele proprie funcioni per mettere in atto uma condotta Oggettivamente danosa per Wikipédia, apre uma segnalazione in Wikipédia:Utenti problematici. ... Se 15 utenti sottoscrivono la richiesta, si avvia uma votazione di revoga." (...) Como muito bem explicado, tem que ter pelo menos 15 editores que concordam em ter a votação para que ai sim se inicie uma votação para a remoção das ferramentas. Aqui querem fazer tudo de uma maneira automática. DARIO SEVERI (discussão) 12h55min de 27 de agosto de 2015 (UTC)

Como diria o Lord Mota, não são nem dois pesos e duas medidas, mas uns dez pesos e dez medidas. De qualquer maneira, isso é bom, porque desmoraliza de uma vez a justificativa de alguém não poder ter um estatuto por ter sido bloqueado (o que realmente não deveria existir aqui). MachoCarioca oi 20h37min de 27 de agosto de 2015 (UTC)
E mais, ninguém desmoraliza mais os estatutos de adm e burocrata aqui que os proprios adms e burocratas. Parece até aquele povo que bate panela na janela contra a corrupção e depois passa a noite bolando como sonegar mais no imposto de renda. Só livro a cara do Ruy e do Mota. Abs MachoCarioca oi 20h44min de 27 de agosto de 2015 (UTC)
Exatamente. Fizemos o mutirão de candidaturas ao cargo de administrador justamente para desmistificar a função, mostrar que ser sysop apenas significa que a comunidade classifica você como um editor minimamente comprometido e confiável, não um santo. Se não queremos que novas "panelinhas" se formem, devemos ser mais flexíveis. Cada caso tem suas características específicas e regras fixas não abrangem todos os cenários. Chronus (discussão) 20h41min de 27 de agosto de 2015 (UTC)
E não me leve a mal mas aquele mutirão elegeu adms de se morrer de rir da completa falta de preparo; e mais não falo. Abs. MachoCarioca oi 20h44min de 27 de agosto de 2015 (UTC)
Por que levaria a mal? Chronus (discussão) 20h52min de 27 de agosto de 2015 (UTC)
Mas tem alguma chance desse treco passar? Acho que não.... De quem estamos falando? Acho que tem 2 concordo + o proponente e uns 10 discordo aí pra cima. E tem a "subproposta do Teles", que eu nem sei o que é. José Luiz disc 21h05min de 27 de agosto de 2015 (UTC)

Desativar reescrita de títulos por padrão

O script não é considerado seguro, e foi supercedido em 2009 pela {{DISPLAYTITLE:}}, que foi introduzida para atender aos casos em que o seu uso era aceitável. Proponho que

  1. O gadget MediaWiki:Gadget-TitleRewrite.js seja desativado por padrão;
  2. De preferência, o código seja eliminado do domínio MediaWiki (e opcionalmente, seja colocado um aviso para quem estiver importando a página manualmente)
    • Afinal, neste domínio só devem permanecer os scripts confiáveis, sem vulnerabilidades (lembrem-se que podem ser ativados acidentalmente ao acessar links contendo o parâmetro withJS) (e em breve tudo será migrado para o novo domínio "Gadget:", onde esse tipo de gambiarra não será aceitável)

Helder 18h00min de 27 de agosto de 2015 (UTC)

Concordo com a proposta. Não tem mais razão para esse gadget existir faz muito tempo. !Silent (discussão) 01h22min de 28 de agosto de 2015 (UTC)
Eu não consigo avaliar qual o impacto. {{Título em itálico}}, por exemplo, continua funcionando? Eu uso "<div id="RealTitleBanner"><span id="RealTitle">Mais um Zé!!</span></div>" na minha PDU. Vai continuar funcionando? Enfim, acho eu que, pra comunidade opinar com clareza, vai ser necessário dar um toque de realidade na proposta. Abraços! José Luiz disc 01h32min de 28 de agosto de 2015 (UTC)
{{Título em itálico}} usa {{DISPLAYTITLE:}}, e continuará funcionando. Já o RealTitleBanner é justamente o script que gostaria de desativar (só continuaria funcionando para quem, por sua conta e risco, adicionasse tal JS aos seus scripts pessoais...)
No mínimo o item 1 da proposta deveria ser implementado, para que o script não seja executado pelos visitantes anônimos/esporádicos, que não têm a opção de desativá-lo nas preferências. Helder 09h32min de 28 de agosto de 2015 (UTC)

Implentar nota sobre o risco de divulgação indevida de dados nos avisos que aparecem nas janelas de edição do projeto

Proponho implementar o texto:

Citação: «Todas as páginas da Wikipédia são espaços públicos, portanto não divulgue nelas dados pessoais como número de telefone, e-mail, CEP, endereços seus, etc , exceto que esteja plenamente ciente dos riscos que isso acarretará a sí próprio. Informações pessoais estritamente privadas, como número de CPF, senhas bancárias, carteira de identidade , etc jamais devem ser postas em páginas dessa enciclopédia

nos avisos que aparecem no topo das janelas de edição dos artigos: evitar que usuários desavisados coloquem informações privadas desavisadamente em páginas daqui, como telefone e CPF. Tentei colocar ela nessas páginas por conta própria, já que trata de algo óbvio, mas o @Antero de Quintal: removeu ele delas pela medida não ter sido discutia, por isso trago-a para a avaliação da comunidade--Leon saudanha (discussão) 18h21min de 28 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo Completamente desnecessário. Isso são coisas com que as pessoas devem ter cuidado em qualquer lado, quer seja na internet ou no mundo físico, e faz parte do senso comum. Não nos compete "avisar" para todos os perigos da vida. Essas páginas destinam-se apenas apenas a fornecer avisos sobre o projeto. Já de si são longas e é pouco esperado que as pessoas leiam por completo. Não é preciso acrescentar mais testamentos. Quintal 18h25min de 28 de agosto de 2015 (UTC)
Estas informações já se encontram na política de privacidade da Wikimedia: meta:Privacy policy. De qualquer forma, ninguém lê essas mensagens de aviso. Cainamarques 18h38min de 28 de agosto de 2015 (UTC)
  Discordo, não vejo isso acontecer muitas vezes. Se acontecer, é só ocultar a edição.--Mister Sanderson (discussão) 18h40min de 28 de agosto de 2015 (UTC)
  Discordo. Os editores que leram wmf:Privacy policy/pt-br#Uso da informação não tem culpa se os demais não fizeram isso. Não devem receber ainda mais texto em toda página só por causa deles... Helder 20h51min de 28 de agosto de 2015 (UTC)
  Discordo. Eu nunca tinha lido esse aviso até hoje!!! Que coisa inútil. Por achar inútil, acho que não precisa de mais nada ali (talvez tirar tudo?). José Luiz disc 20h58min de 28 de agosto de 2015 (UTC)
  Discordo - Dr. LooFale comigo 21h45min de 28 de agosto de 2015 (UTC)

Parar de avisar os absenteístas sobre a possibilidade de remoção do estatuto

A seguinte discussão encontra-se encerrada. Por favor não a modifique Comentários posteriores devem ser feitos numa nova secção. Segue-se um resumo das conclusões obtidas nesta discussão. Consenso para deixar de avisar na PDU e por email os administradores e burocratas ausentes de que estão perto da data de suspensão das ferramentas. Resultado aplicado.


Proponho parar de avisar os absenteístas sobre a possibilidade de remoção de estatutos e a retirada deste trecho de Wikipédia:Política de administradores:

Talvez uma das regras mais "nonsenses" da pt-wiki seja esta que obriga usuários ativos de avisar usuários inativos sobre a possibilidade de remoção do estatuto caso ele não volte a editar. Ora, se um usuário afastou-se do projeto por razões pessoais, por falta de tempo ou mesmo por falta de interesse, não faz o menor sentido incomodá-lo com isso.

É desnecessária também, porque o usuário que teve o seu estatuto removido por inatividade pode, assim que retornar, solicitá-lo novamente aos burocratas sem maiores problemas. Então essa regra é uma forma de subversão, pois obriga o usuário a voltar pro projeto apenas para manter um estatuto que não mais utiliza.

Além disso cabe ressaltar o que disse o Teles nessa discussão: Citação: Eu não acho confiável que um procedimento que não podemos confirmar se foi mesmo efetuado seja requerimento. Poderia constar como algo a ser feito, mas não obrigatório. O que aconteceria se, meses depois, um administrador dissesse que não recebeu o email ou se descobrissem que o email caiu na caixa de spam? Enfim, coisas fora do nosso controle que não podem ser checadas. [...] Lord MotaFala 22h35min de 29 de agosto de 2015 (UTC)


Só agora percebi que em Wikipédia:Política de burocratas há uma regra semelhante a dos administradores aplicada aos burocratas:

.

Como esta proposta irá ser aplicada a todos os estatutos, este trecho terá que ser removido também para entrar em consonância com a política de administradores. Lord MotaFala 13h29min de 7 de setembro de 2015 (UTC)


  Concordo A partir do momento em que, se regressar, pode requisitar novamente o estatuto de forma imediata, não faz nenhum sentido estar a dar trabalho acrescido aos outros. Quintal 22h38min de 29 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo Notifica-se o usuário para lembrá-lo que deve reverter meia dúzia de edições em páginas vandalizadas e bloquear um ou outro ip. Depois volta tudo ao zero. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 22h50min de 29 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo Dr. LooFale comigo 23h10min de 29 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo Tetraktys (discussão) 23h26min de 29 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo, isso só facilita a vida de quem não trabalha e quer segurar o estatuto: basta fazer uma ou outra ação administrativa quando receber a notificação e sumir novamente.--Mister Sanderson (discussão) 02h26min de 30 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo, principalmente depois da explicação do Sanderson acima. DARIO SEVERI (discussão) 11h30min de 30 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo Isso só serve para influenciar o aparecimento de usuários como a Maria Madalena D​ C​ E​ F que usam as ferramentas apenas quando já está próximo do periodo de remoção por absenteismo, em geral com o propósito de subverter o sistema--Leon saudanha (discussão) 14h47min de 31 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo --Zoldyick (Discussão) 06h00min de 1 de setembro de 2015 (UTC)

  Concordo com a proposta. -- Jordeň get in touch! 19h29min de 1 de setembro de 2015 (UTC)

  Concordo Se o usuário decidiu se afastar da Wikipédia por quase 6 meses, foi porque envolve uma questão pessoal ou um certo desinteresse em querer continuar no projeto. É totalmente desnecessário avisar o usuário só para voltar a editar na Wikipédia, só com intuito de não perder seu estatuto. Cada usuário sabe muito bem como funciona as coisas no projeto e a responsabilidade quem deve cumprir são eles. WikiFer msg 20h57min de 1 de setembro de 2015 (UTC)

  Concordo --Stegop (discussão) 10h51min de 2 de setembro de 2015 (UTC)

  Concordo Vi acontecer nesse período de gente voltar, após longo tempo afastado, só para fazer meia dúzia de edições para não perder o seu "posto" na Wikipédia. Robertogilnei (discussão) 15h42min de 4 de setembro de 2015 (UTC)

  Concordo. Não deixa de ser um atalho para a subversão do sistema. Ruy Pugliesi 14h33min de 7 de setembro de 2015 (UTC)


  Aplicado [13] [14]. Preferiria que fosse feito por outro, mas tomei a iniciativa. Lord MotaFala 21h35min de 15 de setembro de 2015 (UTC)

A discussão acima encontra-se encerrada. Por favor não a modifique. Comentários posteriores devem ser feitos numa nova secção.


Remover AEDE/SPAM

Proponho retirar este trecho de Wikipédia:Argumentos a evitar em discussões de eliminação:

=== Criação === {{atalho2 | WP:AEDE/CRIAÇÃO | WP:AEDE/SPAM }}

  •   Eliminar spam com clara intenção de divulgação --Usuário (discussão) 15h13min de 01 de novembro de 2019 (UTC)
  •   Eliminar criado pelo presidente da empresa --Usuário (discussão) 15h13min de 01 de novembro de 2019 (UTC)

O que está sendo discutido é a notoriedade do artigo e não como foi criado e os motivos para a criação (  CRIADOR). A qualidade inicial do artigo no momento da criação também não deve ser levada em consideração (  MANUTENÇÃO) pois quase sempre há material suficiente para a criação de um mínimo.

Um exemplo é o caso de criação para spam: material criado com objetivo de divulgação (não importa qual foi o objetivo na hora da criação) possivelmente por um dos envolvidos com o assunto (não importa quem criou o artigo) com texto visando exaltar alguma característica do tema (o modo que o texto está escrito pode ser facilmente corrigido, PE não serve como estaleiro) e parcial ao não mostrar os pontos negativos e exaltar os positivos (PE não serve para corrigir problema de parcialidade, pra isso serve {{Parcial}}).

Eu acho desnecessário que isso conste em AEDE já que 'SPAM' é um argumento frequentemente utilizado pela comunidade em PEs e nunca é refutado, deveria na verdade ser um argumento pertinente. Além disso esse trecho parece entrar em contradição com WP:SPAM, WP:COI e WP:NPOV, que desencorajam a criação de páginas publicitárias, com   UTIL e com a própria ER6. Pelo o que se entende ali é: se o SPAM for de um assunto supostamente relevante deve ser mantido mesmo que o conteúdo seja publicidade, e assim "empurra" o problema para um terceiro resolver. Não faz o menor sentido aquilo. Lord MotaFala 22h25min de 30 de agosto de 2015 (UTC)

  Comentário O que me surpreende é vocês mandarem spam para PE, eu mando essas páginas publicitárias diretamente para ER. Não há motivo que justifique chamar gente para uma votação desnecessária, propaganda não deve entrar aqui. Eu tenho visto muitas startups tentando criar páginas, seus autores vêm me perguntar como poderiam mantê-las, então eu lhes explico que a Wikipédia não foi feita para propaganda. Zordaz (discussão) 02h05min de 31 de agosto de 2015 (UTC)

Mais surpreendente ainda é quando os artigos criados para divulgação são mantidos por votação em PEs, quando o que deveria acontecer era precisamente o oposto: bloquear tanto quem cria essas páginas como quem se diz inclusionista e se torna responsável pela manutenção e difusão de propaganda dentro do projeto. Esse é um dos principais motivos pelo qual não participo nas PEs — exemplos não faltam.   Concordo com a proposta. Shgür Datsügen [disc] · [contribs] 02h22min de 31 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo com a proposta, e aproveita para ver outras alegações absurdas que tem por lá, para serem retiradas também. JMGM (discussão) 13h17min de 31 de agosto de 2015 (UTC)

  Concordo Tanto os argumentos quanto a explicação presentes no supracitado trecho de WP:AEDE são absurdas e cotraditórias em relação a WP:COI e WP:SPAM como bem ressaltou o proponente--Leon saudanha (discussão) 14h55min de 31 de agosto de 2015 (UTC) A proposta tem seus méritos, mas diante disso passo a   discordar. Leon saudanha (discussão) 01h29min de 8 de setembro de 2015 (UTC)

Hein!? Desculpa, mas o que é que uma coisa tem a ver com a outra? Naquela discussão está sendo avaliado o comportamento no minimo suspeito de alguém bloqueado em seis wikipédias por proselitismo. Aqui estamos debatendo se o argumento 'spam' deve ser considerado como inválido em PEs, mesmo se o texto for de facto publicidade. Lord MotaFala 15h05min de 12 de setembro de 2015 (UTC)

  Concordo. José Luiz disc 17h29min de 31 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo Ver Corticeira Amorim e WP:Páginas para eliminar/Corticeira Amorim. GoEThe (discussão) 19h09min de 31 de agosto de 2015 (UTC)

  Discordo AEDE/SPAM diz que o objetivo de quem criou o artigo não deve ser levado em conta, somente o conteúdo e a notoriedade. E não deve ser assim? WP:SPAM fala que o formato dos artigos não deve ser de propaganda - violando WP:NPOV - e que coisas sem notoriedade não devem ter artigos criados, apenas para divulgação. Não tem contradição nenhuma, e julgar um artigo por quem o criou deve continuar a ser considerado um argumento a evitar. WikiFer msg 21h07min de 1 de setembro de 2015 (UTC)

Mas para isso existe   CRIADOR. O que eu questiono é porque 'spam' é um "argumento a evitar" em PEs sendo que nossas regras são claras ao dizer que não é permitido propaganda no projeto. Se alguém coloca um spam para eliminar os outros não podem dizer que o spam é um spam? Lord MotaFala 22h47min de 1 de setembro de 2015 (UTC)
Propaganda de coisas sem notoriedade podem ser eliminadas, até por ER#6, mas artigos parciais sobre temas notórios devem ter a parte parcial retirada, nem que seja reduzindo a um esboço. WikiFer msg 23h05min de 1 de setembro de 2015 (UTC)
Aquilo que se avalia é o conteúdo do artigo conforme se apresenta na data da discussão, e não o título, nem "temas", nem coisas que "eventualmente-podem-ser-válidas-se-completamente-reformuladas". Isto está bem patente logo no segundo parágrafo da política de eliminação: Citação: Os editores votam sobre o conteúdo atual da página e não apenas sobre a validade ou não de seu título. Em outras palavras, se o editor julgar que o conteúdo do verbete não é enciclopédico, ele pode votar pela eliminação mesmo se considerar que o título poderia figurar na Wikipédia com um conteúdo melhor. Quintal 23h38min de 1 de setembro de 2015 (UTC)
  CRIADOR é para quando um editor criou algum outro artigo mau e isso é usado como justificativa para apagar este.   CRIAÇÂO é sobre a motivação do criador ao criar aquele artigo, mais sobre WP:CDI do que WP:SPAM. Apesar da abreviatura ser igual, as razões são diferentes. GoEThe (discussão) 12h46min de 2 de setembro de 2015 (UTC)
  CRIADOR não é só para quando o criador "criou outros artigos maus". Onde é que leu isso? Quintal 15h44min de 2 de setembro de 2015 (UTC)
O   CRIADOR é utilizado para refutar qualquer argumentação direcionada à pessoa (argumentum ad hominem), seja ao proponente da PE seja ao criador da página proposta para eliminação, pois o que está sendo avaliado é o conteúdo da página e não os editores da Wikipédia. Então, se alguém escrever numa PE: "eliminar, o artigo foi criado pelo presidente da empresa" ou "eliminar porque foi criado por uma WP:CPU para fazer spam", isso continuará a ser argumento inválido mesmo com a extinção de   SPAM. Não é isso que pretendo modificar. Minha proposta é tornar 'spam' um argumento aceitável em PEs em conformidade com as demais regras do projeto que proíbem propaganda. Não tem fundamento dizer que 'spam' é um argumento inválido se o conteúdo da página for mesmo publicidade. Lord MotaFala 16h38min de 5 de setembro de 2015 (UTC)

  Comentário Tempos atrás, eu perguntei na outra esplanada qual é o limite ente informação e propaganda. Se eu criar um verbete sobre a Petrobras e contar as extraordinárias realizações da empresa, isso pode parecer propaganda, mas tais realizações são a mais pura verdade. O que poderia comprometer o verbete é a forma de escrever, em tom entusiasmado e romântico. Para fazer uma comparação mais acentuada, seria como eu dizer que os socos do Super-Homem são tão fortes que podem romper o tecido do espaço-tempo. Isso é bizarro, mas está escrito no cânone da DC Comics, logo não existe ar de exaltação, é apenas a verdade do universo dos quadrinhos. A comunidade nunca discutiu esse limite do qual falei, meu tópico não foi explorado como deveria ter sido. Não existe uma clara distinção entre a missão da Wikipédia, que é transmitir informação, e o abuso de nossos servidores para fazer propaganda mascarada. Zordaz (discussão) 00h53min de 2 de setembro de 2015 (UTC)

  Concordo --Stegop (discussão) 10h51min de 2 de setembro de 2015 (UTC)

  Discordo até embaixo d'água O objeto da eliminação é a existência do artigo, não seu conteúdo. Não está contente com o tom do artigo? Edite! --Usien6 msg • his 02h44min de 23 de setembro de 2015 (UTC)

Um artigo é o seu conteúdo! E o que é que "estar contente" tem a ver com isto? Pretende-se construir uma enciclopédia e isso não é compatível com ter "artigos" que são panfletos publicitários, nem que sejam da empresa mais notória do mundo. --Stegop (discussão) 09h44min de 23 de setembro de 2015 (UTC)
Este último discordo deve ser sumariamente ignorado, já que viola grosseiramente a política de eliminação por consenso: Citação: Os editores argumentam com base no conteúdo atual da página e não apenas sobre a validade ou não de seu título. Quintal 12h31min de 23 de setembro de 2015 (UTC)
Bom senso, 200.000 a.C., 2015 d.C, in memoriam --Usien6 msg • his 19h37min de 25 de setembro de 2015 (UTC)

  Concordo Ixocactus (discussão) 03h30min de 30 de setembro de 2015 (UTC)